Click here to load reader

Identidades juvenis

  • View
    1.600

  • Download
    5

Embed Size (px)

Text of Identidades juvenis

  • 1. IDENTIDADES JUVENIS

2. QUANDO E COMO SE FORMA A IDENTIDADE DO JOVEM? 3. FAMLIA ESCOLA RELIGIO MDIA SOCIEDADE 4. ADOLESCNCIA TIPOS DE IMAGEM DO PRPRIO CORPO: REAL e SIMBLICA 5. ADOLESCNCIA Durante a adolescncia o jovem passa por perodos de descobertas, redescobertas, curiosidades, desejos... Todos estes sentimentos so intensos e de uma maneira geral interferem na formao da identidade juvenil e pode ainda intervir na formao do futuro adulto. 6. na puberdade que o jovem reconstri seu universo interno e cria relaes com o mundo externo. 7. A adolescncia como um renascimento, marcado, dessa vez, pela reviso de tudo o que foi vivido na infncia. 8. A IMPORTNCIA DO GRUPO PARA OS JOVENS Fundamental para o exerccio de papis sociais, o grupo ganha espao na adolescncia. Possibilidades e riscos so as marcas desse momento. (drogas, violncia). 9. O PAPEL DA VIDA EM GRUPO No exagero dizer que a entrada em um grupo um acontecimento inevitvel na passagem da infncia para o mundo adulto. Faz parte do processo de elaborao da identidade. 10. O PAPEL DA VIDA EM GRUPO Quando chega a puberdade, o adolescente no se contenta mais apenas com a rede protetora da famlia e busca fora de casa outras referncias para se formar como sujeito. 11. por isso que, nessa hora, os amigos crescem em importncia. Por meio deles, o jovem exercita papis sociais, se identifica com comportamentos e valores e busca segurana para lutar contra a angstia da solido tpica da fase 12. JOVENS E SMBOLOS Alados condio de smbolos de identificao coletiva, tipos de bermuda ou bon, logotipos de movimentos culturais ou polticos, discos de bandas de rock, piercings ou cortes de cabelo se transformam em representao de ideais comuns, marcas de pertencimento. 13. Tambm se expressa com o corpo atravs dos ritmos 14. MSICA a msica vista como tendo um nmero importante de funes sociais nas vidas dos jovens. Frith (1997), por exemplo, discute que as funes sociais da msica incluem a formao de identidade, o desenvolvimento de um senso de lugar e de contexto social e o gerenciamento de sentimentos. 15. Atravs da musica o jovem se expressa, verbalmente (letras de msica contando uma estria de sucesso ou derrota). Por meio da dana o jovem fala com seu corpo, dispensando palavras. 16. IDENTIDADE TECNOLGICA Para os jovens, o mundo virtual um espao de expresso e descoberta 17. IDENTIDADE TECNOLGICA Para os adolescentes, a tecnologia exerce fascnio porque uma das poucas reas em que eles tm desempenho melhor que os adultos. 18. IDENTIDADE TECNOLGICA Os adolescentes podem eleger dolos, criar culturas prprias distantes da figura de autoridade dos pais e familiares e construir relacionamentos com certo distanciamento e liberdade (essencial na busca da autonomia que caracteriza a puberdade). 19. SUPEREXPOSIO Com os avanos tecnolgicos, o jovem fica cada vez mais exposto na mdia e parece no ter conscincia deste fato at que exposto em rede (local, nacional, mundial) se choca com o alcance das imagens, dilogos, filmagens etc. 20. SUPEREXPOSIO Apesar de todo o conhecimento adquirido nesta gerao digital, o jovem ainda um analfabeto no que diz respeito ao alcance de seus atos em rede. 21. SEXTING refere-se a divulgao de contedos erticos e sensuais atravs de celulares. Iniciou-se atravs das mensagens SMS de natureza sexual e com o avano tecnolgico tem-se aumentado o envio de fotografias e vdeo uma prtica cada vez mais comum entre jovens e adolescentes 22. Pesquisa da Safernet brasil mostra que sexting prtica comum entre adolescentes 23. REFERNCIAS BIBLIOGRFICAS https://www.youtube.com/watch?v=VJFhoiILLxo&list=PL kysdmkM1k1HC6x1e1omjqHAVN5LZI-cQ http://www.ufrgs.br/neccso/pdf/texto_bethe_identidad esjuvenis.pdf://www.youtube.com/watch?v=dKEChjI0nV g http://www.pucrs.br/edipucrs/XSalaoIC/Outros/Estudos_ sociais/71061-ALINE_TONIAL_SIMOES.pdf Revista Nova Escola Srie Especial DesenvolvimentoJuvenil 2013.