Index Ago-14

  • Published on
    04-Aug-2015

  • View
    29

  • Download
    0

Embed Size (px)

Transcript

<p> 1. Atividade industrial continua100%80%60%40%20%Ano 25 N 8 AGOSTO 2014Pginas 2, 3 e 4 Pginas 5 e 6 Pginas 7, 8 e 9 Faturamento real Massa salarial real Anlise setorial Horas trabalhadas na produo Rendimento mdio real Emprego Utilizao da capacidadeinstaladacomprometidaOs indicadores do ms de agosto variaram pouco em relaoa julho, indicando que o desempenho da indstria permanecefraco. Na anlise dos dados dessazonalizados houve reduo nofaturamento real e no emprego, assim como nas variveis ligadas produo horas trabalhadas e utilizao da capacidade instalada.Apenas a massa salarial e o rendimento mdio real dos trabalhadoresapresentaram crescimento modesto, aps ajuste sazonal. O baixopatamar de confiana dos empresrios e a insegurana diante doresultado das eleies devem dificultar a retomada da atividadeindustrial nos prximos meses.INDICADORES INDUSTRIAIS DE MINAS GERAIS (Var.%)VariveisAgo/14Jul/14dessaz.Ago/14Jul/14Ago/14Ago/13Jan-Ago/14Jan-Ago/13Faturamento Real 1 (2,08) 0,02 (12,05) (8,09)Horas Trabalhadas (2,37) (3,48) (7,29) (2,56)Emprego (0,41) (0,19) (0,29) (0,18)Massa Salarial Real 2 0,93 (2,31) 3,02 3,79Rendimento Mdio Real 2 0,98 (2,12) 3,32 3,84(%)Utilizao da Capacidade Instalada Jul/14 Ago/14 Ago/13 Jan-Ago/2014 Jan-Ago/2013ndice Original 87,15 85,87 85,39 85,04 85,12ndice Dessazonalizado 86,34 84,90 - - -1 Deflator IPA/OG FGV2 Deflator INPC IBGEUCI dessazonalizada AGOSTO/201484,90%0%Ms anterior86,34% 2. 2 | ANO 25 - N 8 - AGOSTO 2014Faturamento realQueda acentuada em relao ajulho de 2013 O faturamento real apresentou relativaestabilidade na comparao com julho. A Indstria Extrativa e o setor de Produtosde Metal destacaram-se com as maioresinfluncias positivas, com 0,99 e 0,55 pontopercentual (p.p.), respectivamente. A maiorcontribuio positiva ao ndice ficou com osetor de Produtos de Metal, com expanso de40,64%. Em termos dessazonalizados a variveldecresceu 2,08%. Na comparao com o mesmo ms de 2013 oindicador recuou 12,05%. A varivel apresentou queda de 6,53% naanlise da mdia mvel dos ltimos 12 meses. No acumulado at agosto de 2014, contramesmo perodo de 2013, o faturamentodecresceu 8,09%. De janeiro a agosto de 2014 o setor de VeculosAutomotores representou a maior contribuionegativa, com 6,61 p.p., registrando tambm omaior recuo no perodo (-21,90%).150145140135130125120Faturamento Real - Variao (em %) x Influncia (em p.p.) acumuladaVariao Influnciamaior influncia positiva maior influncia negativa22,04 19,153,6311,852,59 0,98(0,47) (4,83) (6,46) (9,66) (9,46) (7,73) (9,44)(13,07)(6,10)(21,90)0,980,180,180,170,120,01(0,05) (0,06) (0,10)(0,14) (0,15)(0,24) (0,41)(0,92)(1,04)(6,61)Produtos QumicosProdutos FarmacuticosMquinas e EquipamentosBebidasDerivados de Petrleo e BiocombustveisMquinas, Aparelhos e Materiais EltricosProdutos AlimentciosCelulose, Papel e Produtos de PapelProdutos TxteisProdutos de MetalArtigos do Vesturio e AcessriosCouro e CaladosProdutos de Minerais No MetlicosExtrativa MineralMetalurgia BsicaVeculos AutomotoresFaturamento realDessazonalizado mdia 2006=100Faturamento RealDeflator: IPA/OG-FGVFaturamento Real Mdia Mvel Semestral115ago/11 dez/11 abr/12 ago/12 dez/12 abr/13 ago/13 dez/13 abr/14 ago/14 3. ANO 25 - N 8 - AGOSTO 2014 | 3Horas trabalhadasna produoReduziram em todas as bases decomparao As horas trabalhadas na produo decresceram3,48%, diante de julho. O setor de Veculos Automotores apresentoua maior variao negativa (-12,92%) e a maiorinfluncia (-1,44 p.p.). Em termos dessazonalizados as horastrabalhadas registraram recuo de 2,37%, nacomparao com julho. Em relao a agosto de 2013 o indicador foi7,29% menor. A mdia mvel dos ltimos 12 meses registrouqueda de 1,60%. Entre janeiro e julho deste ano as horas deproduo recuaram 2,56%, na comparaocom os mesmos meses de 2013. O setor de Veculos Automotores foi o quemais influenciou negativamente o indicador,com 1,94 p.p. no acumulado dos oito primeirosmeses de 2014. O setor de Produtos deMetal apresentou a maior variao negativa(-19,44%).Horas trabalhadas na produoDessazonalizado mdia 2006=100Horas Trabalhadas na ProduoHoras Trabalhadas na Produo Mdia Mvel Semestral135130125120115110105ago/11 dez/11 abr/12 ago/12 dez/12 abr/13 ago/13 dez/13 abr/14 ago/14Horas Trabalhadas na Produo - Variao (em %) x Influncia (em p.p.) acumuladaVariao Influnciamaior influncia positiva maior influncia negativa20,0133,642,18 3,06 3,68 5,1411,056,04 0,63 3,36(3,53) (4,08) (4,47) (5,78)(19,44)(14,82)0,600,430,40 0,18 0,14 0,110,080,070,050,04(0,12)(0,28) (0,33) (0,37)(1,13)(1,94)Produtos QumicosBebidasProdutos AlimentciosProdutos de Minerais No MetlicosProdutos TxteisMquinas, Aparelhos e Materiais EltricosDerivados de Petrleo e BiocombustveisProdutos FarmacuticosExtrativa MineralCelulose, Papel e Produtos de PapelMquinas e EquipamentosCouro e CaladosMetalurgia BsicaArtigos do Vesturio e AcessriosProdutos de MetalVeculos Automotores 4. 4 | ANO 25 - N 8 - AGOSTO 2014EmpregoDecresceu frente ao msde agosto de 2013 O nvel de emprego reduziu 0,19% no ms deagosto em relao ao ms anterior. As maiores influncias negativas foramobservadas nos setores de Produtos de Metal(-0,18 p.p.) e de Alimentos (-0,18 p.p.). O setorde Produtos de Metal tambm apresentou amaior variao negativa (-2,71%). Livre de efeitos sazonais o indicador recuou0,41% diante de julho. Na anlise da mdia mvel dos ltimos 12meses houve relativa estabilidade no indicador. No confronto dos oito primeiros meses de2014 com o mesmo perodo do ano anterior oemprego industrial retraiu 0,18%. No acumulado do ano at agosto o setor deProdutos Alimentcios apresentou a maiorinfluncia negativa (-0,42 p.p.). No entanto,a maior variao negativa no indicador foiregistrada pelo setor de Bebidas (-15,95%).EmpregoDessazonalizado mdia 2006=100EmpregoEmprego Mdia Mvel Semestral130128126124122120ago/11 dez/11 abr/12 ago/12 dez/12 abr/13 ago/13 dez/13 abr/14 ago/14Emprego - Variao (em %) x Influncia (em p.p.) acumuladaVariao Influnciamaior influncia positiva maior influncia negativa3,617,344,720,964,018,510,89 1,54(0,37) (0,35) (0,58)(8,29)(2,36)(15,95)(3,17) (2,67)0,260,200,190,120,090,090,050,02(0,02) (0,02) (0,03)(0,06)(0,16)(0,19)(0,24) (0,42)Produtos de Minerais No MetlicosProdutos QumicosProdutos TxteisVeculos AutomotoresMquinas, Aparelhos e Materiais EltricosProdutos FarmacuticosProdutos de MetalCelulose, Papel e Produtos de PapelMquinas e EquipamentosArtigos do Vesturio e AcessriosCouro e CaladosDerivados de Petrleo e BiocombustveisExtrativa MineralBebidasMetalurgia BsicaProdutos Alimentcios 5. ANO 25 - N 8 - AGOSTO 2014 | 5Massa salarial realAumento na varivel apsajuste sazonal A massa salarial real apresentou queda de2,31% frente a julho. O setor de Metalurgia Bsica mostrou a maiorcontribuio negativa ao ndice, com 2,03 p.p.,e tambm a maior retrao (-17,47%). Desconsiderando os efeitos sazonais a varivelapresentou elevao de 0,93%. Na comparao com agosto de 2013 oindicador cresceu 3,02%. Verificou-se elevao de 2,06% na varivel naanlise da mdia mvel dos ltimos 12 meses. De janeiro a agosto de 2014 a massa salarialaumentou 3,79% contra igual perodo de 2013. No acumulado at agosto de 2014 o setorque apresentou a maior influncia positiva noresultado foi o de Minerais No Metlicos, com1,90 p.p., assim como o maior incremento noperodo (30,07%).Massa salarial realDessazonalizado mdia 2006=100Massa Salarial RealDeflator: INPC - IBGEMassa Salarial Real Mdia Mvel Semestral165160155150145140135130ago/11 dez/11 abr/12 ago/12 dez/12 abr/13 ago/13 dez/13 abr/14 ago/14Massa Salarial - Variao (em %) x Influncia (em p.p.) acumuladaVariao Influnciamaior influncia positiva maior influncia negativa30,078,6416,084,5714,264,32 2,046,30 7,892,07 0,62(1,77)(5,89) (6,71) (6,53)(9,87)1,901,080,560,470,350,320,290,160,070,02 0,01(0,06)(0,12) (0,18) (0,22)(1,40)Produtos de Minerais No MetlicosMetalurgia BsicaProdutos QumicosExtrativa MineralCouro e CaladosProdutos de MetalProdutos AlimentciosProdutos TxteisCelulose, Papel e Produtos de PapelBebidasProdutos FarmacuticosMquinas, Aparelhos e Materiais EltricosDerivados de Petrleo e BiocombustveisMquinas e EquipamentosArtigos do Vesturio e AcessriosVeculos Automotores 6. 6 | ANO 25 - N 8 - AGOSTO 2014Rendimentomdio realCresceu em relao a julho,aps ajuste sazonal O rendimento mdio real no ms de agostorecuou 2,12% contra julho. Livre dos efeitos sazonais o indicador mostrouaumento de 0,98%, na comparao com oms anterior. Na anlise da mdia mvel dos ltimos 12meses o indicador elevou-se em 1,91%. De janeiro a agosto de 2014 o indicadorcresceu 3,84%, comparando-se com o mesmoperodo do ano anterior.Rendimento mdio realDessazonalizado mdia 2006=100Rendimento Mdio RealRendimento Mdio Real Mdia Mvel SemestralHoras Trabalhadas na ProduoDeflator: INPC - IBGE135130125120115110105ago/11 dez/11 abr/12 ago/12 dez/12 abr/13 ago/13 dez/13 abr/14 ago/14Utilizao da Capacidade InstaladaNUCINUCI Mdia Dessazonalizado Percentual mdio Mvel Semestral908886848280ago/11 dez/11 abr/12 ago/12 dez/12 abr/13 ago/13 dez/13 abr/14 ago/14Utilizao dacapacidade instaladaElevou-se frente a agosto de 2013 Em agosto o nvel de utilizao da capacidadeinstalada foi de 85,87% diante dos 87,15%verificados no ms de julho, mostrando recuode 1,28 p.p.. Em termos dessazonalizados a utilizao dacapacidade instalada registrou decrscimo de1,44 p.p., aferindo 84,90% no ms de agostoem relao a julho (86,34%). Em relao a agosto de 2013 (85,39%) houveincremento de 0,48 p.p. no indicador. No acumulado do ano at agosto o NUCImdio apresentou relativa estabilidade frente mdia de janeiro a agosto de 2013 (85,12%),registrando 85,04%. 7. ANO 25 - N 8 - AGOSTO 2014 | 7Anlise setorialO faturamento real apresentou relativa estabilidade na indstria de Minas Gerais em agosto, com relao a julho. Dos 16 setorespesquisados, sete registraram crescimento no indicador nesse mesmo perodo. A maior influncia positiva foi do setor de Produtos deMetal (0,55 p.p.), enquanto a maior influncia negativa foi do setor de Mquinas e Equipamentos (-1,36 p.p.). Aps ajuste sazonal oresultado inverteu e registrou queda de 2,08%.O emprego registrou decrscimo de 0,19% no ms de agosto, comparativamente a julho. Dentre os 16 setores pesquisados, novemostraram queda. O setor de Produtos de Metal foi o que apresentou a maior reduo (-2,71%) e a maior influncia negativa (-0,18p.p). Livre das influncias sazonais o emprego recuou 0,41%. A massa salarial decresceu 2,31%, com a maior influncia verificadano setor de Metalurgia Bsica (-2,03 p.p.). Aps ajuste sazonal a massa salarial cresceu 0,93% e o rendimento mdio real expandiu0,98%.O indicador de horas trabalhadas na produo recuou 3,48% na comparao de agosto com julho, sendo que 10 dos 16 setorespesquisados mostraram decrscimo. O setor de Veculos Automotores apresentou a maior queda (-12,92%) e a maior influncianegativa (-1,44 p.p. ). Em termos dessazonalizados o indicador diminuiu 2,37%.O nvel de utilizao da capacidade instalada mostrou queda de 1,28 p.p., sendo que 8 dos setores pesquisados apresentaram recuono indicador. Os dados dessazonalizados aferiram diminuio de 1,44 p.p..Os setores de destaque no ms foram: Produtos de Metal, Extrativo Mineral, Produtos Alimentcios e Mquinas e Equipamentos.O setor de Produtos de Metal apresentou elevao de 40,64%no faturamento real em agosto, diante de julho. O resultado foiprovocado pelo incremento nas vendas de estruturas metlicaspara o mercado externo e, em especial, para o mercado interno.O pessoal empregado reduziu 2,71%, reflexo do ajuste noquadro de funcionrios e, em conjunto com o menor nmerode dias teis no ms, influenciou negativamente as horastrabalhadas, que recuaram 7,24%, e a utilizao da capacidadeinstalada, que retraiu 1,14 p.p.. A massa salarial caiu 0,18%no ms, em decorrncia do menor pagamento de rescises,enquanto o rendimento mdio real dos trabalhadores aumentou2,60%, consequncia do decrscimo no emprego em proporosuperior reduo nas remuneraes pagas em agosto.Indicadores de atividade do setor de Produtos de Metalcontra ms anterior (%)40,64-7,24 -1,14 -2,71 -0,182,60Faturamento realHoras trabalhadasUCI*EmpregoMassa salarial realRendimento mdio*Em pontos percentuaisO faturamento real da indstria Extrativa cresceu 15,93% emagosto, diante de julho, em virtude do incremento nas vendaspara o mercado interno e externo. O aumento na demandaasitica, aliado a um pequeno acrscimo no preo do minriode ferro, provocou o crescimento nas vendas do setor. As horastrabalhadas na produo aumentaram 0,52%, em decorrnciado menor nmero de funcionrios em frias no ms, enquantoo maior pagamento das frias em julho motivou a queda damassa salarial em 1,91% e do rendimento mdio real em 1,47%.O nvel de emprego mostrou recuo de 0,44% e a utilizao dacapacidade instalada reduziu 1,68%.Indicadores de atividade do setor Extrativo Mineralcontra ms anterior (%)15,930,52-1,68 -0,44 -1,91 -1,47Faturamento realHoras trabalhadasUCI*EmpregoMassa salarial realRendimento mdio 8. 8 | ANO 25 - N 8 - AGOSTO 2014O faturamento real do setor de Produtos Alimentcios recuou5,61% no ms de agosto, consequncia da reduo nas vendaspara o mercado interno, especialmente nos segmentos de carnee de acar. As horas trabalhadas apresentaram estabilidadeem relao ao ms anterior, o nvel de utilizao da capacidadeinstalada encolheu 0,29 p.p., e o emprego caiu 1,14%. Asempresas de acar foram as que mais contriburam para oresultado, em virtude da queda na produo motivada pelofim da safra. A massa salarial cresceu 6,18% em virtude dopagamento de banco de horas e horas extras em importantesempresas e tambm pela concesso de reajuste salarial. Aelevao nas remuneraes pagas provocou expanso de 7,41%no rendimento mdio real.Em agosto o faturamento real no setor de Mquinas eEquipamentos apresentou retrao de 23,54%, frente a julho,em virtude da queda nas vendas domsticas. O recuo naproduo influenciou a variao negativa de 1,58% no empregoo que, em conjunto com o menor nmero de dias teis, motivoua reduo de 7,99% nas horas trabalhadas na produo e de2,13 p.p. na utilizao da capacidade instalada. A massa salarialdecresceu 17,47%, reflexo do pagamento de participao noslucros e resultados no ms anterior, e o rendimento mdio realcaiu 16,14%.-5,61-0,01 -0,29 -1,14*Em pontos percentuais6,187,41Faturamento realHoras trabalhadasUCI*EmpregoMassa salarial realRendimento mdioIndicadores de atividade do setor de ProdutosAlimentcioscontra ms anterior (%)-23,54-7,99-2,13 -1,58-17,47-16,14Faturamento realHoras trabalhadasUCI*EmpregoMassa salarial realRendimento mdioIndicadores de atividade do setor de Mquinase Equipamentoscontra ms anterior (%) 9. ANO 25 - N 8 - AGOSTO 2014 | 9Indicadores Industriais Minas GeraisFATURAMENTO REAL(Variao em %)HORAS TRABALHADASNA PRODUO(Variao em %)UTILIZAO DACAPACIDADE INSTALADA(Variao em p.p.)Ago/14Jul/14Ago/14Ago/13Jan-Ago/14Jan-Ago/13Ago/14Jul/14Ago/14Ago/13Jan-Ago/14Jan-Ago/13Ago/14Jul/14Ago/14Ago/13Jan-Ago/14Jan-Ago/13Indstria Geral 0,02 (12,05) (8,09) (3,48) (7,29) (2,56) (1,28) 0,48 (0,08)Indstria Extrativa 15,93 (8,69) (13,07...</p>