Tie Break - Ed. 50

  • View
    219

  • Download
    3

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Revista do Tabajara Tênis Clube, de Blumenau. Produzida pela Mundi Editora, Blumenau / SC.

Text of Tie Break - Ed. 50

  • Tie

    Brea

    km

    agaz

    inAno 6Maro de 2010

    #50

    Sade: Condicionamento evita leses Profisso: O que faz uma consultora de imagem Lembranas: A alegria nos finais de festa

    Sotaques do tnisJOVENS DE 38

    PASES DISPUTARAM O BANANA BOWL

    NO TABAJARA

    Juan Sebastian Gomez,

    da Colmbia, venceu

    o torneio masculino

  • 36Banana Bowl

    8Cuidados com o corpo

    16Recordar viver

    24Imagem tudo

    Jovem colombiano leva o ttulo daetapa brasileira do mais importante torneio do tnis infanto-juvenil. O Tabajara recebeu tenistas de 38 pases

    SUMriO

    SEES

    EXPEDIENTE

    Nossa opinio 6

    Nossos direitos 10

    Arquitetura 12

    O que pensam os jovens 14

    Bom de avental 18

    Gente que faz 22

    Meu carro, meu sonho 28

    Bastidores 30

    Portas abertas 32

    Esportes 34

    Tabasco 40

    CONSELhO EdiTOriAL Carlos Hering, Otvio Guilherme Margarida, Cynthia Baumgarten, Daniela Bogo e Rita Schrmann

    EdiTOr ExECuTivO Sidnei dos Santos 1198JP (MTb/SC) sidnei@mundieditora.com.brEdiTOrA ASSiSTENTE Gisele ScopelrEPOrTAGEM Beatriz Gaviolli, Jean Laurindo e Mariana TordivelliPrOJETO GrfiCO Ferver Comunicao ferver@ferver.com.brCOOrdENAdOr dE ArTE Guilherme Faust Moreira guilherme@mundieditora.com.brrEviSOr Gervsio Tessaleno Luz 759JP (MTb/SC)fOTO dE CAPA Marcelo Ruschel/POA Press EdiTOrA ChEfE Danielle Fuchsdanielle@mundieditora.com.brGErENTE COMErCiAL Eduardo Belldio eduardo.bellidio@mundieditora.com.br (47) 3035-5500dirETOr ExECuTivO Niclas Mund niclas@mundieditora.com.br

    Ortopedista Paulo Alberto Pamplona Jnior esplica que a manuteno do condicionamento fsico ajuda a prevenir leses sseas e musculares

    Marlene Soares e Silva fala sobre os momentos inesquecveis que j viveu no Tabajara Tnis Clube, como os animados finais de bailes ao lado de bons amigos

    Nani De Marchi explica como e para que serve o trabalho de consultoria de imagem. A profisso ainda nova surgiu h 30 anos nos Estados Unidos

    xx

    xx

    TieBr

    eak

    4

  • GkWb_ZWZ[Z[l_ZWcW_iZegk[j[hkcWXeWiWZ[" [ijWhX[cYecleY$

    9ed^[WWH[Z[gk[

  • eDiTOriaL

    Tnis e scios em destaque

    Nestes primeiros meses do ano, o tnis o grande assunto no Tabajara. Acabamos de sediar o Banana Bowl, maior competio infanto-juvenil do esporte no mundo, cuja etapa brasileira pela primeira vez no foi realizada em So Paulo. Mais uma vez, a estrutura do clube e a organizao foram motivos de orgulho para os scios e para Blumenau.

    Em abril, de 8 a 18, vamos sediar, pelo segundo ano consecutivo, o Aberto de Tnis de Santa Catarina. Alguns dos principais tenistas do Brasil e atletas do Exterior es-taro na cidade para disputar este que um dos principais eventos do tnis no Pas. A cobertura do Banana Bowl e as informaes do Aberto de SC ganham destaque nesta edio da revista Tie Break.

    Enquanto isso, os scios, como de costume, no perdem espao na revista. O m-dico Paulo Alberto Pamplona Jr. fala sobre a importncia do bom condicionamento fsico para evitar leses nos msculos e nos ossos. E o advogado Laertes Nardelli questiona os efeitos da reduo da jornada semanal de trabalho.

    Conhea tambm a atuao do arquiteto Andr Luis Censi e as memrias de Mar-lene Soares e Silva sobre os belos momentos vividos no Tabajara. Enquanto o advo-gado Jos Carlos Mller ensina a preparar um peixe com legumes, a scios Scheila Zechner apresenta solues tecnolgicas para o conforto do lar. Nani De Marchi, consultora de imagem, fala sobre esta profisso, cada vez mais na moda.

    Confira isso e muito mais na edio 50 de Tie Break.

    Boa leitura!

    A diretoria

    Tabajara Tnis ClubedirETOriA

    PrESidENTE OTVIO GUILHERME MARGARIDA VICe-PResIdente ALBERTO STEIN dirETOr AdMiNiSTrATivO THOMAS BUECkMANN SECrETriO JORGE ANDR RITZMANN DE OLIVEIRA TESOurEirO ALCEMIR kARASINSkI viCE-TESOurEirO CARLOS ROBERTO DORIGATTI dirETOr dO PATriMNiO FELIPE AVELAR FERREIRA viCE-dirETOr dO PATriMNiO MAURCIO CARLOS kREIBICH dirETOrAS SOCiAiS CyNTHIA k. BAUMGARTEN - DANIELA S. BOGO - RITA SCHRMANN - LORNA STEIN dirETOr dO TNiS ANDR GERMANO BRGER viCE-dirETOr dO TNiS EDSON LUIZ MOSER dirETOr dE ESPOrTES CLVIS LENZI dirETOr dO fuTEBOL RICARDO GUEDES VIOTTI dirETOr dA SAuNA JOAqUIM TEIxEIRA PAULO FILHO viCE-dirETOr dA SAuNA RAUL kEGEL dirETOr dO TirO CARLOS PRICAS dirETOr dA BOChA VALMOR CUNHA dirETOr dO BOLO TRAUGOT kAESTNER viCE-dirETOr dO BOLO RUBENS TADEU VARELLA dirETOrA dA GiNSTiCA RBIA CUNHA dirETOr dE MArkETiNG CAO HERING dirETOr dA PiSCiNA LCIO FLVIO V. SIMES dirETOr dO SquASh CAIO ALExANDRE WOLFF dirETOr dE ESPOrTES E OuvidOriA CLVIS LENZI CONSELhO dELiBErATivOAPS A.G.O 2009

    PrESidENTEJORGE LUIZ BUECHLERviCE-PrESidENTETHEO k. FALCESECrETriOJOS ROBERTO A. SANTOSMEMBrOS NATOS - EGON ALBERTO STEIN - ADOLFO LUIZ ALTENBURG - JORGE LUIZ BUECHLER - JOS ROBERTO A. SANTOS - EDSON PEDRO DA SILVA EfETivOS - MANDATO AT A.G.O. DE 2010 - THEO k. FALCE, BERND F. V. MEyER, VALDIR RIGHETTO FILHO, HERCLIO BAUMGARTEN E OTTO BAIER SuPLENTES - MANDATO AT A.G.O DE 2010 - VALTER ROS DE SOUZA, RONALDO BAUMGARTEN JUNIOR E CARLOS IVAN BEDUSCHI EfETivOS - MANDATO AT A.G.O DE 2011 - JOS CARLOS MLLER, WALTER LUIZ PERSUHN, HILRIO TORRESANI, RONALDO REICHOW E DNIS MRIO LOCATELLI SuPLENTES - MANDATO AT A.G.O DE 2011 - JEAN PRAyON, EVELSIO PAULO VIEIRA E ROBERTO CARNEIRO BAUER EfETivOS - MANDATO AT A.G.O DE 2012 - MARCOS S. LEyENDECkER, SRGIO I. MARGARIDA, JORGE LUIZ RODACkI, MRCIO MILTON MAFRA E GUALBERTO JOS GUEDES SUPLENTES - MANDATO AT A.G.O DE 2012 - EDMUNDO WEHMUTH, ROLF D. BUHR E RENATO MEDINA PASqUALI CONSELhO fiSCALJAIME LUIZ LEITE (PRESIDENTE)EfETivOS - GIOVANI MAINHARDT E DARIO L. AGNOLETTO SuPLENTES - MARCO AURLIO POFFO, JULIANO DANIEL SCHEEFER E FABRICIO A. BOGO

    GErENTE MARCELLO RUBINECk PEREIRA

    Dani

    el Z

    imm

    erm

    ann

    O Banana Bowl foi novidade no tabajara neste incio de ano

    TieBr

    eak

    6

  • Mais sade

    Condicionamento evita lesesPrtica de esportes como o tnis pode trazer problemas ortopdicos se no acompanhadas de cuidados fsicos

    quem frequenta as quadras de tnis em busca da vitria ou mesmo de diverso sabe dos riscos que o esporte traz para quem no est preparado fisicamente. O desgaste nos membros superiores, inferiores e coluna lombar pode acarretar problemas ortopdi-cos posteriores ao ltimo ponto nas quatro linhas. Para combater esses efeitos, o prin-cipal cuidado manter em dia a preparao fsica antes de empunhar a raquete.

    Para o mdico ortopedista Paulo Alberto Pamplona Jnior, a principal orientao buscar o condicionamento fsico antes de iniciar a prtica regular da modalidade. Ele revela que os movimentos exigidos pelo es-porte foram muito os ombros, cotovelos, a

    regio lombar e os joelhos, o que exige pre-parao slida. A melhor forma de adquirir esse condicionamento por meio de exer-ccios em academia, otimizando o fortaleci-mento e o alongamento muscular, explica.

    Especialista em casos de leses de joe-lho, o mdico revela que problemas nessa articulao so frequentes nas quadras de tnis. Isso acontece porque os pacientes geralmente so atletas de fim de semana e no buscam a preparao adequada, diz. De acordo com o profissional, cerca de 50% dos atendimentos feitos por ele so decorrentes de atividades esportivas.

    Leses dos ligamentos cruzados costumam

    ser as mais graves atendidas pelo ortope-dista, que cita o caso como recorrente no consultrio. Alm disso, leses de meniscos e cartilagem tambm so comuns. quando no requer interveno cirrgica, o trata-mento feito com medicamentos especfi-cos, revela.

    Contudo, o melhor tratamento a preveno. Alm do condicionamento fsico, a estabili-zao de leses, principalmente no caso de comprometimento cartilaginoso (artroses), deve ser feita antes de retomar as ativida-des. Hoje, temos disposio uma srie de condroprotetores e viscossuplementos que melhoram a condio da cartilagem e esta-bilizam a situao da doena, revela.

    Daniel Zimm

    ermann

    TieBr

    eak

    8

  • Preo

    cupa

    o O caso que mais preocupa os atletas e pacientes certamente o rom-

    pimento dos ligamentos do joelho. Especialidade de Pamplona, estas leses requerem cirurgia e o prazo de retorno a atividades esportivas fica entre seis a oito meses. Apesar da preocupao, os casos costu-mam ter um processo de recuperao bastante positivo, destaca.

    O ortopedista refuta com veemncia a tese de que cirurgias no joelho nem sempre so eficientes. Segundo Pamplona, a evoluo atual das tcnicas cirrgicas em Ortopedia permite que os procedimentos sejam feitos com segurana e maior probabilidade de sucesso. No ps-ope-ratrio, o paciente pode voltar a andar em at 10 dias. Procedimen-tos como a cirurgia atravs de vdeoartroscopia facilitaram muito o tratamento e, por isso, temos resultados muito mais satisfatrios, garante.

    Para evitar problemas maiores com os joelhos e demais articulaes, Pamplona defende que os pacientes tenham o mesmo cuidado com a preveno de leses osteomusculares como com as demais partes do corpo. O ideal que as pessoas visitem um ortopedista ao primeiro sinal de dor, para, desta forma, identificar e prevenir possveis proble-mas e fazer o tratamento adequado.

    Para o mdico, aos poucos a populao est se conscientizando da importncia do assunto e tomando mais cuidado. A boa orientao e o condicionamento fsico so o grande segredo para praticar esportes sem qualquer preocupao com leses, conclui.

    O Ta

    baja

    ra e

    m m

    inha

    vid

    a: Sou associado desde 1983 e te-nho uma relao profunda com o TTC. Na juventude, frequentava diariamente as reas esportivas. Fui, inclusive, destaque em com-peties de tnis e futebol. Tenho timas recordaes e hoje admiro o crescimento e as melhorias do ambiente esportivo. A