Universidade do Estado do Rio de Janeiro - Livros Grá ?· Dentística e Profª Drª Sheila Cavalca…

Embed Size (px)

Text of Universidade do Estado do Rio de Janeiro - Livros Grá ?· Dentística e Profª Drª Sheila...

  • Universidade do Estado do Rio de Janeiro

    Centro Biomdico

    Faculdade de Odontologia

    Lucilei Lopes Bonato

    Ao de dois agentes clareadores sobre o esmalte dentrio humano,

    quanto variao de massa aps escovao dental simulada

    Rio de Janeiro

    2009

  • Livros Grtis

    http://www.livrosgratis.com.br

    Milhares de livros grtis para download.

  • Lucilei Lopes Bonato

    Ao de dois agentes clareadores sobre o esmalte dentrio humano, quanto variao

    de massa aps escovao dental simulada

    Tese apresentada, como requisito parcial para obteno do ttulo de Doutor, ao Programa de Ps-Graduao em Odontologia, da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. rea de concentrao: Dentstica.

    Orientadores: Prof. Dr. Katia Regina Hostilio Cervantes Dias

    Prof. Dr. Lauro Cardoso Villela

    Rio de Janeiro

    2009

  • CATALOGAO NA FONTE UERJ/REDE SIRIUS/CBB

    Autorizo, apenas para fins acadmicos e cientficos, a reproduo total ou

    parcial desta tese.

    _________________________________ __________________________

    Assinatura Data

    B699 Bonato, Lucilei Lopes. Ao de dois agentes clareadores sobre o esmalte dentrio

    humano, quanto variao de massa aps escovao dental simulada / Lucilei Lopes Bonato. 2009.

    103 f. Orientadores: Katia Regina Hostlio Cervantes Dias, Lauro

    Cardoso Villela. Tese (doutorado) Universidade do Estado do Rio de Janeiro,

    Faculdade de Odontologia. 1. Dentes - Clareamento. 2. Esmalte dentrio. 3. Massa (Fsica).

    4. Escovao dentria. I. Dias, Katia Regina Hostilio Cervantes. II. Villela, Lauro Cardoso. III. Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Faculdade de Odontologia. IV. Ttulo.

    CDU

    616.314

  • Lucilei Lopes Bonato

    Ao de dois agentes clareadores sobre o esmalte dentrio humano, quanto

    variao de massa aps escovao dental simulada

    Tese apresentada, como requisito parcial para obteno do ttulo de Doutor, ao Programa de Ps-Graduao em Odontologia, da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. rea de concentrao: Dentstica.

    Aprovada em 06 de fevereiro de 2009. Orientadores:

    _____________________________________________ Prof. Dr.Katia Regina Hostilio Cervantes Dias Faculdade de Odontologia da UERJ

    _____________________________________________ Prof. Dr. Lauro Cardoso Villela Departamento de Odontologia da UNITAU

    Banca Examinadora: __________________________________________ Prof. Dr. Mauro Sayo de Miranda Faculdade de Odontologia da UERJ

    _____________________________________________ Prof. Dr. Hilda Maria Montes Ribeiro de Souza Faculdade de Odontologia da UERJ

    _____________________________________________ Prof. Dr. Estevo Tomomutsu Kimpara Faculdade de Odontologia da UNESP, So Jos dos Campos

    _____________________________________________ Prof. Dr. Sheila Cavalca Cortelli Departamento de Odontologia da UNITAU

    _____________________________________________ Prof. Dr. Marcos de Oliveira Barceleiro Universidade Federal Fluminense

    Rio de Janeiro - RJ

    2009

  • DEDICATRIA

    Aos Profs Drs

    Ktia Regina Hostilio Cervantes Dias

    Lauro Cardoso Villela

    Maria Auxiliadora Junho de Arajo

    Mais do que incentivadores na carreira acadmica, amigos verdadeiros so

    orientadores para a vida.

  • AGRADECIMENTOS

    Aos meus pais, Erasmo e Nazareth, pelo exemplo de vida e dedicao

    incondicional aos filhos.

    Aos meus filhos, Amanda e Danilo, pelo imenso amor que me fazem sentir.

    Aos professores do Programa de Ps-graduao da Universidade do Estado do

    Rio de Janeiro, pela acolhida, pelo conhecimento e experincia que me proporcionaram.

    Aos colegas do curso de ps-graduao, em especial aos de turma, Anna Paula

    Kalix, Carlos Antonio Freire Sampaio, Csar dos Reis Peres, Glauco Botelho, Joo

    Duarte e Raphael Monte Alto, amigos que fiz.

    Universidade de Taubat, pelo incentivo.

    Ao Prof Dr Evandro Luiz Nohara, Laboratrio de Ensaios de Materiais do

    Departamento de Engenharia Mecnica da Universidade de Taubat, pelo auxlio na

    parte experimental e ateno dispensada.

    Ao Senhor Jos Arauto Ribeiro, tcnico dos laboratrios do Departamento de

    Engenharia Mecnica da Universidade de Taubat, pela disponibilidade e ateno na

    execuo dos testes.

    Prof Dr Ana Paula Rosifini Alves, Engenharia de Materiais, Faculdade de

    Engenharia de Guaratinguet UNESP, pela concesso da mquina de escovao.

    s Senhoras Maria Teresa Buono Osrio e Eliana Kalil Kobaz, bibliotecrias do

    Centro de Pesquisas Bibliogrficas, Departamento de Odontologia da Universidade de

    Taubat, pelo constante auxlio.

  • amiga Prof Dr Mnica Cristina Camargo Antoniazzi, pela reviso do Abstrat.

    s amigas Prof Dr Maria Teresa F. Soares DAzevedo, das disciplinas de

    Dentstica e Prof Dr Sheila Cavalca Cortelli da disciplina de Odontologia Preventiva e

    Cariologia, Departamento de Odontologia da Universidade de Taubat, pela

    demonstrao de amizade e essencial colaborao na minha ausncia.

    s empresas FGM e Oral-B, pela disponibilizao dos materiais clareadores e

    escovas dentais utilizados no experimento.

    Aos meus irmos Carlos Aurlio, Erasmo e Marilei, pelo incentivo constante e pela

    equipe de apoio em minha ausncia.

    A todos os amigos cariocas que fizeram a minha estada no Rio de Janeiro to

    agradvel, em especial s meninas de casa, Cida, Mrcia e Aurora.

  • RESUMO

    BONATO, Lucilei Lopes. Ao de dois agentes clareadores sobre o esmalte dentrio humano, quanto variao de massa aps escovao dental simulada. 2009. 103f. Tese (Doutorado em Odontologia) Faculdade de Odontologia, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2009.

    Ter dentes brancos cada vez mais uma exigncia esttica. A indicao do tratamento clareador dental, bem como da tcnica empregada, deve ser criteriosa. Os agentes clareadores mais utilizados para dentes vitalizados so perxido de hidrognio e perxido de carbamida, em diferentes concentraes. Duas tcnicas so mais utilizadas, clareamento em consultrio e clareamento caseiro, cujas indicaes devem estar embasadas na segurana do paciente, no que diz respeito manuteno da integridade de seus rgos dentais, bem como de sua sade bucal e geral. A finalidade deste estudo, a cerca do tratamento clareador dental trazer resultados que permitam ao profissional de Odontologia, indicar o melhor tratamento visando segurana. Avaliando quanto facilitao do desgaste de dentes humanos, submetidos in vitro s duas tcnicas e aos dois principais agentes clareadores, ambulatorial e caseira, perxido de hidrognio, 35% (Whiteness HP MAXX FGM) e perxido de carbamida a 10% (Whiteness Perfect - FGM), respectivamente, e ao mecnica de um ensaio de escovao simulada. Ambos os tratamentos foram realizados sob a tcnica recomendada pelo fabricante. A escovao simulada foi realizada diariamente (10 dias, 500 ciclos). Corpos-de-prova (cp) foram divididos em 5 grupos (N=8) sendo um controle (sem clareamento) e 4 experimentais (um grupo recebeu a tcnica ambulatorial e trs a tcnica caseira). Ainda foi avaliado o tempo de espera para a realizao da escovao aps o tratamento clareador caseiro (15, 30 e 60 minutos). A variao de massa foi aferida por peso, inicial e final dos cp (antes e depois do clareamento e escovao), em balana analtica, aps a desidratao destes em slica gel. Anlise estatstica (ANOVA Oneway e Student-Newman-Keuls) foi realizada e os resultados permitiram concluir que: 1- Ocorreu perda de massa nos dentes humanos aps serem submetidos a ambos os tratamentos clareadores propostos e no grupo controle (sem clareamento), seguido de ensaio de escovao; 2- Perxido de hidrognio a 35%, tcnica ambulatorial, ocasionou a menor perda de massa do esmalte dentrio aps o ensaio de escovao, embora sem diferena estatstica; 3- Os grupos submetidos ao clareamento com perxido de carbamida apresentaram a maior perda de massa, mas no houve diferena entre os tempos de espera para a realizao do ensaio de escovao. Palavras-chave: Clareamento dental. Escovao simulada. Variao de massa. Esmalte dentrio.

  • ABSTRACT

    White teeth are more and more the aesthetic demand. The indication makes whitening teeth and the employed technique being of criterious use. Hydrogen peroxide and Carbamide peroxide are the whitening agents more used to vitalized teeth in different concentrations. There are two whitening teeths techniques: in office and at home, whose indications should be based on patients safety, concerning to the maintenance of the teeths integrity, as well as oral and general health. The aim of this study is to bring results to allow the professional of Dentistry to indicate the best treatment in order to give safety, evaluating facilitation to wear and tear in humans' teeth, submitted in vitro to the two techniques and the two main whitening agents, Hydrogen peroxide, 35% (Whiteness HP MAXX - FGM) and Carbamide peroxide, 10% (Whiteness Perfect - FGM), respectively, and to a mechanical action of a simulated brushing essay. Both whitening teeths treatments were accomplished by a technique recommended by the manufacturer. Simulated brushing was accomplished daily, 500 cycles, for 10 days. The specimens were divided in 5 groups (N=8), one control (without whitening teeth) and 4 experimental (one group received in office technique and the others received at home technique). It was still evaluated the waiting time in accomplishing the simulated brushing after the treatment at home (15, 30 and 60 minutes). The mass variation among the specimens was checked by initial and final weight (aft