UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO INSTITUTO DE .se esquema fatorial 5x5 fracionado com cinco tensões

Embed Size (px)

Text of UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO INSTITUTO DE .se esquema fatorial 5x5 fracionado com cinco...

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO

INSTITUTO DE CINCIAS AGRRIAS E TECNOLGICAS

Programa de Ps Graduao em Engenharia Agrcola

CULTIVO DE ARROZ DE TERRAS ALTAS SUBMETIDO ADUBAO

SILICATADA E TENSES DE GUA NO SOLO

JAKELINE ROSA DE OLIVEIRA

RONDONPOLIS-MT

2014

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO

INSTITUTO DE CINCIAS AGRRIAS E TECNOLGICAS

Programa de Ps Graduao em Engenharia Agrcola

CULTIVO DE ARROZ DE TERRAS ALTAS SUBMETIDO ADUBAO

SILICATADA E TENSES DE GUA NO SOLO

JAKELINE ROSA DE OLIVEIRA

Engenheira Agrcola e Ambiental

Orientador: Prof. Dr. Marcio Koetz

RONDONPOLIS-MT

2014

Dissertao apresentada ao Instituto de Cincias Agrrias e Tecnolgicas da Universidade Federal de Mato Grosso, para obteno do ttulo de Mestre em Engenharia Agrcola.

Dados Internacionais de Catalogao na Fonte.

O48c Oliveira, Jakeline Rosa de. Cultivo de Arroz de terras altas submetido adubao

silicatada e tenses de gua no solo / Jakeline Rosa de Oliveira. -- 2014

74 f. : il. color. ; 30 cm.

Orientador: Marcio Koetz. Dissertao (mestrado) - Universidade Federal de Mato

Grosso, Instituto de Cincias Agrrias e Tecnolgicas, Programa de Ps-Graduao em Engenharia Agrcola, Rondonpolis, 2014.

Inclui bibliografia.

1. Oriza sativa. 2. tensimetro. 3. silcio. I. Ttulo.

Ficha catalogrfica elaborada automaticamente de acordo com os dados fornecidos pelo(a) autor(a).

Permitida a reproduo parcial ou total, desde que citada a fonte.

.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MAT O GROSSO - UFMT

INSTITUTO DE CINCIAS AGRRIAS E TECNOLGICAS

Programa de Ps-graduao em Engenharia Agrcola

CERTIFICADO DE APROVAO Ttulo: CULTIVO DE ARROZ DE TERRAS ALTAS SUBMETIDO ADUBAO

SILICATADA E TENSES DE GUA NO SOLO

Autora: JAKELINE ROSA DE OLIVEIRA

Orientador: Dr. MARCIO KOETZ

Aprovada em 03 de dezembro de 2014.

Comisso Examinadora:

______________________________ Prof. Marcio Koetz

(Universidade Federal de Mato Grosso) (Orientador)

______________________________ Profa. Dr. Edna Maria Bonfim-Silva

(Universidade Federal de Mato Grosso)

______________________________ Prof. Dr. Marconi Batista Teixeira

(Instituto Federal Goiano) (Membro externo)

minha me, Maria do Rosrio, pelo apoio incondicional e pelo o exemplo de vida.

Aos meus irmos, Jssica e Henrique, pelo o amor que nos une, pelo carinho e apoio

que sempre me deram.

Ofereo

Ao meu esposo Gevanilso pela a luta diria, sacrifcio, abdicao, amor e incentivo

durante todos esses anos.

Ao meu filho Pedro, pela constante felicidade que me proporciona.

Dedico

AGRADECIMENTOS

A Deus, por estar sempre ao meu lado, por no me deixar cair, sempre

segurando minhas mos.

Universidade Federal de Mato Grosso, em especial ao Programa de Ps

Graduao em Engenharia Agrcola, pela oportunidade oferecida.

CAPES, pela concesso da bolsa.

Ao meu orientador professor Dr. Marcio Koetz pela orientao, compreenso e

ensinamentos para realizao deste trabalho.

professora Edna Maria Bomfim Silva, pelo grande exemplo, pelo auxlio

incansvel e pela disposio em contribui sempre.

Ao professor Tonny Jos Araujo da Silva a quem expresso minha gratido pelos

ensinamentos, exemplo de dedicao, por toda a ateno, apoio e conselhos

oferecidos durante esses anos.

Aos professores da Ps Graduao em Engenharia Agrcola pelos

ensinamentos.

Aos meus amigos desta e de outras inmeras caminhadas, Ellen Cristina Alves

de Anicsio, Jlio Cesar Moreira Fornazier e Marcel Thomas Job Pereira, que so

parte da minha histria e estaro sempre guardados na minha memria e no meu

corao.

Enfim a todas as pessoas que de alguma forma contriburam para realizao

desse trabalho.

Agradeo!

10

CULTIVO DE ARROZ DE TERRAS ALTAS SUBMETIDO ADUBAO

SILICATADA E TENSES DE GUA NO SOLO

Resumo: O cultivo de arroz de terras altas no Brasil ocorre principalmente em rea

de Cerrado, regio que apresenta condies climticas adversas. Portanto a utilizao

do silcio em seu cultivo torna-se importante para aumento na produtividade da cultura,

pois o mesmo proporciona a regulao da evapotranspirao, a melhoria da

arquitetura foliar e a reduo na incidncia de doenas. Assim, objetivou-se avaliar o

efeito da adubao silicatada e das tenses de gua no solo no cultivo de arroz de

terras altas em Latossolo Vermelho do Cerrado. O experimento foi conduzido em casa

de vegetao. O solo utilizado foi coletado em rea de vegetao de Cerrado. Utilizou-

se esquema fatorial 5x5 fracionado com cinco tenses de gua no solo (0, 15, 30, 45

e 60 kPa) e cinco doses de silcio (0, 120, 240, 480 e 960 mg dm-3), as quais foram

distribudas segundo delineamento de blocos ao acaso, com quatro repeties. Cada

parcela experimental foi constituda por um vaso de 8 dm-3 e um tensimetro instalado

na profundidade de 13 cm. Foram avaliadas as seguintes caractersticas: ngulo foliar,

ndice de clorofila, altura de plantas, florescimento, nmero de perfilhos, nmero de

folhas, nmero de pancula, comprimento da pancula, nmero de gros por pancula,

porcentagem de gros vazios, massa de gros, massa seca da parte area e massa

seca de raiz, concentrao e acmulo de silcio. Os resultados foram submetidos a

anlise de varincia e posterior anlise de regresso utilizando-se o programa

estatstico SAS. A adubao silicatada melhorou a arquitetura das plantas de arroz,

com a reduo do ngulo foliar e aumento do ndice de clorofila nas doses de silcio

de 785 e 750 mg dm-3, respectivamente. A tenso de gua de 45 kPa promoveu

reduo na massa seca da parte area, massa seca de razes, concentrao e

acmulo de silcio em plantas de arroz de terras altas. O aumento das tenses de

gua no solo reduziram o rendimento da cultura de arroz de terras altas cultivado em

vaso sob Latossolo Vermelho do Cerrado.

Palavras Chave: Oriza sativa, tensimetro, silcio.

11

CULTIVATION UPLAND RICE SUBMITTED SILICON FERTILIZATION AND

TENSIONS WATER IN SOIL

Abstract: Rice cultivation of upland in Brazil occurs mainly in the Cerrado area, region

with adverse weather conditions. Therefore the use of silicon in cultivation becomes

important for increasing the crop yield, since it provides regulation of evaporation,

improved leaf architecture and a reduction in disease incidence. Thus aimed to

evaluate the effect of silicon fertilization and soil water tensions in the cultivation of

upland rice in the Cerrado Oxisol. The experiment was conducted in a greenhouse.

The soil was collected from an area of Cerrado vegetation. Was used 5x5 factorial

fractional design with five tensions water in soil (0, 15, 30, 45 and 60 kPa) and silicon

five doses (0, 120, 240, 480 and 960 mg dm-3) which were distributed according to the

statistical design of randomized blocks with four replications. Each experimental plot

consisted of a pot of 8 dm -3 the one tensiometer installed at a depth of 13 cm. The

following characteristics were evaluated: leaf angle, chlorophyll index, plant height,

flowering, number of tillers, number of leaves, number of panicle, panicle length,

number of grains per panicle, percentage of empty grains, grain weight, dry weight of

shoot and root dry mass, concentration and accumulation of silicon. Results were

submitted to statistical analysis using the SAS statistical program. Silicon fertilization

improved architecture of rice plants with reduced leaf angle and increased chlorophyll

content in silicon doses of 785 and 750 mg dm-3, respectively. The 45 kPa water

tension promoted reduction in the aerial part dry weight, dry weight of roots,

concentration and silicon accumulation in upland rice plants. The increase in water

tension in the soil reduced the yield of upland rice grown in culture pot in Cerrado

Oxisol.

Key words: Oryza sativa, tensiometer, silicon.

12

LISTA DE TABELAS

TABELA 1. Produtividade de arroz entre os pases maiores produtores do mundo e o

Brasil, em kg/ha, no perodo de 2008 a 2012. ........................................................... 18

TABELA 2. Contribuio dos componentes na produo do arroz (cultivar irrigada IR

47B2-6) ..................................................................................................................... 21

TABELA 3. Anlise qumica e granulomtrica de amostra do Latossolo Vermelho

coletado na camada de 0-0,20 m de profundidade ................................................... 30

TABELA 4. Coeficientes de correlao das variveis estudadas para cultura do arroz.

.................................................................................................................................. 63

13

LISTA DE FIGURAS

Pagina

FIGURA 1. Mapa da produo agrcola do arroz no Brasil. Fonte Conab/IBGE (2014).

.................................................................................................................................. 19

FIGURA 2. Variao de temperatura e umidade relativa do ar no interior da casa de