of 71/71
Evolução e Sistemática A sistemática é a área da Biologia que se preocupa principalmente em compreender a Filogenia (história evolutiva das espécies de seres vivos). A filogenia só pode ser reconstruída com base em caracteres derivados compartilhados (características comuns).

Filogenia aula 1

  • View
    104

  • Download
    1

Embed Size (px)

Text of Filogenia aula 1

  • Evoluo e Sistemtica

    A sistemtica a rea da Biologia que se preocupa principalmente em compreender a Filogenia (histria evolutiva das espcies de seres vivos).

    A filogenia s pode ser reconstruda com base em caracteres derivados compartilhados (caractersticas comuns).

  • Histria da classificao biolgica

    Por que classificar?

    Primeiros registros de classificao: Aristteles sec.IV a.C;

    Dicotomia : Planta e Animal

    Ideia que permaneceu at idade contempornea

  • Dicotomia: Sistema de dois Reinos

  • A viso de Aristteles da Grande Cadeia do ser. Essencialista

  • E as Euglenas? Fotossintetizantes e que se movem

  • Os 3 Reinos de Haeckel (1894-1904)

  • Os 4 reinos de Copeland (1938)

  • Margulis (2001)

    Monera: Eubacteria

    e Archaea

    Proctista:Algas

  • Era da Biologia Molecular:A partir de 1970- Filogenia Molecular

  • Sistemtica Filogentica ou Cladstica

    Entende-se que a diversidade de seres vivos resultante de processos evolutivos e que esses processos ocorrem por anagnese e por cladognese.

  • Anagnese: processo pelo qual um carter surge ou se modifica numa populao ao longo do tempo,

    sendo responsvel pelas novidades evolutivas nos grupos (fixao de mutaes e recombinaes

    gnicas).

    Cladognese: processo responsvel pela ruptura de uma populao, gerando duas ou mais populaes que no mais se comunicam, no ocorrendo fluxo

    gnico entre elas (ex: barreiras geogrficas).

  • Sistemtica Filogentica ou Cladstica

    As relaes evolutivas entre os seres vivos so representadas por diagramas denominados cladogramas (clado = ramo).

  • Cladogramas

    Partes que compem um cladograma:

    raiz, ramos, ns e terminais.

    Os ramos so as linhas do cladograma.

    Os ns so os pontos de onde partem as ramificaes. Representam o ancestral comum para todos os grupos acima dele. Cada n simboliza um evento cladogentico.

    Os grupos acima de cada n so denominados grupos monofilticos.

    Os grupos de seres vivos compem os terminais nos cladogramas.

  • Grupo externo o grupo de seres vivos aparentados, que surgiram antes da histria evolutiva de um determinado grupo analisado.

    Grupo monofiltico inclui todos os descendentes de um ancestral exclusivo.

  • Surgiu antes da histria

    evolutiva do grupo

    analisado

  • Princpio da parcimnia

    Marcar o menor nmero possvel de passos no

    cladograma: caractersticas que ocorrem em um

    nmero maior de organismos so as primeiras a

    serem colocadas no cladograma a partir da raiz e

    assim sucessivamente.

    O princpio da parcimnia sugere que uma

    determinada caracterstica derivada deve ter

    surgido uma nica vez na evoluo. Por isso deve

    ser apontada no cladograma uma nica vez.

  • Cladograma

    Allosaurus Stegosaurus Parasauroloph

    us

    PachycephalosaurusTriceratops

    Quadril

    Pbis

    Dente

    Crnio

    Chifre

  • FILOGENIA

    A Filogenia nasceu em 1966, com a publicao do livro Phylogenetic Systematics (Hennig);

    a histria genealgica de um grupo de organismos e uma representao hipottica das relaes ancestral/descendente,

  • Filogenia

    O processo da evoluo produz um padro de relacionamentos entre

    espcies.

    Conforme as linhagens evoluem e separam-se, e alteraes so

    herdadas, seus caminhos evolutivos divergem. Isso produz um padro

    ramificado de relaes evolutivas.

    Estudando caractersticas de espcies herdadas e outras evidncias

    histricas, ns podemos reconstruir os relacionamentos evolutivos e

    represent-los em uma rvore genealgica, chamada Filogenia.

  • Especiao Periptrica

    Entender uma filogenia bem parecido com ler uma rvore genealgica. A raiz da rvore representa a linhagem ancestral, e as pontas das ramificaes representam os

    descendentes desse ancestral. Conforme voc avana da raiz para as pontas, voc est avanando no tempo.

  • CLADO

    um agrupamento que inclui um ancestral comum

    e todos os descendentes (viventes e extintos)

    desse ancestral.

  • Clados

    Clados so representados uns dentro dos outros eles formam uma hierarquia.

    Um clado pode incluir milhares de espcies ou s algumas.

  • Usando uma filogenia, fcil dizer se um grupo de linhagens forma um clado.

  • Observe como clados esto aninhados dentro de clados

    maiores.

  • A evoluo produz um padro de relaes, A B C D, entre linhagens que similar a uma rvore, no a

    uma escada.

  • S porque ns tendemos a ler filogenias da esquerda para a

    direita, no significa que h relao com nvel de avano.

  • Equvocos sobre seres Humanos

    Humanos no evoluram de chimpanzs. Humanos e chimpanzs so primos evolutivos e compartilham um ancestral comum recente que no era nem humano tampouco chimpanz.

  • Linha 1 Linha 2 Linha 3 Linha 4

    0

    2

    4

    6

    8

    10

    12

    Coluna 1

    Coluna 2

    Coluna 3

    Humanos no so superiores ou mais evoludos do que qualquer outra linhagem existente. Desde que nossas linhagens se separaram, humanos e chimpanzs desenvolveram traos nicos para suas prprias linhagens.

  • Representao esquemtica da filogenia consenso dos eucariontes.

    Modificado de Baldauf, 2003.

    Algas

    verdes e

    vermelhas

    Algas

    pardas

    dinoflagelados

    diatomaceas

    Euglenas

  • Filogenia dos animais

  • Atividades

  • 1) O que uma rvore filogentica nos permite perceber e qual a sua importncia?

    2)

  • 3)