Nascer. Brincar. Brincar. Brincar.Estudar. Estudar. Estudar.Trabalhar. Trabalhar. Trabalhar.Trabalhar. Trabalhar. Trabalhar. Trabalhar. Aposentar. Descansar

Embed Size (px)

Text of Nascer. Brincar. Brincar. Brincar.Estudar. Estudar. Estudar.Trabalhar. Trabalhar....

  • Slide 1
  • Slide 2
  • Nascer. Brincar. Brincar. Brincar.Estudar. Estudar. Estudar.Trabalhar. Trabalhar. Trabalhar.Trabalhar. Trabalhar. Trabalhar. Trabalhar. Aposentar. Descansar. Brincar. Brincar. Brincar. Morrer.
  • Slide 3
  • Tantas e tantas geraes que vieram e que se foram. Tantas e tantas geraes que ainda viro, e que igualmente passaro.
  • Slide 4
  • O que significa estar no mundo? O que significa participar da vida? O que significa estar presente?
  • Slide 5
  • Ensina-nos, Senhor, a contar os nossos dias de tal maneira que alcancemos coraes sbios est escrito nas Escrituras.
  • Slide 6
  • Ensina-nos, Senhor, a contar os nossos dias de tal maneira que alcancemos coraes sbios est escrito nas Escrituras.
  • Slide 7
  • Anda com mansido sobre a terra ela sagrada nos recorda uma antiga tradio indgena.
  • Slide 8
  • Slide 9
  • Perante o tempo csmico, a nossa existncia terrena 30, 60, ou mesmo 90 anos no passa de um instante.
  • Slide 10
  • Diante de um mundo esvaziado de Transcendncia, procurar resgatar a nostalgia da palavra potica/proftica.
  • Slide 11
  • Quintana, o poeta, ensinou: A poesia purifica a alma...
  • Slide 12
  • Quintana, o poeta, ensinou: A poesia purifica a alma...
  • Slide 13
  • ...um belo poema sempre leva a Deus!
  • Slide 14
  • Onde estar Mario Quintana agora? Partilhando, talvez, os seus poemas com os anjos...
  • Slide 15
  • Onde estar Mario Quintana agora? Partilhando, talvez, os seus poemas com os anjos...
  • Slide 16
  • Para onde iremos ns, quando chegar a nossa vez de deixar para trs este mundo dos dias e das noites e dos calendrios?...
  • Slide 17
  • Encontramo-nos imersos no tempo e no espao. Mas convm recordar que esta existncia terrena a ante-sala da Eternidade.
  • Slide 18
  • O que sabe um peixe num minsculo aqurio sobre a imensido do mar?
  • Slide 19
  • O que um pequeno aqurio diante do insondvel oceano?
  • Slide 20
  • Da mesma forma, ns que habitamos o tempo, acerca da Eternidade, nada sabemos.
  • Slide 21
  • Como uma mente limitada por natureza haveria de sondar o infinito?
  • Slide 22
  • No entanto, convm nos prepararmos para a hora da partida, passageiros que somos no mundo fsico.
  • Slide 23
  • Purificar o corao, Semear a bondade e a justia.
  • Slide 24
  • Vivenciar a caridade e a compaixo.
  • Slide 25
  • Amar, perdoar, procurar deixar o mundo onde vivemos um pouco melhor do que antes da nossa passagem...
  • Slide 26
  • Quem sabe que o tempo est fugindo descobre, subitamente, a beleza nica do momento que nunca mais ser... Rubem Alves
  • Slide 27
  • Ensina-nos, Senhor, a contar os nossos dias de tal maneira que alcancemos coraes sbios. Salmos 90,12
  • Slide 28
  • Ensina-nos, Senhor, a contar os nossos dias de tal maneira que alcancemos coraes sbios. Salmos 90,12
  • Slide 29
  • Slide 30
  • Slide 31