LOGÍSTICA REVERSA DE BATERIAS AUTOMOTIVAS: UM ESTUDO DE ...· LOGÍSTICA REVERSA DE BATERIAS AUTOMOTIVAS:

  • View
    215

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of LOGÍSTICA REVERSA DE BATERIAS AUTOMOTIVAS: UM ESTUDO DE ...· LOGÍSTICA REVERSA DE BATERIAS...

1

UNIVERSIDADE TECNOLGICA FEDERAL DO PARAN

CURSO DE ESPECIALIZAO EM ENGENHARIA DE SEGURANA DO

TRABALHO

MARIA EDUARDA FAGAN BELGAMASCO

LOGSTICA REVERSA DE BATERIAS AUTOMOTIVAS: UM ESTUDO

DE CASO EM UMA DISTRIBUIDORA DE AUTOPEAS

MONOGRAFIA DE ESPECIALIZAO

LONDRINA/PR

2017

MARIA EDUARDA FAGAN BELGAMASCO

ESTUDO ERGONOMICO DO POSTO DE TRABALHO DE MDICOS

ULTRASSONOGRAFISTAS

Trabalho de Concluso de Curso apresentada

como requisito parcial obteno do ttulo de

Especialista em Engenharia de Segurana do

Trabalho da Universidade Tecnolgica Federal

do Paran Campus Londrina.

Orientador: Prof. Me. Jos Luis Dalto

LONDRINA/PR

2017

Ministrio da Educao Universidade Tecnolgica Federal do Paran

Londrina

Curso de Especializao Em Engenharia de Segurana do Trabalho

TERMO DE APROVAO

LOGSTICA REVERSA DE BATERIAS AUTOMOTIVAS: UM ESTUDO DE

CASO EM UMA DISTRIBUIDORA DE AUTOPEAS

por

MARIA EDUARDA FAGAN BELGAMASCO

Este Trabalho de Concluso de Curso de Especializao foi apresentado em 06 de julho de

2017 como requisito parcial para a obteno do ttulo de Especialista em Engenharia de

Segurana do Trabalho. A candidata foi arguida pela Banca Examinadora composta pelos

professores abaixo assinados. Aps deliberao, a Banca Examinadora considerou o trabalho

aprovado.

Prof. Me. Jos Luis Dalto Prof. Orientador

Prof. Dr. Ricardo Nagamine Costanzi

Membro titular

Prof. Dr. Marco Antonio Ferreira

Membro titular

- O Termo de Aprovao assinado encontra-se na Coordenao do Curso

LISTA DE ILUSTRAES

Figura 1: Integrao de Logsticas - Convencional e Reversa. ................................................ 15 Figura 2: Diviso da Logstica Reversa e canais de distribuio reversos. .............................. 17

Figura 3: Local de acondicionamento das sucatas na Distribuidora S. .................................... 22 Figura 4: Interior do local de acondicionamento de sucatas na Distribuidora S. ..................... 23

LISTA DE QUADROS

Quadro 1: Problemas ao organismo humano provocado pela contaminao com baterias...... 10

Quadro 2: Determinantes para a prtica da Logstica Reversa. ................................................ 15

LISTA DE TABELAS

Tabela 1: Composio mdia de uma bateria de chumbo-cido para automveis ................... 11

SUMRIO

1. INTRODUO ..................................................................................................................... 9 2. REFERENCIAL TERICO ................................................................................................. 10

2.1. O chumbo e seus impactos ................................................................................................ 10 2.2 As baterias chumbo-cido .................................................................................................. 12 2.3 A logstica reversa .............................................................................................................. 14 3. MATERIAL E MTODOS .................................................................................................. 18 3.1 Caracterizao da empresa ................................................................................................. 18

4. RESULTADOS E DISCUSSO ......................................................................................... 19 4.1 Aspectos Analisados ........................................................................................................... 19 4.1.1 Responsabilidade socioambiental .................................................................................... 19

4.1.2 Coleta ............................................................................................................................... 21

4.1.3 Separao e acondicionamento ........................................................................................ 21

4.1.4 Movimentao e transporte ............................................................................................. 23

4.2 Anlise dos resultados ........................................................................................................ 24

5. CONSIDERAES FINAIS ............................................................................................... 26

REFERENCIAS........................................................................................................................27

ANEXO.....................................................................................................................................30

8

LOGSTICA REVERSA DE BATERIAS AUTOMOTIVAS: UM ESTUDO DE

CASO EM UMA DISTRIBUIDORA DE AUTOPEAS1

BELGAMASCO, Maria Eduarda Fagan2

SILVA, Tamyris Tavares da3

ANGELIS NETO, Generoso de 4

RESUMO

O crescimento do poder de consumo da populao do pas, juntamente com a realidade dos

problemas infraestruturais do transporte pblico interno tem gerado um aumento no nmero de

veculos automotivos em circulao e, portanto, na quantidade de baterias, j que essas so

componentes essenciais para os automveis. Sendo assim, a logstica reversa de baterias se faz

necessria para minimizar o impacto ambiental que as mesmas causam ao meio ambiente e a sade

humana. Visto isso, o objetivo deste trabalho foi analisar os fatores relevantes para que ocorra o

gerenciamento ambiental correto de baterias automotivas, atravs do sistema de logstica reversa,

em uma distribuidora de autopeas. Para isso foi utilizado um questionrio semiestruturado de

natureza aberta, direcionado ao gerente, acompanhado de uma visita tcnica as instalaes da

empresa. Como resultado se teve que os fatores relevantes para a logstica reversa de baterias so:

responsabilidade socioambiental, coleta, separao e acondicionamento, e movimentao e

transporte. Dentre esses fatores, cada um se tornou essencial, embora a responsabilidade

socioambiental ganhe destaque por ser o incio do sistema, e o setor mais dependente seria a

movimentao e transporte, por ser o final da cadeia de logstica reversa de uma distribuidora de

autopeas.

Palavras-chave: Baterias; Logstica Reversa; Impactos; Chumbo.

ABSTRACT

The growth of populations purchasing power, along internal public transport systems

infrastructural problems has proportionated an increase on the number of purchased automobiles

and therefore the amount of batteries on the Market, once they are na essential part of the car. Thus,

reverse logistic of those batteries are required to minimize the environmental impact they cause to

envitonment and human health. Therefora, the objetive of this present work is to analyze relevant

factors for the actual environmental management of batteries, through a reverse logistics system

placed at an auto parts distributor. Thereunto, an open semi-strustured questionnaire was sent to the

1 EIXO TEMTICO: questo ambiental urbana. 2 Mestranda, Programa de Ps-graduao em Engenharia Urbana (PEU-UEM), duda_fagan@hotmail.com 3 Mestranda, Programa de Ps-graduao em Engenharia Urbana (PEU-UEM),

tamyris_tavares@hotmail.com 4 Prof. Dr. Generoso de Angelis Neto, Universidade Estadual de Maring (UEM), Departamento de

Engenharia Civil, ganeto@uem.br

9

company manager. As a resul, the questionnaire was able to show that the relevant factors for

batteries logistics are, environmental responsibility, collecting, sorting and packaging, hasnding and

transportantion. Among these factors, each one of them has become essential, although

environmental responsability ganis prominence for being at the start of the system, and the more

dependente sector would be handiling and transportantion, due its placementet on the end of the

auto parts distribuitoss reverse logistics chain.

Keywords: Batteries; Reverse Logistics; Impacts; Lead.

1. INTRODUO

O crescimento do poder de consumo da populao do pas, juntamente com a realidade dos

problemas infraestruturais do transporte pblico interno tem gerado um aumento no nmero de

veculos automotivos em circulao e, portanto, na quantidade de baterias, j que essas so

componentes essenciais para que os veculos funcionem e se desloquem (SOUSA e RODRIGUES,

2014).

A bateria uma associao de pilhas ou acumuladores ligados em srie, tecnicamente

(RESOLUO CONAMA N 401/08). As baterias automotivas fabricadas com chumbo-cido so

as mais utilizadas, e essas so compostas por vrios materiais, como metais, soluo cida,

polmeros e, principalmente, o chumbo (FERNANDES et al., 2010).

O chumbo utilizado como principal substncia na fabricao industrial de baterias porque

possui inmeras vantagens, como por exemplo, baixo ponto de fuso, alta resistncia a corroso,

alta densidade, alta opacidade aos raios X e gama, estabilidade qumica no ar, solo e gua, e essas

particularidades simplificam sua comercializao no mercado brasileiro (SOUSA e RODRIGUES,

2014). Devido a essas qualificaes, cerca de 80% do chumbo produzido mundialmente ao ano

consumido para este fim, portanto, a maior parcela de chumbo disponvel no Brasil proveniente,

basicamente, da reciclagem de baterias ins