Fevereiro/2012 - BOLETIM MENSAL ROTARY LAVRAS

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Fevereiro/2012 - BOLETIM MENSAL ROTARY LAVRAS

Text of Fevereiro/2012 - BOLETIM MENSAL ROTARY LAVRAS

  • FEVEREIRO ANO ROTRIO 2011/2012

    Reunies s

    segundas-feiras

    19h30

    Av. Dra. Dmina, n 28 37200-000 Lavras MG Brasil

    E-mail: rotaryclubdelavras@gmail.com - Tel. (35)9844-9636

    Clube Registrado no RI sob o n 8223

    Detalhes da foto da capa na ltima pgina

    ANO ROTRIO 2011/2012 LAVRAS(MG), FEVEREIRO/2012 RGO INFORMATIVO MENSAL DO ROTARY CLUB DE LAVRAS DISTRITO 4560

  • BOLETIM MENSAL ROTARY LAVRAS FEVEREIRO ANO ROTRIO 2011/12

    2

    prximo dia 23 de fevereiro nossa instituio estar completando cento e sete anos de servios prestados humanidade. Por fora dis-so nessa mesma data tambm comemorado o DIA DA PAZ E DA

    COMPREENSO MUNDIAL e o DIA DO ROTARY. A razo da escolha do dia 23 de fevereiro se deve ao fato de que nesse dia foi fundado o primeiro clube de prestao servios, quando nosso fundador reuniu-se com trs amigos em um pequeno escritrio no centro de Chicago.

    Eles queriam reavivar naquele incio de sculo o esprito de amiza-de conhecido em suas cidades na-tais. Mais pessoas foram convidadas a juntar-se ao grupo medida em que o clube tornou-se mais conheci-do. Ele foi denominado "Rotary", j que o local onde os scios reuniam-se era rotativo cada vez no escrit-rio de um deles.

    Inicialmente formado por ra-zes de companheirismo, o primeiro Rotary Club rapidamente evolui passando a aproveitar as habilida-des e recursos dos scios para prestar servios comunidade.

    No final de 1905, o Rotary Club de Chicago tinha 30 scios.

    No

    Inicialmente formado

    por razes de compa-

    nheirismo, o primeiro

    Rotary Club rapida-

    mente evoluiu pas-

    sando a aproveitar as

    habilidades e recursos

    dos scios para pres-

    tar servios comuni-

    dade.

  • BOLETIM MENSAL ROTARY LAVRAS FEVEREIRO ANO ROTRIO 2011/12

    3

    Trs anos depois, um segundo clube foi estabelecido em So Francisco, na Califrnia, EUA. No ano seguinte, trs outros clubes foram estabelecidos na costa oeste dos Estados Unidos e um quarto em Nova Iorque. Em poucos anos outros Grupos inspiravam-se no exemplo do Rotary para formar seus prprios clubes.

    A primeira conveno do Rotary realizou-se no Congress Hotel, em Chica-go, durante o ms de agosto de 1910. A Associao Nacional de Rotary Clubs foi organizada nessa poca com 16 clubes participantes. O fundador do Rotary, Paul Harris, foi eleito o primeiro presidente da Associao.

    O CRESCIMENTO INTERNACIONAL DO ROTARY

    Durante o ano rotrio de 1911/12, a Associao tornou-se internacional devi-do ao estabelecimento de um Rotary Club em Winnipeg, Manitoba, no Canad. Pouco depois o Rotary cruzava o Oceano Atlntico para estabelecer clubes na In-glaterra, Irlanda e Irlanda do Norte. A Associao Nacional de Rotary Clubs tor-nou-se assim a Associao Internacional de Rotary Clubs em 1912, para em 1922 adotar o nome de Rotary International (RI). Ano em que fincava bandeira em to-

    dos os 5 continentes da terra. Antes de chegar a seu vigsimo aniversrio, o Rotary j contava com quase 200 clubes, e mais de 20.000 scios ao redor do mundo.

    O primeiro Rotary Club na Amrica Latina foi organizado em Havana, Cuba, em 1915.

    O primeiro clube da sia foi estabelecido em Manila, nas Filipinas, em 1919.

    Em 1921, pela primeira vez foram organi-zados Rotary Clubs na Europa continental (Ma-dri, Espanha), frica (Johannesburgo, frica do Sul) e Austrlia (Melbourne).

    O primeiro Rotary Club do Brasil foi o do Rio de Janeiro, em 1922.

    TRABALHANDO PELA PAZ Ao passo que o Rotary crescia, au-

    mentava tambm o alcance de suas ativi-dades. Durante a Primeira Guerra Mundi-al, o Rotary descobriu novas maneiras de servir, ou seja, por meio de arrecadaes para Trabalhos de assistncia e auxlio em situaes de emergncia. Em 1917 o ento presidente do RI Arch Klumph props o estabelecimento de um fundo de dotaes, que em 1928 tornou-se a Fundao Rot-

  • BOLETIM MENSAL ROTARY LAVRAS FEVEREIRO ANO ROTRIO 2011/12

    4

    ria. A Fundao fez sua primeira doao humanitria (US$500) em 1930 Inter-national Society for Crippled Children.

    Aps a Segunda Guerra Mundial, muitos clubes que haviam sido desativa-dos durante o conflito foram restabelecidos e deram incio a novos projetos de prestao de servios, que incluam auxlio a refugiados e prisioneiros de guerra.

    A delegao do Rotary International, composta de quarenta e nove rotaria-nos, foi a maior entre todas as Organizaes no-governamentais na conferncia de Fundao das Naes Unidas, realizada em 1945 em So Francisco. Uma con-ferncia patrocinada pelo Rotary em Londres, em 1943, serviu como inspirao para a Criao da Organizao para a Educao, Cincia e Cultura (UNESCO), estabelecida pela ONU em 1946.

    J a Fundao Rotria experimentou crescimento modesto at 1947, quan-do rotarianos fizeram doaes significativas em memria de Paul Harris, falecido em 27 de janeiro daquele ano. Tambm no mesmo ano, a Fundao Inaugurava seu primeiro programa de bolsas de estudos, enviando 18 estudantes a 7 pases diferentes.

    O ROTARY HOJE

    O empreendimento mais am-bicioso do Rotary, anunciado em 1985, foi o programa Plio Plus uma abrangente campanha cujo ob-jetivo era a erradicao da plio at o ano 2005. Sofremos um pequeno atraso, mas tal meta j est quase cumprida. Graas em grande parte ao Rotary International, os nmeros da poliomielite vm caindo vertigi-nosamente no mundo, naqueles pa-ses onde o pernicioso vrus ainda faz suas vtimas. Em 1988 foram noti-ficados 350.000 casos; em 1999 7.083 casos e, em 2004 apenas 1.300 registros, que apesar de pouco em relao s 350.000 notificaes de 1988, ainda indicam que a luta precisa conti-nuar. Hoje, as notificaes praticamente se restringem ndia (que acaba de ce-lebrar um ano sem um caso sequer dessa peste) e a alguns pases da frica.

    O Programa Plio Plus, conduzido com a cooperao de governos nacionais e agncias no-governamentais como a Organizao Mundial da Sade, o Fundo das Naes Unidas para a Infncia (Unicef), o Centro Norte-Americano de Con-trole e Preveno de Doenas (CDC) e a Fundao Bill e Melinda Gates, um

  • BOLETIM MENSAL ROTARY LAVRAS FEVEREIRO ANO ROTRIO 2011/12

    5

    paradigma de cooperao dos setores pblicos e privados na luta contra uma do-ena. O Plio Plus ajuda programas de erradicao da poliomelite a nveis regio-nal e nacional, oferecendo vacinas, vigilncia e mobilizao social. Estamos che-gando casa de UM BILHO DE DLARES e recursos para extirpar de vez es-ta doena do planeta.

    AS ROTARIANAS A partir de sua admisso ao Rotary nos anos 80, as mulheres so o grupo de

    crescimento mais rpido do Rotary, gradualmente ocupando posies de liderana na organizao. Milhares de mulheres so presidentes de clube e esse grupo est rapidamente as-sumindo posies de liderana regional.

    O Rotary continua a crescer territorialmente, apesar de estamos completando uma dcada de estagnao no n-mero de associados. Aps o colapso da Cortina de Ferro, Rotary Clubs que haviam sido desativados durante a Se-gunda Guerra Mundial foram restabelecidos na Europa Central e Ocidental. Em 1990, pela primeira vez foram

    formados Rotary Clubs na Rssia e em seguida em outras antigas repblicas so-viticas.

    Atualmente o Rotary International incentiva seus clubes a dedicarem-se s mais variadas atividades de prestao de servios como o combate fome, proteo ao meio-ambiente, preveno de violncia, alfabetiza-o (Projeto Ligthouse, por exemplo), combate ao abuso de drogas, erradiao da poliomelite, como j referido, servios j uventude e aos idosos, bem como conscienti-zao e educao sobre a Aids. Continuamos nos inspi-rando no lema "Dar de si antes de pensar em si".

    Portanto, caros companheiros, sintamos orgulho (muito orgulho!) em pertencer a esta organizao, que pisa a passos firmes em seu segundo de muitos que viro sculo de existncia.

    Parabns Rotary Internatinonal... Parabns Paul P. Harris... Parabns rotarianos!!!

  • BOLETIM MENSAL ROTARY LAVRAS FEVEREIRO ANO ROTRIO 2011/12

    6

    ueridos irmos e irms em Rotary,

    Em novembro, tive a oportunidade de dar uma palestra no Instituto Rotary em Calcut, ndia, cujo enfoque foi na paz e nos modos pelos quais o Rotary pode trabalhar para promov-la. Quando recebi o convite, comecei a pensar no que pode-ria falar, sabendo que, com base em

    tudo o que os rotarianos fazem naquela regio, meu maior desafio seria no ultrapassar o tempo reservado para minha palestra.

    Logo antes de chegar a Calcut, dei uma palestra em uma conferncia sobre recursos hdri-cos em Tel Aviv. Foi um evento maravilhoso que reuniu rotarianos e no rotarianos de todo o mun-do para discutir os desafios de se fornecer um re-curso cada vez mais escasso a uma populao em constante crescimento. No entanto, antes de falar sobre a contribuio do Rotary, tive que explicar quem somos e o que fazemos, porque mesmo na-quela audincia repleta de cientistas, empreende-dores e executivos, muitas pessoas nunca tinham ouvido falar do Rotary.

    Ao deixar o evento, comecei a pensar no-vamente no que poderia falar em Calcut, pois muito do que o Rotary faz para promover a paz depende da conscientizao pblica acerca da or-ganizao. Por que temos alcanado tanto sucesso no nosso trabalho para a erradicao da plio? Porque o Rotary capaz de ir aonde nenhum outro governo ou ONG consegue: nas casas, escolas e comunidades das pessoas a quem servimos.

    No Rotary, quando trabalhamos pela paz, no negociamos tratados ou fazemos demons-traes nas ruas. Pelo contrrio, promovemos a paz atravs do exemplo, trabalhando juntos, independente de nossa nacionalidade ou experincia, colocando as necessidades dos outros a-

    Q

    O presidente do Rotary International

    Kalyan Banerjee e sua esposa Binota

  • BOLETIM MENSA