OTEMU- Dissertacao - Silvio Conceicao

  • View
    223

  • Download
    0

Embed Size (px)

DESCRIPTION

UMA BOA DISSERTAÇÃO SOBRE CIDADE E EDUCAÇÃO

Text of OTEMU- Dissertacao - Silvio Conceicao

  • UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA

    FACULDADE DE EDUCAO PROGRAMA DE PS-GRADUAO EM EDUCAO

    SILVIO JOS CONCEIO

    APRENDIZCIDADE OU AS ESCOLAS INVISVEIS: A CIDADE COMO ESPAO DE APRENDIZAGEM

    Salvador 2006

  • SILVIO JOS CONCEIO

    APRENDIZCIDADE OU AS ESCOLAS INVISVEIS: A CIDADE COMO ESPAO DE APRENDIZAGEM

    Dissertao apresentada ao Programa de Ps-Graduao em Educao, Faculdade de Educao, Universidade Federal da Bahia, como requisito parcial para obteno do grau de Mestre em Educao. Orientadora: Prof. Dra. Maria Inez da Silva de

    Souza Carvalho

    Salvador 2006

  • UFBA/ Faculdade de Educao Biblioteca Ansio Teixeira

    C744 Conceio, Silvio Jos. Aprendizcidade ou as escolas invisveis : a cidade como espao de aprendizagem / Silvio Jos Conceio. 2006. 121 f.

    Orientadora: Profa. Dra. Maria Inez da Silva de Souza Carvalho. Dissertao (mestrado) Universidade Federal da Bahia. Faculdade de Educao, Salvador, 2006.

    1. Aprendizagem. 2. Escolas Aspectos sociais. I. Carvalho, Maria Inez da Silva de Souza. II. Universidade Federal da Bahia. Faculdade de Educao. III. Ttulo.

    CDD 370.1523 22. ed.

  • TERMO DE APROVAO

    SILVIO JOS CONCEIO

    APRENDIZCIDADE OU AS ESCOLAS INVISVEIS: A CIDADE COMO ESPAO DE APRENDIZAGEM

    Dissertao aprovada como requisito parcial para obteno do grau de Mestre em Educao, Universidade Federal da Bahia, pela seguinte banca examinadora:

    Maria Inez da Silva de Souza Carvalho _______________________________________ Doutora em Educao, Universidade Federal da Bahia (UFBA) Universidade Federal da Bahia

    Susana Acosta Olmos ______________________________________________________ Doutora em Arquitetura e Urbanismo, Universidade Federal da Bahia (UFBA) Universidade Federal da Bahia

    Teresinha Fres Burnham __________________________________________________ PhD em Sociologia e Poltica do Currculo, University of London, UL, Inglaterra Universidade Federal da Bahia

    Salvador, 03 de outubro de 2006.

  • Cabea que eu tenha sempre Para sempre lembrar (matutar) Memria que eu nunca perca Para nunca esquecer Que tudo comeou h muito tempo E h tanta coisa ainda por fazer. [...] Gonzaguinha A Olindina dos Santos, minha me.

    A Jos Silvio Conceio Souza, meu pai.

    (in memorian)

    [...] A vida mesmo uma misso

    [...] S sabe quem viveu

    Pois quando o espelho bom Ningum jamais morreu.

    [...] Joo Nogueira &

    Paulo Csar Pinheiro

  • AGRADECIMENTOS

    Agradeo a todos os que colaboraram com minhas discusses, que acreditaram na Cidade, na Escola e nos Espaos de Aprendizagem. Aos meus pais e minha famlia, pela fora, pelos ensinamentos, pela luz. Aos alunos das Escolas visitadas que tanto contriburam com este trabalho. Rede Cooperativa de Pesquisa e Interveno em (In)formao, Currculo e Trabalho, que acolheu o meu trabalho desde o incio, ainda estudante de Arquitetura. A Teresinha Fres, que me permitiu ingressar nos espaos multirreferencias de aprendizagem. A Chango Cordiviola, pelos sbios ensinamentos, pelas viagens arquiteturais. A Susana Olmos, por seu encorajamento, pela oportunidade de aprender ensinando, ... pela cidade de barro e tantas outras... Aos meus alunos e alunas ... dos Atelis de Projeto. Aos meus professores,. Emarc-Uruuca... Aos autores que permitiram o dilogo. E especialmente a Inez Carvalho, minha orientadora de todas as direes: norte-sul-leste-oeste, por acreditar e apostar na Cidade como espao de aprendizagem, pela emoo, pela dedicao, perseverana e pelas discusses.

  • [...] Outros que contem

    Passo por passo. Eu morro ontem

    Naso amanh Ando onde h espao:

    Meu tempo quando. Vinicius de Moraes

    [...] Quem quiser que pense um pouco

    Eu no posso explicar meus encontros Ningum pode explicar a vida

    Num samba curto. Paulinho da Viola

  • RESUMO

    Esta dissertao trata da cidade, da escola e dos espaos de aprendizagem. A cidade, entendida em suas vrias dimenses e referncias enquanto construo da vida contempornea; a escola como o lugar formal para as aprendizagens, lugar esse, inserido na cidade, parte dela, constituinte do todo cidade; aprendizagens, como apreenso humana do seu contexto, de suas realidades, de seus movimentos. A escola discutida e apresentada como lugar plural das aprendizagens, como possibilitadora dessas aprendizagens, que aponta para a cidade que a abriga. , pois, a cidade, a casa do urbano, o lugar de vivncias e passagens, dos encontros e caminhos, nela que a vida urbana se d e nela tambm est a escola. Cidade, que permite a construo do conhecimento, escola que atende pelo vis da trans-formao do cidado. Escola que se pretende cidade, e cidade que se pretende escola. Tentamos, aqui, trabalhar a cidade e a escola atravs de diversas abordagens - a literatura da cidade e na cidade, a vida na escola; as vivncias na cidade, as experincias na escola; as memrias da cidade, as aprendizagens na escola. Escola e cidade como espaos de aprendizagem, numa perspectiva de mltiplos olhares sobre a temtica proposta. Foram realizadas leituras da escola e da cidade a partir de dilogos e entrevistas com alunos da Rede Pblica de Ensino Mdio e com Teresinha Fres; a partir de narrativas e anlises de prticas educativas, que tiveram a cidade como protagonista memrias, dilogos e projeto da escola na cidade; e atravs da leitura de alguns autores que versam sobre a cidade, suas redes e sistemas, da escola e da construo do conhecimento na complexidade, e das abordagens urbanas e pedaggicas na cidade e da cidade. Palavras-chave: Escola; Cidade; Espaos de aprendizagem; Abordagens da Cidade; Literatura e Cidade.

  • ABSTRACT

    This dissertation is about the city, the school and learning spaces. The city understood - in its various dimensions and references - as a construction of contemporary life; the school as the formal place for learning, set in the city - part of it - a constituent of the whole ' city; learning as human apprehension of its context, realities, and movement. The school is discussed and put forward as a plural place for learning, as a facilitator of this learning, aimed at the city that shelters it. Thus, the city - the house of the urban dweller, a place of existences and passageways, of encounters and pathways - spawns both urban life and the school in it. The city that allows the construction of knowledge; the school that assists in transformation of the citizen. The school aspires to be the city, and the city aspires to be the school. We have attempted here to work with the city and the school via various approaches - the literature on and in the city, life in the school; ways of life in the city, experiences in the school; memoirs of the city, learning in the school. School and city as learning spaces viewed from a multiple perspective on the proposed theme. Readings of the school and the city were carried out through dialogues and interviews with students from the State secondary school system and with Teresinha Fres Burnham, via accounts and analyses of educational practice that had the city as the protagonist memoirs, dialogues and the project of the school in the city, through the reading of some authors that have portrayed the city - its networks and systems, of the school and the construction of knowledge in such complexity, and of the urbanising and pedagogic approaches in and of the city. Key words: School; City; Learning spaces; Approaches to the city; Literature and the City.

  • SUMRIO I - A ESCOLA, A CIDADE E SEUS ESPAOS: caminhos e percursos 09

    II - AS CIDADES INVISVEIS: abordagens da cidade - ENSAIOS -

    1. Abordando a cidade 19

    2. Cidade, informao e conhecimento: 26

    por uma abordagem do espao urbano

    3. As cidades da aprendizcidade 39

    4. ComplexCidade 53

    III - AS ESCOLAS VISVEIS - ENSAIOS-CRNICAS -

    5. Dos Alunos: A Escola do aprender com as pessoas 73

    6. Da Memria: A Emarc 85

    7. Do Dilogo: Aproveita-tudo ou a escola de Teresinha Fres 91

    8. Do Projeto: A escola de Plataforma o ateli 101

    IV APRENDIZCIDADE 109

    REFERNCIAS 115

  • 9I - A ESCOLA, A CIDADE E SEUS ESPAOS: caminhos e percursos

    A escola e demais espaos de aprendizagem configuram um eixo

    articulador entre o conhecimento e seu processo de construo, e a cidade e suas

    vivncias e apreenses. na cidade que a vida acontece, atravs dos contatos entre os

    indivduos que circulam, vivem e trabalham. A cidade o lugar em que a vida

    humana atual acontece. Cidade que se apresenta em suas construes, atividades

    produtivas, culturais e comerciais. Cidade que est sempre em formao, espao que

    por mais consolidado no se cristaliza, est em constante transformao. Cidade que

    se faz ao caminhar, como no poema de Antonio Machado, tantas vezes citado por

    Edgar Morin:

    Caminhante, so tuas pegadas O caminho, e nada mais; Caminhante, no h caminho, Faz-se caminho ao andar Ao andar se faz o caminho, E ao se voltar o olhar pra trs V-se a estrada que nunca Se h de tornar a pisar. Caminhante, no h caminho. Apenas trilhas sobre o mar . (MACHADO, 1964, apud MORIN, 2003, p. 21-22)

    A cidade aqui entendida como elemento vivo que traz consigo

    caractersticas do cristal e da chama conforme nos apresenta Italo Calvino em Seis

    propostas para o prximo milnio (1988), l