Click here to load reader

Teofanis eja

  • View
    463

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of Teofanis eja

EDUCAO DE JOVENS E ADULTOS

Educao de Jovens e AdultosProfessora: Teofanis Teresinha Zabot Anjos

SALA DE EDUCADORCEJA SILVA FREIRECEJA JOS DE ALENCARCEJA ARO GOMESCEJA CLEONICE MIRANDAEE JOO PAULO II

Contexto Formativo:Quem so os jovens ?Quem so os adultos?

As teorias do desenvolvimento humano referem-se historicamente, de modo predominante criana e ao adolescente, no tendo estabelecido uma boa psicologia de adultos. Assim os processos de construo do conhecimento e de aprendizagem dos jovens e adultos so muito pouco explorados nas teorias contemporneas.

Quem o jovem? No aquele com uma histria de vida escolar regular, tambm no o jovem vestibulando. uma pessoa que tem uma trajetria de vida escolar de fracasso, de excludo do processo de escolarizao.Possuem uma diversidade de conhecimentos sobre o meio em que vivem e utilizam diferentes formas de expresso que devem ser consideradas pela escola. (manifestaes culturais, dilogo).Busca o conhecimento escolar para sentir-se includo na sociedade.

Quem so os adultos?O adulto, no mbito da educao de jovens e adultos, no o estudante universitrio, o profissional qualificado que frequenta cursos de formao continuada ou de especializao, ou interessada em aperfeioar seus conhecimentos. aquele que busca um conhecimento para sentir-se includo na sociedade.

Concepo de Educao de Jovens e Adultos

Refletir sobre como esses jovens e adultos pensam e aprendem envolve portanto transitar por este campos: A condio de no crianas;A condio de excludos da escola;A condio de membros de determinados grupos culturais;A condio de que trazem um larga experincia de vida.Orientaes Curriculares Trabalho como princpio educativo;Direito de aprender por toda a vida;Ampliando prticas de cidadania;Educao dialgica.Concepo de Formao HumanaSuperao das teorias tradicionaisOrganizao curricular (metodologias)Planejamento por rea de conhecimentoCapacidades/ descritoresPlano de aula (sequncia didtica construtiva).

CONCLUSES DESTE TRABALHOCEJAsObjetivos da metodologia de trabalho porrea de conhecimentoIntegrar os contedos;Passar de uma concepo fragmentria para umaConcepo de construo do conhecimento;Superar a dicotomia entre ensino e pesquisa, considerando o estudo e a pesquisa a partir da contribuio das diversas cincias;Ter o ensino aprendizagem centrado numa viso de que aprendemos ao longo de toda a vida.REAS DECONHECIMENTODISCIPLINASINTEGRANTESOBJETO DE ESTUDO DA REACincias da Natureza Cincias, Fsica,Qumica e BiologiaMatemticaA investigao cientfica e sua relao com o desenvolvimento tecnolgico na sociedade. O paradigma da sustentabilidade nas relaes ser humano- natureza.Cincias HumanasHistria, GeografiaFilosofia, Sociologia, Ensino Religioso As aes humanas no mbito dasrelaes sociais e ambientais que so construdas entre diferentes indivduos, grupos, segmentos e classes sociais.Linguagem Lngua Portuguesa, LnguaEstrangeiraArte e Educao FsicaA linguagem como mediao entre o ser humano e a realidade na produo de sentidos. A competncia de COMUNICAR-SE.A comunicao como meio paraacompanhar e recriar a evoluo da sociedade.Que contedos ento so necessrios para jovens e adultos que buscam uma escolarizao tardia?

Os contedos necessrios so aqueles que podem ser utilizados na vida cotidiana como meio para a autonomia do sujeito. Pode-se afirmar que a escola dever incorporar efetivamente os conhecimentos contedos e capacidades necessrios para que o indivduo possa desenvolver-se fsica, afetiva, intelectual e moralmente, a fim de desempenhar-se com autonomia no mbito poltico, econmico, e social no seu contexto de vida.

121212Que organizao lhe ser dada, considerando os objetivos gerais do trabalho, os Eixos Norteadores, as possibilidades e objetivos de estudantes e professores de cada unidade escolar?

Tecitura do conhecimento em rede; aprendizagem por projetos; temas geradores, projetos de trabalho etc.

O sucesso do trabalho por rea de conhecimento que vem sendo desenvolvido nos CEJAs. permite afirmar que para os educandos a reduo da diversidade disciplinar no enfrentamento da escolarizao cotidiana torna mais confortvel favorecendo a permanncia dos educandos na escola. 131313Principais autores que fundamentaram trabalho: Paulo FreireMartha Koll de OliveiraJane PaivaIns BarbosaTimothy IrelandMoacir Gadotti entre outros e Orientaes CurricularesDIRETRIZES CURRICULARES PARA A EJA / MEC 2002

Participao no EncontroEDUCAO EM PRISES Dias 11 a 14 de Junho de 2013

Objetivo: Elaborar Plano de Ao paraEducao em Prises;Estabelecer metas;Promover o dilogo Entre SEDUC/SEJUDH;

Projeto (Ideia inicial) Educao como instrumento de ressocializao atravs da Educao de Jovens e Adultos desenvolvido pelo CEJA Benedito Santana da Silva Freire Sinop/MT.

Objetivo Geral:

Fomentar o atendimento educacional das pessoas privadas de liberdade no Presdio Ferrugem de Sinop, atravs do Centro de Educao de Jovens e Adultos Benedito Santana da Silva Freire.

Objetivos especficos:

Implementar novo Projeto de atendimento pelo CEJA Benedito Santna da Silva Freire aos reeducandos a serem atendidos nas salas de aula na Cadeia e Presdio de Sinop.

Garantir histrico e certificao aos reeducandos atravs do CEJA Benedito Santana da Silva Freire.

Favorecer as condies de atendimento in loco com relao a: material escolar, merenda, apoio pedaggico e demais aspectos que contemplem os recursos advindos de verbas federais e estaduais aos estudantes que estejam matriculados no CEJA Benedito SantAna da Silva Freire.

Assegurar atendimento presencial da Assessoria Pedaggica de Sinop tanto com relao as aplicaes das verbas, bem com nas orientaes administrativas e pedaggicas;

Aprimorar e fortalecer as relaes entre as instituies envolvidas com a temtica: SEJUDH, SEDUC, CEFAPRO, Assessoria, CEJA, SEJUSP, Fundao Nova Chance.

Projeto em EADwww.ejasentidosesignificados.blogspot.com.br

A ideia central dessa formao favorecer a leitura compartilhada, o trabalho conjunto, a reflexo solidria, a aprendizagem em parceria, buscando propiciar momentos agradveis de aprendizagem coletiva e a expectativa de aprofundar o estudo das Orientaes Curriculares para a EJA, intensificando o gosto pela construo coletiva do conhecimento pedaggico, favorecendo o desenvolvimento pessoal e profissional dos participantes e, principalmente, criando novas possibilidades de trabalho com os educandos para melhorar a qualidade de suas aprendizagens.

OBJETIVOS

1. Proporcionar aos professores subsdios para reflexo conjunta e de investigao, no contexto da escola, acerca das questes enfrentadas pelo coletivo escolar. 2. Propiciar a articulao entre teoria e prtica atravs do desenvolvimento de atividades contextualizadas. 3. Possibilitar a organizao de um registro de todas as atividades desenvolvidas entre os educadores da EJA. Estabelecendo a comunicao entre os CEJAs e as demais escolas que ofertam a EJACriao de Blogsalaeducadorceja.blogspot.com

Pgina TEXTOSPagina VDEOS

Espaos deliberativos e formativos FPDEJA - Fruns da EJA (regionais e estaduais)

A organizao dos Fruns de EJA em Mato Grosso possibilita a interao entre os municpios de polo, contribuindo para as discusses polticas e tambm formativas.

Todos estamos matriculados na escola da vida onde o mestre o tempo.Cora Coralina

A todos que fizeram parte da minha histria de vida como profissional da educao meu muito obrigada de corao!!!

Feliz NatalFeliz 2014