Word Pro - Proposta Pedagógica Visão209720001.s3-sa-east-1.· Maternal II 3 anos Maternal I 2 anos

  • View
    213

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of Word Pro - Proposta Pedagógica Visão209720001.s3-sa-east-1.· Maternal II 3 anos Maternal I 2 anos

  • COLGIO VISO

    PROPOSTA

    PEDAGGICA

  • NDICE

    35BIBLIOGRAFIA BSICA

    34CONSIDERAES FINAIS

    33X - GESTO ADMINISTRATIVA E PEDAGGICA

    31IX - INFRAESTRUTURA - INSTALAES FSICAS,EQUIPAMENTOS, MATERIAIS DIDTICO-PEDAGGICOS, SALADE LEITURA, LABORATRIOS - PESSOAL DOCENTE, DESERVIOS ESPECIALIZADOS E DE APOIO

    29VIII - PROCESSO DE AVALIAO DA INSTITUIOEDUCACIONAL, COM VISTAS MELHORIA DA EDUCAO

    25VII - PROCESSOS DE ACOMPANHAMENTO, CONTROLE EAVALIAO DO ENSINO E DA APRENDIZAGEM

    19VI - OBJETIVOS DA EDUCAO E ENSINO E METODOLOGIAUTILIZADA

    8V - ORGANIZAO CURRICULAR E RESPECTIVAS MATRIZES

    5IV - ORGANIZAO PEDAGGICA DA EDUCAO E DO ENSINOOFERECIDOS

    3III - MISSO E OBJETIVOS INSTITUCIONAIS

    2II - FUNDAMENTOS NORTEADORES DA PRTICA EDUCATIVA

    1I ORIGEM HISTRICA, NATUREZA E CONTEXTO DAINSTITUIO DE ENSINO

  • I ORIGEM HISTRICA, NATUREZA E CONTEXTO DAINSTITUIO DE ENSINO

    O Colgio Viso iniciou as suas atividades em fevereiro

    de 1991, em Formosa-GO, alicerado em bases slidas. Ao longo destes anos de

    funcionamento, desenvolveu um trabalho voltado para a formao integral do ser

    humano para o exerccio da cidadania, buscando desenvolver as habilidades e

    competncias em todas as dimenses sociais. A escola atua dentro de uma

    proposta de interdisciplinaridade, estabelecendo, ligaes de complementariedade,

    convergncia e correlaes entre os conhecimentos diante de um mundo

    globalizado e que apresenta mltiplos desafios para o homem. A educao se

    estabelece como ferramenta indispensvel a humanidade na construo da paz, da

    liberdade e da justia social. Nesse contexto, o Colgio Viso, em seu fazer

    pedaggico, promove um clima harmonioso estruturado em 4 pilares: aprender a

    conhecer, aprender a fazer, aprender a aprender e aprender a ser, agindo em prol

    dos propsitos de respeito, autonomia, criticidade e liberdade.

    O presente documento d visibilidade ao conjunto de aspectos

    essenciais e referenciais ao processo educativo iniciado h 25 anos, de forma que o

    dilogo, a autocrtica, a inovao e a honestidade continuem a se apresentar como

    posturas e posies que viabilizam e possibilitam a construo de uma escola

    preocupada com questes sociais, intelectuais e ambientais.

    O Colgio Viso oferta a Educao Infantil, o Ensino

    Fundamental e o Ensino Mdio. Considerando que a capacidade de perceber,

    mediar e superar os diferentes desafios atuais e futuros uma constante na vida

    das pessoas, o Colgio Viso preocupa-se em proporcionar vivncias que

    instrumentalizem seus educandos a enfrentar os desafios cotidianos, de forma a

    priorizar a vida e a dignidade humana acima de qualquer outra possibilidade.

    Nessa conjuntura, o Colgio Viso almeja dos educandos uma

    atuao tica, autnoma, verstil, inovadora, crtica, e hbil na resoluo de

    problemas, visando a qualidade de vida e considerando prioritria a condio

    humana. Busca que sejam reconhecidos pela sociedade como seres engajados em

    uma vida ntegra e digna.

    1

  • II - FUNDAMENTOS NORTEADORES DA PRTICA EDUCATIVA

    O Colgio Viso nortear-se- pelos princpios e fins da

    educao estabelecidos na Lei de Diretrizes e Bases da Educao Nacional,

    respeitando a legislao correlata vigente e superveniente, visando o pleno

    desenvolvimento do educando e o seu preparo para o exerccio da cidadania por

    meio do respeito e dedicao aos compromissos pessoais e profissionais, agindo

    com abrangncia, estabelecendo uma relao pessoal com o educando para

    acompanhar o seu desenvolvimento, acolhendo-o como um todo, ajudando-o na

    ordenao e uso responsvel da liberdade dos seus talentos e das suas

    competncias e habilidades, reconhecendo as limitaes e ajudando-o a superar ou

    a conviver com elas.

    O discente deve se desenvolver para atuao voluntria

    no mundo, tendo em vista a integrao de esforos entre o "sentir, o pensar e o

    agir", desenvolvendo a sensibilidade, a capacidade de relacionamento interpessoal

    e/ou grupal, fortalecendo a identidade e o sentido de responsabilidade tica e

    social, buscando o domnio das habilidades para o exerccio do pensamento crtico

    e criativo.

    A prtica educativa ser fundamentada em orientar a

    formao do indivduo, tendo em vista a aquisio de conhecimentos, habilidades e

    valores, oferecer educao apta mutao e ao imprevisvel, capacitando o

    educando a situar-se dentro de um mundo dinmico e em constante mutao

    scio-cultural, compreender os fundamentos cientfico-tecnolgicos dos processos

    produtivos, relacionando a teoria com a prtica, no ensino de cada objeto de

    estudo.

    Estes princpios devero fundamentar as prticas

    educativas do Viso, pois atravs da "Autonomia", da "Responsabilidade" e do

    "Respeito" que ser explicitada a identidade pessoal do educando. A formao

    cultural, tcnica e social do Homem estende-se por toda a vida. Durante o perodo

    escolar, nosso educando ir aprender a aprender, a se comprometer e cumprir,

    para que possa ter autonomia no processo de formao tcnica e pessoal,

    adquirindo assim respeito por ser capaz de honrar suas responsabilidades,

    delegadas por uma sociedade da qual ele faz parte.

    2

  • III - MISSO E OBJETIVOS INSTITUCIONAIS

    Educar transformar. Nossa misso trabalhar para que

    o indivduo transforme-se em cidado, sendo capaz de assumir e cumprir

    compromissos e atuar na sociedade em prol do bem coletivo, construir um mundo

    mais humano e mais solidrio.

    O conceito de compromisso o conceito amplo, ou seja,

    aquele que entende como comprometimento com a ao humana. Assim, o

    compromisso torna o Homem agente do processo histrico na medida em que cria

    novas realidades e supera os determinismos naturais.

    Nesta perspectiva, esse educando, juntamente com o

    professor e demais membros da escola, assumem co-responsabilidade no

    desenvolvimento da prtica educativa escolar e a prtica social global, construdo

    no cotidiano pedaggico.

    Considera-se, pois, que tanto o fazer pedaggico dessa

    Instituio devem ser orientados a partir dos seguintes objetivos:

    compreender o ambiente natural e social, do sistema

    poltico, da tecnologia, das artes e dos valores em que se

    fundamenta a sociedade;

    desenvolver as habilidades e a formao de atitudes e

    valores;

    fortalecer os vnculos da famlia, dos laos de solidariedade

    humana e de tolerncia recproca em que assenta a vida

    social;

    valorizar a pessoa humana, o trabalho individual e coletivo;

    desenvolver o compromisso e o comprometimento com

    aes ticas e transformadoras;

    socializar o educando atravs da participao, para que ele

    descubra e exercite as regras prprias do convvio social;

    estimular o educando no desenvolvimento do esprito

    crtico;

    conscientizar o educando diante da realidade em que vive e

    das responsabilidades que deve assumir;

    3

  • adquirir comportamentos adequados em relao ao estudo

    do meio ambiente e proteo do seu equilbrio;

    aprimorar o educando como pessoa humana, incluindo a

    formao tica e o desenvolvimento da autonomia

    intelectual e do pensamento crtico;

    intensificar a participao social, pela qual o educando

    levado compreenso da reciprocidade de direitos e

    deveres;

    aceitar crtica das instituies e grupos sociais;

    proporcionar a preparao bsica para continuar

    aprendendo, de modo a ser capaz de se adaptar com

    flexibilidade;

    oferecer comunidade ensino de qualidade que contribua

    para o desenvolvimento da autonomia responsvel, do

    senso crtico e da criatividade para o exerccio da cidadania;

    educar para a transformao da realidade social,

    valorizando a vida e a dignidade humana orientada pelo

    conhecimento e pela tica;

    orientar o sujeito para gestar e construir o seu projeto de

    vida de forma responsvel durante o seu percurso

    formativo;

    ensinar com vistas aprendizagem e aos conhecimentos

    historicamente produzidos e socialmente vlidos;

    proporcionar aos estudantes instrumentos para a

    aprendizagem de valores e conhecimentos por meio de

    estimulao frequente.

    Dessa forma, a concepo de sociedade, compromisso e

    comprometimento devem ter incio com o ingresso do educando na Educao

    Infantil e ter continuidade at a ltima srie do Ensino Mdio, com aprofundamento

    gradativo em funo dos objetivos estabelecidos, ocorrendo dentro de cada

    disciplina, atividade ou rea de estudo.

    4

  • IV - ORGANIZAO PEDAGGICA

    DA EDUCAO E DO ENSINO OFERECIDOS

    O Colgio Viso mantm a Educao Infantil, o Ensino

    Fundamental com durao de nove anos, e Ensino Mdio, com durao de trs

    anos, de forma presencial.

    17 anos3 srie

    16 anos2 srie

    15 anos1 srie

    Ensino Mdio

    14 anos9 ano

    13 anos8 ano

    12 anos7 ano

    11 anos6 ano

    Sries Finais

    10 anos5 ano

    9 anos4 ano

    8 anos3 ano

    7 anos2 ano

    6 anos1 ano

    Sries Iniciais

    Ensino Fundamental

    5 anosJardim II

    4 anosJardim I

    3 anosMaternal II

    2 anosMaternal I

    Pr-escolaEducao Infantil

    Idade de ingressoseriaofase

    Assegura-se a carga horria mnima anual prevista pela

    legislao (oitocentos horas para o Ensino Fundamental e Educao Infantil e mil e

    quatrocentas horas para o Ensino Mdio)) distribudas por um mnimo de duzentos

    dias de efetivo trabalho escolar cuja organizao em sries anuais, assim

    estabelecidas:

    progresso regular por srie, sendo automtica na Educao

    Inf