Sociologia do ensino de Sociologia: os debates DOS REIS NEUHOLD Sociologia do ensino de Sociologia:…

Embed Size (px)

Text of Sociologia do ensino de Sociologia: os debates DOS REIS NEUHOLD Sociologia do ensino de...

  • UNIVERSIDADE DE SO PAULO

    FACULDADE DE EDUCAO

    ROBERTA DOS REIS NEUHOLD

    Sociologia do ensino de Sociologia:

    os debates acadmicos sobre a constituio de uma disciplina escolar

    So Paulo

    2014

  • ROBERTA DOS REIS NEUHOLD

    Sociologia do ensino de Sociologia:

    os debates acadmicos sobre a constituio de uma disciplina escolar

    Tese apresentada Faculdade de

    Educao da Universidade de So

    Paulo para obteno do ttulo de

    Doutora em Educao

    rea de concentrao:

    Sociologia da Educao

    Orientador:

    Prof. Dr. Amaury Cesar Moraes

    (Verso revisada)

    So Paulo

    2014

  • Autorizo a reproduo e divulgao total ou parcial deste trabalho, por qualquer meio

    convencional ou eletrnico, para fins de estudo e pesquisa, desde que citada a fonte.

    Catalogao na Publicao

    Servio de Biblioteca e Documentao

    Faculdade de Educao da Universidade de So Paulo

    375.43

    N485s

    Neuhold, Roberta dos Reis

    Sociologia do ensino de sociologia : os debates acadmicos sobre a

    constituio de uma disciplina escolar / Roberta dos Reis Neuhold ;

    orientao Amaury Cesar Moraes. So Paulo : s.n., 2014.

    334 p. : il, fotos

    Tese (Doutorado Programa de Ps-Graduao em Educao. rea de

    Concentrao : Sociologia da Educao) -- Faculdade de Educao da

    Universidade de So Paulo)

    1. Sociologia Pesquisa e ensino 2. Ensino mdio 3. Intelectuais

    4. Peridicos cientficos 5. Sociologia Congressos Brasil. 6. Peridicos

    cientficos I. Moraes, Amaury Cesar, orient.

  • NEUHOLD, Roberta dos Reis. Sociologia do ensino de Sociologia: os debates acadmicos sobre a

    constituio de uma disciplina escolar. Tese apresentada Faculdade de Educao da Universidade de

    So Paulo para obteno do ttulo de Doutora em Educao.

    Aprovado em: 18 de setembro de 2014.

    Banca examinadora

    Prof. Dr. Amaury Csar Moraes (orientador) Instituio: Faculdade de Educao da

    Universidade de So Paulo

    Julgamento: ____________________________

    Assinatura: ______________________________

    Prof. Dr. Henrique Zoqui Martins Parra Instituio: Universidade Federal de So Paulo

    Julgamento: ____________________________

    Assinatura: ______________________________

    Profa. Dra. Fraya Frehse Instituio: Faculdade de Filosofia, Letras e

    Cincias Humanas da Universidade de So Paulo

    Julgamento: ____________________________

    Assinatura: ______________________________

    Prof. Dr. Afrnio Mendes Catani Instituio: Faculdade de Educao da

    Universidade de So Paulo

    Julgamento: ____________________________

    Assinatura: ______________________________

    Prof. Dr. Jaime Francisco Parreira Cordeiro Instituio: Faculdade de Educao da

    Universidade de So Paulo

    Julgamento: ____________________________

    Assinatura: ______________________________

  • Com todo amor e saudade, dedico este trabalho querida Elza.

  • AGRADECIMENTOS

    minha me querida, pela espera e carinho irrestrito.

    Ao meu pai, meu generoso leitor.

    Ao Mrcio, pelo incentivo, pacincia e amor.

    minha famlia, por acreditar nos meus passos e tornar meus sonhos possveis. Eu precisaria de

    muitas linhas para expressar toda a minha gratido e amor por cada um de vocs e, ainda assim, no

    seria capaz de manifestar todos os meus sentimentos.

    Aos meus amigos, pelo estmulo e solidariedade.

    Aos colegas de academia e profisso, pela oportunidade de participar de valiosas reflexes sobre a

    educao. Agradeo especialmente aos companheiros de ideias dos grupos de cincias humanas, pelas

    frutferas discusses, e aos professores de Sociologia, por socializarem projetos, angstias e

    expectativas.

    A todos aqueles que, de alguma maneira, contriburam para a elaborao deste trabalho. Agradeo,

    especialmente, ao Flvio Sarandy, por disponibilizar os primeiros nmeros da revista Sociologia,

    preciosa fonte de pesquisa; Paula Nascimento da Silva Moura, pela leitura atenta e estimado apoio

    no fechamento da tese; ao Lula Ramires, pelo auxlio com o resumo.

    Ao GT Ensino de Sociologia dos Congressos Brasileiros de Sociologia, pelos excelentes debates.

    Aos funcionrios da Secretaria de Ps-Graduao da Faculdade de Educao, pela ateno e prontido.

    Aos professores, estudantes e bibliotecrios da Universidade de So Paulo que, de diferentes formas e

    em variados momentos, contriburam para a consecuo deste trabalho.

    Ao professor Almerindo Afonso Janela e demais professores e estudantes, pela acolhida na

    Universidade do Minho. Aos membros da Associao Portuguesa de Sociologia e professores do

    ensino secundrio pelas informaes e materiais disponibilizados para pesquisa. professora Denice

    Catani, por intermediar o contato com a Universidade do Minho. E, finalmente, Pr-Reitoria de Ps-

    Graduao da Universidade de So Paulo, pela bolsa concedida para realizar o estgio cientfico.

    Aos professores Afrnio Mendes Catani e Jaime Francisco Parreira Cordeiro, pelas inestimveis

    sugestes durante o exame de qualificao. A eles e aos professores Henrique Zoqui Martins Parra e

    Fraya Frehse, pela disponibilidade para ler e debater este trabalho na defesa do doutorado.

    Ao professor Amaury Cesar Moraes, pela orientao.

    Obrigada a todos, por tudo!

  • A definio dominante das coisas boas de se dizer e dos temas dignos de interesse um dos

    mecanismos ideolgicos que fazem com que coisas tambm muito boas de se dizer no sejam ditas e

    com que temas no menos dignos de interesse no interessem a ningum, ou s possam ser tratados de

    modo envergonhado e vicioso.

    Pierre Bourdieu (2010, p. 35)

  • RESUMO

    NEUHOLD, Roberta dos Reis. Sociologia do ensino de Sociologia: os debates acadmicos sobre a

    constituio de uma disciplina escolar. 2014. 334 f. Tese (Doutorado) Faculdade de Educao,

    Universidade de So Paulo, So Paulo, 2014.

    A formao da Sociologia como disciplina escolar exemplifica como diferentes foras sociais

    concorrem na fabricao do currculo. Esta tese centrou-se em uma dessas foras sociais o campo

    cientfico para analisar a participao de intelectuais e sociedades cientficas no processo de

    constituio do ensino de Sociologia como objeto de pesquisa das Cincias Sociais e Educao. A

    investigao recorreu pesquisa documental, seguida de um esforo de reviso bibliogrfica que lhe

    forneceu substrato terico e metodolgico. Suas principais fontes foram a revista Sociologia, a

    produo de programas de ps-graduao, os anais de sete edies do Congresso Brasileiro de

    Sociologia e o Diretrio dos Grupos de Pesquisa no Brasil do Conselho Nacional de Desenvolvimento

    Cientfico e Tecnolgico (CNPq). Os materiais coletados, tratados e analisados a partir de uma

    abordagem qualitativa, resultaram na construo de um mapa da produo acadmica, organizada em

    dois contextos intelectuais: entre 1939 e 1955, momento em que a Sociologia como disciplina escolar

    foi reconhecida pelos intelectuais como parte do seu processo de institucionalizao como cincia e

    profisso; e entre 1993 e 2013, quando as questes referentes ao percurso de escolarizao da

    Sociologia adentraram a agenda de pesquisa de programas de ps-graduao. Ao todo, a pesquisa

    identificou mais de duas centenas de artigos, 56 dissertaes de mestrado e teses de doutorado e 22

    grupos de pesquisa. Concluiu que, entre 1939 e 1955, o meio acadmico problematizou as funes

    universais e cientficas do ensino de Sociologia, ao mesmo tempo em que se interessou por mtodos

    de difuso dos conhecimentos das Cincias Sociais. A despeito dessa produo, o ensino de Sociologia

    no chegou a compor projetos investigativos autnomos. A maior parte dos trabalhos desempenhou

    um papel poltico de demarcar posio no debate sobre o lugar da Sociologia no quadro das cincias,

    estabelecer um escopo de atuao profissional para os cientistas sociais e expor inquietaes relativas

    didtica da Sociologia no ensino superior. Nesse sentido, confirmou-se a hiptese de que o ensino de

    Sociologia se configurou como um objeto de pesquisa invisvel ou, nas palavras de Bourdieu,

    ilegtimo para o campo cientfico. Essa invisibilidade associa-se prpria hierarquizao entre, de

    um lado, atividades de pesquisa e formao de bacharis, e, de outro e em posio de subordinao,

    atividades de ensino e formao de licenciados. No caso da produo contempornea, verificou-se que

    se encontra em curso um processo de formao de uma rea cientfica, nos termos de Antnio Nvoa,

    do ponto de vista acadmico (produo dos programas de ps-graduao), cientfico (organizao de

    grupos de pesquisa e eventos cientficos) e curricular (criao de disciplinas, linhas de pesquisa e

    cursos na ps-graduao). Contudo, essa produo permanece circunscrita a alguns grupos de

    pesquisadores, com poucas evidncias de opes terico-metodolgicas afins e sem reconhecimento

    por parte de cientistas sociais e pedagogos de reas de pesquisa j consolidadas. A tese divide-se em

    trs captulos, alm da Introduo e Concluso. O primeiro captulo Ensino de Sociologia e

    sociedades cientficas prope uma reflexo a respeito da formao da Sociologia como disciplina

    escolar a partir da experincia de pases como Brasil, Portugal, Estados Unidos e Frana e luz dos

    debates sobre o currculo como construo social. O segundo Debates acadmicos contemporneos

    (1993-2013) e terceiro captulos Intelectuais e ensino de Soci