5 processo unificado e uml

Embed Size (px)

DESCRIPTION

 

Text of 5 processo unificado e uml

  • 1. Processo Unificado Prof. Marcelo de Barros

2. Modelo com estrutura genrica de processo Pode ser customizado: adicionando-se ou removendo-se atividades Exemplo: Processo Unificado da Rational (RUP) Faz uso extensivo da Unified Modeling Language (UML) 3. Unified Modeling Language ou Linguagem de modelagem unificada Linguagem visual utilizada para modelar software baseados no paradigma de orientao a objetos Linguagem padro de modelagem internacionalmente A UML foi criada para auxiliar aqueles que participam da atividade de desenvolvimento do sistema permitindo: Visualizar o sistema Especificar a estrutura Especificar o comportamento Construir o sistema Documentar as decises 4. A UML a linguagem padro para visualizar, especificar, construir e documentar os artefatos de software de um sistema. Unificao de diversas notaes anteriores. Mentores: Booch, Rumbaugh e Jacobson Trs Amigos IBM Rational 5. UML no : Linguagem de programao Processo de desenvolvimento 6. A vida de um sistema de software pode ser representada como uma srie de ciclos Cada ciclo termina com a liberao de uma verso do sistema para os clientes No Processo Unificado, cada ciclo contm 4 fases 7. Concepo Estabelecer a viabilidade do sistema Elaborao Estabelecer a capacidade para a construo do novo sistema Viso refinada, implementao iterativa da arquitetura central Construo Construir um sistema capaz de operar bem em ambientes beta de clientes Construir o sistema de modo iterativo e incremental Transio Entregar o sistema completamente funcional aos clientes Se concentra em corrigir defeitos e modificar o sistema para corrigir problemas no identificados anteriormente 8. Representao 9. Realizado em duas etapas Fase de Concepo Fase de Elaborao 10. Fase de Concepo Passo inicial curto, onde se busca as primeiras informaes sobre o sistema a ser desenvolvido O que visto na fase de concepo Qual a viso e o caso de negcio para este projeto? Ele vivel? Devemos construir ou comprar? Estimativa aproximada de custo Devemos continuar ou parar? Atividades da Concepo: Levantamento de Requisitos Organizao dos Requisitos Planejamento do Desenvolvimento 11. Levantamento de Requisitos Buscar todas as informaes sobre o sistema (funes que deve executar e as restries) Produto: Documento de Requisitos Organizao dos Requisitos Estruturar os requisitos para que possam ser abordados nos ciclos de desenvolvimento Produto: Documento de Casos de Uso Planejamento do Desenvolvimento Acomodar os diferentes casos de uso, cadastros e consultas nos ciclos, prever a durao dos ciclos, determinar tamanho da equipe Produto: Cronograma de atividades para o desenvolvimento 12. A fase da concepo deve fornecer a viso do todo para poder ver o que mais importante e dividir o todo em partes Anlise de requisitos rpida e genrica Deve entender o que o sistema deve fazer, mas sem detalhes de como vai fazer Artefatos Importantes gerados nesta fase: Viso Geral do sistema Requisitos Funcionais e No Funcionais 13. Documento em formato livre Deve escrever informaes relevantes sobre o sistema aps as conversas com os clientes e usurios bom que no seja longo demais Uma a duas pginas suficiente 14. Apenas uma descrio desestruturada Descreve as principais preocupaes do cliente Algumas vezes, descrito detalhes sobre tecnologias 15. Categorias dos requisitos: Funcionais Listagem de tudo o que o sistema deve fazer No Funcionais Restries colocadas sobre como o sistema deve realizar seus requisitos funcionais 16. Classificao quanto a Categoria Funcional Evidentes Efetuados com conhecimento do usurio Geralmente relacionados com trocas de informaes que ocorram pela interface do sistema com o meio exterior Ocultos So efetuados pelo sistema sem o conhecimento explcito do usurio 17. Classificao quanto a Obrigatoriedade Obrigatrios Podem ser obtidos de qualquer maneira Desejados Podem ser obtidos caso isso no cause maiores transtornos no processo de desenvolvimento 18. Classificao quanto a Permanncia Permanentes Nunca mudar com o tempo; Ex.: Interface grfica feita por janelas Transitrios Poder sofrer alteraes no futuro Ex.: Forma de calcular impostos 19. Classificao quanto ao Atributo Usabilidade Fatores humanos, recursos de ajuda, documentao Confiabilidade Frequncia de falhas, capacidade de recuperao, previsibilidade Desempenho/Performance Tempos de resposta, fluxo de vazo, preciso, disponibilidade, uso de recursos Tipo de eficincia e preciso que o sistema ser capaz de apresentar 20. Classificao quanto ao Atributo Configurabilidade Partes do sistema que podem ser configuradas Segurana Funes que somente alguns tipos de usurios podem executar Implementao Linguagem que deve ser usada Interface Definio de como vai ser a interface 21. Classificao quanto ao Atributo Curiosidade (Sommerville) 22. Para os requisitos funcionais Cdigo do Requisito (F seguido de nmero) Nome do requisito Funcional Descrio Categoria Funcional (Evidente ou oculto) 23. Para os requisitos no funcionais Cdigo do Requisito no Funcional (NF seguido do nmero) Nome do requisito no-funcional Restrio Categoria Obrigatoriedade (Desejvel ou Obrigatrio) Permanncia (Permanente ou Transitrio) 24. Criar um documento com a viso geral e os requisitos para o seguinte sistema Venda de Ingressos para Cinema Utilizar o modelo que se encontra disponvel no Edmodo Grupos de no mximo 4 componentes 25. So todo tipo de restrio tecnolgica ou lgica que se aplica ao sistema como um todo e no apenas a funes individuais Ex.: estabelecer que o sistema deve ser compatvel com um banco de dados legado ou ser implementado em uma determinada linguagem de programao 26. Cuidados no Enunciado O sistema deve ser fcil de usar O sistema ter ajuda on-line em todas as telas e para todas as funes 27. Ex: 1. O sistema deve operar via interface Web. 2. Todos os controles de interface devem ter um campo de ajuda associado. 3. O sistema deve ser implementado utilizando linguagem php.