REFERÊNCIAS (NBR 6023) .A referência é constituída de elementos essenciais e, ... indicação

  • View
    212

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of REFERÊNCIAS (NBR 6023) .A referência é constituída de elementos essenciais e, ... indicação

  • REFERNCIAS

    (NBR 6023)

  • Elementos da referncia

    A referncia constituda de elementos essenciais e, quando necessrio, acrescida de elementos complementares.

    Elementos essenciais

    So as informaes indispensveis identificao do documento, esto estritamente vinculadas ao suporte documental e variam, portanto, conforme o tipo.

    Elementos complementares

    So as informaes que, acrescentadas aos elementos essenciais, permitem melhor caracterizar os documentos. Em determinados tipos de documentos, de acordo com o suporte fsico, alguns elementos indicados como complementares podem tornar-se essenciais.

    NOTA - Os elementos essenciais e complementares so retirados do prprio documento. Quando isso no for possvel, utilizam-se outras fontes de informao, indicando-se os dados assim obtidos entre colchetes.

    Referncias

  • Autoria Autor o responsvel intelectual pela criao do contedo intelectual ou

    artstico de um documento. Ele pode ser:

    Autor pessoal

    Inicia-se a entrada pelo ltimo sobrenome, em letras maisculas, seguido

    pelo(s) prenome(s) abreviado(s) ou extenso. Emprega-se vrgula entre o

    sobrenome(s) e o(s) prenome(s). Escolher um modo de apresentar o autor e

    utilizar at o final do trabalho: todos abreviados ou todos por extenso.

    Ex: AMARAL, Lgia Assumpo. Conhecendo a deficincia: em companhia

    de Hrcules. So Paulo: Robe, 1995.

    At 3 autores

    Documento elaborado por at 3 autores, faz-se a referncia de todos,

    separados com ponto e vrgula (;).

    Ex: EIGA, R. A. A.; CATNEO, A.; BRASIL, M. A. A. Elaborao de um

    sistema integrado de computao para quantificao da biomassa

    florestal. Cientfica, So Paulo, v. 17, n. 2, p. 231-236, 1989.

  • Mais de 3 autores

    Documento elaborado por mais de 3 autores, indica-se apenas o

    primeiro, acrescentando a expresso et al.

    Ex: SPOSATI, Aldaisa et al. A assistncia na trajetria das polticas

    sociais brasileiras: uma questo em anlise. 7. ed. So Paulo:

    Cortez, 1998.

    NOTA: Quando a meno de todos os nomes for indispensvel para

    certificar a autoria, facultado indicar todos. (projetos de

    pesquisa cientfica, indicao de produo cientfica em

    relatrios etc.), separados por ponto e vrgula (;).

    BARBEDO, C. J.; NAKAGAWA, J.; BARBEDO, A. S. C.; ZANIN, A. C.

    W. Qualidade fisiolgica de sementes de pepino cv. Prola, em funo

    da idade e do tempo de repouso ps-colheita de frutos. Pesquisa

    Agropecuria Brasileira, Braslia, DF, v. 32, p. 905-13, 1997.

  • Sobrenome(s) composto(s) Sobrenome espanhol: adota-se a entrada pelo penltimo sobrenome

    Ex: LARA PALMA, H. A. Determinao de propriedades elsticas e de resistncia em compensados de Pinus elliottii. Scientia Forestalis, Piracicaba, n. 51, p. 37-48, 1997.

    GARCA MRQUEZ, Gabriel. Cem anos de solido. Rio de Janeiro: Record, 1996.

    Sobrenomes que indicam parentesco (Jnior, Filho, Neto, Sobrinho) no so considerados como entrada, devem aparecer aps o sobrenome do autor.

    Ex: MARTINS JNIOR, Wallace Paiva. Probidade administrativa. So Paulo: Saraiva, 2009.

    JOS FILHO, Mrio. A famlia como espao privilegiado para a construo da cidadania. Franca: Ed. UNESP/FHDSS, 2002.

    CRETELLA NETO, Jos. Comentrios lei de arbitragem brasileira. Rio de Janeiro: Forense, 2007. Nota: Conservar o grau de parentesco conforme o uso no idioma documento. Em Portugus: FERREIRA NETO, S.L.; SOARES FILHO, C.F. Em Ingls: SLOAN, E.D.Jr.; SMITH, C.S.Jr.

    Sobrenome composto de um substantivo+ adjetivo

    Ex: CASTELO BRANCO, Camilo. Amor de perdio. 11. ed. So Paulo: tica, 1988.

  • Sobrenome chins - o nome chins j formado com o sobrenome antecedendo o prenome

    Ex: LIN, Chin-Teng. Neural fuzzy systems: a neuro-fuzzy synergism to intelligent systems. Upper Saddle River: Prentice Hall, 1996. 797 p.

    Sobrenome ingls precedido de Mac, Mc

    Ex: McLAUGHLIN, G. Prtese fixa adesiva: alternativa avanada. Traduo de B.S.C. Monjardim. So Paulo: Roca, 1991. 320 p.

    Pseudnimo

    Ex.: Malba Tahan

    Tahan, M. O homem que calculava. 28. ed. Rio de Janeiro: Record, 1984. 218 p.

    Sobrenome ligados por hfen Ex: ROQUETE-PINTO, E. Rondnia. 6. ed. So Paulo: Ed. Nacional, 1975.(Brasiliana, 39). JIMNEZ-LPEZ, V. Oral rehabilitation with implant-supported prosthesis. Chicago: Quintessence, 1999. 350 p. SAINT-EXUPURY, A. O pequeno prncipe. 41. ed. Rio de Janeiro: Agir, 1992. 95 p.

  • Autor desconhecido Publicaes com autoria desconhecida ou no assinadas, entra-se diretamente pelo ttulo. Neste caso a primeira palavra do ttulo escreve-se sempre em maiscula (CAIXA ALTA). Ex: CAPACITAO em servio social e poltica social: o trabalho do assistente social e as polticas sociais. mod. 4. Braslia, DF: Ed. UNB, 2000.

    Responsvel intelectual Indica-se a entrada pelo nome do responsvel do conjunto da obra (organizador, compilador, editor, coordenador, etc.), seguida da abreviatura entre parnteses no singular. Ex: MACEDO, Rosa Maria. (Org.). Terapia familiar no Brasil na ltima dcada. So Paulo: Roca, 2008. FALDINI, G. (Org.). Manual de catalogao: exemplos ilustrativos do AACR2. So Paulo: Nobel, 1987. 479 p.

  • Autor entidade Obras de responsabilidade de entidade coletivas, indica-se:

    rgos da administrao governamental direta (ministrios, secretarias, etc.): entra-se pelo nome do lugar que indica a esfera de subordinao (em letra maiscula) - PAS, ESTADO ou MUNICPIO.

    Ex: BRASIL. Congresso. Comisso Parlamentar Mista de Inqurito para Examinar

    a Situao da Mulher em Todos os Setores de Atividade. Relatrio,

    concluses e recomendaes. Relator Lygia Lessa Bastos. Braslia, DF:

    Cmara dos Deputados, Coordenao de Publicaes, 1978. 327 p. SO PAULO (Estado). Constituio do Estado de So Paulo. 2. ed. So Paulo: Saraiva, 1986. 167 p.

    Entidades independentes: entra-se diretamente pelo nome da entidade, escrito em maiscula.

    Ex:

    UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JLIO DE MESQUITA FILHO. Anurio estatstico

    2001. So Paulo, 2001. 205 p.

    ASSOCIAO BRASILEIRA DE NORMAS TCNICAS. NBR 6023: informao e documentao,

    referncias, elaborao. Rio de Janeiro, 2000. 22 p.

    ASSOCIAO BRASILEIRA DA CONSTRUO INDUSTRIALIZADA. Manual tcnico de

    caixilhos-janelas. So Paulo: Pini, 1991. 213 p.

  • Ttulo e subttulo

    Devem ser reproduzidos tal como aparecem no

    documento, separados por dois pontos. A primeira letra deve

    ser escrita em maiscula, as demais em minsculas, com

    exceo dos nomes prprios ou cientficos.

    Ex:

    GOTO, R.; TIVELLI, S. W. (Org.). Produo de hortalias em ambiente protegido:

    condies subtropicais. So Paulo: Ed. UNESP, 1998. 319 p.

    DEMO, Pedro. Participao conquista: noes de poltica social participativa. 5.

    ed. So Paulo: Cortez, 2001.

    FONTES, M. C. M. Aprendizagem de ingls via internet: descobrindo as

    potencialidades do meio digital. 2002. 200 f. Tese (Doutorado em Lingustica Aplicada

    ao Ensino de Lnguas) Pontifcia Universidade Catlica, So Paulo, 2002.

  • Peridicos

    Peridico no todo: indica-se o nome completo do ttulo do peridico, sem abreviatura em maiscula. Ex: REVISTA DE ENGENHARIA E CINCIAS APLICADAS. So Paulo: Ed. UNESP, 1993 -. Anual. ISSN 0104-6314. Artigo de peridico Ttulo do artigo: deve-se escrever o ttulo do artigo em redondo, usando-se apenas a primeira letra em maiscula, com exceo dos nomes prprios ou cientficos. Palavras estrangeiras ou latinas so indicadas em itlico:

    Ex: Estudo da polinizao entomfila em Curcubeta pepo (Abbora

    italiana).

    Ttulo do peridico: vem aps o ttulo do artigo e poder ser abreviado ou no, escrito em destaque (itlico, negrito ou grifado) com a primeira letra de cada palavra em maiscula: Ex: Journal of the Oral Maxillofacial Surgery (ou) J. Oral Maxillofac. Surg. (ou) J. Oral Maxillofac. Surg. (ou) J. Oral Maxillofac. Surg. .

  • Edio Indica-se edio, a partir da segunda, quando mencionada na obra, em algarismo(s) arbico(s) seguido de ponto e abreviatura da palavra edio no idioma da publicao. 2. ed. 2. aufl. 2nd ed. 3rd ed. 4th ed. Nota: indicam-se emendas e acrscimos edio de forma abreviada revisada = rev. ampliada = ampl. atualizada = atual. Ex.: 3. ed. rev. e ampl.(terceira edio revisada e ampliada) MAGOSSI, L. R.; BONACELLA, P.H. Poluio das guas. 14. ed. So Paulo: Moderna, 1990. 56 p. ATKINS, P. W. Quanta. 2nd ed. Oxford: Oxford University Press, 1991. 392 p. GRECO FILHO, V. Txicos: preveno-represso, comentrios Lei n. 6.368, de 21.10.1976. 5. ed. atual. e ampl. So Paulo: Saraiva, 1987.

  • Local de publicao

    Mais de um local

    Quando houver mais de um local para uma s editora, indica-se o primeiro ou o mais

    destacado.

    Local subentendido