REINO VEGETAL - fef.br .Classifica§£o do Reino Vegetal O Reino Vegetal © composto de plantas vasculares

  • View
    219

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of REINO VEGETAL - fef.br .Classifica§£o do Reino Vegetal O Reino Vegetal © composto de...

  • REINO VEGETAL (Brifitas, pteridfitas, angiospermas e gimnospermas)

  • Classificao do Reino Vegetal

    O Reino Vegetal composto de plantas vasculares (pteridfitas, gimnospermas e angiospermas) que possuem vasos condutores de seiva, e plantas avasculares (brifitas), destitudas desses vasos.

  • Brifitas

    So plantas de pequeno porte que no recebem luz direta do sol, uma vez que habitam locais midos, por exemplo, os musgos.

    A reproduo desse grupo ocorre atravs do processo de metagnese, ou seja, possui uma fase sexuada, produtora de gametas, e outra assexuada, produtora de esporos.

    Ademais, no possuem vasos condutores de seiva, o que as torna distintas dos outros grupos vegetais. Sendo assim, o transporte de nutrientes ocorre mediante um processo vagaroso de difuso das clulas.

    Ocorrem ainda espcies com a Ricciocarpus natans que flutua em H2O doce e a Riccia flutuantes que vive submersa em gua doce.

  • Musgos

  • Ricciocarpos natans

    Riccia flutuantes

  • Pteridfitas De maior porte que as brifitas, esse grupo formado por plantas que, em sua maioria, so terrestres e habitam locais com grande umidade. So exemplos do grupo: samambaias, cavalinhas, avencas e xaxins.

    Apresentam vasos condutores de seiva, raiz, caule e folhas, e da mesma maneira que as brifitas, a reproduo desses vegetais ocorre mediante uma fase sexuada e outra assexuada.

    Quando o caule das pteridfitas subterrneo, denomina-se de rizoma. J as epfitas so plantas que se apoiam em outras plantas, todavia, sem causar-lhes danos, como as samambaias e os chifres-de-veado.

    As plantas pteridfitas foram as primeiras que desenvolveram um sistema destinado ao transporte de seiva.

  • Avenca

    Cavalinha

  • Samambaia Xaxim

  • XAXIM

    Devido extrao desenfreada do cudice para uso no cultivo de outras plantas, a espcie est ameaada de extino, e de acordo com a lei n. 11.754, de 1. de julho de 2004, que probe a industrializao e comercializao de produtos e artefatos provenientes, direta ou indiretamente, da extrao do xaxim.

  • Gimnospermas

    O grupo das Gimnospermas composto por uma grande variedade de rvores e arbustos de diversos portes. So plantas vasculares (presena de vasos condutores de seiva), que possuem raiz, caule, folha e sementes. Alguns exemplos de gimnospermas: sequoias, pinheiros, araucrias, dentre outras.

    A reproduo das Gimnospermas sexuada. Ocorre a fecundao nos rgos femininos pelo plen, que produzido pelos rgos masculinos e transportado com o auxlio da natureza: vento, chuva, insetos, pssaros.

    O que as difere do grupo das Angiospermas so principalmente suas sementes, visto que apresentam as chamadas sementes nuas, ou seja, no envolvidas pelo ovrio.

  • Sequoia

  • Pinheiro

  • Araucria

  • Angiospermas

    As Angiospermas so plantas que possuem sementes protegidas por frutos, diferente das Gimnospermas, que apresentam as chamadas sementes nuas . Estas plantas tambm apresentam flores. A presena de flores e frutos fundamental para o desenvolvimento das angiospermas. As flores possuem cores vivas, nctar e cheiros que atraem pssaros e insetos que vo ajudar no processo de polinizao.

    As Angiospermas so plantas vasculares (presena de vasos condutores) que habitam diferentes ambientes e representam um grupo muito variado, composto de vegetais de pequeno e grande porte. Vale lembrar que as angiospermas caracterizam o maior grupo do reino vegetal com aproximadamente 200 mil espcies.

  • Importncia das plantas

    As plantas so extremamente importantes para a continuidade

    da vida em nosso planeta, sem elas, os demais seres vivos da

    cadeia alimentar no seriam capazes de obter a energia

    necessria para sua sobrevivncia.

    Elas so consideradas o primeiro elo da cadeia, pois sustentam

    todos os demais (animais, fungos, bactrias e protistas).

  • EQUIPE

    2017