C‚MARA MUNICIPAL DE .C‚MARA MUNICIPAL DE VISEU Acta da reuni£o ordinria da C¢mara Municipal

  • View
    213

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of C‚MARA MUNICIPAL DE .C‚MARA MUNICIPAL DE VISEU Acta da reuni£o ordinria da...

CMARA MUNICIPAL DE VISEU

Acta da reunio ordinria da Cmara Municipal de Viseu, realizada no dia 16 de Abril de 2009

174

ACTA DA REUNIO ORDINRIA DA CMARA MUNICIPAL DE VISEU, REALIZADA NO DIA DEZASSEIS DE ABRIL DE DOIS MIL E NOVE

-------------------Aos dezasseis dias do ms de Abril de dois mil e nove, no Edifcio dos Paos do Concelho e na Sala destinada ao efeito, reuniu a Cmara Municipal de Viseu, com a presena dos seguintes elementos: ---------------------------------------------------------------------------------------------- FERNANDO DE CARVALHO RUAS, Presidente, JOAQUIM AMRICO CORREIA NUNES, Vice-Presidente, MIGUEL BERNARDO GINESTAL MACHADO MONTEIRO ALBUQUERQUE, JOS MOREIRA AMARAL, JOS MANUEL DOS SANTOS OLIVEIRA, ANTNIO DA CUNHA LEMOS, ANTNIO GUILHERME DE JESUS PAIS DE ALMEIDA e HERMNIO LOUREIRO DE MAGALHES, Vereadores. ----------------------- ABERTURA Constatada a existncia de qurum, foi pelo Senhor Presidente declarada aberta a reunio, quando eram nove horas e trinta minutos, passando a Cmara a ocupar-se dos seguintes assuntos: ------------------------------------------------------------------------------------------------------------ FALTAS Verificou-se a ausncia da Senhora Vereadora Maria da Conceio da Silva Nunes de Matos, por motivos de natureza profissional, conforme comunicado por justificao de falta. -------- APOIO Secretariou e prestou apoio tcnico e administrativo, a Chefe da Diviso de Servios Jurdicos, Alexandra Paula Rodrigues da Fonseca e Silva. --------------------------------------------------

01-ADMINISTRAO -------------------PERODO ANTES DA ORDEM DO DIA----------------------------------------------- -------------------Interveno dos Membros do Executivo----------------------------------------------------- -------------------Interveno dos Senhores Vereadores Jos Manuel Oliveira e Miguel Bernardo Ginestal: ------------------------------------------------------------------------------------------------------------- -------------------Os Vereadores do Partido Socialista desafiaram a maioria do PSD a apresentar uma proposta para reduzir e em alguns casos isentar do pagamento de taxas e licenas municipais dos comerciantes que operam nas ruas onde, neste mandato autrquico, decorreram, decorrem e ainda ho-de decorrer obras promovidas pela Cmara. -------------------------------------------------------------- -------------------Tais isenes tm uma justificao material que qualquer viseense aceita, porquanto do senso comum que por via dessas obras realizadas e a realizar, decorrem para os comerciantes afectados prejuzos nas receitas e nos lucros, derivado reduo da actividade econmica, uma vez que os seus clientes tm dificuldade de acesso a esses estabelecimentos comerciais. ------------------- -------------------Os Vereadores do Partido Socialista defenderam que a maioria do PSD na Cmara de Viseu devia seguir o exemplo da Cmara do Porto que recentemente aprovou uma proposta de reduo de vrias taxas relativas e licenciamentos anuais renovveis de publicidade e ocupao do domnio pblico. No Porto essas taxas tero uma reduo de 90% em 2009 e 2010, devido s empreitadas que decorreram desde 2006, por perodos prolongados e que prejudicam a actividade dos comerciantes. --------------------------------------------------------------------------------------------------

CMARA MUNICIPAL DE VISEU

Acta da reunio ordinria da Cmara Municipal de Viseu, realizada no dia 16 de Abril de 2009

175

---------------------Bastaria dar o exemplo das obras que h meses decorrem nas ruas envolventes instalao do funicular e s obras projectadas para a Av. Alberto Sampaio. ------------------------------ ---------------------Como estamos em ano eleitoral, ano em que muitas obras vo acontecer na cidade de Viseu, os Vereadores do PS esperam que a maioria aceite o desafio do PS e seja sensvel s dificuldades dos comerciantes de Viseu, que a juntar crise do comrcio tradicional tm que viver durante perodos prolongados com obras nas vias pblicas, promovidas pela Cmara Municipal de Viseu. ---------------------------------------------------------------------------------------------------------------- -------------------Interveno do Senhor Vice-Presidente: -----------------------------------------------------------------------Respondendo, esclareceu o Senhor Vice-Presidente que a gesto participativa das obras pblicas constitui prtica h muito adoptada neste Municpio. --------------------------------------------------------Indicou, a ttulo exemplificativo, as intervenes projectadas na Av. Alberto Sampaio e EN 16, nas quais, e ainda em sede de elaborao do projecto, se realizaram reunies com a Associao de Comerciantes e residentes, com vista concertao de todos os interesses e preocupaes inerentes. ------------------------------------------------------------------------------------------- -------------------Mais referiu que o planeamento existiu, tanto mais que se trata de realizao de obras de requalificao e no obras novas, estas ltimas de execuo mais fcil e menos onerosa. -----------------------Por outro lado, a Cmara Municipal de Viseu, a ttulo de preveno e segurana, disponibilizou e disponibiliza toda a informao necessria, quer na Comunicao Social quer no seu site. -------------------------------------------------------------------------------------------------------------- -------------------Finalmente, e refutando a ideia de concentrao de execuo de obra em ano eleitoral, informou ainda o Senhor Vice-Presidente que, no mbito do QREN, foi celebrado, em Julho de 2008, em So Pedro de Moel, Contrato de Parcerias para a Regenerao Urbana. -------------------------------Desde ento, nenhuma candidatura mereceu comparticipao financeira, muito embora tenha sido exigido, data da apresentao das mesmas, que houvesse inteno de adjudicao das obras. -------------------------------------------------------------------------------------------- ------------------Ora, atendendo a que o procedimento concursal e subsequente execuo do contrato no pode ser objecto de suspenso e sendo certo que, como acima referido, as candidaturas apresentadas no mereceram ainda qualquer deciso, adiantou a Cmara Municipal de Viseu, at hoje, todos os pagamentos devidos. ------------------------------------------------------------------------------------------------Interveno do Senhor Vereador Antnio da Cunha Lemos: ------------------------------------------------Interveio o Senhor Vereador Antnio da Cunha Lemos que, em reforo do que vai exposto, d os exemplos das obras executadas na Circunvalao e Rotunda da Via Sacra, especificando que, em respeito pela rotina diria dos muncipes, se procedeu execuo das ditas obras aos sbados e durante as frias escolares. --------------------------------------------------------------- -------------------PERODO DA ORDEM DO DIA---------------------------------------------------------- -------------------APROVAO DA ACTA DA REUNIO ANTERIOR------------------------------ 534 - 01.01.01 - A acta da Reunio Ordinria de 02-04-09, que havia sido previamente distribuda, foi submetida considerao do Executivo Municipal. Aps votao, a mesma foi aprovada com a absteno do Senhor Vereador Miguel Bernardo Ginestal Machado Monteiro Albuquerque, por no ter estado presente na reunio anterior, e para efeitos do disposto no artigo 91 da Lei n. 169/99, na sua actual redaco, foi deliberado dar-lhe a devida publicidade. ------------------------------------------ --------------------INFORMAES DO SENHOR PRESIDENTE --------------------------------------

CMARA MUNICIPAL DE VISEU

Acta da reunio ordinria da Cmara Municipal de Viseu, realizada no dia 16 de Abril de 2009

176

535 - 01.02.01 - Pelo Senhor Presidente foi dado conhecimento dos seguintes assuntos e documentao: ----------------------------------------------------------------------------------------------------- ------------------- 1) Agradecimento: ----------------------------------------------------------------------------- -------------------do Clube de Futebol Os Repesenses--------------------------------------------------------------------------pelo ofcio com registo de entrada E.17589/2009, manifesta agradecimento pela assinatura do Protocolo de Colaborao para a execuo de obras de remodelao do Estdio Montenegro Machado, nomeadamente a colocao de relva sinttica e pela disponibilidade ao esforo financeiro que solicitou para a execuo das obras do Edifcio Polivalente de Apoio ao Estdio Montenegro Machado. ---------------------------------------------------------------------------------- ------------------- 2) Outros assuntos: ---------------------------------------------------------------------------- --------------------Proposta de Deliberao: ----------------------------------------------------------------------------------------Subscrita pelo Senhor Presidente, esteve presente a proposta que a seguir se transcreve, tendo a mesma merecido aprovao por unanimidade: ----------------------------------------- -------------------A Escola Superior de Sade de Viseu um Estabelecimento de Ensino Superior da nossa Cidade que vem, ao longo dos anos, desempenhando um importante papel no Concelho, na Regio e no Pas. ----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------A qualidade do ensino que a ministrado granjeia-lhe o respeito e a admirao dos cidados em geral e dos viseenses em particular. ---------------------------------------------------------------------------, pois, com naturalidade que o Executivo Camarrio comunga as apreciaes atrs referidas, pelo que no entende e por isso discorda em absoluto, da no criao na E.S.S.V. dos cursos de licenciatura nas reas de Anlises Clnicas, Sade Pblica e Gerontologia, respectivamente, bem assim como o