Crack, Nem Pensar!

  • View
    94

  • Download
    4

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Crack, Nem Pensar!

Text of Crack, Nem Pensar!

  • 1. A melhor forma de preveno contra asdrogas a informao. A preveno passapor toda a sociedade, nela includas escolas,famlias, poder pblico, organizaes nogovernamentais, etc.

2. A droga algo que j existe h muito tempo. Nesse sentido, o consumo de substncias quealteram o estado de conscincia fenmeno cultural,que ocorre em diversos contextos (social, econmico,ritual, religioso, esttico, psicolgico, cultural) No hsociedade livre de drogas. O que h so diferentesfinalidades quanto ao uso. A busca de experinciasde prazer apenas uma delas. 3. O uso de crack, no Brasil, vemcrescendo de moda avassalador; olcool e o tabaco tambm solargamente utilizados por crianase adolescentes. muito importante a participaodos familiares no tratamento. 4. uma substncia psicoativa euforizante (estimulante),mistura da pasta de cocana com bicarbonato de sdio. Para obteno das pedras de crack tambm somisturadas cocana diversas substncias txicas comogasolina, querosene e at gua de bateria. A pedra de crack no solvel em gua e no podeser injetada. 5. Ela fumada em cachimbo, tubo dePVC ou aquecida numa lata. Aps seraquecida em temperatura mdia de95C, passa do estado slido ao devapor. Quando queima, produz o rudoque lhe deu o nome. Pode sermisturada com maconha e fumada comela. A merla, mela, mel ou melado,apresenta-se sob a forma de uma basee tambm fumada. 6. Ao ser fumado, absorvido pelo pulmo e chegaao crebro em 10 segundos. Aps a pipada, ousurio sente grande prazer, euforia, sensaode poder, excitao, hiperatividade, insnia,perda de sensao de cansao e falta de apetite. O efeito dura apenas de 5 a 10 minutos e afissura. Segue-se repentina e profundadepresso. 7. Por ser fumado, expande-sepela grande rea dasuperfcie do pulmo e absorvido em grandequantidade pela circulaosangunea. O efeito rpido epotente; porm, passadepressa. 8. FSICAS: Danos ao pulmo, associado a fortes dores nopeito, bronquite e asma; aumento da temperatura corporalcom risco de causar acidente vascular cerebral; destruiode clulas cerebrais e degenerao muscular; inibio dafome e insnia severa. Os materiais utilizados apresentam risco de contaminaoinfecciosa, gerando potencial elevao dos nveis dealumnio no sangue, danos no sistema nervoso central,queimaduras labiais, no nariz e nos dedos dos usurios. 9. PSICOLGICAS: Fcil dependncia,grande desconforto duranteabstinncia, depresso, ansiedadee agressividade, diminuiomarcante do interesse sexual;delitos, para a obteno dedinheiro, venda de bens pessoais efamiliares, prostituio apromiscuidade leva ao grave riscode contrair AIDS e outras DSTs ;atitudes bizarras, parania (nia). 10. SOCIAIS: Abandono do trabalho, estudo, ouqualquer outro interesse, deteriorao dasrelaes familiares, violncia domstica,abandono do lar, envolvimento comcriminalidade, excluso social; comum queusurios de crack matem ou sejam mortos. 11. Crianas e adultos. A utilizao do crack jocorre em todas as classessociais: moradores de rua,crianas e adolescentesconstituem importantegrupo de risco. 12. Abandono de interesses sociais no ligados ao consumo ecompra de drogas; mudana de companhias e de amigos no ligados ao consumodesta; visvel mudana fsica, perda pelos, pele ressecada,envelhecimento precoce; comportamento deprimido, cansao, e descuido na aparncia,irritao e agressividade com terceiros, por palavras e atitudes; 13. comum que usurios de crack precisem deoutras substncias no perodo das chamadas brisas, ou seja ,no perodo imediato aps uso docrack acabando o efeito estimulante ,h grandemal-estar, o lcool , a maconha ou outrassubstancias so utilizadas para a reduo destapssima sensao. O sofrimento psquico decorrente do uso docrack induz o usurio a mltiplas dependncias. 14. Manter bom relacionamento, que garantaabertura para dialogo, saber de sua vida, comquem estaro, os lugares que frequenta, seudesempenho no trabalho ou na escola.Observe se ocorrem mudanas bruscas decomportamento. A manuteno do vnculoafetivo muito importante. 15. CAPS tem apoio profissional e podem viverpor um perodo.