Click here to load reader

Slide - Material 1ª Formação - parte 1

  • View
    155

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of Slide - Material 1ª Formação - parte 1

Slide 1

Valquria Queiroz [email protected]

ORIENTADORA DE ESTUDO:1 MOMENTO: ManhORAO: dinmica de orao;ACOLHIDA: HINO: O caderno Pe. Fbio de Melo;DINMICA DE APRESENTAO: O crach;LEITURA DELEITE: O tempo;CRONOGRAMA E HORRIO DAS FORMAES;OS COMBINADOS;APRESENTAR O LIVRO INICIANDO A CONVERSA;APROFUNDANDO O TEMA: Organizao do Trabalho Pedaggico e Organizao da sala de aula.

PAUTA 1 ENCONTRO17.05.2014DINMICA DE ORAOHINO: O CADERNOPe. FBIO DE MELO

ACOLHIDAO CRACH

DINMICA DE APRESENTAO:LEITURA DELEITEO TEMPOOS COMBINADOSParticipar dos encontros presenciais junto s IES, alcanando no mnimo 75% de presena;Ministrar a formao aos professores alfabetizadores em seu municpio;Planejar e avaliar os encontros de formao junto aos professores alfabetizadores;Acompanhar a prtica pedaggica dos professores alfabetizadores;Listar outros combinados que o grupo julgar necessrio.

NO QUE DIZ RESPEITO S ATRIBUIES DO ORIENTADOR:No faltar aos encontros;Participar significativamente das discusses com o orientador(a) e demais componentes do grupo;Prezar pela pontualidade nos encontros, respeitando o tempo destinado para o almoo, entre outros.Evitar sadas da sala que no seja o intervalo (combinar com o orientador);Desligar os aparelhos telefnicos ou silenciar durante o encontro;Sempre olhar os e-mails e responder;Responder a tarefa de casa;Listar outros combinados que o grupo julgar necessrio.

NO QUE DIZ RESPEITO S ATRIBUIES DO PROFESSOR(A)/ALFABETIZADOR(A):

CRONOGRAMA

MANH:8h s 12h

TARDE:13h s 17hHORRIOSEste conjunto de cadernos visa proporcionar ao professor um repertrio de saberes que possibilitem desenvolver prticas de ensino de Matemtica que favorecem as aprendizagens dos alunos.

INICIANDO A CONVERSA Caracterizar a comunidade de aprendizagem da sala de aula com vistas Alfabetizao Matemtica de todos os alunos;Destacar a intencionalidade pedaggica como elemento essencial no processo de alfabetizao;Apontar possibilidades para a organizao do trabalho pedaggico;Compartilhar vivncias de professores que buscam garantir os Direitos de Aprendizagens de Matemtica de todos os alunos.OS OBJETIVOS DESTE CADERNO SO:DINMICA:BATATA QUENTEVDEOUM DIA NA VIDA DE UM DESORGANIZADO

vdeoA IMPORTNCIA DO PLANEJAMENTOO planejamento um processo ininterrupto, processual, organizador da conquista prazerosa dos nossos desejos onde o esforo, a perseverana, a disciplina so armas de luta cotidiana para a mudana pedaggica. (Madalena Freire)

DISCUSSO

AS FORMAS DE PLANEJAR DO PROFESSORPlanejar prever e organizar as aes com determinadas finalidades, para se conseguir atingir mudanas.Sem planejamento difcil dar conta do recado?

POR QUE PLANEJAR?

Ao planejar, o professor precisa conhecer o que planeja (conhecer o contedo e o seu grupo), precisa ter claro como sero arrumadas as carteiras na sala, quais as propostas que sero oferecidas, os materiais disponveis; prever o tempo para discusso e realizao da tarefa. Isto traduz uma ao organizada, que est longe de ser entendida como uma ao esttica; mas, sim, como uma possibilidade de constante reflexo para novos planejamentos.

A IMPORTNCIA DE CONHECER O ALUNO:ETAPAS DE UM BOM PLANEJAMENTO

Quem so meus alunos? Quais so os conhecimentos e as experincias de vida que eles tm com relao aos contedos das atividades que estarei propondo? Quais so as suas expectativas e dificuldades?

O PLANEJAMENTO DO ENSINO COMEA COM O PROFESSOR CONSIDERANDO:

importante lembrar que um bom professor no se constitui apenas de teoria, embora ela tenha sua importncia. Um professor vai se formando na relao teoria e prtica, pois a partir da ao e da reflexo que o professor se constri enquanto indivduo em pleno estado de mudana.

A TEORIA E A PRTICA

Motivar despertar o interesse e o esforo do aluno. fazer o estudante desejar aprender aquilo que ele precisa aprender.(Zboli)MOTIVAOO ato desinteressado no parte do que racional no orientado pela razo, no espera reconhecimento, no objetiva lucro. (Bourdieu)

vdeoSTIRA AO PROFESSORDefinir o contedo a ser trabalhado;Pensar em envolver diferentes formas de planejamento desde a organizao da sala at o fechamento da aula.ORGANIZAO DO TRABALHO PEDAGGICO PARA A ALFABETIZAO MATEMTICATipos de Planejamento: ANUAL;DURANTE O PERODO LETIVO;SEMANAL.

Sempre dinmicos e flexveis!Contextualizados para o cotidiano.

DIFERENTES FORMAS DE PLANEJAMENTO

INTERVALOLeia o relato do fio de contas.Levando em considerao a atividade Fio de contas no relato da aula pela professora, como seria seu planejamento para essa aula?

O FIO DE CONTASPensar no espao fsico como formativo/alfabetizador;Preparar a sala de aula para a aula; Selecionar materiais a serem usados na aula;Deixar explicito na lousa ou quadro a rotina do dia, mesmo que os alunos no sabem ler.

ORGANIZAO DA SALA DE AULA: FAZENDO A AULA ACONTECERO cotidiano da sala de aula tempo/espao de imprevisibilidade.O professor frequentemente se encontra diante de situaes comuns que alteram a dinmica da sala de aula, interferindo no processo ensino/aprendizagem. O planejado, vai sendo atravessado pelos fatos que se impem ao previsto, criando novas demandas, novas possibilidades, novos obstculos, fazendo com que o preestabelecido precise ser constantemente revisto e reorganizado. ( ESTEBAN, 2001, P 172)

Tabela numrica de 1 100;Varal com smbolos numricos;Mural para afixar produes dos alunos;Calendrio;Textos com diferentes usos da representao numrica;Listas temticas;Rgua para medir os alunos;Balana para pesar os alunos;Relgios;Armrios e/ou outros espaos para guardar materiais manipulveis e jogos didticos;Calculadoras.

CADA SALA DE AULA DEVE DISPOR DE: