Slides prof jozina apresenta§£o

  • View
    396

  • Download
    2

Embed Size (px)

Text of Slides prof jozina apresenta§£o

  1. 1. CENTRO DE EDUCAO SUPERIOR DE BRASLIA CENTRO UNIVERSITRIO INSTITUTO DE EDUCAO SUPERIOR DE BRASLIA DISCENTES: Edivnia Sousa Gisleide Duarte Silvia Rodrigues Kedma Luzia Shirlei Bonifcio Raimundo Sousa
  2. 2. PLANO DE AO PARTICIPATIVO COLGIO MENTES QUE BRILHAM
  3. 3. CADA LIXO NO SEU LUGAR
  4. 4. DESRESPEITO AO MEIO AMBIENTE
  5. 5. JUSTIFICATIVA grande o desafio do Colgio Mentes que Brilham e de toda comunidade no processo de conscientizao da populao local, que, CADA LIXO NO SEU LUGAR, porque tem-se observado uma grande quantidade de lixos ao redor da escola causando muitos malefcios a todos , por isso, buscamos trabalhar em equipe propondo mudanas de hbitos e atitudes que demonstrem cuidado e zelo, porque o lixo jogado no muro da escola traz desastrosos efeitos.
  6. 6. ESCOLA LUGAR DE QUE MESMO?
  7. 7. OLHAR PANORMICO
  8. 8. OLHAR PANORMICO
  9. 9. OLHAR PANORMICO
  10. 10. OLHAR PANORMICO INTRA
  11. 11. OLHAR PANORMICO INTRA
  12. 12. OLHAR INTRA ESCOLAR
  13. 13. OLHA A TERRA DO NUNCA
  14. 14. EXISTE?
  15. 15. LIXO NA LIXEIRA SELETIVA
  16. 16. PLANO DE AO PARTICIPATIVO OBJETIVO GERAL: 1. envolver e participar da comunidade escolar como um todo ( professores, pais, alunos e funcionrios ); 2. conhecer a realidade escolar e contexto social inserida ; 3. analisar a distncia entre o ponto de partida ( realidade) e o ponto de chegada ( realidade a ser alcanada); 4. reestabelecer as dimenses dos mecanismos de gesto democrtica;
  17. 17. LIXO NO LUGAR CERTO
  18. 18. QUAL O PAPEL DO SUPERVISOR ESCOLAR ? SUPERVISOR ESCOLAR 1.estabelece o posicionamento de fazer, agir, movimentar e envolver-se interagindo na comunidade dos relacionamentos na escola, em sala de aula nas quais os alunos esto inseridos. 2.centrar na ao e qualidade da produo do professor, e preocupa-se com o aprender do aluno; 3.ser encarregado do controle de qualquer ao, de promover a interao entre teoria e prtica, entre pensamento e ao; 4.ser o grande harmonizador do ambiente da escola.
  19. 19. QUE INTERAO? COORDENADOR ESCOLAR 1. Proporcionar a integrao de toda a comunidade escolar; 2. Propor projetos com a equipe pedaggica; 3. Focar em solues do problema sugerindo aes criativas com a participao de todos;
  20. 20. MEDIAR OU SE ACOMODAR? PROFESSOR 1. trabalhar com os meus alunos, uma aula interativa e explicativa, explorando a questo do lixo; 2. utilizar como meio de incentivo: cartazes para conscientizar os alunos jogar lixo no lugar certo; 3. Mostrar que a escola a continuidade da sua casa: responsabilidade do professor,da famlia, da comunidade escolar e da sociedade.
  21. 21. QUAL O NORTE A SEGUIR? EQUIPE PEDAGGICA 1. Reunir o coletivo da escola para detectar os problemas e futuras providncias; 2. Implementar projetos voltados para formao de novos hbitos (como palestras; exposies de trabalhos ...); 3. Viabilizar um planejamento participativo; e desenvolvimento de capacidades necessrias para a vida em sociedade;
  22. 22. QUAL O OLHAR DO GESTOR DIRETOR 1. Garantir a participao efetiva dos rgos colegiados da escola, a fim de democratizar a gesto escolar; 2. Revisar coletivamente os instrumentos de gesto democrtica da escola: PPP; 3. Assegurar o funcionamento dos conselhos escolares; 4. Sensibilizar e organizar a comunidade escolar; 5. Possibilitar a realizao de projetos promovido pela equipe escolar;
  23. 23. QUAL O ENVOLVIMENTO? CONSELHO DE PAIS 1. Conscientizar a comunidade ao redor da escola quanto a importncia da manuteno da limpeza no colgio; 2. Participar dos conselhos escolares; 3. Ajudar/contribuir para disseminar junto a populao local a importncia de cuidar do patrimnio publico; 4. Buscar parcerias junto a administrao pblica;
  24. 24. CONCLUSO Aps feito questionrio na escola ( X ) foi constatado quo desorganizado Colgio Mentes que Brilham , em que os gestores e toda sua equipe trabalham na contramo, inviabilizando tomadas de decises e realizaes de projetos primordiais para um bom funcionamento escolar. H uma grande desmotivao de toda equipe escolar, no atentando-se as atribuies que cada um deve exercer nesta referida escola.