TABELA DE HONORÁRIOS - .Na falta de estipulação ou de acordo, os honorários serão fixados por

  • View
    214

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of TABELA DE HONORÁRIOS - .Na falta de estipulação ou de acordo, os honorários serão fixados por

  • TABELA DE HONORRIOS e documentos correlatos compilados

    ltima atualizao: Resoluo do Conselho Seccional n 17, de 06/03/2015 as normas aqui reproduzidas no substituem as originais

  • TABELA DE HONORRIOS e documentos correlatos compilados

    as normas aqui reproduzidas no substituem as originais

    Pg

    ina 2

    de 18

    RESOLUO DO CONSELHO SECCIONAL N 04/2012

    Dispe sobre a Tabela de Honorrios Advocatcios do Estado do Paran. O Conselho Pleno da Ordem dos Advogados do Brasil, Seo do Paran, no uso das atribuies que lhe confere o artigo 58, V, da Lei Federal n 8.906/94 e o artigo 111, do Regulamento Geral do Estatuto da Advocacia e da Ordem dos Advogados do Brasil, em razo do decidido no processo sob n 3.001/11, em sesses realizadas aos 10 de fevereiro de 2012 e 09 de maro de 2012, aprovou a seguinte Resoluo:

    CAPTULO I Art. 1. recomendvel ao advogado, antes da aceitao do mandato, contratar honorrios previamente, por escrito, observadas as prescries contidas no Estatuto da Advocacia, no Regulamento Geral do Estatuto da Advocacia e da OAB e, no Cdigo de tica e Disciplina da OAB. Art. 2. A presente Tabela, foi formulada, tomando como percentuais mdios e os valores mnimos de honorrios, praticados pela classe, para efeito de aplicao do art. 22, 2 da Lei 8.906/94 e como

    fonte de referncia, para que o advogado possa estimar o quantum a cobrar e a extenso de seus servios profissionais, sendo lcita a cobrana em valores superiores aos nela constantes, desde que, observadas as normas pertinentes, em especial, o Cdigo de tica e Disciplina. Art. 3. aconselhvel incluir no contrato de honorrios as seguintes clusulas:

    a) o valor dos honorrios, a forma de pagamento e o ndice de reajustamento; b) a parte varivel, se houver, ser cobrada quando da efetiva satisfao do julgado; c) que, correm por conta do cliente as custas e despesas judiciais, inclusive honorrios de outro advogado para acompanhar precatrias ou diligncias em comarca que no a do feito e, bem assim, para defesa do recurso nos rgos de Segundo Grau de Jurisdio, Supremo Tribunal Federal e Superior Tribunal de Justia; e d) se a causa exigir servios fora da comarca sede, ficar ressalvado ao advogado o direito de execut-lo pessoalmente ou por substabelecimento, pagando o cliente os encargos respectivos.

    Art. 4. Salvo o ajuste em contrrio, os honorrios contratados no compreendem os trabalhos de interposio e acompanhamento de recursos em local diverso daquele em que se desenrola a causa. O mesmo ocorrer em relao manifestao de recursos extraordinrios e especial, reviso criminal, revista trabalhista e eventual ao rescisria. Art. 5. O desempenho da advocacia de meios, no de resultados. Assim, os honorrios contratados sero devidos no caso de xito ou no, da demanda ou do desfecho do assunto tratado. Art. 6. Salvo ajuste em contrrio, a sucumbncia relativa a honorrios advocatcios pertence ao advogado do vencedor da lide, sem qualquer reduo nos honorrios contratados. Art. 7. Havendo revogao do mandato, antes do trmino do servio, sem que ocorra culpa do advogado, os honorrios contratados sero devidos em seu todo. Art. 8. aconselhvel que o advogado cobre sempre o valor da consulta, quando alguma matria jurdica ou ligada profisso lhe for apresentada. Se, em funo da consulta, sobrevier prestao de servios, a critrio das partes, o valor da consulta poder, ou no, ser abatido dos honorrios a serem contratados. Art. 9. O advogado poder receber como honorrios, quando for difcil ou impossvel o recebimento em moeda corrente, parte de bens ou coisas, objeto da causa no litigiosa, desde que previamente determinado em contrato de honorrios, ou mediante acordo escrito, mesmo assinado aps a soluo da causa, concordando todos os interessados no feito. Art. 10. Na falta de estipulao ou de acordo, os honorrios sero fixados por arbitramento judicial, em remunerao compatvel com o trabalho e o valor econmico da questo, no podendo ser inferiores aos estabelecidos nesta Tabela. Art. 11. Nos casos em que a Tabela indicar o valor de honorrios em percentual e, tambm, em valor determinado, dever-se- entender o primeiro como sendo o percentual mdio e o segundo como o valor mnimo, habitualmente praticado pela classe.

    Art. 12. recomendvel que os advogados tomem as seguintes providncias:

    I - requeiram ao final das peas iniciais ou de defesa, ao juzo da causa, a fixao de honorrios sucumbenciais nos percentuais prescritos no artigo 20, 3, do CPC, ou seja, o mnimo de 10% e o mximo de 20% sobre o valor da condenao;

  • TABELA DE HONORRIOS e documentos correlatos compilados

    as normas aqui reproduzidas no substituem as originais

    Pg

    ina 3

    de 18

    II - requeiram, os advogados indicados para patrocinar causa de juridicamente necessitado, a fixao de seus honorrios em valor nunca inferior aos fixados na tabela organizada pelo Conselho Seccional da OAB, conforme dispe o artigo 22, 1, da Lei Federal n 8.906, de 04 de julho de 1994, sob pena de no aceitarem o encargo; e III - juntem aos autos, para melhor compreenso e orientao do juzo, num ou noutro caso, fotocpia da pgina da tabela correspondente ao assunto em discusso judicial.

    Art. 13. Aplica-se esta Tabela a cobranas extrajudiciais e nomeao de Curador Especial.

    CAPTULO II CONSULTAS, PARECERES E OUTROS SERVIOS AVULSOS

    % MDIO MNIMO EM R$

    1. Consulta/hora tcnica:

    1.1. No escritrio:

    R$ 300,00

    1.2. Fora do horrio de expediente:

    R$ 450,00

    1.3. No domiclio do cliente:

    R$ 450,00

    2. Pareceres:

    2.1. Pareceres simples e memoriais:

    R$ 1.000,00

    3. Acompanhamento de cliente a rgo administrativo ou judicirio:

    R$ 600,00

    4. Exame de autos de processo perante rgos administrativos ou judicirios:

    R$ 600,00

    5. Petio ou requerimento avulso perante qualquer autoridade:

    R$ 600,00

    6. Interveno ou mediao de qualquer natureza para trabalho avulso judicial ou extrajudicial - do proveito advindo ao cliente:

    10% R$ 3.000,00

    7. Cumprimento de Carta Precatria:

    7.1. Citao, intimao, notificao ou interpelao:

    R$ 1.200,00

    7.2. Exames Periciais:

    R$ 1.500,00

    7.3. Depoimento pessoal e inquirio de testemunha:

    R$ 1.000,00

    8. Habeas data:

    R$ 1.800,00

    9. Mandado de injuno:

    R$ 1.800,00

    10. Mandado de Segurana: sobre a vantagem advinda ao cliente entre: 10% e 20% R$ 2.500,00

    CAPTULO III ADVOCACIA PERANTE OS JUIZADOS ESPECIAL

    CVEL E CRIMINAL % MDIO

    MNIMO EM R$

    1. Juizado Especial Cvel:

    1.1. Sobre o valor da causa, ou sobre o proveito previsvel que poder advir ao cliente entre:

    10% e 20%

    1.2. Somente a petio inicial ou contestao:

    R$ 450,00

    1.3. Por audincia de conciliao:

    R$ 250,00

    1.4. Por audincia de instruo e julgamento, mais:

    R$ 450,00

    1.5. Recurso:

    R$ 540,00

    2. Juizado Especial Criminal:

    2.1. Defesa:

    R$ 540,00

    2.2. Por audincia de conciliao:

    R$ 250,00

  • TABELA DE HONORRIOS e documentos correlatos compilados

    as normas aqui reproduzidas no substituem as originais

    Pg

    ina 4

    de 18

    2.3. Por audincia de instruo e julgamento, mais:

    R$ 450,00

    2.4. Recurso:

    R$ 540,00

    CAPTULO IV ATUAO PERANTE ADMINISTRAO PBLICA

    % MDIO MNIMO EM R$

    1. Interveno: sobre a vantagem advinda ao cliente, entre: 10% e 20% R$ 720,00

    2. Processo administrativo em geral: sobre o proveito que advir ao cliente, entre:

    10% e 20% R$ 1.260,00

    3. Sindicncia ou inqurito administrativo:

    R$ 1.260,00

    4. Recurso em inqurito administrativo:

    R$ 1.260,00

    CAPTULO V ADVOCACIA PERANTE A JUSTIA MILITAR

    % MDIO MNIMO EM R$

    1. Processos por crimes militares:

    R$ 1.800,00

    2. Processos por crimes contra a Segurana Nacional ou a ele equiparados:

    R$ 3.600,00

    3. Pedido de Habeas Corpus:

    R$ 1.440,00

    4. Nos demais casos aplicam-se os valores estabelecidos no restante da presente Tabela, por analogia:

    CAPTULO VI ADVOCACIA PERANTE JUSTIA ELEITORAL

    % MDIO MNIMO EM R$

    1. Junto a Juzo Eleitoral: Sobre o valor da causa, ou sobre o proveito previsvel que poder advir ao cliente, entre:

    10% e 20%

    1.1. Queixa, representao ou impugnao:

    R$ 1.000,00

    1.2. Defesa em processo por infrao eleitoral com pena de priso:

    R$ 1.500,00

    1.3. Defesa em processo por infrao eleitoral punida com pena de multa:

    R$ 1.500,00

    2. Junto ao Tribunal Regional Eleitoral:

    R$ 2.100,00

    3. Junto ao Superior Tribunal Eleitoral:

    R$ 3.000,00

    CAPTULO VII ADVOCACIA DE PARTIDO

    % MDIO MNIMO EM R$

    1. Em carter meramente consultivo:

    R$ 1.500,00

    2. Com assistncia total, inclusive fora da Comarca sede do advogado, excludas as despesas:

    R$ 6.000,00

    Nota: Na Advocacia de Partido os honorrios de sucumbncia cabero exclusivamente ao advogado.

    CAPTULO VIII DIRIAS DE VIAGEM E DESPESAS DE LOCOMOO

    % MDIO MNIMO EM R$

    1. Diria para qualquer lugar do pas (independente de hospedagem):

    R$ 360,00

    2. Locomoo: o valor correspondente ao valor da passagem de avio ou, inexistindo linha area, 30% do preo por litro de gasolina por quilmetro

    rodado:

  • TABELA DE HONORRIOS e documentos correlatos compilados

    as normas aqui reproduzidas no substituem as originais

    Pg

    ina 5

    de 18

    CAPTULO IX ADVOCACIA EXTRAJUDICIAL

    % MDIO MNIMO EM R$

    1. Elaborao ou assistncia em contratos, estatutos e outros instrumentos:

    1.1. De So