Jornal digital 17-03-17

Embed Size (px)

Text of Jornal digital 17-03-17

  • J SO SETE AS ESCOLAS INTERDITADAS PELA JUSTIA

    Correio do Sul ANO XXVI EDIO N 5.127 R$ 2,00SEXTA-FEIRA, SBADO E DOMINGO, 17, 18 E 19 DE MARO DE 2017

    www.grupocorreiodosul.com.br

    24 19

    Possibilidade de Chuva - Nebulosidade varivel com pequena chance (inferior a

    30%) de chuva.

    Previso para hoje Extremo Sul Catarinense

    RECOMEA REVITALIZAO DA AVENIDA BEIRA MAR

    BRIGA POR TRFICO MOTIVOU PRIMEIRO CRIME DO ANO

    GAIVOTA

    ESCLARECIDO

    Pag 3

    Pagina 13

    CRISE NA EDUCAO

    Paginas 10 e 11Sombrio

  • Lista de Janot mostra a cara do Brasil

    A Saga de PadilhaNosso amigo Eliseu Padilha, ministro Chefe da Casa Civil, definitivamente no vive um bom mo-mento. Citado 49 vezes na Lava Jato e integrante da Lista de Janot, que denunciou 83 polticos ao Supremo Tribunal Federal, Padilha tambm res-ponder por crime ambiental no STF. Trata-se de um processo que rolava na justia gacha desde 2013. De acordo com a denncia, Eliseu Padilha scio de uma empresa chamada Girassol Reflores-tamento, que teria drenado uma rea equivalente a um hectare de mangue no municpio de Palmares do Sul (RS). A drenagem teria por objetivo secar reas alagadias para aumentar reas de reflo-restamento. Como tem foro privilegiado por ser ministro, o processo contra Padilha foi enviado para o Supremo, que, pelo visto, vai ter que separar uma sala s para arquivar assuntos concernentes a ele. S para lembrar, Eliseu Padilha tem sido o brao direito e esquerdo em Braslia no projeto de asfaltamento da Serra da Rocinha, entre Timb do Sul e So Jos dos Ausentes (RS).

    MaturidadeVez ou outra quando chamado de futuro pre-feito por correligionrios, vereador sombriense Peri Soares (PP), que foi o candidato ao legis-lativo mais votado no pleito municipal do ano passado, no se custa a responder com um Deus te oua. Durante o processo de construo de candidatura do PP ao executivo de Sombrio no ano passado, Peri figurava como um dos pr-candidatos do partido a prefeito, o que lhe rendeu muitas declaraes de apoio. No obs-tante a legtima vontade de Peri, o PP precisa se organizar para no chegar na ltima hora, nova-mente, com dez candidatos a prefeito, e nenhum ao mesmo tempo, como aconteceu em 2016. Em princpio j se observa a manifesta vontade do bioqumico Cristian Rosa de participar do processo eleitoral na majoritria, a exemplo do empresrio Teco Silvrio. Por certo surgiro outros nomes, o que sugere maturidade para que haja uma convergncia no pleito vindouro. Ou isto, ou entrar fraco ou rachado em 2020, facilitando, mais uma vez, a vida do PMDB.

    ADVOCACIA EMPRESARIALFONE: (48) 3533-0145

    A desgraa do homem pblico comea a ser construda quando ele passa a ter acesso a dinheiro. J vi dinheiro acabar com muita biografia de poltico bom.

    Miguel Arraes (1916/2005) Ex-governador de Pernambuco

    Lista com mais 80 denuncia-dos pelo Procurador Geral da Repblica, Rodrigo Janot, ao Supremo Tribunal Federal, demonstra claramente que nosso pas est atolado no mar de lama da corrupo poltica. Incentivadores dos panelaos contra a ex-presidenta Dilma Rousseff (PT), polticos do PSDB, como os senadores Jos Serra e Acio Neves, tambm esto prestes a virar rus na Lava Jato. A cpula do PMDB, que em conluio com os tuca-nos articulou a queda de Dilma, tambm ocupa espao privilegiado na Lista de Janot. O PT e seus lderes, por sua vez, esto longe de serem vtimas, j que seus caciques esto igualmente arrolados.

    O fato que, na realidade, a casta poltica nacional s no vai para a cadeia se o Supremo no quiser. Como todos que esto na Suprema Corte foram indicados, de um modo ou de outro, pelos polticos agora investigados, muito provvel que tudo acabe em pizza. Esta histria, no entanto, tem se prestado para demonstrar que em nosso pas todas as bandeiras partidrias ou esto sujas, ou mal lavadas.

    O sistema to perverso que se observa polticos como Serra e Acio Neves recebendo dinheiro fruto da cor-rupo orquestrada pelos subordinados do PT dentro da Petrobrs. Ou seja: o governo petista bancando campanhas eleitorais dos tucanos. No toa que Lula e Fernando Henrique Cardoso vivem se abraando.

    H de se ressaltar que a Lista de Janot contempla o nome do presidente do Se-nado Federal, Euncio Oliveira (PMDB), e tambm do presidente da Cmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM). Alm deles, seis ministros de Michel Temer

    (PMDB) esto prestes a virar ru na Lava Jato. Isto significa, simplesmente, que a cpula da poltica nacional est envolvida em atos de corrupo. Dos que l esto, ningum escapa.

    claro que tudo isto tem uma origem, e ela est bem aqui, no meio de ns. Ori-gem, que alis, para l de inocente. A simples venda de uma rifa para um verea-dor pode estar ligada a atos de corrupo responsveis pela eleio de um presi-dente da Repblica. Comprar uma rifa o vereador compra. O problema quando ele tem que comprar dez, vinte, trinta. Quando ele tem que dar uma bicicleta para um bingo, ou ajudar a construir um banheiro doando mil tijolos e dez sacas de cimento. Por gastar muito para manter sua base eleitoral, o vereador recorre ao prefeito ou ao deputado de sua regio, que por gastar de igual forma, recorre a quem est mais em cima, e assim por diante. Na verdade todos fazem parte de uma mesma corrente, cada qual re-presentando um elo desta. Imagine tudo isto numa escala gigantesca, do tamanho do Brasil.

    A grande verdade que o dia em que os pedidos pessoais ou corporativos da base da sociedade brasileira pararem de ser feitos, haver, a sim, a possibi-lidade de que tenhamos polticos mais decentes. Os que l esto, em grande maioria, jamais l estariam se fossem dedicados meramente ao ato poltico e a administrao pblica. Eles simples-mente no se elegeriam, pois a grande massa eleitoral no gosta de gente que no vive lhe afagando. A Lista de Janot est mostrando a cara do Brasil. Est mostrando, literalmente, quem somos ns brasileiros.

    A Saga do CatuloGerncia Regional de Educao iria realocar, em outras escolas, os alunos do Colgio Estadual Catulo da Paixo Cearense, de Sombrio, que es-to estudando em um local alugado pelo Gover-no do Estado. O referido local foi interditado por ordem judicial. Acontece que outras trs escolas da rede estadual tambm foram interditadas. Vale lembrar que o prdio original do Catulo est interditado tambm, por estar caindo aos peda-os. No caso do prdio alugado necessrio que sejam cumpridas exigncias de funcionamento do Corpo de Bombeiros e tambm da Vigilncia Sanitria. No caso do prdio original a coisa bem mais grave e exigir uma reforma estima-da em 23 meses para ser concluda. No custa lembrar que nada disto estaria acontecendo se o governo tivesse feito a manuteno do prdio do Catulo, o que no custaria, com certeza, nem 20% do que ser gasto agora para reform-lo. Isto sem contar o aluguel para a utilizao do prdio agora tambm interditado.

    SeguranaFrum de Segurana Permanente de Ararangu tem se reunido a cada 14 dias para discutir os problemas da rea, e, por bvio, propor solues. Na reunio desta semana, foram tratados de assunto como a implantao de cmaras de se-gurana nas ruas da cidade, numa parceria entre a prefeitura e as polcias Militar e Civil. Tambm foram retomados assuntos concernentes a neces-sidade de se implantar no municpio o projeto Rede de Vizinhos, que, na prtica, transforma cada cidado num fiscal de segurana de sua rua. Para implantar este projeto foi definido que sero feitas palestras nas associaes de mora-dores de todo o municpio, com distribuio de cartilhas e a realizao de orientao para a implantao da Rede. Representantes de vrios rgos tm participado das reunies do Frum, a exemplo do vice-prefeito Primo Jnior (PR), representando o executivo, do vereador Lucia-no Pires (PSB), representando o legislativo, e do comerciante e ex-vereador Kila Ghellere, representando os lojistas.

    Rolando Christian CoelhoRolando Christian CoelhoJornal Correio do Sul

    Sexta-Feira, 17 de Maro de 2017

    rolando_coelho@hotmail.com (48) 99945.6787

    POLTICA

  • 3Geral

    Balneario Gaivota

    Jornal Correio do SulSexta-Feira, 17 de Maro de 2017

    Recomea revitalizao da Beira Mar

    Drenagem de um extenso valo est sendo feita por etapas em parceria com moradores

    Trecho de acesso a uma propriedade em Tigre Preto

    Compradores da fruta e tcnicos decidiram estratgia alegando preservar os pomares

    Mais um Trecho

    Regio

    Jacinto Machado

    Comercializao de maracuj ter pausa

    Acessos as propriedades so recuperados

    Com o objetivo de man-ter a qualidade do maracuj da regio, a Gerncia Regio-nal da Epagri e os comprado-res realizaram uma reunio nessa quinta-feira e definiram que no compraro a fruta a partir do dia 15 de julho.

    A teoria do grupo de que interrompendo a comer-cializao a partir dessa data, os produtores iro eliminar as plantas velhas e replantar a partir do dia 21 de agosto. Com isso, se estabelece um vazio sanitrio, sem plantas no campo. De acordo com o pesquisador da Epagri Henrique Petry, essa tcnica necessria para reduzir a presso de um vrus que tem prejudicado a qualidade do

    A recuperao das es-tradas rurais est em anda-mento em Jacinto Machado. A Secretaria de Agricultura realizou, esta semana, me-lhorias em acessos s pro-priedades na comunidade de Tigre Preto.

    A meta da prefeitura oferecer qualidade e seguran-a nas estradas e assim garan-tir ao agricultor o deslocamen-to dentro de sua propriedade, facilitando o escoamento da sua produo. A ao tem o objetivo de melhorar o acesso aos bananais, como foi o caso no Tigre Preto, trazendo mais segurana para o homem do campo, ressalta o secretrio de Agricultura, Irrigao e Meio Ambiente, Jos Antnio

    A prefeitura de Bal-nerio Gaivota au-torizou o retorno da revitalizao da avenida Beira Mar entre as avenidas Ablio Joaquim da Cunha e Alvim Manoel Cardoso.

    Nesta semana a empresa responsvel pela obra