Alimento s³lido

  • View
    170

  • Download
    1

Embed Size (px)

Text of Alimento s³lido

Apresentao do PowerPoint

Pr. Sandro SantosPastor do Distrito de Cianorte/PR, pertencente Associao Norte Paranaense

Dei-lhes leite, e no alimento slido, pois vocs no estavam em condies de receb-lo. De fato, vocs ainda no esto em condies. I Corntios 3:2

Saber a importncia de apresentar o evangelho de maneira sequencial: 1. Apresentar um evangelho simples baseado no relacionamento e 2. Prosseguir no conhecimento que leva ao comprometimento.

Sentir empatia pelas necessidades fsicas e espirituais das pessoas.

Promover um ambiente de estmulo e proteo para o crescimento da semente do evangelho naqueles a quem ministramos.

No evangelismo e testemunho, importante que primeiramente apresentemos a verdade simples do evangelho.

EVANGELISMO SEQUENCIAL E NECESSIDADES SENTIDASDOMINGO

Evangelismo Sequencial e Necessidades Sentidas

Antes de pregar o evangelho, devemos saber do que as pessoas sentem necessidade. Veja o que Jesus fazia s pessoas antes de cham-las ao Reino de Deus.

Evangelismo Sequencial e Necessidades SentidasO que Jesus fazia quando era solicitado pelas pessoas? Lucas 9:11

1. Curava as pessoas (supria sua necessidade fsica).

2. Falava-lhes do Reino de Deus (supria sua necessidade espiritual, mesmo que elas mesmas no percebessem que tinham esta necessidade).

Evangelismo Sequencial e Necessidades SentidasAfirmaes:Seguindo o modelo de Cristo, com certeza teremos xito ao pregar o evangelho s pessoas.

Procurar saber quais so as necessidades das pessoas e, na medida do possvel supri-las, a primeira coisa a fazer.

Aps demonstrarmos nosso amor por elas ajudando-as em suas necessidades fsicas ou materiais, teremos um corao aberto para receber o evangelho.

LEITE E ALIMENTO SLIDOSEGUNDA-FEIRA

Leite e Alimento SlidoPor que Paulo fala em leite e alimento slido para a igreja em Corntios 3:1 a 3? Porque a Igreja de Corinto no se desenvolveu o suficiente a ponto de receber verdades mais profundas por parte de Paulo.Paulo no pregaria sobre os temas mais profundos enquanto as pessoas no tivessem maturidade espiritual suficiente para entend-los e responder a eles.

De igual forma, hoje, devemos levar as pessoas a se entregarem a Cristo apresentando-lhes um evangelho simples (leite) e, depois, medida que vo recebendo verdades mais profundas (alimento slido), suas vidas vo sendo transformadas.

Leite e Alimento SlidoJesus no apresentava toda a verdade de uma s vez porque nem todos estavam preparados para receberem aquelas verdades.

Voc j ouviu estas frases: Ah! Eu falo a verdade doa a quem doer! ou A verdade foi feita pra ser dita!?

Muito cuidado: No era assim que Jesus fazia ou agia. mais seguro seguir o exemplo dEle. Tudo a seu tempo. Uma verdade dita fora de tempo pode causar mais mal do que bem.

VERDADES DECISIVASTERA-FEIRA

Verdades DecisivasUma Verdade Decisiva um ensino bblico que, uma vez compreendido, desafia a pessoa a fazer mudanas significativas em suas crenas pessoais ou em seu estilo de vida.

Verdades DecisivasNa sua opinio, o que deveramos desafiar as pessoas a fazer: aceitar a Cristo como Senhor de suas vidas ou santificar o dia de Sbado como dia de Descanso?

Verdades DecisivasAntes de levar as pessoas a fazerem coisas por Cristo, elas precisam, primeiro, conhecer e amar a Cristo.

Uma vez que conhecemos a histria bblica e entendemos o que realmente Cristo fez por ns, passamos a am-Lo.

Uma vez que O amamos, a obedincia Sua vontade ser automtica, natural e voluntria.

Verdades DecisivasPortanto, a primeira verdade decisiva que uma pessoa tem de aceitar a de que existe Algum que a ama e fez de tudo para que ela tenha uma vida melhor, tanto aqui como no futuro (eternidade).

MEDINDO O CRESCIMENTO ESPIRITUALQUARTA-FEIRA

Medindo o Crescimento EspiritualComo medir o crescimento espiritual de uma pessoa?

Uma verdade transmitida no significa mudana de vida. H pessoas que podem receber muita informao a respeito de uma verdade de Deus e no serem influenciadas por esta verdade. E o problema no est com esta verdade apresentada.

Fazer perguntas uma forma importante e eficaz para avaliar a compreenso e o crescimento espiritual das pessoas. Ex: Em sua opinio, o que voc acha que Deus est querendo dizer a voc neste verso? Voc acha que Deus quer que ns abandonemos isto que Ele diz ser malfico nossa sade? Diante do que aprendemos hoje, que mudanas voc acha que precisa fazer em sua maneira de viver? Voc gostaria de pedir a Deus que o(a) ajude a pr em prtica o que aprendeu hoje?

Perguntas ajudam as pessoas a repensarem seus pontos de vista em comparao s verdades da Palavra de Deus e a tomarem a deciso pela verdade.

PREPARANDO UMA COLHEITAQUINTA-FEIRA

Preparando uma ColheitaComo uma horta, assim tambm so as pessoas que estamos levando ao conhecimento das verdades de Deus.

Preparando uma ColheitaPara que se tenha uma colheita preciso:Preparar o soloLanar a sementeRegar a sementeTirar as ervas daninhasProteger das aves e pragas do jardim

Preparando uma ColheitaEm outras palavras:

Aproximar-se do nosso amigo que queremos levar a CristoConvid-lo a lanchar conosco, passearmos juntos, envolver-se com eleInteressar-se por ele e por seus problemasOrar por ele e dizer que estamos orando por eleComear a falar algo de Jesus, dizer-lhe o que Jesus fez por nsOferecer-lhe um DVD, um livro, um estudo bblico para juntos estudarmosConvid-lo a ir conosco igreja em uma programao especialManter uma sequncia de estudo e visitao ao nosso amigoAliment-lo at que se torne maduro (batismo) e frutfero (discipulado)

Preparando uma ColheitaA alegria e a satisfao de conduzir uma pessoa em seu aprendizado e crescimento da Palavra de Deus algo que s os que j fizeram ou fazem isto sabem o que .

Preparando uma ColheitaS quem j escalou uma montanha sabe o que poder ver o que tem do outro lado: um oceano, uma cordilheira, uma selva ou o horizonte.

ConclusoPregar o evangelho um dos maiores privilgios que Deus nos deu.

Ele poderia mandar os anjos fazerem isso e teria um timo resultado, mas delegou a Seus filhos esta tarefa.

ConclusoUm mdico voltava para casa depois de um dia de muito trabalho. No caminho viu um cachorro pesteado. Dava para contar os pelos e as costelas no pobre coitado.

ConclusoColocou o cachorro em seu carro e ao chegar em casa a esposa pergunta: Voc no tinha algo melhor pra trazer para seus filhos? Podia ter trazido um Lhasa Apso ou algo parecido.

O mdico liga para um amigo veterinrio que lhe diz o que fazer e que medicamentos comprar para o pesteadinho. Em pouco tempo aquele cachorrinho pesteadinho era uma bolinha de pelos, a coisa mais linda do mundo.

ConclusoEra a diverso dos 3 filhos daquele mdico. At que um dia as crianas deixaram o porto aberto e o ex-pesteadinho fugiu.

O mdico chega em casa e v o choro e a tristeza estampada no rosto de cada um dos filhos. O que aconteceu? pergunta ele.

ConclusoO cachorrinho foi embora. O que? - diz o mdico. Depois de tudo o que eu fiz por ele? Tirei ele das ruas, dei comida, curei suas feridas, dei remdio, gastei dinheiro e assim que ele retribui?

Horas depois ouviram um barulho de arranhes no porto. Todos correm e quando abrem o porto, quem est l diante deles? O cachorrinho ex-pesteadinho. E atrs dele mais 3 cachorrinhos pesteadinhos.

Aquele cachorrinho sabia onde tinha um mdico que ajudava cachorrinhos pesteados e foi atrs de seus amigos pesteadinhos.

ConclusoLio: Voc e eu somos o cachorrinho pesteadinho que um dia estava jogado nas ruas da vida e do pecado. O grande mdico Jesus nos acolheu, curou nossas feridas e nos deu um novo sentido na vida. Agora ele espera que voc e eu possamos ir atrs dos outros pesteadinhos pelo pecado e o tragamos ao Grande Mdico Jesus.

ConclusoAo pensar em evangelizar algum devemos considerar:D preferncia aos amigos. mais fcil. Voc j os conheceSiga a sequncia: do evangelho simples s verdades mais profundas.

ConclusoCoordenao: Escola Sabatina USB/2012 Texto: Pr. Sandro Santos

Pastor do Distrito de Cianorte/PR, pertencente a Associao

Norte Paranaense

Artes e Slides: Marcos Goulart - marcosgularte@gmail.com