TRABALHO DE CONCLUSأƒO DE CURSO (MODALIDADE ARTIGO 2019-01-31آ  Sistema Universal de Mercator (UTM),

Embed Size (px)

Text of TRABALHO DE CONCLUSأƒO DE CURSO (MODALIDADE ARTIGO 2019-01-31آ  Sistema Universal de Mercator...

  • “ELABORAÇÃO E ANÁLISE DE MAPAS DE

    CARACTERIZAÇÃO DO BAIRRO DE PETRÓPOLIS EM

    NATAL/RN ENTRE OS ANOS DE 1990 E 2010”

    “LEIDIAN ARAGÃO TORRES”

    TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

    (MODALIDADE – ARTIGO CIENTÍFICO)

    NATAL-RN

    2016

    U F R N

  • UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE

    CENTRO DE TECNOLOGIA

    DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL

    LEIDIAN ARAGÃO TORRES

    ELABORAÇÃO E ANÁLISE DE MAPAS DE

    CARACTERIZAÇÃO DO BAIRRO DE PETRÓPOLIS EM

    NATAL/RN ENTRE OS ANOS DE 1990 E 2010.

    Trabalho de Conclusão de Curso na modalidade

    Artigo Científico, submetido ao Departamento

    de Engenharia Civil da Universidade Federal do

    Rio Grande do Norte como parte dos requisitos

    necessários para a obtenção do Título de

    Bacharel em Engenharia Civil.

    Orientador: Prof. Dr. Luiz A. P. C. de Queiroz.

    NATAL/RN,06 DE JUNHO DE 2016

  • AGRADECIMENTOS

    Aos meus pais agradeço a presença e incentivo constantes que diante de minhas

    aflições sempre me fizeram crer que a conclusão deste trabalho seria possível e plena. Todo

    meu amor e gratidão a vocês, pelo apoio e dedicação que despendem em nosso dia a dia.

    A minha irmã, minha grande inspiração, que me prova diariamente que o nosso êxito é

    o resultado da nossa dedicação. Ao meu irmão, e por suas palavras de incentivo.

    Aos meus amigos lindos que tive o imenso prazer de conhecer no decorrer do curso e

    que juntos compartilhamos estudos, choros, superações e celebrações. Agradeço por tornarem

    essa caminhada mais leve, produtiva e feliz. Me orgulho da amizade que construímos.

    Aos amigos de sempre, agradeço a paciência, me desculpo pela ausência e espero que

    a distância diária tenha sido recompensada nos encontros rápidos vividos nesses anos.

    Aos colegas de curso, agradeço pelos momentos de estudo e alegria compartilhados.

    Ao meu professor orientador, agradeço pela confiança depositada em mim para o

    pleno desenvolvimento do trabalho. Agradeço imensamente pelas orientações, pela

    objetividade, pela atenção no acompanhamento do trabalho. Agradeço ainda pelas palavras de

    incentivo que me confortaram e me impulsionaram a aperfeiçoar meu trabalho e meu estudo.

    Aos demais professores e servidores dedicados do DEC, agradeço pelo aprendizado,

    pela atenção e, acima de tudo, por esta dedicação única que apresentam e que definem o

    excelente profissional (e revelam o bom ser humano) responsáveis pela formação de

    estudantes capacitados.

    Ao Nosso Pai que, me permitiu cada realização e vitória.

    Leidian Aragão Torres

  • RESUMO

    ELABORAÇÃO E ANÁLISE DE MAPAS DE CARACTERIZAÇÃO DO BAIRRO

    DE PETRÓPOLIS EM NATAL/RN ENTRE OS ANOS DE 1990 E 2010

    Autor: Leidian Aragão Torres

    Orientador: Luiz Alessandro P. da Câmara de Queiroz

    Departamento de Engenharia Civil - UFRN

    Natal, 06 de Junho de 2016

    A cidade de Natal apresentou intensa produção imobiliária no período entre 1990 e

    2010. Ao longo desse período destaca-se a produção de edifícios verticais multifamiliares,

    construídos sob o sistema de incorporação imobiliária, com padrões variados, que vão

    desde aqueles financiados pelo programa Minha Casa, Minha Vida (PMCPV) até aos

    edifícios de alto padrão, característicos da Zona Leste da cidade. Como forma de refinar a

    análise da distribuição espacial desta produção, esse artigo propõe uma primeira

    aproximação sobre o uso do Sistema de Informação Geográfica (SIG). Foram analisados

    todos os 34 empreendimentos imobiliários registrados no bairro de Petrópolis nas décadas

    em estudo, com foco em 3 critérios, quais sejam: verticalização (variável – nº de

    pavimentos), padrão (variável – nº de suítes), custo de produção (variável – custo/m²).

    Palavras Chave: SIG.Mercado imobiliário. Natal.Petrópolis.

  • ABSTRACT

    Title: Elaboration and Analysis of Petrópolis Neighbourhood’s Maps of

    Characterization in Natal / RN between 1990 and 2010

    Author: Leidian Aragão Torres

    Supervisor: Luiz Alessandro P. da Câmara de Queiroz

    Department of Civil Engineering, Federal University of Rio Grande do Norte, Brazil

    Natal, 06 June 2016

    The city of Natal had an intense real estate development between 1990 and 2010.

    Throughout this period, the production of multifamily vertical buildings stands out, built

    under the real estate incorporation system, with varying patterns, which can switch from

    the ones financed by government programs such as Minha Casa, Minha vida (PMCMV)

    to buildings with high standards, typical on the East Zone of the town. As a way of

    refining the analysis of this production’s spatial distribution, this article suggests a first

    approximation about the use of the Geographic Information System (GIS). All the 34 real

    estate ventures that were registered in the neighborhood of Petropolis during the

    aforementioned decades were analyzed, with the focus on 3 criteria, which are:

    verticalization (variable – number of floors), pattern (variable – number of suites) and

    production cost (variable – cost per square meter).

    Key-Words: GIS. Real estate market. Natal. Petrópolis.

  • 1

    1. INTRODUÇÃO

    Nas últimas décadas, a promoção imobiliária atua como um dos principais agentes

    produtores e definidores do espaço urbano das cidades de médio porte no Brasil. Após um

    período de maior intervenção estatal, no qual foram produzidas muitas moradias sob a

    forma de grandes conjuntos habitacionais, o mercado imobiliário e o setor da construção

    civil assumiram o protagonismo enquanto produtores da mercadoria habitação, definindo

    suas características tipológicas e localização espacial e, por conseguinte, participando de

    maneira destacada do processo de produção do espaço urbano.

    Esse fenômeno, no caso específico de Natal /RN (Brasil), foi registrado pelo estudo de

    Queiroz (2012), porém sem fazer uso dos instrumentos e ferramentas disponibilizados

    pelo Sistema de Informação Geográfica, fato que limita as análises espaciais realizadas

    pelo autor. Utilizando uma plataforma digital (ArcGis) é possível alcançar um nível

    superior na análise da distribuição física dos empreendimentos e de suas relações com a

    infraestrutura urbana.

    O objetivo principal desse trabalho é experimentar o uso dessa tecnologia para o

    desenvolvimento de análises espaciais acerca da produção imobiliária. Tomou-se como

    caso piloto o bairro de Petrópolis por se entender que, embora de pequenas dimensões

    geográficas, trata-se de um bairro com significativo número de empreendimentos. Os

    procedimentos metodológicos se baseiam na inserção das informações contidas no banco

    de dados (Queiroz, 2012), em uma plataforma digital com o uso do software ArcGis,

    possibilitando a geração de mapas temáticos de alta precisão que viabilizem futuras

    análises sobre o impacto da produção imobiliária sobre vários aspectos do espaço urbano.

    A principal hipótese colocada é que com o uso dessa tecnologia abre-se um novo nível

    de análise que expandirá sobremaneira as possibilidades de estudos e o entendimento da

    dinâmica imobiliária.

    2. REVISÃO DA LITERATURA

    O presente estudo se fundamenta em duas áreas distintas, quais sejam: a promoção

    imobiliária em Natal e a geoinformação. Portanto, para sua realização, foi necessário um

    aprofundamento sobre as duas temáticas que passa a ser apresentado a seguir.

  • 2

    2.1 Sobre o georreferenciamento de dados

    Nos últimos anos, o desenvolvimento de ferramentas computacionais transformou a

    representação espacial dos fenômenos que ocorrem no espaço geográfico, facilitando a

    visualização e análise dos dados e, consequentemente, a gestão da informação

    O geoprocessamento, por sua vez, consiste na etapa de tratamento das informações

    georreferenciadas para a produção de mapas, gráficos e sistematizações em geral. Para

    tanto são utilizados softwares capazes de fazer associações entre um banco de dados

    quantitativo e vinculá-lo às referências espaciais (polígonos ou shapes).

    Pelo exposto, fica claro que o SIG pressupõe a existência de um banco de dados para,

    a partir do georreferenciamento a um sistema de coordenadas conhecidas, serem feitas

    manipulações pelo Sistema Gerenciador de Banco de Dados (SGBD) e possibilitar uma

    análise de um novo ponto de vista a partir dos mapas gerados (FITZ, 2008).

    A seguir serão apresentadas de maneira breve os principais conceitos sobre SIG.

    2.1.1 Estrutura de dados

    Dentro do SGBD há os dados espaciais e os dados alfanuméricos, explanados a seguir.

    Os dados espaciais são aqueles representados espacialmente, de forma gráfica. A

    estrutura desse dado é representada de forma vetorial o