Click here to load reader

uso de redes sociais em sala de aula: vantagens e problemas da

  • View
    212

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of uso de redes sociais em sala de aula: vantagens e problemas da

USO DE REDES SOCIAIS EM SALA DE AULA: VANTAGENS E

PROBLEMAS DA INTERAO ONLINE

BLANK, Julia Caroline Goulart1

Resumo: Este artigo pretende discutir a utilizao de redes sociais em sala de aula como

alternativa aos meios de ensino tradicionais. A alterao na metodologia de ensino se d de

forma lenta e gradual, com insero de novas tecnologias a fim de garantir melhor rendimento

do corpo discente. No entanto, preciso que os docentes estejam preparados para a correta

utilizao de novas plataformas de ensino, caso contrrio, sero criadas distraes

desnecessrias e o processo de aprendizagem ser prejudicado.

Palavras-Chave: Educao; Redes Sociais; Metodologia.

Abstract: This article discusses the use of social networking in the classroom as an

alternative to traditional teaching methods. The change in teaching methodology occurs

slowly and gradually, with insertion of new technologies to ensure better performance of the

students. However, it is important that teachers are prepared for the correct use of new

learning platforms, otherwise unnecessary distractions will be created and the process of

learning will suffer.

Keywords: Education; Social Networks; Methodology.

1. INTRODUO

O crescimento da internet nos ltimos 20 anos acarretou em uma mudana no

comportamento social em geral. Os computadores, que inicialmente eram restritos aos

escritrios de grandes empresas, tornaram-se ferramentas indispensveis para o dia a dia de

grande parte dos indivduos. Com a ampliao da rede mundial de computadores surgiram

novos conceitos de relaes interpessoais, onde a localizao geogrfica de emissor e receptor

no so pontos relevantes.

A evoluo dos meios de comunicao agregou facilidades ao cotidiano, permitindo

realizar tarefas com muito mais praticidade. Nesse contexto inserem-se as redes sociais, sites

desenvolvidos para aproximar aqueles que tm interesses semelhantes. Esse modelo de pgina

se espalhou rapidamente pelo mundo e, atualmente, bilhes de pessoas acessam esses

contedos.

1 Bacharela em Comunicao Social com Habilitao em Jornalismo e especialista em docncia no ensino

superior.. Email: [email protected]

mailto:[email protected]

Nas salas de aula a presena da internet ganha espao dia aps dia, visto as incontveis

possibilidades de que a rede oferece. Muitos mtodos de ensino j utilizam sistemas

completamente online, so os cursos EAD, cada vez mais presentes e reconhecidos no Brasil.

No entanto, a dvida que permanece se h a possibilidade de aliar as redes sociais,

consideradas sites de entretenimento, com a metodologia de ensino de escolas e faculdades

em prol de uma nova estratgia de educao.

Esse artigo dividido em trs partes: inicialmente conceituamos o que a internet, as

redes sociais e seu papel de transformao na sociedade contempornea. Em seguida

abordamos o contexto educacional vivenciado pelo pas e como ele alterado pela insero de

novas tecnologias. Aps essa anlise terica, propomos a discusso entre as vantagens de

utilizar uma plataforma conhecida pelos alunos versus o problema que o uso inadequado

dessa ferramenta pode causar para o processo de aprendizagem. Por fim, apresentamos

algumas consideraes sobre o tema debatido.

Observamos que as redes sociais podem servir de grande apoio para os educadores no

que se trata de aproximao com o os educandos, promovendo a integrao da sala de aula

com a realidade vivenciada por cada um.

2. AS REDES SOCIAIS DA ALDEIA GLOBAL

A internet2 surgiu atravs de pesquisas militares desenvolvidas no perodo da Guerra

Fria quando Estados Unidos e a ento Unio Sovitica disputavam o controle poltico-

ideolgico mundial. Os EUA foram os primeiros a observar a necessidade de descentralizar e

compartilhar informaes para que em um eventual ataque, as mesmas no fossem perdidas.

Foi criada ento, na dcada de 1960, a ARPANET.

O sistema cresceu, e em 1992 o CERN criou a World Wide Web (www) e a empresa

Netscape criou o protocolo HTTPS, possibilitando transaes comerciais mais seguras. Era o

incio da internet comercial.

A popularizao da internet levou cerca de 10 anos para ocorrer, mas desde ento, o

crescimento foi vertiginoso. Segundo a Internet World Estatistics3, em 2003 eram cerca de

600 milhes de usurios da internet, em 2014 esse nmero ultrapassou os trs bilhes, ou seja,

praticamente metade da populao mundial est conectada.

2 Informaes disponveis em: http://www.brasilescola.com/informatica/internet.htm Acesso em: 06 de janeiro

de 2015. 3 Disponvel em: http://www.internetworldstats.com/stats.htm Acesso em: 06 de janeiro de 2015.

http://www.brasilescola.com/informatica/internet.htmhttp://www.internetworldstats.com/stats.htm

A internet tornou-se o meio de comunicao mais popular do mundo, tanto que outros

meios de comunicao como canais de rdio televiso e jornais conceituados detm suas

pginas online. Assim como veculos menores e outros criados para serem exclusivamente

online tambm tem sua ponta de influncia no mundo virtual. De acordo com Castells (2006):

A constituio de redes de comunicao autnomas chega tambm aos meios de

comunicao mais tradicionais. As televises de rua e as rdios alternativas como

a TV Orfeo em Bolonha, a Zala TV em Paris, a Occupen las Ondas em Barcelona,

a TV Piqueteros em Buenos Aires e uma enorme quantidade de mdias

alternativas, ligadas em rede, formam um sistema de informao verdadeiramente

novo.

A ascenso desse novo meio de comunicao agiu no modo de vida da humanidade,

contribuindo especificamente para o fortalecimento do conceito de globalizao, onde o

mundo est mais semelhante, integrado, em termos socioculturais e polticos. Para Castells e

Cardoso (2005, p.18):

Alm disso, a comunicao em rede transcende fronteiras, a sociedade em rede

global, baseada em redes globais. Ento, a sua lgica chega a pases de todo o

planeta e difunde-se atravs do poder integrado nas redes globais de capital, bens,

servios, comunicao, informao, cincia e tecnologia.

Aspectos do cotidiano foram alterados pela insero da internet e relaes simples

passaram ao ambiente online onde h a possibilidade de contato com indivduos de qualquer

lugar do mundo, a qualquer momento. A necessidade humana de comunicao e interao

social deu incio s redes sociais, sites especficos para reunir pessoas com interesses em

comum. Nessas pginas, elas podem conversar e manifestar seus interesses de forma mais

aberta do que fariam em uma interao pessoal que no fosse mediada pelo computador.

Alm disso, pode-se criar e recriar a prpria personalidade, dando nfase em determinado

ponto e ocultando outro. Felinto (2002, p.22) explica que: O sujeito passa a ser criador de si

mesmo; demiurgo que produz no apenas novos mundos e seres, mas que tambm pode

recriar-se indefinitivamente.

Nesse segmento podemos visualizar vrios websites destinados integrao social:

twitter, facebook, linkedin, google+... Cada um com suas funcionalidades e possibilidades de

criao. Para fins desse trabalho, deteremos nossas atenes no facebook, pois de acordo com

um estudo realizado pela ComScore (2014) essa a rede social mais acessada pelos

brasileiros

Figura 1 Diviso do tempo gasto em redes sociais no Brasil. Fonte: ComScore, 2014.

O Brasil o quinto pas que mais utiliza a internet no mundo, atrs de China, Estados

Unidos, India e Japo, respectivamente. Considerando apenas o tempo dispensado no

computador, os brasileiros passam 29,7 horas/ms online, sendo que a maior parte desse

perodo dispensada em redes sociais como mostra o grfico abaixo:

Figura 2 No Brasil, as redes sociais so os sites mais acessados. Fonte: ComScore, 2014.

Confirmando o grande acesso s redes sociais, pode-se imaginar que elas tambm

possam ser usadas na educao, visto a presena das mesmas em grande parte da comunidade

brasileira. A remodelagem de metodologias de ensino mostra que novas tecnologias podem

ser grandes aliadas de forma a promover a integrao com a educao de ferramentas que

antes eram consideradas apenas como fonte de entretenimento.

3. ENSINO E NOVAS TECNOLOGIAS

As novas tecnologias j so uma realidade em sala de aula, um exemplo disso so as

lousas interativas que esto substituindo gradualmente o quadro-negro. Um computador com

sensores que captam o movimento da caneta do professor na projeo realizada em uma tela

branca. H menos de uma dcada essa era uma perspectiva muito distante das escolas e

faculdades, no entanto, agora as alternativas para os mtodos antigos surgem com mais

velocidade e os profissionais necessitam preparao adequada para saber qual a melhor forma

de utilizao das ferramentas que lhes so disponibilizadas.

Em se tratando de metodologia de ensino-aprendizagem so muitas teorias que tentam

explicar qual a melhor abordagem. Como em qualquer rea, muitos paradigmas so difceis de

serem superados e acabam retardando a evoluo do ensino. Os educadores tm muitas

possibilidades para utilizar em sal