Retiro com catequistas

  • View
    12.177

  • Download
    23

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Material indicado para coordenação de catequese da igreja católica. Bom trabalho! Por gentileza, deixe sua opinião sobre este material, abaixo.

Text of Retiro com catequistas

  • 1. RETIROCOMCATEQUISTASDourados (MS), 2012

2. CATEQUISTA, QUE BOM QUE VOC VEIO,SUA PRESENA NOS ENCHEDE ALEGRIA! CATEQUISTA,QUE BOM QUE VOC VOLTOU, SUA COMPANHIA NOS FORTALECE!QUEM VIER, DE ONDE VIER QUE VENHA EM PAZ. SEJAM BEM-VINDOS! 3. Amados, amemos-nos uns aos outros, pois o amor vem de Deus. E todo aquele que ama, nasceu de Deus econhece a Deus. Quemno ama no conhece aDeus, porque Deus amor. [...] No fomos ns que amamos a Deus, mas foi ele quenos amou, e nos enviou o seu Filho...(1Joo 4,7-8.10) 4. Primeiro ele chama vida; em seguida, atravs do batismo, nos chama aser cristos, seus seguidores;finalmente ele chamapara uma vocao especfica na Igreja.Catequista, voc chamado porque Deus te ama. 5. PELO BATISMO,TODO CRISTO MERGULHADO EM JESUS CRISTO, PARTICIPANTE DE SUA MISSOPRFTICA: PROCLAMAR OREINO DE DEUS. 6. A partir do momento de nossobatismo somos, por natureza, discpulos, isto ,CONVOCADOS para seguir Jesus, como integrantes de suacomunidade e com a fora daconsagrao divina, iniciativa da Santssima Trindade. Mas aomesmo tempo, naquele instante, somos ENVIADOS pelaTrindade Santssima para realizarno mundo a mesma misso deJesus, o Filho de Deus, por meiodo estilo de vida que assumimos, de nosso comportamento, denossa fala e de nossa ao. 7. TODO CRISTO PELA CRISMA, ENVIADO PARAASSUMIR SUA MISSO DE DARTESTEMUNHO DAPALAVRA DE DEUSCOM FORA E CORAGEM 8. A IGREJA MISSIONRIA.E TODOS OS BATIZADOSE BATIZADAS SOSUJEITOS DA MISSO. DEVEM ANUNCIAR ASALVAO, A BOA NOVA DA LIBERTAOTRAZIDA POR CRISTO. ANUNCIAR O EVANGELHOPRINCIPALMENTE COM A VIDA. O CRISTO UMAPESSOA IGUAL AS DEMAIS, MAS O SEUMODO DE VIVER, SEUCOMPORTAMENTO DEVE SER DIFERENTE. 9. GRANDE APELO SEC XXIDAp 549. PARA NOSCONVERTER EM UMAIGREJA CHEIA DE MPETO EAUDCIAEVANGELIZADORA,TEMOS QUE SER DE NOVOEVANGELIZADOS E FIISDISCPULOS....TODOS OS BATIZADOS SOCHAMADOS A RECOMEARA APARTIR DE CRISTO... CRISTO 10. IDE E FAZEI QUE TODAS AS NAESSE TORNEM MEUS DISCPULOS, BATIZANDO-AS EMNOME DO PAI, DOFILHO E DO ESPRITOSANTO, EENSINANDO-AS AOBSERVAR TUDOQUANTO VOSORDENEI. (Mt 28,19) 11. Ser missionrio faz parte donosso sercristo, poisa Igreja nasua essncia missionria 12. TODOS OSVERDADEIROS DISCPULOSTERMINAM PORSE TORNARMISSIONRIOS. 13. DESTINATRIOS DA MISSO JUNTOS AOS CRISTOS QUE VEM NA IGREJA IMAGEM DO BOM PASTOR CUIDA DAS OVELHA DO SEU REDIU A PASTORAL 14. DESTINATRIOS DA MISSO JUNTOS AOS CRISTOS QUE ESTO LONGE DA IGREJA IMAGEM DO SEMEADOR LANA A SEMENTE E CUIDA DO CAMPO - NOVA EVANGELIZAO QUANTAS CRIANAS, ADOLESCENTES, JOVENS E ADULTOS ESTO FORA DA CATEQUESE? 15. DESTINATRIOS DA MISSOJUNTOS AOS POVOSNO CRISTOSIMAGEM DO PESCADORLANA AS REDES NO MEIODO MAR - PEIXESMISSO AOS POVOS AD GENTES 16. JESUS NO CONVIDOU PASTORES PARA AMISSO,MAS SIMPESCADORES 17. Nenhuma comunidadedeve isentar-se de entrar decididamente,com todas as foras,nos processos constantes derenovao missionria e de abandonar as ultrapassadas estruturas que nofavoream a transmisso da f.(DAp 291, 365). 18. 180. Todas as comunidades egrupos eclesiais daro fruto na medida em que a Eucaristia for ocentro de sua vida e a Palavra de Deus for o farol de seu caminho e de sua atuao na nicaIgreja de Cristo. 19. A EUCARISTIA O LUGAR PRIVILEGIADODO ENCONTRO DO DISCPULO COMJESUS CRISTO 20. UMA CATEQUESEMISSIONRIASER FRUTO DE CATEQUISTAS MISSIONRI@S! 21. NO POSSVEL EVANGELIZAR COMPROFUNDIDADEPESSOAS QUE AGENTE NO SEINTERESSA EMCONHECER. 22. HISTRIA DACATEQUESE 23. NO NOVO TESTAMENTO,O TERMO CATEQUESESIGNIFICA DAR UMAINSTRUO A RESPEITODA F. EM SUA ORIGEM O TERMO SE LIGA A UM VERBO QUE SIGNIFICAFAZER ECOAR (KAT- EKHO). A CATEQUESE,DE FATO, TEM POROBJETIVO LTIMO FAZERESCUTAR E REPERCUTIRA PALAVRA DE DEUS. (CR n 31) 24. PRIMEIRA FASE: SCULO I AO SCULO VCATEQUESE COMO INICIAO F E VIDANA COMUNIDADE No tempo dos Apstolos, a vivncia fraterna dacomunidade, celebrada principalmente naEucaristia maneira de representar e traduzir amensagem do Cristo Ressuscitado (1Cor 11, 17-29).Havia uma admisso dos catecmenos de trsanos, que buscavam:Compreender melhor a fDeixar de lado os costumespagosRealizar um tempo deconverso e santificao 25. SEGUNDA FASE: SC. V AO SCULO XVI CATEQUESE COMO PROCESSO DE IMERSO NA CRISTANDADEA catequese j no consistia tanto numa iniciao comunidade como se v na primeira fase.A sociedade se considerava animada pela religiocrist, que estabeleceu uma aliana entre o podercivil e o poder eclesistico, tal fato denominou-sede cristandade.Imperador Constantino(converte ao Cristianismo 306-337 26. TERCEIRA FASE: A PARTIR DO SC. XVICATEQUESE COMO INSTRUOA catequese passa a valorizar maisaprendizagem individual, na qual j no era tomarcante a ligao com a comunidade. Algunsfatores contriburam para essa instruo taiscomo:A descoberta da ImpressaA difuso das escolasA preocupao com uma maior clareza das formulaes crist.Surge o Catecismo Trento (pergunta/resposta) 27. QUARTA FASE: NO SCULO XXCATEQUESE COMO EDUCAO PERMANENTE PARA A COMUNHO E A PARTICIPAO NACOMUNIDADE DE F A catequese fazredescobrir a importncia fundamental da iniciao crist e olugar primordial quenela cabe acomunidade. 28. O QUE TEMOS Catequese que pareceaula Dia do sacramentoparece uma formatura Descompromisso dafamlia Sensao de que algoprecisa mudar (pais,idade, manual, etc..) Cansao em muitassituaes 29. Por que a nossa catequese tem tantos desafios? Crise Familiar (valores=relativo) Desinteresse dos pais pelaEducao Religiosa dos filhos Distanciamento da prticareligiosa (Crise da F); A Comunidade pensa: Catequese problema d@ Catequista...... etc Ser que ns fomosevangelizados? Iniciados? Reduzimos a catequese: infncia e adolescncia, temgente que pensa que j sabetudo!! 30. Catequese sem liturgia e sem comunidade Desvinculou-se da parte litrgica e celebrativa . A pessoa precisa sentir Deus presente na comunidade que celebra. Caso contrrio parece motorista sem carro em casa!!! 31. Catequese virou Aula!!! Escola Alunos - Professores Chamada Quadro negro Exerccios de aprendizagem Prova de avaliao Aprovado ou reprovado Livro base Estudar Teatrinhos, brincadeiras egincanas.... 32. O QUE QUEREMOS Cristocntrica Bblica Litrgica Comunitria Solidria Orante CAMINHO DE DISCPULOS EMISSIONRIOS 33. CATEQUESE INTEGRADORA Crianas,Adolescentes eJovens Famlia Comunidade Catequista 34. TODA A COMUNIDADE CATEQUIZADORA. TAREFA E MISSO DA COMUNIDADECUIDAR DAFORMAO DOSSEUS MEMBROS.META: CONSTRUIR COMUNIDADE, FORMAR SEUS MEMBROS 35. NO CENTRO DACATEQUESEENCONTRAMOSESSENCIALMENTE A PESSOA DEJESUS DE NAZAR,FILHO DO PAI. QUEMORREU POR NS E AGORARESSUSCITADOVIVE CONOSCO PARA SEMPRE(CIC 426). 36. A catequese processo FORMATIVO, ORGNICO,PROGRESSIVO,SISTEMTICO, INICIAL EPERMANENTE de educao da F (cf. DNC 41 e 233), tem como finalidade o fazer discpulos (cf.DNC 34) e que o verdadeirodiscpulo missionrio do Reino,no h, autntica catequesesem iniciao misso, inclusive alm fronteiras, como parteessencial da vocao crist. (DNC 53,g) 37. A CATEQUESE UMAURGNCIA. S POSSOADMIRAR OS PASTORES ZELOSOSQUE EM SUAS IGREJAS PROCURAM RESPONDER CONCRETAMENTE AESSA URGNCIA,FAZENDO DACATEQUESE UMAPRIORIDADE (Joo Paulo II, encontro com osBispos em Fortaleza 10/07/1980). 38. RESPONSVEL PELA CATEQUESE1. BISPO - DIOCESE2. PROCO PARQUIA / COMUNIDADE3. SACERDOTES DICONOS RELIGIOSOS4. PAIS PADRINHOS5. CATEQUISTAS 39. A CATEQUESE NO DEVE SER SOCASIONAL, REDUZIDA A MOMENTO PRVIOS AOS SACRAMENTOSOU INICIAO CRIST, MAS SIM UMITINERRIOCATEQUTICOPERMANENTE(DA 298) 40. No h tempo e hhora para acabar. vida, vivida naf.f.Uma caminhadapara a vida toda...No deve limitar-No limitar-se a ocasies elugares.lugares. CR 284 41. O FRUTO DA EVANGELIZAO E DA CATEQUESE FAZER DISCPULOS,ACOLHER A PALAVRA, ACEITAR DEUS NAPRPRIA VIDA, COMO DOM DA F. (cf DNC 34) 42. CONHECER A JESUS CRISTO PELA F NOSSA ALEGRIA;SEGUI-LO UMAGRAA, E TRANSMITIR ESTE TESOURO AOS DEMAIS UMA TAREFA QUE OSENHOR NOS CONFIOU AO NOSCHAMAR E NOS ESCOLHER.(DA 18) 43. S SE AMAAQUILO QUE SE CONHECE. O QUE NO SE AMA NO DESPERTA ODESEJO DE SACRIFCIO E DE ENTREGA. 44. Ou educamos na f,colocando as pessoasrealmente em contato comJesus Cristo e convidando-as para segui-lo, ou nocumpriremos nossa misso evangelizadora.Impe-se a tarefa irrenuncivel de oferecermodalidade de iniciaocrist, que leve converso,ao seguimento em uma comunidade eclesial e a umamadurecimento de f na prtica dos sacramentos, do servio, da misso(cf. DAp n287 e 289) 45. VOCAOEMINISTRIO D@CATEQUISTA 46. VOCAO O CHAMADO A VIVER O BATISMO, O CHAMADO ASANTIDADE, ATRAVS DE UMAPARTICIPAO ATIVANA VIDA DA COMUNIDADE. 47. VOCAO: SIGNIFICA AO DECHAMAR.SUPE O ENCONTRODE DUAS LIBERDADES: AABSOLUTA DE DEUS,QUE CHAMA, E ALIBERDADE HUMANA,QUE RESPONDE AESSE CHAMADO. 48. DEUS CHAMA POR MEIODE ACONTECIMENTOS E PESSOAS.DEUS SE COMUNICACONOSCO ATRAVS DESINAIS OUMEDIAES. PODE SERUMA PESSOA, UMA LEITURA, O CONTATO COM A REALIDADEHUMANA OU UMENGAJAMENTO. 49. CHAMADO DE DEUS NA BBLIA ABRAOGn 12, 1-9; 15,1-20MOISS Ex 3,1-12; 6,2-13JEREMIASJr 1,4-10; 15,10-21ISAAS Is 6, 1-13 50. CHAMADO DE DEUS NA BBLIA: SAMUEL1Sm 3,1-20JONASJn 1 e 3MARIALc 1,26-37 APSTOLOSMc 1,16-20; Mt 9,13; Mt 10,1-4 51. CHAMADO DE DEUS: JESUSO ESPRITO DO SENHOR EST SOBRE MIM, PORQUEELE ME CONSAGROU COM A UNO, PARA ANUNCIAR A BOA NOTCIA AOS POBRES;ENVIOU-ME PARAPROCLAMAR A LIBERTAOAOS PRESOS E AOS CEGOS ARECUPERAO DA VISTA; PARA PROCLAMAR UM ANODE GRAA DO SENHOR. Lc 4,18-19; Is 61,1-2 52. CHAMADO DE DEUS:72 DISCPULOSLc 10, 1-17 JOVEM RICOMc 10,17-22PAULOAt 9,1-30 CONDIO PARASEGUIR Lc 9,57-62 53. DIANTE DOS MEDOS,DOS DESAFIOS QUE QUALQUER VOCAO IMPLICA, TENHA ACERTEZA DE QUE DEUS CAMINHA CONOSCO E NOSSA FRENTE: NO TENHAM MEDO, EU ESTAREI SEMPRECOM VOCS (cf. Mt 14,27; 28,20) 54. DEUS QUE VAI CHAMANDO EENVIANDO PESSOAS PARA CONCRETIZAREM O SEU PLANO DESALVAO. DEUS AMA, E ESSE AMOR QUE SE DOA MANIFESTADOATRAVS DAQUELESQUE SO CHAMADOS: CHAMADOS 55. QUEM O CATEQUISTA? O Catequista an