Apr mochilao 01_2012

  • View
    272

  • Download
    0

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Cine Mochilão - Proposta de incentivo fiscal

Text of Apr mochilao 01_2012

  • 1. Pacuj/ CESntese do projeto O Cine Mochilo um programa itinerante para exibio de filmese vdeos independentes ou no, elaborado para criar um processo de dilogo com aspessoas, acerca de tudo quanto envolve a vida humana. Contarcom intervenes teatrais , e no mnimo cinco exibies em cadacomunidade, vilarejo, ruas,lugares diversos onde iremos,alm de oficinas de audiovisual,onde tambm sero produzidosnovos vdeos a serem levados dal em diante. Baixo/ CE

2. Objetivo geralO Cine quer demostrar a claros olhos como possvel a exibio popular em regiesque no tem acesso ao cinema, e querestimular aproximidade entre o cinemabrasileiro e as pessoas, para isso buscacriar novos circuitos de exibies eincentivar a formao de Cine Clubes.O Cine prope ir regies onde asAnam/ AM pesquisas e histricos ja comprovaram queas populaes no tem contato com oCinema, e o que conhecem dele soprodues hollywoodianas, alm daprogramao de tv aberta, que oferecemenos de 20% voltado ao fococinematogrfico.Os municpios de nosso trajeto soexatamente aqueles, onde o acesso dapopulao s salas de cinema restrito porquestes geogrficas e econmicas. 3. Objetivos especficosExibir filmes e vdeos em 18 municpios brasileirosdiferentes, sendo seis municpios do estado doAmazonas, seis municpios no Par e seismunicpios no Cear.Produzir no mnimo um vdeo por oficina em cadamunicpio onde passarmos.Produzir uma coleo de cartes postais, apartir decriao fotogrfica livre, junto a jovens e crianas, eapoiar a postagem dos cartes para todos os lugares doBrasil.Produzir um site para ser alimentado antes, durante eaps o projeto com materiais referentes ao mesmo,s oficinas, textos acerca dos assuntos abordados,coberturas das exibies e curiosidades diversas.Promover uma interveno artstica antes de cadaexibio cinematogrfica.Promover no mnimo cinco exibies em cadavilarejo, praa, bairro, aldeia ou quaisquer outrosSantarm Novo/ PA lugares por onde passarmos.Promover a exibio de noventa vdeos e filmesdurante todo o projeto.Incentivar a formao de Cine Clubes.Criar um acervo de vdeos apartir das produeslocais.Escrever uma pesquisa acerca da experinciaaudiovisual vivida no Cine, em paralelo com adiversidade cultural de cada regio e sua respectivageografia. 4. Justificativa Nossa base inical de pesquisa foi a internet, redes sociais, e ento fizemos contato com as prefeituras dos municpios, onde conclumos que de fato nenhum dos dezoito municpios escolhidos tem salas de cinema comercial ou alternativa, e nenhum esta localizado ao lado das capitais de seus estados. A locomoo de alguns desses municpios a outros, tambm se d com dificuldade. Ex: Potiretama no Cear para a capital Fortaleza so dois trechos por diferentes municpios, at conseguir o prximo transporte, agora para a capital, que custa por volta de sete reais. Em alguns municpios como Bannach no Par, e Silves no Amazonas, a prpria tv aberta, transmite com qualidade muito ruim, as pessoas tem aparelhos de tv ja ultrapassados, pequenas antenas e nada de conversores digitais e/ou internet. Nas redes sociais contactamos vrias pessoas, e houveram municpios como a ja citada Bannach, em que trinta e uma pessoas tem perfil em determinada rede social popular no Brasil, e destas, quatorze tem perfis ativos, estes internautas acessam aSilves/ AM internet com mais frequncia porque trabalham em locais como a prefeitura, hotel, ou escola e declararam que por isso aproveitam o acesso a ferramenta internet.Cramos perfs para o Cine nessas redes, adicionamos as pessoas, apresentamos a elas as perspectivas do projeto, e obtivemos grande receptividade e espectativas de que o Cine siga para estas cidades. 5. ...justificativaEm municpios em que no conseguimos localizar um contatodireto com a prefeitura, pessoas da rede social nos ajudaramindo at a prefeitura e conseguindo contato do departamentocerto, ou e-mail da respectiva prefeitura, foram dias paracada resposta solicitada, mas podemos dizer que em algunslugares como Potiretama e Pacuj no Cear, temos equipepara o Cine Mochilo, um pblico mais que garantido para oprojeto, motivados pela curiosidade em receber as exibies,e o interesse de participar das oficinas.No contato telefnico com dezesseis dessas prefeituras,descobrimos que algumas no tem sequer e-mail para quepudessemos tratar, nas demais prefeituras fomos bemrecepcionados algumas se comprometeram em nos indicaros locais para as exibies e oficinas. Alm disso, a mais demeses outro processo ja vem acontecendo; o boca-a-bocabem distante da data de incio desta caminhada, ja se falapor l do que pode vir acontecer. Entretanto no para pora, acreditamos que a criao de material de acervo, a troca,distribuio de obras, e o incentivo criao de cine clubes o exerccio que completa o ciclo de um processo deaculturamento da arte audiovisual, que deve sercontnuo. Para tanto, elaboramos nosso formato dedistribuio e troca de materias ao longo do projeto, e no psBannach/ PAprojeto quando disponibilizaremos os pacotes de dvds daprogramao do Cine Mochilo, nos municpios por ondepassarmos, e estes estaro disponveis para emprstimogratuito na comunidade. 6. Cronograma das AtividadesFase MaroAbril Maio Junho Julho AgostoPr Produo Criao e desenvolvimento do site/ criao de artes grficas tanto para o site quanto divulgao impressa.Pr Produo Reviso do mailing existente, de 5 mil contatos, e incio do disparo da divulgao via webPr ProduoCriao de novomailing agoraespecfico do estadodo PA, CE e AM.Disparo do mesmo.Contratao doassistente deproduo que ficarem SP - Auxiliar nomanejo do site,Far a contabi-lidadee etc... 7. Fase Maro AbrilMaioJunhoJulhoAgostoPr Produo DivulgaoConfirmao de contnua at otrajetos do Cine fim do projeto cjunto aos via redes sociais representantes e email dos municpios marketingPr Produo Preparao dosAquisio pacotes dedos DVDs/equipamentos autoraes ee materiais de reprodues consumo.Produo /Durante todo oRealizaoprocesso de realizaoo site ser alimentado.por produtos queenviaremos para SP,como vdeos, textos,fotografias entre outros.Mochilo sai de So O Mochilo Enfim o neste msPaulo para o Cearparte do CEMochilo segue que o Cineseguindo por 6 cidades. para o do Par, rumovolta para SoPar, seguindo ao Amazonas, Paulopara 6 cidades e assim por 6Processo de municpios.finalizao demateriais eprodutosOBS: O cronograma poder ser alterado de acordo com as datas deliberao do apoio. 8. Descrio das principais atividades1 - Intervenes teatrais2 - Oficinas de audiovisual3 - Exibies de Cinema4 - Discusses populares5 - Pesquisa Amatur/ AMLocais de realizao do projetoEstado: CearMunicpios: General SampaioEstado: Amazonas PotiretamaMunicpios: Anam Baixio Amatur Pacuj SilvesItapiranga GranjeiroItamarati Guaramiranga JapuraEstado: ParMunicpios: Abel FigueiredoTrs estados e dezoito municpios Santarm Novo Pau-dArco So Joo da Ponta Sapucaia Bannach 9. Pblico alvo de acordo com asatividades previstasOficinas de audiovisual: Jovens de15 26 anosGranjeiro/ CEIntervenes artsticas: ao teatralpblicaExibies cinematogrficas:Modalidade 1 . abertas ao pblicogeralModalidade 2 (exibio emambiente fechado). Jovens apartirdos 18 anosCarto postal/ Atividade fotogrficae artstica: Apartir dos 10 anos 10. Equipe tcnica:Coordenadora geral da proposta:Joy IzauriProdutor:Ricardo VenturiniAssistente de produo:Luiz Henrique de JesusIntervenes teatrais:Joy Izauri e Ricardo Venturini Oficinas de audiovisual ministradas ecoordenadas pedaggicamente por: Joy Izauri Ricardo VenturiniExibidores:Joy Izauri e Ricardo Venturini 11. Plano de comunicao/ divulgaoPeas:Tipo de mdiaStio de internet EletrnicaPeas de Audio (a serem veculadas em rdio/ breve chamada para rdios locais)E-Mail marketing EletrnicaBanner Fisico (estar disposto nos locais de atividade)Folder formato at A3(29,7x42cm (Impresso para distribuio)Cartes postais (Impressos com fotografias das oficinas - as pessoas enviaro os postaispara seus amigos, parentes em outros estados de todo Brasil.Audiovisual 3 a 5 (vinheta) Televisiva/eletrnicaAssessor de imprensa Comunicao geral So Joo da Ponta/ PA 12. Cine Mochilo Proponente: Joy Izauri Lei Rouanet - art. 18 Pronac n: 119304 Segmento: Artes Integradas Dados bancrios: Ag: 08133 - Cc: 36.773-7 Valor do incentivo aprovado: 106.932.26 R$Cota de patrocnio exclusivo: 106.932,26 R$(Logomarca em destaque em todas as peas do plano dedivulgao)Cota de patrocnio cultural: 35.644,86 R$Cotas de patrocnio: Cotas negociveis