INSPEO POR ULTRASOMINSPEO POR INSPEO POR ULTRASOMINSPEO POR ULTRASOM EngePower Engenharia e Comrcio Ltda Tel : 11 3579-8777 Contato: engepower@

Embed Size (px)

Text of INSPEO POR ULTRASOMINSPEO POR INSPEO POR ULTRASOMINSPEO POR ULTRASOM EngePower Engenharia e...

  • EngePower

    INSPEO POR ULTRASOMINSPEO POR ULTRASOM

    EngePower Engenharia e Comrcio Ltda

    Tel : 11 3579-8777

    www.engepower.com

    Contato: engepower@engepower.com

  • EngePower

    1. Objetivondice

    2. Abrangncia

    3 Problemas Bsicos3. Problemas Bsicos

    4. Arco Eltrico e Corona

    5. Descargas Eltricas

    6. Fenomeno6. Fenomeno

    7. Inspeo

    8. FAQ (frequent asked questions)

    9. Case Fuga em terminaog

  • EngePower

    10 Case Fuga Cabo Bandeja

    ndice

    10. Case - Fuga Cabo Bandeja

    11. Case - Contato Seccionadora

    12. Conseqncias curto

    13. Fim.13. Fim.

  • EngePower

    ULTRA-SOM APLICADO EQUIPAMENTOS ELTRICOS

    Objetivo

    Mostrar a ferramenta de manuteno preditiva chamada UltraMostrar a ferramenta de manuteno preditiva chamada Ultra-Som, to conhecido na rea mecnica, agora aplicado Sistemas Eltricos, o qual identifica falhas em sistemas eltricos atravs da deteco do nvel de rudo (ultra som)deteco do nvel de rudo (ultra-som).

  • EngePower

    reas de Abrangncia

    TransformadoresPainisMotoresGeradoresCabos e terminaesIsoladoresBarramentosBarramentos blindadosRelsDi j tDisjuntoresMuflas/ terminaesCaixas de passagemOutros Equipamentos EltricosOutros Equipamentos Eltricos

  • EngePower

    Trs problemas bsicos podem ser detectados pelo equipamento de

    Problemas Bsicos

    p p p q pultra-som:

    Arco eltricoCoronaDescargas eltricas embrionrias (antes de se tornarem um arco

    propriamente dito)

  • EngePower

    Arco Eltrico

    Arco Eltrico e Corona

    O arco eltrico ocorre toda a vez que existe uma disrupo do ar, seguido de passagem de corrente. A maior parte das faltas em sistemas eltricos industriais ocorre por falha de isolao, ou seja, atravs de arco.

    Corona

    Ocorre quando a tenso em um condutor eltrico excede qo gradiente de potencial do ar que circunda este condutor e comea a ioniz-lo e formar uma nuvem azul ou prpura ao redor.

  • EngePower

    Descargas Eltricas

    Descargas Eltricas (embrionrias Descargas Parciais)

    Conhecidas como baby arcing (arco embrionrio), ocorreConhecidas como baby arcing (arco embrionrio), ocorre quando h perda de isolao e esta perda de isolao estabelece um caminho para correntes (descargas) eltricas de baixa intensidade que no podem ser identificadas por dispositivos de q p p pproteo convencionais.

    O i t d lt d E P d tili dO equipamento de ultra-som da EngePower pode ser utilizado em sistemas eltricos:(a) Entre 120V a 15 kV(b) Entre de 15 a 115 kV(b) Entre de 15 a 115 kV(c) Acima de 115 kV

  • EngePower

    Fenmeno

    Aps haver a ruptura do dieltrico as molculas que compem oselementos do ar que circundam o equipamento passam a gerar um som( l ) l i l id h (ultra-som) geralmente imperceptvel ao ouvido humano, pormidentificado atravs do equipamento de ultra-som, cujo rudo podeassemelha-se a uma ruptura ou fritamento ou mesmo um zumbido.

  • EngePower

    Inspeo

    Inspeo

    p

    A inspeo por ultra-som no necessita de desligamentos e nem mesmo deabertura de painis para serem detectadas. Uma vez detectada a presenade fugas, a sim, necessrio proceder a abertura de forma a identificar alocalizao exata da mesma. O procedimento similar ao utilizado nainspeo termogrfica. Entretanto, um complementa o outro, em termos demanuteno preditiva.

  • EngePower

    Inspeo

    Testes ultrasnicos so utilizados em painis fechados. Visto que asemisses ultra-snicas podem ser detectadas atravs do scaneamento dasportas e venezianas de ventilao, pode-se detectar faltas graves tais

    lt i d b i i (dcomo arcos eltricos, corona e descargas embrionrias (descargasparciais), sem ter que desligar o equipamento eltrico.A nica restrio da utilizao do equipamento est na umidade relativa doar a qual no deve ser to elevada para no conduzir interpretaesar, a qual no deve ser to elevada para no conduzir interpretaesequivocadas .A identificao da fonte geradora do problema feita atravs do controle daintensidade do som o qual tanto mais forte quanto mais prximo estiverintensidade do som, o qual tanto mais forte quanto mais prximo estiverda falha.

  • EngePower

    Inspeo

    Alguns problemas j identificados pela EngePower em alguns clientes:clientes:

    Iminncia de falhas em transformadoresDescargas parciais internas a equipamentosg p q pTerminaes com problemas (sem ter que se utilizar de mtodos destrutivos, tais como HIPOTFalhas em isoladoresFalhas em seccionadoras de alta tensoFalhas na isolao de barramentos e cabos de MT e BT;

  • EngePower

    FAQ (Frequent Asked Question)

    1 - necessrio desligar o sistema eltrico para que seja realizada a inspeo por ultra som?realizada a inspeo por ultra-som?

    Resp.: No. Ao contrrio, necessrio que o sistema esteja energizadoenergizado.

    2 - A termografia no faz a mesma coisa que o ultra-som ?2 - A termografia no faz a mesma coisa que o ultra-som ?

    Resp.: No, pois a termografia detecta pontos quentes e as descargas (parciais) embrionrias normalmente ainda geramdescargas (parciais) embrionrias, normalmente ainda geram calor que possa ser identificado pela termografia.

  • EngePower

    3 - Qual a vantagem em se utilizar o ultra-som em relao ao

    FAQ (Frequent Asked Question)

    g teste de HIPOT para verificar se uma terminao est boa ou no ?

    Resp.: A vantagem que o ultra-som no um ensaio destrutivo e assim, alm de identificar o problema no ir expor as terminaes e os cabos esforos destrutivos desnecessrios ?

    4 - possvel identificar descargas dentro de transformadores motores e geradores ?transformadores, motores e geradores ?

    Resp.: Sim. Se houver descargas internas pode-se identificar a sua presenasua presena.

  • EngePower

    5 - Qual a vantagem de se utilizar o ultra-som ?

    FAQ (Frequent Asked Question)

    5 Qual a vantagem de se utilizar o ultra som ?

    Resp.: A vantagem que possvel identificar as fugas (descargas parciais) em sua fase embrionria, antes mesmo(descargas parciais) em sua fase embrionria, antes mesmo de se tornarem um arco propriamente dito e desta forma pode-se fazer uma manuteno programada do equipamento, antes do mesmo falhar e de forma inesperada.p

    6 - Mesmo aps uma inspeo de termografia pode haver falha ?

    Resp.: Sim, pois a termografia no consegue identificar d i idescargas parciais.

  • EngePower

    7 - No campo como executado este trabalho ?

    FAQ (Frequent Asked Question)

    7 No campo, como executado este trabalho ?

    Resp.: Da mesma forma que na termoviso, s que ao invs de se portar uma cmera, utiliza-se uma pistola a qual podese portar uma cmera, utiliza se uma pistola a qual pode medir at 50 m do ponto desejado.

  • EngePower

    CASES E CONSEQUNCIAS

  • EngePower

    CASE Fuga em Terminao

    LOCAL : PLANTA QUMICA 170 MW

    HISTRICO

    E d /2006 f i li d 1 i Em dez/2006 foi realizada a 1 inspeo de Ultrasom no sistema eltrico da planta, onde foram identificados pontos com falha na isolao de diversos caboscom falha na isolao de diversos cabos eltricos de MT da rea XX, conforme relatrio RT-EC-60846-002. Os mesmos foram normalizados com a substituioforam normalizados com a substituio dos cabos da Subestao da rea XX.

  • EngePower

    Em ago/2008 foi realizada nova i d Ult i t

    Terminao com falha na isolao, identificado atravs de Ultrasom

    CASE Fuga em Terminao

    inspeo de Ultrasom no sistema eltrico da Subestao Principal, onde foram identificadas anormalidades nos cabos de sada do cubculo 11 de 13,8cabos de sada do cubculo 11 de 13,8 kV (fase A) que alimenta a carga motrica de BT das reas YY e XX. De imediato foi manobrado o sistema e d i d i it li desenergizado o circuito para avaliao das terminaes e cabos.Aps anlise foi identificado falha eltrica na terminao do cabo da faseeltrica na terminao do cabo da fase A, confirmando o resultado da Ultrasom.

    T iTermovisor aplicado dois dias antes no detectou

  • EngePower

    GanhosCom o custo de uma inspeo, foi possvel evitar parada planta, com

    d d d

    CASE Fuga em Terminao

    perdas de produo.

    Aumento da segurana da pessoas.Disponibilidade operacional.

    ConclusoA tcnica de Ultrasom na inspeo de sistemas eltricosdemonstra ser uma ferramenta eficiente e fundamental napredio de falhas provocadas por anormalidade em isolaoeltrica em cabos e terminaes eltricas. Somada a outrastcnicas preventivas e preditivas, a manuteno consegueidentificar reas que necessitam receber mais ateno eplanejar aes que proporcionem confiabilidade edisponibilidade para os ativos de eltrica e consequentementeoperacionais.O sucesso do trabalho depende simplesmente da incluso doplano de inspeo por Ultrasom na sistemtica /programa de

    t manuteno.

  • EngePower

    Trecho prximo a fuga13 8 kV Ret III

    Case - Fuga cabo / bandeja

    13,8 kV Ret IIIT amb = 27 CT = 141,30 C

    Object Parameter ValueObject Parameter Value

    Max 141.3C

    S1 78 5CS1 78.5 C

    S2 77.9C

  • EngePower

    Trecho 05 mt aps anterior

    Case Fuga cabo / bandeja

    T amb = 27 CT = 75,5 C

    Object Parameter Value

    Max 75.5C

    S1 45 1CS1 45.1 C

    S2 45.4C

    S3 46.3C

  • EngePower

    Trecho 05 mt aps anterior

    Case - Fuga cabo / bandeja

    anteriorT amb = 27 C

    T = 67,9 C

    Object Parameter Value

    Max 67.9C

  • EngePower

    Painel 2 4 kV CCM 05

    Contato Seccionadora

    Painel 2,4 kV CCM 05T amb = 30 C

    T = 47,2 C

  • EngePower

    Ponto protegido pela cordoalha;

    Fuga cabo / cordoalha

    Termovisor aplicado dois dias antes no detectouantes no detec

Recommended

View more >