of 78 /78
LÓGICA DE pROGRAMAÇÃO Professora: Lorenna Lisboa Vaz dos Santos

Apostila lógica de programação senac

Embed Size (px)

Text of Apostila lógica de programação senac

  • 1. LGICA DEpROGRAMAO Professora: Lorenna Lisboa Vaz dos Santos

2. SumrioCaptulo 1 ....................................................................................................................................... 11. Introduo ............................................................................................................................... 11.1. Noes de Lgica .............................................................................................................. 11.2. Conceituao de Algoritmo ............................................................................................... 11.3. Algoritmizando a Lgica ................................................................................................... 11.4. Refinamentos sucessivos ................................................................................................... 21.5. Forma de Representao do Algoritmo .............................................................................. 2Captulo 2 ....................................................................................................................................... 32. Noes Fundamentais .............................................................................................................. 32.1. Regra para Criao/Formao de Identificadores ............................................................... 32.2. Tipos Bsicos de Dados ..................................................................................................... 32.2.1. Numrico ................................................................................................................. 32.2.1.1. Inteiro ................................................................................................................... 32.2.1.2. Real ...................................................................................................................... 42.2.2. Literal ...................................................................................................................... 42.2.3. Lgico ...................................................................................................................... 42.3. Conceituao de Constantes e Variveis ............................................................................ 42.3.1. Constantes ................................................................................................................ 42.3.2. Variveis .................................................................................................................. 42.4. Como Fazer as Declaraes ............................................................................................... 42.4.1. Declarao de Variveis ........................................................................................... 42.4.2. Declarao de Constantes ......................................................................................... 52.5. Comentrios ...................................................................................................................... 62.6. Comandos ......................................................................................................................... 72.6.1. Atribuio ................................................................................................................ 72.6.2. Entrada ..................................................................................................................... 72.6.3. Sada ........................................................................................................................ 72.7. Como Estruturar o Algoritmo ............................................................................................ 82.7.1. Anlise Preliminar .................................................................................................... 82.7.2. Soluo .................................................................................................................... 82.7.3. Teste de Qualidade ou Teste de Mesa ou Rastreamento ou Rastreio.......................... 82.7.4. Alterao .................................................................................................................. 82.7.5. Produto Final............................................................................................................ 82.8. Estrutura Sequencial .......................................................................................................... 8Captulo 3 ..................................................................................................................................... 153. Expresses ............................................................................................................................ 153.1. Expresses Aritmticas.................................................................................................... 153.1.1. Operadores Aritmticos .......................................................................................... 153.1.2. Funes Aritmticas ............................................................................................... 153.2. Expresses Literais .......................................................................................................... 153.3. Expresses Relacionais.................................................................................................... 153.4. Expresses Lgicas ......................................................................................................... 163.4.1. Operadores Lgicos................................................................................................ 16Captulo 4 ..................................................................................................................................... 194. Estrutura Condicional (Seleo - Controle) ............................................................................ 194.1. Simples (se) ..................................................................................................................... 194.2. Composta (se seno) ..................................................................................................... 19 3. 4.3. Caso ................................................................................................................................ 20Captulo 5 ..................................................................................................................................... 295. Estrutura de Repetio ........................................................................................................... 295.1. Tipos de Estruturas de Repetio ..................................................................................... 295.1.1. Repita ..................................................................................................................... 295.1.2. Enquanto ................................................................................................................ 295.1.3. Para ........................................................................................................................ 305.2. Tipos de Interrupo ........................................................................................................ 305.2.1. Valor Esperado ....................................................................................................... 315.2.2. Por Contador .......................................................................................................... 315.2.3. Por FLAG .............................................................................................................. 31Captulo 6 ..................................................................................................................................... 446. Variveis Compostas Homogneas ........................................................................................ 446.1. Introduo ....................................................................................................................... 446.2. Variveis Compostas Homogneas Unidimensionais (Vetores) ....................................... 446.3. Variveis Compostas Homogneas Bidimensionais (Matrizes) ........................................ 50Captulo 7 ..................................................................................................................................... 547. Rotinas (Mdulo / Modularizao / Subalgoritmos / Sub-rotinas) .......................................... 547.1. Introduo ....................................................................................................................... 547.2. Procedimentos ................................................................................................................. 567.3. Escopo ............................................................................................................................ 567.4. Correspondncia Argumento - Parmetro ........................................................................ 567.5. Funes ........................................................................................................................... 60Captulo 8 ..................................................................................................................................... 668. Pascal .................................................................................................................................... 668.1. Comandos em Pascal ....................................................................................................... 668.2. Alguns Comandos teis .................................................................................................. 678.2.1. Teclas de Atalho ..................................................................................................... 678.2.2. Para Executar Passo a Passo no Pascal.................................................................... 688.3. Fazendo a Converso de Pseudocdigo para Pascal ......................................................... 68REFERNCIAS BIBLIOGRFICAS ........................................................................................... 74 4. Pgina: 1Captulo 11. Introduo1.1. Noes de Lgica A origem da palavra lgica vem do grego logos (Cincia do raciocnio e da demonstrao). O uso corriqueiro da palavra lgica est normalmente relacionado coerncia e racionalidade.Frequentemente associa-se lgica apenas matemtica, no percebendo sua aplicabilidade e relaocom as demais cincias. Poderamos dizer tambm que a lgica a arte de bem pensar, que a cincia das formasdo pensamento. Visto que a forma mais complexa do pensamento o raciocnio, a lgica estuda acorreo do raciocnio. Podemos ainda dizer que a lgica tem em vista a ordem da razo. Istod a entender que a nossa razo pode funcionar desordenadamente. Por isso a lgica estuda e ensinaa colocar ordem no pensamento. Sempre que pensamos, a lgica ou a ilgica necessariamente nos acompanha. Podemosperceber a importncia da lgica em nossa vida, no s na teoria, como na prtica, j que, quandoqueremos pensar, falar, escrever ou agir corretamente, precisamos colocar ordem no pensamento,isto , utilizar lgica. Lgica de programao significa o uso correto das leis do pensamento, da ordem da razo ede processos de raciocnio e simbolizao formais na programao de computadores, objetivandoracionalidade e o desenvolvimento de tcnicas que cooperem para a produo de solueslogicamente vlidas e coerentes, que resolvam com qualidade os problemas que se desejaprogramar.1.2. Conceituao de AlgoritmoSegundo Forbellone e Eberspacher (2000) algoritmo pode ser definido como uma sequnciade passos que visam atingir um objetivo bem definido.De acordo com Farrer (1989) algoritmo a descrio de um conjunto de comandos que,obedecidos, resultam numa sucesso finita de aes.Salvetti e Barbosa (1998) afirmam que algoritmo uma sequncia finita de instrues ouoperaes bsicas (operaes definidas sem ambiguidade e executveis em tempo finito dispondo-se apenas de lpis e papel) cuja execuo, em tempo finito, resolve um problema computacional,qualquer que seja sua instncia.Resumindo: algoritmo uma sequncia ordenada, e sem ambiguidade (duplo sentido), decomandos que, obedecidos, resultam numa sucesso finita e previsvel de aes.1.3. Algoritmizando a Lgica Um algoritmo tem por objetivo representar mais fielmente o raciocnio envolvido na Lgicade Programao e, dessa forma, permite-nos abstrair de uma srie de detalhes computacionais quepodem ser acrescentados mais tarde. Quando se alcana uma soluo algortmica para um problema, esta pode ser traduzida paraqualquer linguagem de programao e ser agregada das funcionalidades disponveis nos diversosambientes, ou seja, a codificao em uma linguagem de programao acaba se tornando umasimples transcrio de palavras-chave. 5. Pgina: 21.4. Refinamentos sucessivosAo um fato que, a partir de um estado inicial, aps um perodo de tempo finito, produzum estado final previsvel e definido.O algoritmo um conjunto de aes que esto divididas em dois tipos: primitivas e no-primitivas.Uma ao primitiva quando no se pode refin-la ainda mais e um comando bsico.Em um algoritmo, quando um comando no for entendido pelo destinatrio ter de serdesdobrado em novos comandos, que constituiro um refinamento do comando inicial.A ao fazer um suco de laranja e uma ao no-primitiva, pois pode ser refinada em maisoutras aes: pegar as laranjas, parti-las, esprem-las, colocar gua, colocar acar, e mexer bem.As aes no-primitivas do algoritmo devem ser refinadas at que se tornem primitivas.As aes primitivas so comandos bsicos (palavras-chave) e as usaremos, nesse curso,sempre sublinhadas e escritas em letras minsculas, para facilitar a visualizao e estruturar melhoro algoritmo.1.5. Forma de Representao do AlgoritmoUsaremos o pseudocdigo, ou seja, os comandos sero escritos em lngua portuguesa.Essa representao recebe os nomes de: pseudocdigo, linguagem algortmica, portugusestruturado ou portugol.Sua caracterstica principal justamente a proximidade com a linguagem humana. 6. Pgina: 3 Captulo 22.Noes FundamentaisAps ter dado o conceito de algoritmo, iremos introduzir alguns conceitos, regras econvenes para o seu desenvolvimento.Nesse curso, trabalharemos em nvel de memria RAM (Random Access Memory Memriade Acesso Aleatrio), ou seja, no haver armazenamento permanente de dados.A memria armazena informaes em endereos especficos. Quanto maior for a capacidadede armazenamento da memria, maior a sua quantidade de endereos. A distribuio dessesarmazenamentos realizada pelo programa executvel, que ser gerado a partir de cdigo fonte.A memria semelhante a um arquivo com vrias gavetas (ou divises), sendo que cadadiviso, por analogia, representa um endereo especfico de memria.A memria de um computador armazena os dados fazendo referncia atravs dos endereos.Quando se cria um algoritmo e o seu respectivo programa, o programador no se preocupa emqual endereo ficar armazenada uma determinada informao, pois ele utiliza as variveis dememria que substituem os respectivos endereos da memria de trabalho.Cada espao de memria possui um nome que criado pelo prprio programador e para criaresses nomes, existem regras, normas, porm isto no significa que estas normas so nicas, mascontribuem para o funcionamento do algoritmo.2.1. Regra para Criao/Formao de IdentificadoresUm identificador o nome escolhido para os espaos que sero alocados na memria, ou seja,o nome das constantes e/ou variveis, e tambm para tipos definidos, procedimentos e funes,tendo as seguintes caractersticas: formado por um ou mais caracteres; O primeiro caracter deve, aconselhavelmente, ser uma letra; No sero usados acentos, nem , nem espao em branco ( ); No permitido o uso de alguns smbolos especiais, tais como: * $ % ! { } [ # @ / = | ].Exceo: nico smbolo especial permitido: sublinha ou underscore ou underline, exemplo:Nome_Pai; importante que seja seguido um padro para os identificadores, onde possam ser destacadosdas palavras reservadas existentes na linguagem estruturada, exemplo: Primeira letra da palavra em maiscula e as restantes minsculas; Todas as letras maisculas; Todas as letras minsculas.2.2. Tipos Bsicos de DadosDefinem a estrutura do dado a ser utilizado. 2.2.1. NumricoIremos dividir o tipo numrico em duas partes (inteiro e real), descritas a seguir: 2.2.1.1. InteiroTodo e qualquer valor numrico que pertena ao conjunto dos nmeros inteiros relativos(negativa, nula ou positiva), ou seja no fracionrios. Os nmeros inteiros, em algoritmo, vo de 32.768 at 32.767.Exemplos: 80; 45; -21; 0; -58. 7. Pgina: 4 2.2.1.2. RealTodo e qualquer valor numrico que pertena ao conjunto dos nmeros reais (negativa, nula,positiva), podero ser nmeros inteiros ou com partes fracionrias. Os nmeros reais, em algoritmovo de 2,9*10-39 at 1,7*1038.Exemplos: -4,3; -46; 38; 95,6; 0; 32,5. 2.2.2. LiteralEste tipo de dado definido por uma sequncia de caracteres (letras, dgitos, e caracteresespeciais), devendo ser colocados entre aspas duplas, para que no seja confundido com outro tipode dados.Exemplos: falso; 1481; 29/02/2000; PROFESSOR; Linda!No exemplo acima o literal 1481, no poder entrar nos clculos, pois no inteiro ou real;assim como a expresso falso, tambm no pode ser confundida como um valor lgico. 2.2.3. LgicoIdentifica valores lgicos: falso ou verdadeiro. Sendo representado pelas palavras falso everdadeiro (minsculas).A tabela abaixo resume os tipos de dados mais comuns e sua definio nas linguagens maisconhecidas: TipoExemploBasic (VB) Pascal/DelphiJava/C++ inteiro 3; 56; 400 integerintegerintreal5.687; 54,8singlerealFloatliteral X; 5; Palavrastring stringString lgicoverdadeiro; falso. V; Ftrue / false true / false true / false2.3. Conceituao de Constantes e Variveis 2.3.1. ConstantesConstante um valor fixo que no se altera durante a execuo do algoritmo, podendo ser umvalor numrico, um valor lgico ou uma sequncia de caracteres (literal). 2.3.2. Variveis a representao de um valor (inteiro, real, lgico ou literal), cujo contedo pode variardurante a execuo do algoritmo. Apesar de assumir diversos valores, a varivel s pode armazenarum valor a cada instante.2.4. Como Fazer as Declaraes 2.4.1. Declarao de VariveisComo j sabemos, os computadores manipulam dados atravs dos programas. Mas como osprogramas trabalham com estes dados? Os dados ficam na memria, portanto o programa precisa deuma forma de acessar esta memria e, consequentemente, os dados. Os programas acessam osdados atravs de variveis. Portanto, uma varivel corresponde a uma posio de memria, cujocontedo pode variar ao longo da execuo do programa.Toda varivel possui um nome ou identificador.As variveis s podem armazenar valores de um mesmo tipo, de forma que elas soclassificadas como: inteiro, real, lgico ou literal.Para declarar uma varivel utilize o seguinte mtodo: 8. Pgina: 5 Sintaxe: declare Lista_De_Identificadores: tipo_de_dadoOnde:declare: uma palavra reservada do algoritmo, que abre um espao de memria paraas variveis que esto sendo declaradas;Lista_De_Identificadores: nomes escolhidos para as variveis, que devem estarseparados por vrgula;tipo_de_dado: uma das quatro palavras reservadas (inteiro, real, lgico ou literal,que indica o tipo associado s variveis). Na linguagem algortmica as palavras reservadas sero sublinhadas e escritas em minsculo. A seguir exemplos de declarao de variveis: declare Idade: inteiro Nome, Sexo, Profissao: literal Teste, Status: lgicoNo momento em que a varivel declarada, reservado um espao na memria RAM(Random Access Memory), onde ficar armazenado o contedo desta varivel.A declarao de uma varivel tambm depende da linguagem. A varivel X ser declaradado tipo inteiro e a varivel Y do tipo real. Observe a definio em cada linguagem:2.4.2. Declarao de Constantes Uma constante declarada em sua inicializao e esta declarao deve vir antes da declaraodas variveis. Sintaxe: constante Identificador valor Onde: constante: uma palavra reservada do algoritmo, que indica a abertura de um espao dememria para uma constante, com um valor pr-definido; Identificador: nome escolhido para a constante; : sinal de atribuio, faz a constante receber um valor; valor: o contedo atribudo constante de acordo com a necessidade do algoritmo, serestringindo aos tipos bsicos (inteiro, real, lgico ou literal). A seguir exemplos de declarao de constantes: constante Limite 100 Nome_Empresa Senai Teste falso No momento em que a constante inicializada, reservado um espao na memria RAM,onde armazenado o contedo desta constante. 9. Pgina: 6Exerccios1) Determine qual o tipo de informao presente nos itens sublinhados (isoladamente) abaixo(inteiro, real, literal ou lgico):a) O cu hoje no apresenta estrelas!b) Caio desceu 50 degraus, pois o elevador estava com defeito.c) Carolina levou 2 horas e meia para chegar ao trabalho, tamanho era o congestionamento.d) Havia escrito em um cartaz Preserve o meio ambiente!e) Manoel ganhou sua 1 medalha na competio por ter alcanado a marca de 40,1 segundos nos200 metros livre.2) Verifique se os nomes dos identificadores so vlidos marcando V ou F:a) Sexo( ) e) Localidade ( ) i) Endereco ( )b) 12Nome( ) f) Nota1( ) j) Valor $( )c) Nota( ) g) Percentagem% ( ) k) Numero ( )d) Sexo=M/F( ) h) Nome Pai ( ) l) NomeAluno( )3) Declare as variveis para os itens abaixo que contero os seguintes dados:a) O nome de uma pessoa.b) O seu salrio bruto.c) O nmero de filhos.d) Seu telefone.Obs.: No esquea de usar as regras para formar identificadores. _______________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________ _______________________________________________________________________________4) Encontre os erros da seguinte declarao de variveis:declareEndereo, Nfilhos, Valor$: inteiroXPTO, c, peso realIdade, x: literal2lmpada, x: lgico2.5. ComentriosComo podemos perceber, de grande importncia que um algoritmo seja bastante claro e defcil entendimento. Para nos auxiliar nessa tarefa, usaremos comentrios. Os comentrios podemser colocados em qualquer ponto do algoritmo que se faa necessrio. Ele um texto, ou apenasuma frase, delimitado por chaves, que serve para explicar a finalidade do uso de um comando, ocontedo de uma varivel ou quaisquer informaes que precisem ser comentadas.Exemplos:declareSalMin: real {salrio mnimo}SalBruto: real {salrio bruto}Soma: real {resultado de uma adio}ou 10. Pgina: 7 declareSalMin, SalBruto, Soma: real{SalMin: salrio mnimo; SalBruto: salrio bruto eSoma: resultado de uma adio}2.6. Comandos Por definio, comando a descrio de uma ao a ser executada em um dado momento.2.6.1. AtribuioEste comando permite que se fornea um valor a uma certa constante ou varivel, onde anatureza deste valor tem que ser compatvel com o tipo da varivel ou do tipo bsico que est sendoarmazenado.Sintaxe: Identificador valorOnde:Identificador: o nome da constante ou varivel qual est sendo atribudo o valor;: o smbolo de atribuio que permite que o identificador receba um determinado valor(contedo);valor: pode ser inteiro, real, lgica ou literal.2.6.2. Entrada Sabe-se que as unidades de entrada (exemplo: teclado) so dispositivos que possibilitam acomunicao entre o usurio e o computador, e aqui sero representadas pelo comando leia, quepermite ao usurio informar o contedo a ser lido pelo computador e armazenado em uma varivel. Um comando de entrada construdo de acordo com a seguinte regra: Sintaxe: leia Lista_De_Identificadores Onde: leia: uma palavra reservada, que indica que o valor ser informado pelo usurio; Lista_De_Identificadores: so os nomes das variveis separados por vrgula.2.6.3. SadaOs comandos de sada de dados permitem mostrar ao usurio, atravs de um dispositivo desada (exemplos: monitor e impressora), mensagens ou resultados obtidos.Sintaxe: escreva mensagens , Lista_De_Identificadores escreva Lista_De_Identificadores, mensagens Onde: escreva: uma palavra reservada, que apresenta mensagens (que devero estar entre aspas,caso elas existam) e/ou o contedo de variveis, para o usurio, simulando o monitor domicrocomputador; mensagens: frases ou textos que sero apresentados pelo dispositivo de sada, sendoopcional o seu uso. Pode vir antes, entre ou depois dos identificadores; Lista_De_Identificadores: so os nomes das variveis e/ou constantes separados por vrgula. 11. Pgina: 82.7. Como Estruturar o Algoritmo 2.7.1. Anlise PreliminarEntenda o problema com a maior preciso possvel. Identifique os dados, identifique osresultados desejados. 2.7.2. SoluoDesenvolva um algoritmo para resolver o problema. 2.7.3. Teste de Qualidade ou Teste de Mesa ou Rastreamento ou RastreioExecute o algoritmo desenvolvido, com dados, para os quais o resultado seja conhecido. Noteque a qualidade de um algoritmo, pode ser limitada por fatores como tempo para o desenvolvimentoe recursos disponveis.2.7.4. Alterao Se o resultado do teste de qualidade no for satisfatrio, altere o algoritmo e submeta-o a umnovo teste de qualidade. 2.7.5. Produto FinalAlgoritmo concludo e testado, pronto para ser aplicado.Anlise Preliminar SoluoTeste de Qualidade AlteraoProduto Final2.8. Estrutura SequencialAo montar a estrutura de um algoritmo, observamos que aparecem em primeiro lugar asdeclaraes seguidas por comandos, que, salvo em contrrio, devero ser executados numasequncia linear, seguindo-se o texto em que so escritos, de cima para baixo (top-down).Por conveno, adotamos que os algoritmos so iniciados com a palavra reservada algoritmo eterminados com a expresso fim_algoritmo, que tambm uma palavra reservada.Estrutura de um Algoritmo:algoritmo Declarao de constantes e/ou variveis Entrada de dados Processamento de dados Sada de dadosfim_algoritmo 12. Pgina: 9Exerccios1) Apresente o seguinte algoritmo:a) Ler 2 valores, no caso variveis A e B.b) Efetuar a soma das variveis A e B implicando seu resultado na varivel X.c) Apresentar o valor da varivel X aps a soma dos dois valores indicados.2) A frmula para calcular a rea de uma circunferncia : A = R2. Sendo que o valor de =3.14159 basta estabelecer:a) Ler um valor para raio, no caso a varivel R.b) Efetuar o clculo da rea, elevando o valor de R ao quadrado e multiplicando por .c) Apresentar o valor da varivel A.3) Leia duas variveis A e B. A seguir, calcule a soma, a diferena, o produto e a diviso entreelas. A seguir mostre o resultado de cada conta com as mensagens correspondentes.4) Leia duas notas de um aluno. A seguir, calcule a mdia do aluno, sabendo que a primeira notatem peso 3,5 e a segunda nota tem peso 7,5.5) Escreva um algoritmo que leia o nmero de um funcionrio, seu nmero de horas trabalhadas, ovalor que recebe por hora e calcula o salrio desse funcionrio. A seguir, mostre o nmero e osalrio do funcionrio.6) Faa um algoritmo que leia o nome de um vendedor, o seu salrio fixo e o total de vendasefetuadas por ele no ms (em dinheiro). Sabendo que este vendedor ganha 15% de comisso sobresuas vendas efetuadas, informar o seu salrio no final do ms.7) Desenvolva um algoritmo que leia o cdigo de uma pea 1, o nmero de peas 1, o valorunitrio de cada pea 1, o cdigo de uma pea 2, o nmero de peas 2, o valor unitrio de cada pea2 e calcula e mostra o valor a ser pago.8) Faa um algoritmo para determinar o consumo mdio de um automvel sendo fornecidos adistncia total percorrida pelo automvel e o total de combustvel gasto.9) Crie um algoritmo que receba do usurio o valor de uma determinada compra e a quantidade deparcelas em que se quer dividir este valor. O algoritmo deve calcular o valor de cada parcela eescrever o valor da compra e valor de cada parcela. Considere que no ser acrescido nenhum jurono valor total.10) Faa um algoritmo que leia a idade de uma pessoa em anos, calcule e escreva quantos dias eleviveu, considerar o ano com 365,25 dias.11) Uma instituio de ensino realizou uma pesquisa sobre os eleitores de um municpio queparticiparam da ltima eleio. Faa um algoritmo que leia o total de votos brancos, nulos e vlidos.Calcule e escreva o percentual que cada um representa em relao ao total de eleitores.12) Vernica distribui sua renda mensal da seguinte forma: 10% sade, 25% educao, 30%alimentao, 10% vesturio, 5% lazer, 20% outros. Faa um algoritmo que leia a renda mensallquida de Vernica, calcule e escreva o valor aplicado em cada item acima citado.13) Construa um algoritmo para pagamento de comisso de vendedores de peas, levando-se emconsiderao que sua comisso ser de 3% do total da venda e que voc tem os seguintes dados: 13. Pgina: 10 Identificao do vendedor; Cdigo da pea; Preo unitrio da pea; Quantidade vendida.Escreva a identificao do vendedor e o valor de sua comisso.14) Faa um algoritmo para ler a base e a altura de um tringulo. Em seguida, escreva a rea domesmo. Obs.: rea = ( Base * Altura ) / 215) Dado as seguintes informaes de um funcionrio: Nome, idade, cargo e o seu salrio bruto.Considere:a) O salrio bruto teve um reajuste de 38%;b) O funcionrio receber uma gratificao de 20% do salrio bruto;c) O salrio total descontado em 15%.Faa um algoritmo para escrever: Nome, idade e cargo; Salrio bruto; Salrio lquido.16) Uma empresa tem para um determinado funcionrio uma ficha contendo o nome, nmero dehoras trabalhadas e o nmero de dependentes de um funcionrio. Considerando que:a) A empresa paga 20 reais por hora e 40 reais por dependentes.b) Sobre o salrio so feitos descontos de 8,5% para o INSS e 5% para IR.Faa um algoritmo para ler o nome, nmero de horas trabalhadas e nmero de dependentes de umfuncionrio. Aps a leitura, escreva qual o nome, salrio bruto, os valores descontados para cadatipo de imposto e finalmente qual o salrio lquido do funcionrio.17) O preo de um automvel calculado pela soma do preo de fbrica com o preo dos impostos(45% do preo de fbrica) e a percentagem do revendedor (28% do preo de fbrica). Faa umalgoritmo que leia o nome do automvel e o preo de fbrica. Escreva o nome do automvel e opreo final.18) Faa um algoritmo que receba o valor de um depsito e o valor da taxa de juros, calcule emostre o valor do rendimento e o valor total depois do rendimento.19) A conta de gua de uma residncia o resultado da soma da tarifa de gua com a tarifa deesgoto. Faa um algoritmo que leia a tarifa de gua, calcule a tarifa de esgoto (80% da tarifa degua) e escreva o valor da conta a ser paga.20) Crie um algoritmo que leia a quantidade de presenas e faltas de um aluno. Calcule e escreva asua porcentagem de presenas e faltas em relao ao total de aulas dadas.21) As Centrais Eltricas de Gois necessita que voc crie um algoritmo que:Leia:a) O nmero da conta, o valor do Kwh, a quantidade de Kwh consumido.b) Calcule e escreva:c) O valor a pagar;d) O valor do ICMS, sabendo que o ICMS 25% do valor a pagar;e) O nmero da conta. 14. Pgina: 1122) Crie um algoritmo que leia o valor unitrio de uma garrafa de vinho e quantidade de caixas queuma pessoa quer comprar (S se vende a caixa, no se vende a garrafa, separadamente). Calcule ovalor a pagar pela pessoa, sabendo que a caixa possui 12 unidades.23) Calcule e escreva o valor a ser pago a vista em um posto de combustvel. Para isso voc deverler o valor do litro do combustvel e a quantidade em litros que voc abasteceu.24) Desenvolva um algoritmo sabendo-se que o valor por hora de uma aula particular de R$10,00. Leia o nome de 3 alunos e a quantidade de horas de cada um. Calcule e escreva o nome, ovalor a ser pago por cada aluno e o valor total dos trs.25) Escreva um algoritmo que leia quatro notas de um aluno, calcule a mdia simples e a mdiaponderada deste aluno. Admita que os pesos das notas so respectivamente iguais a 1, 2, 3 e 4.Frmulas:N1 + N2 + N3 + N4Mdia simples=4 N1 x 1+ N2 x 2 + N3 x 3 + N4 x 4Mdia ponderada= 1026) Leia os seguintes dados de 3 pessoas: nome, salrio e idade. Calcule e escreva a soma dasidades de todas as pessoas, a mdia da renda conforme os salrios informados.27) Rastreie o algoritmo abaixo e verifique se h erro(s). Caso afirmativo, informe qual a linha e oerro:Indica o nmero da linha1algoritmo2declare3 Nome, Letra: literal4 Idade, Nome: inteiro5Idade 216Idade 507Idade Letra8Letra Tale coisa9Letra A10 Nome Maria11 fim_algoritmo28) Rastreie o algoritmo abaixo e verifique se h erro(s). Caso afirmativo, informe qual a linha e oerro:Indica o nmero da linha1algoritmo2declare3Nota1, Nota2, Nota3: real4Nome_Aluno literal5escreva "Digite o nome do aluno:"6leia Nome7escreva "Digite as 3 notas do aluno:"8leia Nota1, Nota2, Nota39Media Nota1 + Nota2 + Nota3 / 310 escreva "A mdia de: ", Nome, " :", Media11 fim_algoritmo 15. Pgina: 1229) Rastreie (teste de mesa) os algoritmos abaixo e informe quais valores sero escritos:a) Suponha que sero lidos os valores 95 e 108 para as variveis VLVISTA, VLPRAZO:algoritmo declare Vlvista, Vlprazo, Dif: real escreva "Digite o valor a vista e o valor a prazo:" leia Vlvista, Vlprazo Dif VlPrazo - VlVista escreva "A diferena do valor a prazo com o valor a vista de R$", Diffim_algoritmob) Suponha que sero lidos os valores 10 e 5 para as variveis L e H respectivamente:algoritmo declare L, H, A: real escreva "Digite dois valores:" leia L, H A L*H escreva L, "*", H, "=", Afim_algoritmoc) Suponha que ser lido o valor 25 para a varivel X:algoritmo declare X, Y: real escreva "Digite um nmero:" leia X Y 2*X escreva "2*", X, "=", Yfim_algoritmod) Suponha que sero lidos 10 e 20 para as variveis A e B respectivamente:algoritmo declare A, B, C: real escreva "Digite dois nmeros:" leia A, B C (A+B)*B escreva "(", A, "+", B, ")*", B, "=", Cfim_algoritmoe) Suponha que sero lidos os valores "BERNARDES" e "FTIMA" para as variveis SOBRE eNOME respectivamente:algoritmodeclare Nome, Sobre, Nomcomp: literal escreva "Digite o nome:" leia Nome escreva "Digite o sobrenome:" leia Sobre Nomcomp Nome+" "+Sobre escreva "O nome completo : ", Nomcompfim_algoritmo 16. Pgina: 13f) Faa um algoritmo/programa que leia dois nmeros, calcule e escreva a soma deles.algoritmo declare Nro1, Nro2, Soma: real escreva "Digite dois nmeros:" leia Nro1, Nro2 Soma Nro1 + Nro2 escreva Nro1, "+", Nro2, "=", Somafim_algoritmog) Faa um algoritmo/programa que leia trs nmeros, calcule e escreva a multiplicao deles.algoritmo declare Nro1, Nro2, Nro3, Multiplicacao: real escreva "Digite trs nmeros:" leia Nro1, Nro2, Nro3 Multiplicacao Nro1 * Nro2 * Nro3 escreva Nro1, "*", Nro2, "*", Nro3, "=", Multiplicacaofim_algoritmoh) Faa um algoritmo/programa que leia a idade do pai e a idade do filho, calcule e escreva adiferena de idade dos dois.algoritmo declare IdadePai, IdadeFilho, Diferenca: inteiro escreva "Digite a idade do pai:" leia IdadePai escreva "Digite a idade do filho:" leia IdadeFilho Diferenca IdadePai - IdadeFilho escreva "A diferena de idade do pai para o filho so de ", Diferenca, " anos."fim_algoritmoi) Faa um algoritmo/programa que leia a idade de uma pessoa em anos, calcule e escreva quantosdias ele viveu, considerar o ano com 365,25 dias.algoritmodeclareIdade : inteiroDiasVividos : realescreva "Digite a idade da pessoa:"leia IdadeDiasVividos Idade * 365,25escreva Idade, " anos corresponde a ", DiasVividos, " dias vividos."fim_algoritmo 17. Pgina: 14j) Faa um algoritmo/programa que leia trs nmeros, calcule e escreva a mdia aritmtica.algoritmo declare Nro1, Nro2, Nro3, Media: real escreva "Digite trs nmeros:" leia Nro1, Nro2, Nro3 Media (Nro1 + Nro2 + Nro3) / 3 escreva "A mdia aritmtica dos nmeros : ", Mediafim_algoritmok) Faa um algoritmo/programa que leia as medidas de um retngulo (comprimento e largura),calcule e escreva sua rea.algoritmodeclareComprimento, Largura, Area: realescreva "Digite o comprimento e a largura de um retngulo:"leia Comprimento, LarguraArea Comprimento * Larguraescreva "A rea do retngulo : ", Areafim_algoritmol) Joo faz economias em dlar e deseja saber quanto vale em reais, faa um algoritmo/programaque leia a quantidade de dlares que ele possui e a cotao do dlar em real, calcule e escreva ovalor convertido.algoritmo declare ValReais, Cotacao, ValDolares: real escreva "Digite a quantia em dlar:" leia ValDolares escreva "Digite a cotao do dlar em reais:" leia Cotacao ValReais ValDolares * Cotacao escreva ValDolares, " dlares correspondem a ", ValReais, " reais."fim_algoritmom) Uma pessoa construindo sua residncia resolveu colocar em sua casa uma caixa para servircomo reservatrio de gua. Considerando que a caixa seja retangular, faa um algoritmo/programaque leia as dimenses da caixa (comprimento, altura e largura), calcule e escreva o volume de guaque pode ser armazenado.OBS.: O volume de um corpo a quantidade de espao ocupada por esse corpo. Volume temunidades de tamanho cbicas (por exemplo, cm, m, in, etc.) Ento, o volume de uma caixa(paraleleppedo retangular) de comprimento T, largura L, e altura A : V = T x L x AalgoritmodeclareComprimento, Altura, Largura, Volume: realescreva "Digite o comprimento, a altura e a largura da caixa dgua:"leia Comprimento, Altura, LarguraVolume Comprimento * Largura * Alturaescreva "O volume de gua que pode ser armazenado nessa caixa dgua de ", Volume, "litros."fim_algoritmo 18. Pgina: 15 Captulo 33.Expresses3.1. Expresses Aritmticas So expresses que utilizam operadores aritmticos e funes aritmticas envolvendoconstantes e variveis numricas. 3.1.1. Operadores Aritmticos Operador Operao Descrio aritmtico + Adio Faz a soma de dois nmeros-SubtraoFaz a subtrao de um nmero de outro * MultiplicaoFaz a multiplicao de um nmero por outro/DivisoFaz a diviso de um nmero por outro^PotenciaoFaz a elevao de um nmero a uma potncia 3.1.2. Funes AritmticasFunoSintaxeDescrioaritmtica Valor absolutoAbs(x)Retorna o valor absoluto do nmero x Retorna o valor -1, +1 ou zero conforme o valor de x sejaSinal Sinal(x) negativo, positivo ou igual a zeroArredondamento Arredonda(x)Retorna o valor arredondado do nmero xTruncaTrunca(x)Retorna a parte inteira de um nmero fracionrio Raiz Quadrada RzQd(x) Retorna o valor da raiz quadrada do nmero x Semelhante ao operador ^, retorna o resultado do nmero x Potenciao Elev(x,y) elevado ao nmero y Faz a diviso inteira do nmero x pelo nmero y, ou seja, Diviso inteiraDiv(x,y) retorna somente a parte inteira da divisoResto da diviso Resto(x,y)Retorna o resto da diviso inteira do nmero x pelo nmero yinteira3.2. Expresses Literais So expresses com constantes e/ou variveis literais que tem como resultado valores literais.Diferentemente das expresses aritmticas, as expresses literais aceitam somente o operador deconcatenao. OperadorOperao Descrioliteral +Concatenao Junta dois valores literais em um s3.3. Expresses RelacionaisSo expresses compostas por outras expresses ou variveis numricas com operadoresrelacionais. As expresses relacionais retornam valores lgicos. 19. Pgina: 16 OperadorOperao Descrio relacional= Igualdade Verifica se dois valores so iguais e retorna um valor lgico Diferena Verifica se dois valores so diferentes e retorna um valor lgicoVerifica se um nmero menor que outro e retorna um valor Maior quelgicoMenor ouVerifica se um nmero menor ou igual a outro e retorna um = igual avalor lgico3.4. Expresses LgicasSo expresses compostas por expresses relacionais com operadores lgicos. As expresseslgicas retornam valores lgicos. 3.4.1. Operadores LgicosOperador Operao Simbologia Descrio lgico Retorna o valor lgico resultante da interseco de valores lgicos de expresses relacionais.Interseco ou VeV=V e^conjunoVeF=F FeV=F FeF=F Retorna o valor lgico resultante da unio de valores lgicos de expresses relacionais.Unio ou V ou V = V ou vdisjunoV ou F = V F ou V = V F ou F = F Retorna o valor lgico resultante da contradio de valores lgicos de expresses relacionais.no Negao!~ no V = F no F = VTabela de Prioridades entre Funo e Operaes Aritmticas, Relacionais e Lgicas1Parnteses2 Funo aritmtica (Div, Resto...)3 Potenciao e radiciao4 Multiplicao e diviso5 Adio e subtrao6 Relacionais (=, , >...)7 Negao (no)8Conjuno (e)9 Disjuno (ou) 20. Pgina: 17Exerccios1) Indique quais valores so verdadeiros e quais valores so falsos. Utilize os valores: X=1, A=3,B=5, C=8, D=7 e E=6.a) no (x>3)( )b) (xd)( )c) no (D 5) ( )d) no (X>3) ou (C< 7)( )e) (A > B) ou (C> B)( )f) (X>=2) ( )g) (X< 1) e (B>=D)( )h) (D >3) ou (C> 5) ( )i) no (D>3) ou no (BB) ou no (C>B) ( )2) Seja a seguinte tabela: VariveisA BNomeProfissao1 316Mriam Advogada2 564 PedroMdico32,59Ana ProfessoraConsiderando as variveis (A, B, Nome e Profissao) e os valores da tabela acima e mais avarivel lgica Teste, contendo o valor falso, avaliar as expresses a seguir, para cada uma das trscombinaes de valores apresentadas:a) A1 + 1 >= B1 / 2 ou Nome1 Anab) A1 + 1 >= B1 / 2 e Profissao1 = Mdicoc) Nome2 Ana ou Profissao2 = Mdico e A2 + 1 >= B1 / 2d) Profissao3 = Mdico ou Testee) no Teste e (A3 + 1 >= B3 / 2 ou no Profissao3 = Mdico)f) no (A2 + 1 >= B2 / 2 e Teste)3) Rastreie (teste de mesa) os algoritmos abaixo e informe quais valores sero escritos:a) Suponha que ser lido o valor 5 para a varivel LADO:algoritmo declare Lado, Volume: real escreva "Digite o valor do lado:" leia Lado Volume A) e no (B 0: emitir uma mensagem de que existem dois zeros reais desiguais e o resultado daequao;Caso = 0: emitir uma mensagem de que existem dois zeros reais iguais e o resultado da equao,e;Caso < 0: emitir uma mensagem de que no existe zero real.18) Elabore um algoritmo que leia o cdigo e nmero de horas trabalhadas de um operrio. Calculeo salrio sabendo-se que ele ganha R$ 10,00 por hora. Quando o nmero de horas exceder a 50, ahora excedente de trabalho vale R$ 20,00. Escrever o cdigo do funcionrio, o salrio total e osalrio excedente. 27. Pgina: 2419) Escreva um algoritmo que leia o cdigo de um determinado produto e mostre a suaclassificao. Utilize a seguinte tabela como referncia: CdigoClassificao 1 Alimento no-perecvel 2, 3 ou 4 Alimento perecvel5 ou 6 Vesturio 7 Higiene pessoal 8 at 15Limpeza e utenslios domsticosQualquer outro cdigoInvlido20) Um supermercado deseja reajustar os preos de seus produtos usando o seguinte critrio: oproduto poder ter seu preo aumentado ou diminudo. para alterar o preo o produto devepreencher pelo menos um dos requisitos a seguir:RequisitosReajustesValor mdia mensalPreo atual % de aumento% de diminuioAbaixo de 500,00Menor que R$ 30,0010 - Entre 500,00 e 1.200,00 Entre R$ 30,00 e R$ 80,0015 - Acima de 1.200,00 Maior que R$ 80,00-2021) Construa um algoritmo que, tendo como dados de entrada o preo de um produto e seu cdigode origem, mostre o preo junto de sua procedncia. Se o cdigo no for nenhum dos especificados,o produto deve ser encarado como importado. Considere a tabela de cdigos apresentada abaixo:Cdigo de origem Procedncia 1 Sul 2 Norte 3Leste 4 Oeste5 ou 6Nordeste 7, 8 ou 9Sudeste10 at 20 Centro-oeste25 at 30 Noroeste22) Escreva um algoritmo que receba a idade de um nadador e escreva a sua categoria seguindo asregras: Categoria IdadeMaternal At 4 anosInfantil A 5 7 anosInfantil B8 10 anosJuvenil A 11 13 anosJuvenil B 14 17 anosSnior maiores de 18 anos23) Joo Papo-de-Pescador, homem de bem, comprou um microcomputador para controlar orendimento dirio de seu trabalho. Toda vez que ele traz um peso de peixes maior que oestabelecido pelo regulamento de pesca de um determinado estado (50 quilos) deve pagar um multade R$ 4,00 por quilo excedente. Joo precisa que voc faa um algoritmo que leia o peso dos peixespescados e verifique se h excesso de peso. Se houver, calcular a multa e escrever Excesso e ovalor da multa que Joo dever pagar. Caso contrrio escrever que est com o peso dentro dopermitido. 28. Pgina: 2524) Em uma loja de DVDs, os vendedores que venderem mais de 100 DVDs por ms, tem umacrscimo de 10% sobre o salrio, faa um algoritmo que escreva o nome, o salrio final e aquantidade de DVDs vendidos por um vendedor. Nota: O salrio de um vendedor dois salriosmnimos.25) Em uma cidade, os colgios so divididos em trs nveis: A, B e C. No colgio nvel A, a mdia 8,0, no nvel B, 6,5 e no nvel C a mdia 5,0. Leia o nome do aluno, o nvel do colgio e asnotas deste aluno (N1, N2, N3 e N4) e escreva o nome do aluno e se o mesmo foi aprovado ou no.26) Construa um algoritmo que:a) Leia algumas informaes sobre uma pessoa: cdigo do sexo (M ou F), idade, nome, cdigo doseu estado civil (1=solteiro, 2=casado, 3=vivo, 4=divorciado, 5=outros).b) Escreva o relatrio abaixo:As informaes digitadas foram de:Nome: aaaaaaEstado civil: bbbbbbIdade: cc anosSexo: ddddddOnde:aaaaaa = nome digitadobbbbbb = descrio do estado civil (solteiro, casado, etc.)cc = idade informadadddddd = descrio do cdigo do sexo (masculino ou feminino)27) Uma companhia area criou uma promoo da seguinte forma: o atendente fornece a idade dopassageiro e o valor da passagem, e de acordo com a tabela que se segue ser calculado o valor finala ser pago.Idade (em anos) Desconto (sobre o preo da passagem) At 1125% 12 a 16 10% 17 a 227% 23 a 372% 38 a 451% 46 a 585%Acima de 58 9%Calcule e escreva o preo final pago.28) Crie um algoritmo que:a) Leia: O saldo inicial; O valor total de dbitos; O valor total de crditos.b) Calcule e escreva o saldo final.c) Escreva se o saldo final positivo, negativo ou nulo.29) Crie um algoritmo que leia trs valores numricos e escreva-os em ordem decrescente.30) Faa um algoritmo para ler os dados (nome, salrio, n dependentes) de um funcionrio. Calculee escreva:a. F.G.T.S.;b. I.N.S.S.;c. Salrio_Famlia;d. Salrio_Lquido; sendo que: 29. Pgina: 26 N Salrios Mnimos F.G.T.S (%)I.N.S.S (%) At 385 Acima de 3 at 68,5 6 Acima de 6 97Salrio_Famlia = 5% do Salrio por DependenteSalrio_Lquido = (Salrio + Salrio_Famlia) - (F.G.T.S + I.N.S.S.)31) Faa um algoritmo que mostre na tela o menu abaixo: Menu de Cadastro de Clientes0 Fim1 Inclui2 Altera3 Exclui4 ConsultaOpo:Aps a escolha do usurio mostre a seguinte mensagem: Programa em construo! ou Opoinvlida!32) Faa um algoritmo que leia um nmero que represente um determinado ms do ano. Aps aleitura escreva por extenso qual o ms lido. Caso o nmero digitado no esteja na faixa de 1 at 12,escreva uma mensagem informando o usurio que o ms inexistente.33) Com base na tabela abaixo, escreva um algoritmo que leia o cdigo de um item e a quantidadedeste item. A seguir, calcule e mostre o valor da conta a pagar. Cdigo EspecificaoPreo Unitrio 1Cachorro QuenteR$ 4,00 2X-Salada R$ 4,50 3X-BaconR$ 5,00 4 Torrada Simples R$ 2,00 5 RefrigeranteR$ 1,5034) Rastreie (teste de mesa) os algoritmos abaixo e informe quais valores so escritos:a) Suponha que sero lidos os valores 5 e 10 para as variveis A e B respectivamente:algoritmo declare A, B, C: real escreva "Digite dois nmeros:" leia A, B CB se A > B ento CA fim_se escreva "O valor de C ", Cfim_algoritmo 30. Pgina: 27b) Suponha que ser lido o valor 21 para a varivel IDADE:algoritmo declare Idade : inteiro Msg : literal Msg "Menor de idade" escreva "Digite a idade:" leia Idade se Idade > 18 ento Msg "Maior de idade" fim_se escreva "A pessoa que tem idade ", Idade, " ", Msgfim_algoritmoc) Suponha que sero lidos os valores "TALES" e 9,00 para as variveis NOME e MEDIArespectivamente:algoritmodeclareMedia: realNome : literalescreva "Digite o nome:"leia Nomeescreva "Digite o valor da mdia:"leia Mediase Media >= 7,00 entoescreva Nome, " obteve mdia ", Media, " e aprovado(a)."fim_sefim_algoritmod) Suponha que ser lido os valores 15 e 25 para as variveis NUM1 e NUM2 respectivamente:algoritmo declare Num1, Num2: real escreva "Digite dois nmeros:" leia Num1, Num2 se Num1 = Num2 ento escreva "Os nmeros so iguais." seno escreva "Os nmeros so diferentes." fim_sefim_algoritmo 31. Pgina: 28e) Suponha que ser lido o valor -1 para a varivel X:algoritmo declare X: real Msg : literal escreva "Digite um nmero:" leia X se X > 0 ento Msg "Positivo" seno Msg "Negativo" fim_se escreva "O nmero : ", Msgfim_algoritmo 32. Pgina: 29 Captulo 55.Estrutura de RepetioPode-se observar que at o momento as estruturas estudadas s permitem a execuo desequncia de comandos uma nica vez. Sendo que, por exemplo, se quisermos calcular a rea devrios quadrados, deveremos utilizar uma nova estrutura.A estrutura de repetio permite que uma sequncia de comandos seja executadarepetidamente at que uma determinada condio de interrupo seja satisfeita. Esta condio deinterrupo a ser satisfeita uma expresso lgica.5.1. Tipos de Estruturas de Repetio 1) Repita; 2) Enquanto; 3) Para. 5.1.1. Repita Sintaxe: repita sequncia de comandos at que condio Observao: Para continuar no lao (loop), a condio deve ser falsa.Onde:repita: uma palavra reservada, que indica repetio de comandos at que a condio sejaverdadeira;sequncia de comandos: so os comandos que sero executados at que a condio sejaverdadeira;at que: palavra reservada que indica fim ou no do lao at que a condio estabelecida sejaverdadeira.Obs.: Como a condio avaliada no final do lao, esta estrutura de repetio executadapelo menos uma vez. 5.1.2. Enquanto Sintaxe: enquanto condio faasequncia de comandos fim_enquantoObservao:Para continuar no lao (loop), a condio deve ser verdadeira.Onde:enquanto: uma palavra reservada, que indica que a sequncia de comandos ser executadaat que a condio seja falsa;condio: a condio de verificao da estrutura de repetio;faa: uma palavra reservada que pertence estrutura enquanto;sequncia de comandos: so os comandos que sero executados at que a condio seja falsa; 33. Pgina: 30 fim_enquanto: palavra reservada que indica fim do lao. Nesta estrutura a sequncia de comandos ser executada enquanto a condio for verdadeira.Assim, na primeira vez que a condio for falsa, os comandos no sero mais executados. 5.1.3. ParaSintaxe:para Variavel_Contadora de LI at LF [passo N] faa sequncia de comandosfim_paraObs.: Teste para saber se vai continuar no lao: caso LI = LI ento a Variavel_Contadora decrementada e entra no lao. Caso contrrio a Variavel_Contadora no dencrementada e sai dolao. Observao: Para continuar no lao (loop), a condio deve ser verdadeira. Onde: para: uma palavra reservada que identifica esta estrutura de repetio; Variavel_Contadora: varivel que tem valor inicial igual a LI, que ser incrementada at ovalor de LF ou varivel que tem valor inicial igual a LF, que ser decrementada at o valor de LI; de: palavra reservada pertencente estrutura de repetio; LI: varivel que determina o valor inicial que ser atribudo Variavel_Contadora; at: palavra reservada pertencente estrutura de repetio; LF: varivel que determina o valor final da varivel contadora; [ ] : smbolo de opcionalidade, pois quando estivermos incrementando em 1 unidade, nocolocaremos incremento 1. Somente neste caso; passo: palavras reservadas que indicam se a Variavel_Contadora ser incrementada oudecrementada. Quando no se usa a palavra reservada: passo, subtende-se que se estincrementando a varivel contadora em uma unidade; N / -N: valor que determina a unidade em que a Variavel_Contadora ser incrementada oudecrementada; faa: palavra reservada pertencente a estrutura de repetio; sequncia de comandos: so os comandos que sero executados at que a varivel contadoraatinja determinado valor; fim_para: palavra reservada que indica fim do lao.5.2. Tipos de Interrupoa) Valor esperado;b) Contador;c) Flag. 34. Pgina: 31A condio de interrupo pode vir no incio, no meio, ou no final da estrutura de repetio,conforme a sua vontade ou necessidade.H basicamente trs formas de interrupo: quando uma determinada varivel atinge um valoresperado, por contador, ou por FLAG.5.2.1. Valor EsperadoEsta interrupo ocorre quando queremos que uma determinada sequncia de comandos sejarepetida at que a varivel atinja um valor especfico.5.2.2. Por ContadorEsta interrupo ocorre quando sabemos a quantidade de vezes que queremos que o lao sejaexecutado, em outras palavras, uma varivel de controle, inteira, que serve para controlar quantasvezes um determinado trecho de programa ser executado.Considere, por exemplo, um programa que leia 100 valores, podendo eles serem somentenegativos ou positivos (desconsidere os valores nulos). A seguir, considere que o programa devamostrar a quantidade de valores positivos digitados. Nesse caso, devemos fazer um teste a cadaleitura, e, no caso do valor lido ser positivo, adicionar +1 para uma varivel tipo contador(contpcontp+1).5.2.3. Por FLAGA interrupo por FLAG, ocorre quando dependemos de um valor lido para interrompermos olao. Por exemplo, se vamos ler um conjunto de nomes e no sabemos quantos, pois a cadaexecuo os nmeros de dados a serem lidos variam. Podemos ento estabelecer a entrada de vriosdados e quando no houver mais nenhum dado, entrasse com um valor chave pr-estabelecido,indicando fim da entrada de dados.Obs.: importante observar que quando a interrupo feita por FLAG, a condio deinterrupo deve vir imediatamente aps a leitura dos dados, para que no faamos clculos com oFLAG (isso para estrutura de repetio enquanto). ExercciosCONTADOR1) Leia 5 valores para uma varivel. A seguir mostre quantos valores digitados foram pares,quantos valores digitados foram mpares, quantos foram positivos e quantos foram negativos.2) Calcule e mostre a soma dos nmeros pares e mpares entre 1 e 100, inclusive.3) Escreva um algoritmo que leia 10 valores quaisquer. A seguir, mostre quantos deles estodentro do intervalo [10,20] e quantos esto fora do intervalo, mostrando essas informaes.4) Faa um algoritmo que leia um conjunto de 15 valores, um de cada vez, acompanhados de umcdigo 1 ou 2. O valor representa o nmero de cobaias utilizadas em uma das 15 experincias feitase os cdigos 1 e 2 representam respectivamente coelhos e ratos. Mostre no final, o total de cobaiasutilizadas, o total de coelhos, total de ratos, e o percentual de coelhos e ratos.5) Fazer um algoritmo que leia 34 valores, em reais, e retorne a quantidade de centavos quecorrespondem estes valores em reais (Funo).Ex.: 2 reais correspondem a 200 centavos. 1,5 reais correspondem a 150 centavos. 35. Pgina: 32Depois de calcular, escreva se a quantidade de centavos pouca ou no (adote que valores menoresque 500 pouco e superiores ou iguais suficiente).6) Faa um algoritmo que leia o nome, o salrio e a quantidade de horas trabalhadas por dia de250 funcionrios.Calcule e escreva o salrio final de cada funcionrio.Sabe-se que:a) Funcionrios que trabalham 2 horas no recebem acrscimo;b) Funcionrios que trabalham mais de 2 horas e menos que 4 horas recebem acrscimo de 20%;c) Funcionrios que trabalham 4 horas ou mais recebem acrscimo de 30%.7) Numa festinha de fim de curso, foi feito um sorteio para distribuir o dinheiro restante em caixa.Dez pessoas foram sorteadas com direito a tentar a sorte mais uma vez, da seguinte forma:Deveriam apanhar uma bola numerada de 0 a 9 e conforme o algarismo sorteado o prmio seria: Nmero da Bola Prmio (% do valor do caixa)0 051 252 103 074 085 056 157 128 039 10Faa um algoritmo que calcule o prmio recebido individualmente por pessoa.8) Faa um algoritmo que leia 5 conjuntos de 2 valores, o primeiro representando o nmero de umaluno e o segundo representando a sua altura em centmetros. Encontrar o aluno mais alto e maisbaixo e mostrar seus nmeros e suas alturas, dizendo se o aluno o mais alto ou o mais baixo.9) Dado uma relao de 100 carros escreva quantos so da cor azul. Sendo para cada carro tem-seuma ficha contento o modelo e a cor.10) Dado o modelo, ano de fabricao e cor de 1000 carros, faa um algoritmo que escreva:a)Quantos so da cor verde e o percentual em relao ao total.b)Quantos foram fabricados antes de 1990 e o percentual em relao ao total.c)Quantos so FIAT UNO e o percentual em relao ao total.11) Um hotel cobra R$ 300,00 por diria e mais uma taxa adicional de servios. Se a diria formenor que 15, a taxa de R$ 20,00. Se o nmero de dirias for igual a 15, a taxa de R$ 14,00 e seo nmero for maior que 15, a taxa de R$ 12,00. Considerando-se que se tenha 200 pessoas e paracada pessoa tenha-se um registro contendo seu nome e o nmero de dirias, faa um algoritmo queescreva o nome e o total a pagar de cada pessoa e escreva tambm o total ganho pelo hotel e onmero total de dirias.12) Uma loja usa os seguintes cdigos para as transaes de cada dia:d para compras a vista em dinheiro;c para compras a vista em cheque. dada uma lista de transaes contendo o valor de cada compra e o respectivo cdigo da transao.Considere que houve 25 transaes no dia. 36. Pgina: 33Faa um algoritmo que calcule e escreva:- Valor total das compras vista em dinheiro;- Valor total das compras vista em cheque;- Valor total das compras efetuadas.13) Desenvolva um algoritmo que entre com o nome, o cargo e o salrio de 1200 funcionrios deum SPA. Calcule e escreva:a) O nome do funcionrio que ganha mais e seu cargo;b) A mdia dos salrios desses funcionrios.14) Escreva um algoritmo que leia a altura, o sexo e o nome de 275 pessoas, calcule e escreva:a) A quantidade de mulheres;b) A mdia das alturas dos homens;c) O nmero de pessoas que tm altura entre 1,70 m e 1,90 m (maior ou igual a 1,70 e menor ouigual a 1,90);d) O nome da pessoa mais alta.15) Elabore um algoritmo que leia os coeficientes A, B e C de 200 equaes de segundo grau.Calcule o delta de cada equao e de acordo com o valor encontrado escreva: Valor do DeltaInstruesDelta < 0 No tem soluo realDelta = 0 Existe uma nica raizDelta > 0 Existem duas razes encontradasOBS.: Para achar o Delta: = B2 4AC16) Uma faculdade atribui menes aos alunos, faa um algoritmo que leia trs notas de 40 alunos eescreva a meno de cada um. A meno segue a tabela abaixo: Mdia Meno 9 a 10SS Superior 7 a 8,9 MS Mdio Superior 5 a 6,9 MM MdioAbaixo de 5 DP Dependncia17) Faa um algoritmo para ler o nome, o sexo e a idade de 500 pessoas, calcular e escrever:a) Quantos homens tem de 0 a 15 anos;b) Quantas mulheres tem de 16 a 40 anos;c) O nome da mulher mais velha;d) A mdia das idades.18) Escreva um algoritmo que leia o nome e a nota de 1000 alunos, e fornea:a) A maior nota e o nome do respectivo aluno que a obteve;b) A menor nota e o nome do respectivo aluno que a obteve;c) A mdia de notas;d) A porcentagem de pessoas que obtiveram nota igual ou superior a 8;e) Escreva o que foi calculado nos itens: a, b, c e d.OBS: As notas vo de 0 a 10, faa a validao.19) Uma certa firma fez uma pesquisa de mercado para saber se as pessoas gostaram ou no de umnovo produto lanado no mercado. Para isso, forneceu o sexo do entrevistado e a sua resposta (simou no). Sabendo-se que foram entrevistadas 2000 pessoas, fazer um algoritmo que calcule eescreva: 37. Pgina: 34a) O nmero de pessoas que responderam SIM;b) O nmero de pessoas que responderam NO;c) A porcentagem de pessoas do sexo feminino que responderam SIM, dentre as mulheres;d) A porcentagem de pessoas do sexo masculino que responderam NO, dentre os homens.20) Em um nibus esto 45 pessoas. Faa um algoritmo que leia, para cada pessoa: a idade, o peso,a altura, o sexo e calcule:a) A idade mdia entre as pessoas;b) O somatrio dos pesos;c) A menor e a maior altura, respectivamente;d) A porcentagem de mulheres com idade inferior a 25 anos entre as mulheres.21) Dados trs nmeros reais, criar um algoritmo para efetuar o seguinte clculo: (NRO1 + NRO2)/ NRO3 = NRO4, e escrever o valor de todos os nmeros na tela do computador. Os trs nmerossero declarados como reais, porm voc como programador, ter que obrigar o usurio aentrar com nmeros inteiros, use sua inteligncia e boa sorte!!!.22) O sistema de avaliao de uma determinada disciplina obedece aos seguintes critrios: Durante o semestre so dadas trs notas; A nota final obtida pela mdia aritmtica das notas durante o curso; considerado aprovado o aluno que obtiver a mdia final superior ou igual a 7,0 e que tivercomparecido a um mnimo de 45 aulas.a) Leia um conjunto de dados contendo o nmero de matrcula, as trs notas e a frequncia(nmero de aulas frequentadas) de 500 alunos;b) Calcule: A maior e a menor nota, na primeira prova, da turma; A mdia da turma; O total de alunos aprovados; A porcentagem de alunos reprovados por infrequncia;c) Escreva Para cada aluno, o nmero de matrcula, a frequncia , a mdia e o cdigo (aprovado oureprovado); O que foi calculado no item b (1, 2, 3, 4).23) Elabore um algoritmo que efetue e escreva a soma dos valores inteiros positivos e negativossituados no intervalo fechado [-3, 4].24) Elabore um algoritmo que:a) Leia uma mensagem pelo teclado;b) Leia, tambm pelo teclado, a quantidade X de vezes que se deseja escrever a mensagemdigitada;c) Escreva a respectiva mensagem as X vezes.25) Uma escola deseja analisar o desempenho dos seus 600 alunos atravs das seguintesinformaes: 4 notas bimestrais, sexo do aluno (1 masculino, 2 feminino) e idade do aluno.Considerando que a mdia final expressa como a mdia aritmtica das 4 notas bimestrais e queum aluno reprovado se a sua mdia for inferior a 5.0, elabore um algoritmo que leia, para cadaaluno, as respectivas informaes e que determine e escreva:a) A quantidade de mulheres reprovadas;b) A porcentagem de homens aprovados;c) A quantidade de meninos acima de 10 anos reprovados;d) A porcentagem de mulheres abaixo de 12 anos reprovadas. 38. Pgina: 3526) Rastreie o algoritmo a seguir e apresente os resultados das respectivas variveis:algoritmo declare A, B, C, D: inteiro A 10; B -5; C 2; D 1 enquanto D < 6 faa AA+5+C BB+2 CC3 DD+1 fim_enquanto escreva A = , A, B = , B, C = , C, D = , Dfim_algoritmo27) Uma instituio de ensino superior utiliza os seguintes critrios de avaliao para umadeterminada disciplina: Existem duas notas Na e Nb; A mdia final calculada conforme a expresso: Na x 3 + Nb x 7; Para ser aprovado um aluno deve obter mdia superior ou igual a 5.0 e possuir pelo menos umafrequncia de 70 aulas.Considerando uma turma de 120 alunos, elabore um algoritmo que:a) Leia o cdigo de cada aluno e a sua respectiva mdia;b) Determine e escreva: b.1) O cdigo de cada aluno e a sua respectiva mdia; b.2) A maior e menor mdia; b.3) A quantidade total de alunos reprovados; b.4) A porcentagem de alunos reprovados por falta.28) Uma empresa deseja analisar o nvel de cada um dos vrios candidatos inscritos paracontratao. Cada candidato participou de trs testes distintos:TESTE A = verificao psicolgica do candidato deve possuir ndice mnimo de 70%;TESTE B = capacidade de concentrao deve ser superior a 80 pontos;TESTE C = conhecimentos tcnicos deve possuir pontuao mnima de 200.Caso o candidato passe satisfatoriamente pelos trs testes, receber nota mxima A. Se passarapenas nos teste B e C, receber nota B. Se passar apenas nos testes A e B, receber nota C. Nosdemais casos, receber nota D.Considerando que foram inscritos 160 candidatos, elabore um algoritmo que: Leia o ndice psicolgico, a capacidade de concentrao e pontos de conhecimentos tcnicos decada candidato; Escreva o cdigo e a classificao de cada candidato.29) Elabore um algoritmo que calcule N! (fatorial de N), sendo que o valor inteiro de N fornecidopelo usurio.Sabendo que:N! = 1 x 2 x 3 x ... x (N-1) x N;0! = 1, por definio. 39. Pgina: 3630) Rastreie (teste de mesa) os algoritmos abaixo e informe quais valores sero escritos:a)algoritmo declare Cont: inteiro Cont 0 repita Cont Cont + 1 escreva Cont at que Cont >= 3fim_algoritmob)algoritmo declareCont: inteiro Cont 0 repitaCont Cont+1escreva Cont, vez. at que Cont >= 3fim_algoritmoc)algoritmo declareNro, Soma: inteiro Soma 0; Nro 10 repitaSoma Soma + NroNro Nro + 2 at que Nro > 20 escreva Somafim_algoritmod)algoritmo declareA, Q, Termo: inteiro A 1; Q 3; Termo A repitaescreva TermoTermo Termo * Q at que Termo >= 20fim_algoritmo 40. Pgina: 37e)algoritmo declare C: inteiro C1 repitaescreva C, *, C, =, C*CCC+1 at que C > 5fim_algoritmof)algoritmo declare N, Quadrado: inteiro N5 repitaQuadrado N * Nescreva QuadradoNN-1 at que N = 1fim_algoritmog)algoritmo declareNro1, Nro2, Nro3, Soma: inteiro escreva Digite um nmero: leia Nro1 Soma Nro1 + 1 Nro2 Div(Nro1,2) Nro3 2 repitase Resto(Nro1,Nro3)=0 ento Soma Soma + Nro3fim_seNro3 Nro3 + 1 at que Nro3 > Nro2 escreva Somafim_algoritmo 41. Pgina: 38h)algoritmo declareX: lgicoY: real X falso Y0 repitaX no XYY+1se X ento escreva Yseno escreva -Yfim_se at que Y = 6fim_algoritmo FLAG1) Dado que cada pessoa tenha o seu nome, a sua idade e o seu peso em uma ficha, faa umalgoritmo que:a) Escreva o nome da pessoa cuja idade esteja na faixa de 20 a 30 anos inclusive os extremos;b) Calcule e escreva a idade mdia das pessoas com peso maior que 80 Kg.Considere que existam N pessoas. Estabelea um flag.2) Faa um algoritmo que leia: o nome, o sexo, o salrio e a idade de alguns funcionrios. Calculee escreva:a) A soma total dos salrios informados;b) A mdia dos salrios;c) A soma dos salrios por tipo de sexo (M ou F);d) A mdia dos salrios por tipo de sexo (M ou F);e) Qual dos tipos de sexo tem a maior mdia salarial.OBS.: Use um flag qualquer.3) Em uma competio esportiva, as informaes contidas na ficha de inscrio dos atletas estodispostas na forma Nome, Idade, Sexo e Peso, onde:Nome nome do atleta;Idade idade do atleta;Sexo sexo do atleta (m ou f);Peso peso do atleta em kg.Considere ainda que: Use como flag, nome igual a fim; As categorias infantil e adulto correspondem, respectivamente, s idades menores que 18 anos emaiores ou iguais a 18 anos; A categoria extra, corresponde a peso superior a 150 kg para homens e 100 kg para mulheres.Ler o conjunto de dados dos atletas inscritos e fornecer o total de adultos da categoria extra.4) Uma locadora de charretes cobra R$ 10,00 de taxa para cada 3 horas de uso destas e R$ 5,00para cada hora abaixo destas 3 horas. Fazer um algoritmo que dado a quantidade de horas que acharrete foi usada, calcular e escrever quanto cada cliente tem de pagar. Usar como flag,Quantidade de horas = 0. 42. Pgina: 395) Uma Empresa de Fornecimento de energia eltrica faz leitura mensal dos medidores deconsumo, os dados que devero ser lidos so: Cdigo do consumidor; Quantidade de Kwh consumidos durante o ms; Tipo de consumidor: Residencial preo por Kwh R$ 50,00; Comercial preo por Kwh R$ 61,00; Industrial preo por Kwh R$ 107,00. Calcule e escreva: O custo para cada consumidor; O total de consumo dos 3 tipos; A mdia de consumo dos tipos 1 e 2 (juntos).Use como FLAG Cdigo do consumidor = 0.6) Em uma cidade do interior, foram lidas as temperaturas de n dias decorridos.Fazer um algoritmo que calcule e escreva: A temperatura mdia destes dias; O nmero de dias nos quais a temperatura foi inferior a 15 graus;OBS.: Use como flag use a temperatura igual a 800.7) Desenvolva um algoritmo que leia n valores numricos (de 9998 a 9998). Calcule e escreva:a) A mdia aritmtica dos nmeros lidos;b) O maior nmero;c) O menor nmero;d) A diferena entre o maior nmero e o menor;e) A soma dos nmeros pares;f) O produto dos nmeros positivos.OBS.: Use como FLAG nmero igual a 0.8) Em uma eleio presidencial, existem 3 candidatos. Os dados utilizados para a contagem dosvotos obedecem seguinte codificao: 0 Finaliza o sistema; 1, 2, 3 Voto para os respectivos candidatos; 6 Voto nulo 7 Voto em branco.Elabore um algoritmo que leia as cdulas de votao, calcule e escreva:a) Total de votos para cada candidato;b) Total de votos nulos;c) Total de votos brancos.9) Construa um algoritmo que permita fazer um levantamento do estoque de vinhos de uma adega,tendo como dados de entrada tipos de vinho, sendo: T para tinto, B para branco e R para rose.Escreva a porcentagem de cada tipo sobre o total geral de vinhos; a quantidade de vinhos desconhecida, utilize como finalizador tipo de vinho F de fim.10) O DETRAN analisou dados de acidentes de trfego do Estado no ltimo ano. Para cadamotorista envolvido num acidente, foram preparados os seguintes dados: idade, sexo, cdigo deregistro (1 para Gois, 0 para outro Estado).Prepare um algoritmo para ler um conjunto de dados e escreva a seguinte estatstica: Percentagem de motoristas com menos de 25 anos; Percentagem de mulheres; 43. Pgina: 40 Percentagem de motoristas com idade entre 18 e 25 anos; Percentagem de motoristas com registro feito fora de Gois.OBS.: Os dados devem ser entrados at que a idade seja igual a 999.11) Elabore um algoritmo que:a) Leia uma quantidade indeterminada de valores (negativos ou positivos) pelo teclado;b) Determine e escreva a soma dos valores negativos e a soma dos valores positivos, sendo que oltimo carto (denominado FLAG), no dever ser considerado para processamento, possua valorigual a zero.12) Construa um algoritmo que:a) Leia vrios valores pelo teclado;b) Determine e escreva a mdia aritmtica desses valores;Considere como flag o valo -9999.13) Em uma praa pblica h um telo de cinema com capacidade para n pessoas. Um certo dia,cada espectador respondeu a um questionrio, no qual constava: Sua idade; Sua opinio em relao ao filme, segundo as seguintes notas:NotaSignificadoA timoB BomC RegularD RuimE PssimoElabore um algoritmo que. Lendo estes dados, calcule e escreva: A quantidade de respostas timo; A diferena entre respostas bom e regular (este resultado dever ser um nmero positivo); A mdia de idade das pessoas que responderam ruim; A maior idade que respondeu pssimo;Use como flag idade igual a 999.14) Uma empresa decidiu fazer um levantamento em relao aos candidatos que se apresentarampara preenchimento de vagas. Para isto faa um algoritmo que:Leia para cada candidato:a) Nmero de inscrio;b) Idade;c) Sexo;d) Experincia anterior (Sim ou No);e) Use como FLAG nmero de inscrio igual a zero.Calcule:a) O nmero de candidatos do sexo feminino;b) O nmero de candidatos do sexo masculino;c) A idade mdia das mulheres que tem experincia no servio;d) A maior idade entre os homens;e) A porcentagem de homens com mais de 45 anos com experincia;f) O nmero de mulheres com menos de 35 anos com experincia;g) Escreva todos os itens calculados anteriormente.15) Construa um algoritmo que:a) Leia vrios valores pelo teclado;b) Determine e escreva: 44. Pgina: 41 b.1) A quantidade de valores pares; b.2) A quantidade de valores mpares; b.3) A mdia de todos os valores lidos. * Observao: Considere como flag o valor 0 (zero).16) Construa um algoritmo que:a) Leia, pelo teclado, a idade e o cdigo do sexo (M = masculino ou F = feminino) de vriaspessoas;b) Determine e escreva:b.1) A quantidade de pessoas do sexo feminino;b.2) A mdia de idade dos homens;b.3) A porcentagem de mulheres.* Utilize, como flag, o valor -99 para a idade.17) Uma empresa de pesquisa foi solicitada por uma emissora de rdio para fazer uma pesquisa deaudincia em uma determinada regio com 5 emissoras de rdio. A empresa de pesquisa devecoletar os dados e posteriormente process-los atravs de um programa especfico. Assim, voc foiconvidado para fazer o algoritmo desse programa. Para isso, deve ler (para cada casa ou empresa), oNOME DA EMISSORA (A, B, C, D e E), o NMERO DE PESSOAS e o TIPO DEESTABELECIMENTO (C = COMERCIAL, R = RESIDENCIAL, I = INDUSTRIAL) que estoouvindo uma determinada emissora no momento da pesquisa. O local (casa ou empresa) que noestiver com aparelho de rdio ligado, no deve ser considerado na pesquisa. Portanto, elabore umalgoritmo que:a) Leia as referidas informaes pelo teclado.b) Determine e escreva:b.1) A porcentagem geral de audincia de cada emissora;b.2) A emissora de maior audincia;b.3) A emissora de menor audincia;b.4) A emissora com maior audincia residencial;b.5) A emissora com maior audincia comercial;b.6) A emissora com maior audincia industrial.* Utilize como flag o nome da emissora igual a Z.18) Uma universidade deseja fazer um levantamento a respeito do seu concurso vestibular. Para issodeve-se fornecer o cdigo do curso (1 a 4), sexo do candidato (F ou M), tipo de escola que ocandidato estudou (E = estadual, P = particular) e idade do candidato. Sabe-se que os cursospossuem as seguintes vagas:Curso 1 = 50, curso 2 = 60, curso 3 = 70 e curso 4 = 55.Elabore um algoritmo que efetue as respectivas leituras para cada candidato e que determine eescreva para cada curso:a) O cdigo do curso, o nmero de candidatos por vaga, a porcentagem de mulheres inscritas, aporcentagem de candidatos de escolas particulares inscritos, a quantidade de homens e a quantidadede homens que estudaram em escolas estaduais;b) O maior nmero de candidatos por vaga (supondo valores distintos) e o respectivo curso.c) A quantidade geral de candidatos.* Utilize, como flag, o valor 0 para o cdigo do curso.19) Um empresrio deseja controlar o seu caixa diariamente. Para isso, deve-se elaborar umalgoritmo que:a) Leia um valor que estabelece o saldo inicial do caixa; 45. Pgina: 42b) Leia as informaes necessrias ao controle de caixa, representando cada uma dasmovimentaes do caixa como: valor, tipo de movimentao (E = entrada, S = sada), forma depagamento (C = cheque, D = dinheiro).c) Determine e escreva: c.1) O saldo inicial informado; c.2) A soma dos valores de entrada; c.3) A soma dos valores de sada; c.4) A soma dos valores de entrada com cheques; c.5) O saldo atual, informando se negativo ou positivo.* Utilize como flag o 0 (zero) para o valor digitado.20) O programador de uma empresa, para tentar resolver os problemas com vrus, instalou antivrusnas mquinas. Verifique se os terminais esto com seus antivrus atualizados ou no. Verifique eescreva a porcentagem de terminais que no foram atualizados ainda. Use como flag resposta iguala c (cancelar).21) Rastreie (teste de mesa) os algoritmos abaixo e informe quais valores sero escritos:a)algoritmo declareMenorNum, MaiorNum, Cont, Num: inteiro Cont 0 MenorNum 9999; MaiorNum -9999 repitaescreva Digite um nmero ou -1 para finalizar:leia Numse Num -1 ento se Num < MenorNum entoMenorNum Num fim_se se Num > MaiorNum entoMaiorNum Num fim_sefim_se at que Num = -1 escreva MenorNum, o menor nmero. escreva MaiorNum, o maior nmero. fim_algoritmo 46. Pgina: 43b)algoritmo declareNum, Cont, Soma: inteiroMedia: real Cont 0; Soma 0 repitaescreva Digite um nmero ou -1 para finalizar:leia Numse Num -1 ento Soma Soma + Num Cont Cont + 1fim_se at que Num = -1 Media Soma / Cont escreva Mediafim_algoritmoc)algoritmo declareNum, Cont, Conta, Aux: inteiroResposta: literal Cont 0 escreva Deseja iniciar a pesquisa? S para sim ou N para no: leia Resposta enquanto Resposta N faaCont Cont + 1enquanto (Resposta S) e (Resposta N) faa escreva Cont, resposta invlida! S ou N: leia Respostafim_enquantoescreva Digite um nmero:leia NumAux 1; Conta 0repita Aux Aux + 1 se Resto(Num,Aux) = 0 ento Conta Conta + 1 fim_seat que Num=Auxse Conta = LI). 48. Pgina: 45Exerccios1) Uma loja de ferramentas deseja controlar o seu estoque atravs de um programa de computador.Para auxili-la crie um algoritmo que: a) Leia os seguintes dados das 500 mercadorias que so trabalhadas na loja. - O cdigo, - Preo unitrio, - Quantidade em estoque e - Quantidade vendida. Estes dados devem ser armazenados em 4 vetores. Leia tambm a descrio de cada uma das 500 mercadorias e armazene em um vetor. b) Crie um vetor que deve conter: - o valor total vendido. c) Escreva para cada mercadoria: - O cdigo, - a descrio, - a quantidade vendida e - o valor total vendido.2) Faa um algoritmo que leia o nome, a idade e o sexo de 500 pessoas. Aps a leitura escreva:a) Nome, idade e sexo das pessoas cuja idade seja maior que a idade da primeira pessoa;b) Nome e idade de todas as mulheres;c) Nome dos homens menores de 21 anos.3) Dado o nome e o salrio de 10 funcionrios faa:a) Escreva o nome e o salrio dos funcionrios que ganham mais de R$ 500,00;b) Para os funcionrios que ganham menos de R$ 200,00 conceda um aumento de 20%. Escreva onome e o novo salrio destes funcionrios aumentados.4) Escreva um algoritmo que preencha um vetor de 100 elementos inteiros, e coloque em outrovetor 0 na posio correspondente a um nmero par e 1 na posio correspondente a um nmerompar.5) Considere um vetor de 820 posies. Escreva o seu contedo, alternadamente, primeiro umvalor de seu lado esquerdo, depois um de seu lado direito.6) Foi feita uma pesquisa com 1000 pessoas (Resposta SIM ou NO). Calcule e escreva:a) O que respondeu a 50 pessoa;b) Entre as 10 primeiras pessoas, quantos responderam SIM;c) Entre as 10 ltimas pessoas quantas responderam NO;d) A quantidade de respostas SIM foi maior do que a quantidade de NO?7) Faa um algoritmo que:a) Leia uma varivel composta, com 50 elementos numricos;b) Leia um valor numrico;c) Verifique a existncia deste valor no vetor. Caso o nmero exista d a seguinte mensagem: O elemento encontra-se na posio: , e informe a posio. Caso no encontre, escreva uma mensagem de erro.8) Crie um algoritmo que:a) Leia as idades de 8 pessoas e armazene em um vetor;b) Calcule e escreva: 49. Pgina: 46 A mdia aritmtica das idades; A porcentagem de pessoas entre 20 e 40 anos (inclusive); Quantas idades so maiores que a mdia.9) Crie um algoritmo que: a) Leia 10 nmeros e armazene em um vetor; b) Calcule escreva: A mdia aritmtica dos nmeros lidos; A quantidade de nmeros positivos; A quantidade de nmeros negativos; A quantidade de nmeros nulos.10) Em uma cidade do interior, sabe-se que, de janeiro a abril de 1976 (121 dias), no ocorreutemperatura inferior a 15C nem superior a 40C (faa a validao). As temperaturasverificadas em cada dia esto disponveis em uma unidade de entrada de dados.Fazer um algoritmo que calcule e escreva: A menor temperatura ocorrida; A maior temperatura ocorrida; A temperatura mdia; O nmero de dias nos quais a temperatura foi inferior temperatura mdia.11) Fazer um algoritmo que:a)Leia uma frase de 80 caracteres, incluindo brancos;b)Conte quantos brancos existem na frase;c)Conte quantas vezes a letra A aparecem;d)Escreva o que foi calculado nos itens b, e c.12) Uma certa firma fez uma pesquisa de mercado para saber qual a linguagem de programaopreferida entre os profissionais da rea de informtica. Para isso foi pesquisados o sexo e qual alinguagem preferida. Sabendo-se que foram entrevistados 200 programadores, coloque os dados(sexo e linguagem) em vetores. Faa um algoritmo que calcule e escreva:a) O nmero de pessoas que preferem Cobol;b) O nmero de pessoas que preferem C;c) O nmero de pessoas do sexo feminino que preferem Delphi;d) O nmero de pessoas do sexo masculino que preferem Visual Basic.OBS.: Faa as validaes: No vetor linguagem ter somente essas 4 linguagens e no vetor sexoconsidere que o usurio poder digitar feminino ou F para mulheres e masculino ou M para homens.13) Uma certa firma fez uma pesquisa de mercado para saber se as pessoas gostaram ou no de umnovo produto lanado no mercado. Para isso, forneceu o sexo do entrevistado e a sua resposta (simou no). Sabendo-se que foram entrevistadas 1000 pessoas, fazer um algoritmo que calcule eescreva:a) O nmero de pessoas que responderam Sim;b) O nmero de pessoas que responderam No;c) A porcentagem de pessoas do sexo feminino que responderam Sim;d) A porcentagem de pessoas do sexo masculino que responderam No.14) Faa um algoritmo que leia um vetor Num[20] com nmeros pares. A seguir, encontre o menorelemento do vetor Num e a sua posio dentro do vetor, mostrando: O menor elemento par deNum , Menor, e sua posio dentro do vetor , Pos. 50. Pgina: 4715) Faa o rastreio e verifique qual ser o resultado final do vetor A aps a execuo do algoritmoabaixo?Vetor AA ST I X RE O B V 1234 567 8 9 1011algoritmo constante Lim 11 declare VetorA: vetor[1..Lim] literal Aux: literal Ind: inteiro para Ind de 1 at 5 faa Aux VetorA[Ind] VetorA[Ind] VetorA[11 Ind] VetorA[11 Ind] Aux fim_para VetorA[Ind + 1] F para Ind de 3 at 4 faa Aux VetorA[Ind] VetorA[Ind] VetorA[Ind + 4 ] VetorA[Ind + 4] Auxfim_para VetorA[4] VetorA[9] VetorA[11] VetorA[4]para Ind de 10 at 11 faa Aux VetorA[Ind] VetorA[Ind] VetorA[Ind 7] VetorA[Ind 7] Auxfim_paraVetorA[Ind 2] VetorA[Ind 1] VetorA[10] Afim_algoritmo16) Construa um algoritmo que:a)Leia um valor A pelo teclado;b)Leia, pelo teclado, 40 valores de um vetor B;c)Determine e escreva quantos elementos de B so iguais a A;d)Escreva cada uma das posies dos respectivos elementos iguais a A.17) Construa um algoritmo que leia os 15 elementos dos vetores A e B e depois intercale oselementos desses dois vetores em um nico vetor C com 30 elementos.18) Construa um algoritmo que leia os 40 elementos de um vetor e que determine e escreva:a) A soma dos elementos pares situados em posies mpares;b) A quantidade de elementos mpares situados em posies pares.19) Elabore um algoritmo que:a) Crie vetores com 200 elementos que possuam a seguinte estrutura: Cdigo do produto,descrio do produto, preo unitrio, tipo do produto (1 = escritrio, 2 = papis, 3 = informtica, 4= outros) e a quantidade em estoque. 51. Pgina: 48b) Escreva apenas o cdigo e a quantidade em estoque dos produtos do tipo 4;c) Escreva a descrio e o preo unitrio dos produtos de escritrio;d) Escreva o cdigo, o preo unitrio, a quantidade e o valor total em estoque de cada um dosprodutos e apresente, no final, o valor total correspondente a todos os produtos em estoque.20) Considerando as informaes de uma agenda com a seguinte estrutura:Nome, telefone, tipo de informao (1-amigo, 2-parente, 3-empresa, 4-outros).Construa um algoritmo que:a) Escreva o nome e o telefone apenas das informaes de empresa;b) Determine e escreva a quantidade de informaes de amigos cadastrados.Considere que so 500 cadastros.21) Seu Humberto dono da empresa XYZ que tem 2000 funcionrios, leia o nome e a quantidadede anos que os funcionrios trabalham nesta empresa e armazene em vetores. Escreva o nome dofuncionrio mais velho de casa.22) Entrar com o cdigo do estado de 400 pessoas em um vetor e escrever uma das mensagensconforme a informao abaixo para cada um:a) Carioca (cdigo 100)b) Paulista (cdigo 200)c) Mineiro (cdigo 300)d) Goiano (cdigo 400)e) Outros estados para cdigos diferentes dos citados acima.23) Seu Cristvo dono da empresa ABC e est muito preocupado com a segurana de suasinformaes, pois tem vrios servidores e muitas estaes de trabalho. Certa vez as estaes foramatacadas por vrios tipos de malwares, tendo assim prejuzo de dinheiro e tempo, sendo que vriasestaes tiveram que ser formatadas. Em vista do exposto desenvolva um algoritmo que leia para os5000 funcionrios sua identificao, se sua estao de trabalho j foi ou no infectada e quantasvezes aconteceu(ram) as infeces e armazene isso em vetores. Verifique e escreva:a) Quantas estaes j foram infectadas;b) A mdia do nmero de vezes em que todas as estaes foram infectadas.24) Na mesma empresa entre com o nome do funcionrio e se em sua estao de trabalho j foiinstalado ou no algum tipo de antivrus e armazene em vetores. Verifique e escreva:a) A porcentagem de estaes que possuem antivrus.25) Em outra empresa do mesmo grupo com 200 funcionrios, leia o cdigo do funcionrio, se suaestao de trabalho precisa ser formatada e qual o motivo da formatao (Hardware ou software) earmazene em vetores. Verifique e escreva:a) A porcentagem de estaes que precisam ser formatadas por software;b) A porcentagem de estaes que precisam ser formatadas por hardware.26) Faa um algoritmo que leia duas notas de 50 alunos e armazene em vetores. Calcule a mdiaaritmtica de cada um e:a) Se a mdia for maior ou igual que 7, escreva a mensagem: Aprovado;b) Se a mdia for menor que 7, escreva: Reprovado;c) Se a mdia for maior ou igual a sete e a 1 nota for maior que cinco e menor que sete, escreva a2 nota.27) Rastreie (teste de mesa) os algoritmos abaixo e informe quais valores so escritos: 52. Pgina: 49a) Suponha que sero lidos somente 5 valores para o vetor A, qual ser o valor deQUANTVERDADEIRO:algoritmo constante Limite 5 declare VetA: vetor[1..Limite] lgico Indice, QuantVerdadeiro: inteiro QuantVerdadeiro 0 para Indice de 1 at Limite faa escreva Digite verdadeiro ou falso: leia VetA[Indice] se VetA[Indice] = verdadeiro ento se VetA[Indice-1] entoQuantVerdadeiro QuantVerdadeiro + 1 fim_se fim_se fim_para escreva QuantVerdadeiro, o total de elementos com valor verdadeiro apenas quando o elemento da posio anterior tambm for verdadeiro.fim_algoritmob) Suponha que sero lidos somente 3 valores para o vetor A e B, qual ser o valor do vetor C:algoritmo constante Limite1 10 Limite2 20 declare VetA, VetB: vetor[1..Limite1] real VetC: vetor[1..Limite2] real Indice1, Indice2: inteiro Indice2 1 para Indice1 de 1 at Limite1 faa escreva Digite dois nmeros: leia VetA[Indice1], VetB[Indice1] VetC[Indice2] VetA[Indice1] VetC[Indice2+1] VetB[Indice1] Indice2 Indice2 + 2 fim_para escreva O contedo do vetor C : para Indice1 de 1 at Limite2 faa escreva VetC[Indice1] fim_parafim_algoritmo 53. Pgina: 50c) Suponha que sero lidos os valores para o vetor, o que ser escrito:algoritmo constante Limite 4 declare Vet: vetor[1..Limite] real Indice: inteiro para Indice de 1 at Limite faa escreva Digite um nmero: leia Vet[Indice] fim_para para Indice de Limite at 1 passo -1 faa escreva Vet[Indice] fim_parafim_algoritmo6.3. Variveis Compostas Homogneas Bidimensionais (Matrizes)Observe a seguinte situao:Desenvolva um algoritmo que leia quatro notas, calcule e armazene a mdia de 50 pessoas emum vetor. Ao final do algoritmo escreva este vetor.Imagine como poderamos desenvolv-lo caso seja pedido que seja armazenado as notas e asmdias de todos os alunos. Pode-se resolver este problema utilizando dois vetores, porm como asinformaes que devem ser armazenadas correspondem aos alunos, no h necessidade de haverestruturas de armazenamento separadas, e para termos essas informaes numa nica estrutura,veremos a seguir o conceito de matrizes.A partir do conceito fundamental de variveis compostas so criadas estruturas de dados maiscomplexas, visando adequar o instrumento aos vrios problemas do dia-dia do programador. Assim,surgem as variveis compostas bidimensionais (matrizes ou tabelas), conjunto de dadosreferenciado por um mesmo nome que necessitam de dois ndices para individualizao de seuselementos. O primeiro ndice representa o nmero da linha e o segundo, o nmero da coluna.Podemos representar uma matriz da seguinte maneira: MATRIZ(4X8) 123 4 56 7 814 25 513061 8961 892 59 82 714535 7235 723 74 23 478787 2087 204 21 26 618998 5198 51Sintaxe:declare Identificadores: matriz [LI1..LS1, LI2..LS2] tipo_de_dadoOnde:declare: uma palavra reservada;Identificadores: corresponde aos nomes das matrizes;matriz: palavra reservada que indica que a varivel uma matriz;[ ] : smbolo onde definido o tamanho da matriz;.. : smbolo que separa os limites inferiores dos superiores;LI1, LS1: limite inferior e superior da linha;, : smbolo que separa os limites das linhas dos limites das colunas; 54. Pgina: 51LI2, LS2: limite inferior e superior da coluna;tipo_de_dado: o tipo (inteiro, real, lgico ou literal) dos componentes da varivel. Exerccios1) Leia os seguintes dados de 35 misses de 1 concurso de beleza: Simpatia Beleza Carisma EstticaTotal12 ... 35Em um vetor coloque o nome da misses.Calcule e escreva:a) O nome da miss vencedora;b) A mdia das notas em simpatia;c) A porcentagem de misses que tiveram nota acima de 8 em beleza.2) Leia uma matriz numrica (6x8). Em seguida leia um nmero qualquer digitado pelo usurio.Toda vez que o nmero for encontrado na matriz, deve-se emitir uma mensagem dizendo: Achei onmero tal e est na linha X e coluna Y.3) Crie um algoritmo que:a) Leia 15 idades e armazene em uma matriz (voc quem vai decidir quantas linhas e quantas colunas tem a matriz, desde que d 15);b) Calcule e escreva: A maior idade contida na matriz; A menor idade contida na matriz.4) Dada uma varivel bidimensional MAT, de 20 linhas por 50 colunas, fazer um algoritmo quecalcule e escreva o somatrio dos elementos da 25 coluna e da 3 linha.5) Crie um algoritmo que:a) Leia 200 elementos numricos e armazene em uma matriz 10x20;b) Calcule e escreva: O somatrio dos elementos que esto na nona coluna; A soma dos elementos da primeira coluna com a ltima e coloque o resultado em um vetor.MATRIZ 12 ... 201 232 ... 42 103 ... 2 ...... ... ... ... 10 75 ... 9VETOR1 2... 1027 12... 16 55. Pgina: 526) Faa um algoritmo que leia uma Matriz (4x4) e que escreva somente a Matriz Triangularinferior.Exemplo de Matriz Triangular Inferior:1 2 3 4 1 4 8 5 9 2 5 2 1 6 3 1 0 5 2 4 4 5 1 27) Dadas as variveis compostas A e B abaixo:A BC 7 8 4 9 69 11 15 1317 15 24 2 1 7 332 1934 3420 10 7Calcular o conjunto C = A + B.OBS: Os nmeros que esto nas matrizes so apenas exemplos.8) Deseja-se apresentar o resultado final dos 25 alunos de uma determinada turma de um cursotcnico. Para isso, deve-se informar o nome do aluno em um vetor A e as respectivas notas N1 e N2em uma matriz B. Considerando que o professor avaliou os alunos de uma forma que no existemnotas iguais. O aluno s ser aprovado se atingir mdia mnima igual a 6.0. Elabore um algoritmoque:a) Leia os nomes de cada aluno no vetor A e as respectivas notas de cada aluno na matriz B;b) Determine e escreva:b.1) O nome do aluno e a sua respectiva mdia aritmtica;b.2) O nome do aluno que tem a maior nota N1;b.3) O nome do aluno que tem a maior nota N2;b.4) A quantidade de alunos reprovados.9) Dado uma matriz de ordem 3x3 faa um algoritmo que:a) Calcule a soma dos elementos da primeira coluna;b) Calcule o produto dos elementos da primeira linha;c) Calcule a soma de todos os elementos da matriz;d) Calcule a soma da diagonal principal.10) Faa um programa que construa uma matriz quadrada de ordem 10 da seguinte forma. Nadiagonal principal somente o valor 20. Acima da diagonal principal valores maiores que 20. Abaixoda diagonal principal valores menores que 20. Faa o controle da quantidade de valores nos locaiscorretos. 56. Pgina: 5311) Rastreie (teste de mesa) os algoritmos abaixo e informe quais valores so escritos:algoritmo constanteLimite 20 declareCinema: matriz [1..Limite, 1..Limite] literalReserva: literalLin, Col, Cont: inteiro para Lin de 1 at Limite faapara Col de 1 at Limite faa Cinema[Lin, Col] D {lugar desocupado}fim_para fim_para Cont 0 repitaescreva Deseja reservar alguma poltrona? S para sim ou N para No:leia Reserv