Click here to load reader

dE mEdidaS Para indúStria automotiVa - smabc.org.br 41FDB2C6-407A-4F50-94B6...PDF fileaçõES do SindiCato ContribuEm Com aVançoS Para o braSil 2 Tribuna Metalúrgica – Quarta-feira,

  • View
    215

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of dE mEdidaS Para indúStria automotiVa - smabc.org.br 41FDB2C6-407A-4F50-94B6...PDF...

  • Felipo e Parreira reconhecem que a seleo est devendo, mas acham que a Fifa no est dis-posta a ver o hexa comemorado no Pas.

    Para o tcnico, David Luiz o exemplo a ser seguido, o cara que mesmo com dores fez ques-to de bater o primeiro pnalti contra o Chile.

    Felipo tambm est conven-cido que a seleo demonstrou toda emoo que poderia e agora hora de valorizar o toque de bola.

    A comisso tcnica pretende dedicar ateno especial ao capito Thiago Silva, que pe-diu para ser o ltimo a cobrar pnalti no jogo.

    Sobre Jlio Csar, a avalia-o que o goleiro passou quatro anos no inferno e agora teve a recompensa merecida.

    A dupla est convencida de que hora de reagir contra a Fifa e contra todos, a comear pela seleo da Colmbia na prxima sexta.

    fotos: divulgao

    Tribuna Esportiva Se a sociedade ainda racista, o preconceito est em todo o lugar

    fotos: adonis guerra

    Como enfrentar um pro-blema que as pessoas acham que no existe? A pergun-ta sobre o racismo foi um dos destaques do debate que marcou o terceiro mdulo do curso Histria da frica, na ltima segunda, no Centro de Formao Celso Daniel, ao lado da Sede.

    medida que o racismo recua um pouco com nossa luta, ele tambm busca outras formas de se rearticular, afir-mou o membro da Comisso de Igualdade Racial do Sindi-cato, Jos Laelson de Oliveira, o Leo Superliga (foto).

    Durante a aula, o professor Deivison Nkosi apresentou vdeos sobre fatos recentes de racismo, como o caso Tinga. O volante do Cruzeiro foi alvo de racismo da torcida do Real Garcilaso, no Peru, que imitava macacos sempre que o atleta tocava na bola durante partida da Copa Libertadores da Am-rica em fevereiro deste ano.

    Estes torcedores alegaram na imprensa que era uma brincadeira, mas brincadeira tambm fere e pode ser polti-ca. E essa mesma mdia que macaqueia o negro constan-temente, que repercutiu a co-moo nacional com a histria

    www.smabc.org.brTribuna Metalrgica Quarta-feira, 2 de julho de 20144

    Publicao diria do Sindicatodos Metalrgicos do ABC

    Redao: Rua Joo Basso, 231 - Centro - So Bernardo - CEP: 09721-100 Fone: 4128-4200 Fax: 4127-3244 Site: www.smabc.org.br E-mail: [email protected] Regional Diadema: Av. Encarnao, 290, Piraporinha

    Fone: 4061-1040 - CEP 09960-010. Regional Ribeiro Pires: Rua Felipe Sabbag, 149, Centro Fone: 4823-6898 - CEP 09400-130. Diretor Responsvel: Moiss Selerges. Reprteres: Carlos Alberto Balista, Rossana Lana

    e Cinthia Fanin. Estagiria: Thamara Marinho. Arte e Editorao Eletrnica: Rogrio Bregaida. CTP e Impresso: Simetal ABC Grfica e Editora - Fone: 4341-5810. Os anncios publicados na Tribuna Metalrgica so de

    responsabilidade dos prprios anunciantes. O jornal no responde em nenhuma circunstncia pela oferta e venda de produtos e servios.

    Quarta-feira2 de julho de 2014

    www.smabc.org.br

    Edio n 3560

    divulgao

    Pgina 3

    VEja aS galEriaS dE fotoS do arrai dE diadEma Em httP://goo.gl/ltzr6g

    Pgina 4

    Curso multiplica combate ao racismo

    Pgina 2

    Plr na Krones e techniques Surfaces

    do jogador, inclusive o protesto feito pela presidenta Dilma pelo Twitter com a campanha O Brasil inteiro #FechadoComO-Tinga, prosseguiu Leo.

    O dirigente lembrou ainda

    que durante as quartas de final da Copa do Mun-do, o governo federal participar do combate discriminao com a ao Copa sem racismo. Na campanha, as selees

    que disputarem as partidas a partir desta sexta, dia 4, levaro faixas com mensagens contra o preconceito.

    Para a secretria da Mulher da FEM-CUT e CSE na Apis

    Delta, Andrea Ferreira de Sou-za, a Nega (destaque), olhar para o racismo nos obriga a reconhecer que se a sociedade ainda racista, ele est em todo o lugar.

    Por isso a nossa meta , por meio do conhecimento e de aes como esta na Copa do Mundo, tornar os participantes do nosso curso e toda socieda-de multiplicadora ao combate desta prtica, concluiu Nega.

    Curta nossa pgina no Facebook!

    facebook.com/smabc em http://goo.gl/6HPdja

    Veja a galeria de fotos da

    Prorrogao dE

    indStriaautomotiVa

    dE mEdidaS ParaiPi dEVE Vir

    aComPanhada

  • aES do SindiCato ContribuEm Com aVanoS Para o braSil

    www.smabc.org.br Tribuna Metalrgica Quarta-feira, 2 de julho de 2014www.smabc.org.br2 Tribuna Metalrgica Quarta-feira, 2 de julho de 2014 3

    fotos: divulgao

    Notas e Recados

    SiSu 1Termina hoje o prazo para matrcula da segunda cha-mada do programa. A lista dos alunos est disponvel em sisu.mec.gov.br.

    SiSu 2O candidato selecionado deve verificar o local, horrio e os procedimentos na insti-tuio de ensino em que foi aprovado.

    ProPaganda 1A veiculao de propaganda partidria e poltica paga no rdio e na televiso no mais permitida desde ontem.

    ProPaganda 2A medida faz parte do calen-drio das eleies do TSE e as propagandas eleitorais s voltaro ao rdio e TV em 19 de agosto.

    Cantareira 187% dos moradores abastecidos pelo sistema Cantareira pou-param gua no ms passado, mas o nvel do sistema no para de cair.

    Cantareira 2Na ltima segunda ele ope-rava com 20,6% de sua ca-pacidade 4,4 pontos per-centuais a menos que em 30 de maio.

    adonis guerra

    A manuteno das atuais alquotas do Imposto sobre Produtos Indus-trializados, o IPI, para carros, anunciada pelo governo federal, deveriam estar associadas a medidas que tornem a indstria automotiva mais robusta.

    A prorrogao do IPI por si s no resolve a situao do se-tor, afirmou o secretrio-geral do Sindicato, Wagner Santana, o Wagno.

    Para ele, o reaquecimento da indstria automotiva pode acontecer se as medidas que o Sindicato reivindica siste-maticamente tambm forem adotadas.

    O programa de renovao de frota de caminhes e nibus; a regulamentao que ainda falta ao novo Regime Automotivo, o Inovar-Auto, para garantir a utilizao de peas nacionais; o programa de incentivos para as

    S a Prorrogao do iPi no rESolVE oS ProblEmaS do SEtor

    autopeas, o Inovar-Peas; e o Sistema de Proteo ao Empre-go so as principais propostas dos Metalrgicos do ABC, destacou o secretrio-geral.

    Segundo Wagno, todo esse esforo feito pelo Sindicato tem como principal objetivo o em-prego. Nosso foco a manu-teno dos postos de trabalho, o crescimento e o fortalecimento da categoria, com uma inds-tria estruturada para absorver trabalhadores cada vez mais qualificados. isso que impor-ta, afirmou.

    O imposto dos carros vai ficar entre 3% e 25%, dependendo do motor, at o fim do ano. Se voltassem alquota normal, ficaria entre 7% e 25% (saiba mais nesta pgina).

    Essa medida contribui para as nossas expectativas para um segundo semestre melhor este ano, concluiu o dirigente.

    Plr e vale-alimentao aprovados na KronesEm assembleia na portaria

    da fbrica na ltima quinta, os companheiros na Krones, em Diadema, aprovaram por unanimidade a proposta de PLR negociada pelo Sindica-to. O acordo vale por um ano e ser pago em duas parcelas, neste ms e em fevereiro de 2015.

    Avanamos em relao ao ano passado, destacou o coordenador de rea Clau-dionor Vieira da Nascimen-to. Outra boa notcia foi a

    conquista de um reajuste tambm signif icativo no vale-alimentao. O que s foi possvel graas ao esforo de todos os envolvidos na discusso com a fbrica, afirmou.

    Por isso o apoio dos traba-lhadores foi fundamental e, assim, conseguimos garantir estes direitos, sempre com mobilizao e unidade para reforar a luta na fbrica. Parabns a todos os trabalha-dores, concluiu Claudionor.

    Nova lei do adicional de periculosidade para motoboys

    Conhea seus direitos

    Entrou em vigor mais uma lei de interesse dos trabalha-dores, prevendo a incluso do adicional de periculosidade para mototaxistas, motoboys e motofretistas.

    Ao sancionar a lei, a presidenta Dilma deixou claro que a me-dida justa, necessria e um direito desses trabalhadores que enfrentam at risco de morte.

    A presidenta lembrou que a profisso est presente em

    todos os grandes centros do Pas e citou o caso de mes que precisam dos servios da categoria durante a madrugada para receberem remdios para os filhos.

    A norma altera a Consolida-o das Leis do Trabalho e determina que os trabalha-dores que usam a moto para trabalhar com o transporte de passageiros e de mercadorias recebam adicional de 30% sobre o salrio.

    Entre as sugestes para aprimoramento dos servi-os, est a adoo de faixas exclusivas para a circulao dos mototaxistas, motoboys e motofretistas para reduzir o nmero de acidentes envol-vendo estes trabalhadores.

    Os cerca de dois milhes de trabalhadores da categoria em todo o Pas aplaudiram a medida, totalmente justa para atenuar o impacto dos riscos que recaem sobre eles.

    Comente este artigo. Escreva para [email protected] | Departamento Jurdico

    Eleies de CIPA

    CIPA na TTB

    Vote nos companheiros Edson de Freitas e Adriano Teotnio, do setor de bilher; Jaime Mendes Quintelo, da manuteno; e Mrcio Adria-no, o Da Lua, da ferramenta-ria; para a eleio de CIPA na fbrica nesta sexta, dia 4.

    Eles so apoiados pelo Sindicato e esto comprome-tidos com a sade, segurana e melhores condies de trabalho.

    Terminou em abril o con-vnio que os Metalrgicos do ABC mantinham com o Curso Arps e que garantia aos scios e dependentes descontos em aulas de ingls e informtica nas classes da escola na Regional Diadema. importante deixar claro que o Sindicato nunca foi res-ponsvel pela instituio de ensino, apenas cedia o espa-o, gua e luz em troca destas redues nas mensalidades.

    Resultado do convnio entre a Escola Livre para Formao Integral Dona Lindu e o Cursinho da Poli, as matrculas vo at 15 de agosto para scios, dependentes e interessados. Haver uma turma de segunda a quinta e outra aos sbados, com 100 alunos cada.

    As inscries devem ser feitas no sit