Boletim Fevereiro 2011

Embed Size (px)

DESCRIPTION

 

Text of Boletim Fevereiro 2011

  • 1. Tema: Em tempo de dificuldades alguns perdero a f, a paixo, e a sensibilidade pela palavra de Deus. Texto: II Pedro 3. 1 - 9. Querida Igreja esse j o dcimo ano que estamos juntos, e tenho certeza que durante todos estes anos tivemos grande aprendizado da parte do Senhor, tanto no campo espiritual, quanto no campo material. bem verdade que tivemos momentos de lgrimas, de perdas, de desafios e de lutas, mas tambm de vitrias e experincias marcantes na presena do Senhor, e por isso temos muito que agradec-Lo, pois tem provido coisas Rua Rui Barbosa, 403, Cajueiro Seco, Jaboato dos Guararapes PE / Fone: 3378-3959 maravilhosas para ns e nossos filhos. Provamos acontecimentos incrveis da parte Dele, com vitrias em causas que aos nossos olhos estavam perdidas, e fomos surpreendidos a cada experincia que tivemos. Ele nos provou e aprovou a nossa f, nos fez andar por lugares verdejantes e seguros. Por isso continuo convicto que Ele sempre tem o melhor para ns, pois Sua Palavra nos garante, basta to somente continuar confiando e aguardando em Suas promessas sem vacilar. Acredito tambm que todos tm absoluta certeza que andar com Jesus muito bom, pois esse o caminho da salvao e da vida eterna, mas no meio dessa caminhada existe uma cruz. E como alguns de ns, os discpulos no contavam com esse lado da vida crist. Por isso, quando Jesus foi preso, todos fugiram. bom saber que o cristianismo no se constitui apenas das bnos que recebemos de Deus. Existe uma cruz no meio do caminho e cada um de ns tem a sua prpria cruz, ou seja, toda situao difcil em que somos tentados a fazer prevalecer nossa vontade prpria em detrimento dos princpios cristos. Quando escolhemos a Valor: R$ 135,00 vontade de Deus, mesmo em meio ao sofrimento, ento crucificamos a nossa carne com suas paixes e concupiscncias e permanecemos em nossa posio de fidelidade ao (incluindo alimentao, estadia e transporte) Senhor. Vejamos algumas situaes em que nossa fidelidade colocada em prova: 1 - Fraquezas e desejos pessoais: Este o caso de muitas pessoas que abandonam a vida crist sem nem mesmo terem sido tentadas pelo Diabo. Caram sozinhas. Foi sua prpria inclinao carnal que as conduziu queda. o caso daqueles que usam qualquer motivo para abandonar o evangelho. 2 - Tribulaes, tentaes, provaes e perseguies: Todos esses elementos podem ser reunidos na seguinte frase: a cada dia fica mais difcil ser cristo. E da pensamos que todas as coisas e oportunidades se viraram contra ns, e aquelas oportunidades que nos aparecem sugerem que tudo ficaria mais fcil se negssemos nossa f e renuncissemos ao nosso compromisso com Deus. nessa hora, que o diabo pode estar agindo para que desistamos da nossa fidelidade e Deus esperando que fiquemos firmes na vida crist. E por um tempo determinado, Ele no interfere na situao e deixa que ns decidamos por conta prpria, se vamos ou no continuar a servi-Lo. Observe que quando a serpente tentou Eva ou quando o Diabo tentou a Cristo, Deus no interferiu; 3 - Quando o desespero chega e muitas vezes nos apresentada solues imediatas que at parecem serem enviadas por Deus: Isso acontece quando um crente desempregado, e j desesperado recebe uma proposta para ganhar dinheiro com algo ilcito ou que contraria os princpios bblicos. nessas