of 5 /5
Revista Digital de Podologia Revista Digital de Podologia Gratuita - Em Português Gratuita - Em Português N° 30 - Fevereiro 2010

Artigo publicado linfedema dra rosangela

  • Upload
    roarnt

  • View
    246

  • Download
    10

Embed Size (px)

Citation preview

Page 1: Artigo publicado linfedema dra rosangela

Revista Digital de PodologiaRevista Digital de PodologiaG r a t u i t a - E m P o r t u g u ê sG r a t u i t a - E m P o r t u g u ê s

N° 30 - Fevereiro 2010

Page 2: Artigo publicado linfedema dra rosangela

O linfedema é o edema resultante do compro-metimento do sistema linfático, com característi-cas variáveis dependendo da etiologia e dotempo de evolução. Na fase inicial, costuma sermole, depressível, frio, indolor e regride com orepouso. Quando é de longa duração, é duro, nãodepressível, frio, indolor e não regride com orepouso. Em todos os casos, o paciente referedesconforto, e até dor em peso no local atingido,e sempre existe a alteração estética implicada.

Conforme a etiologia, os linfedemas podemser:

• PRIMÁRIO - congênito, precoce ou tardio• SECUNDÁRIO POR ALTERAÇÃO DOS VASOS

LINFÁTICOS - pós surtos de erisipela, pós estasevenosa crônica, pós traumas, filariose, iatrogêni-co

• SECUNDÁRIO POR ALTERAÇÃO DOS LINFON-ODOS - neoplasias, fibrose pós-radioterapia,esvaziamento ganglionar, tuberculose, medica-mentos.

Nos últimos 05 anos atendi em torno de 10casos de pacientes com linfedema em MMII, cau-sados pelas mais diversas etiologias, alguns dedifícil controle clínico, e muitos de pacientes queexigiam outro tipo de abordagem que não a con-vencional.

Portanto, desenvolvi um protocolo multiter-apêutico, com um surpreendente resultado emmuitos desses casos, ampliando a possibilidadeda melhora da qualidade de vida e auto-estimadesses pacientes.

O protocolo consta de 20 sessões na Clínica,pelo menos 02 vezes por semana, com 03 etapascada sessão.

A primeira etapa é constituída de Hidro-Ozonoterapia local, com aparelho Ozonomatic®,ciclo de 25 min com ozônio contínuo, com águaaquecida a 38° C aproximadamente, utilizandouma espécie de pequena ofurô (chamamosVaschetta) para mergulhar os membros inferi-ores até quase atingir os joelhos, com o pacientesentado.

Como Eu Trato o Linfedema de Membros Inferiores.

Dra. Rosangela Arnt. Brasil.

Fonte: www.revistapodologia.com

Page 3: Artigo publicado linfedema dra rosangela

água quente, será capaz de penetrar através dapele, e difundir-se pelos tecidos até o sangue dopaciente. A água na temperatura de 36 a 38o Cfaz uma vasodilatação periférica, com aumentoda circulação, dilatação dos poros da pele, facil-itando a penetração do oxigênio através dascamadas da derme.

Portanto, no caso em questão, a Hidro-Ozonoterapia é fundamental para o tratamentodo linfedema de membros inferiores, pois ativa acirculação linfática, libera as toxinas das regiõestratadas, elimina microorganismos, e tonifica.Ainda, facilita a ação do tratamento realizado emseguida.

Após essa parte da terapia, o paciente é colo-cado na maca, seus membros inferiores sãosecados, e ele é preparado conforme as normasda iontoforese.

Passamos a ionizar (podemos usar ionizadorportátil inclusive) ou podemos usar um “Fóton

Emissor Portátil” com cristal de Vogel, naseguinte ordem, no local do linfedema, géis com

freqüência vibracional que corrige as infor-mações celulares e servem de aumento da bior-receptividade celular pela via transdérmica: gelde essência vibracional floral similar à procaína(para estabilizar as membranas celulares e fun-

ciona como um anti-envelhecimento também),gel de essência vibracional similar à freqüênciado cobalto (harmoniza alterações na circulação),gel de essência vibracional similar à freqüênciado silício (esse mineral faz parte do colágeno,especialmente dos vasos, inclusive dos linfáticos,e aumenta a elasticidade das paredes dos vasos),gel de essência vibracional similar à freqüênciado potássio (esse mineral é fundamental emcasos de edema, equilibrando as trocas de líqui-do dos tecidos ajudando a eliminar o excesso),gel de essência vibracional similar à freqüênciado lítio (esse mineral atua nos tecidos muscu-lares melhorando seu tônus, relaxando, e tam-bém melhorando o humor geral do paciente), gelde essência vibracional similar à freqüência daelastina (a elastina leva informação aos vasos decomo ter uma ação circulatória mais eficaz) e gelde essência vibracional similar à freqüência daplacenta (nutre e informa os tecidos comoregenerarem-se, e ainda tem efeito na circulaçãoem geral, inclusive a linfática).

Esta etapa é finalizada com um hidratanteespecial, com características vibracionais no pro-duto.

A seguir, o paciente faz terapia vibratória commagnetos e infravermelho longo em um aparelhochamado Fisiomag®, por 5 min, divididos em 03

propriedades benéficas que ele traz. De acordocom os diversos estudos sobre o ozônio, desdemuito tempo atrás, e da Tese do Ozônio doInstituto Adolfo Lutz, esse gás é capaz de ser:bactericida, fungicida, germicida, desintoxicante,secativo, cicatrizante, hidratante e tonificante.

Ao adicionarmos ozônio na água em determi-nada temperatura, formaremos uma concen-tração tal de oxigênio ativo que, dissolvido na

O ozônio é um gás levemente azulado, comodor característico, formado por três átomos deoxigênio, altamente instável, que, ao liberar o ter-ceiro átomo, forma o “oxigênio nascente” comseu poder altamente oxidante, e com todas as

Fonte: www.revistapodologia.com

Page 4: Artigo publicado linfedema dra rosangela

posições de membros inferiores.

Nos intervalos entre as sessões, o paciente usaem casa as essências vibracionais, com individu-alização de tipos e doses. Em geral, receito quefriccione 2xs ao dia, no local do linfedema, gel deessência vibracional similar à freqüência deoxigênio ativo, gel de harmonização de elastina ede harmonização de placenta, por via oral deverácorrigir sua diátese (na “Medicina” Funcional deMénètrier, geralmente está na diátese III) e pro-ponho que faça repouso programado e intercala-do com exercícios apropriados.

O resultado em geral começa a aparecer a par-tir da 5ª sessão, mas em casos mais leves, desdea 1ª sessão pode haver melhora importante.Como são casos crônicos e alguns, sem possibil-idade de cura, sugiro que se faça a manutençãodo tratamento, iniciando com 01 sessão porsemana, e afastando as sessões cada 10 dias,cada 15 dias, conforme a evolução.

É extremamente gratificante encontrarmos for-mas variadas, sem qualquer efeito colateral, deajudarmos nossos pacientes com quadros, ásvezes desoladores, de problemas crônicos.

Em especial, recordo aqui, uma paciente de 56anos, com linfedema em membros inferiores,mais acentuado à Direita, pós-safenectomia,quadro este de longa data, agravado pelas alter-ações hormonais e bipedestação prolongada dev-ido às atividades voluntárias na igreja.

Esta paciente já havia tratado por diversasocasiões, com pouca ou nenhuma melhora, e jáhavia deixado seu voluntariado pelo problemaangiológico estar incomodando muito.

Procurou-me buscando um tratamento anti-envelhecimento proposto através da Stylo Vital(estética e nutrição em Curitiba – PR), e ao faz-ermos uma avaliação completa, queixou-se dodesconforto nos MMII, inclusive naquele momen-to, com limitação funcional. Iniciou o tratamentodo linfedema nos moldes explicados acima, e na3ª sessão já apresentava melhora significativa.Após a 10ª sessão (05 semanas) me procuroupara contar que havia conseguido retomar suasatividades voluntárias na igreja, o que a gratifi-cava muito.

Ela já terminou as 20 sessões e está namanutenção. Com o tempo, é possível que haja aregeneração do sistema linfático, pois estamosnutrindo toda aquela região afetada, e “ensinan-do” ao seu organismo como “funcionar correta-mente”.

Sugestão de protocolo para linfedema de mem-bros inferiores

02 sessões por semana - 20 sessões / maismanutenção a critério.

• 1ª Etapa - 25min

Hidro-Ozonoterapia/Ozonomatic®Mergulhar os membros inferiores até os joel-

hos, na Vaschetta, com água aquecida a 36-38ºC com programação de ozônio contínuo.

• 2ª Etapa - 15min

Iontoforese \ Fóton Emissor

Ionização com aparelho de corrente galvânica,rolinho corporal, com gotas de Positivis® emuma gaze no eletrodo em contato direto com opaciente, ionizar ou aplicar o Fóton Emissor, nosmembros inferiores, com atenção especial aolocal do edema (vide texto com explicações sobreas essências vibracionais):

Fonte: www.revistapodologia.com

Page 5: Artigo publicado linfedema dra rosangela

Dra Rosangela Arnt Nutróloga – Curitiba – Pr

Fone/fax (41) [email protected]

1. Neutriniclouwsef r® Gel - 1 min2. ercPepthum® Gel - 1 min3. enAurm® Gel - 1min4. Hestelar® Gel - 1 min5. Nevuitr®o Ge - 1min6. Elastis® Gel - 3min7. Alimvitetan® Gel - por 3min8. emCer Oxyderme®

• 3ª Etapa - 5min

Terapia Vibratória (Fisiomag®)Colocar o paciente sentado, mem-

bros inferiores horizontalizados, comos calcanhares apoiados no aparelho eligar por 02 min.

Trocar para as panturrilhas por mais01 min, e colocar sob os joelhos pormais 30 segundos.

Obs.: este é um resultado mostrado em livros ena internet, totalmente possível com este tipo deprotocolo.

Resultado

Nota da Autora: os aparelhosmostrados neste artigo são de usocomum na estética há longo prazo,e são registrados na Anvisa. Os pro-dutos descritos são Géis deEssências Vibracionais Florais isen-tos de registro pela PortariaMS/SVS/GABIN nº 479/98.

Caso recente10 Sessões – Nov / Dez 2009

Antes

Depois

Exemplo atual:

Fonte: www.revistapodologia.com