RELATÓRIO DE SÍNTESE - .• Substituição dos trechos eventualmente comprometidos da adutora,

  • View
    213

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of RELATÓRIO DE SÍNTESE - .• Substituição dos trechos eventualmente comprometidos da adutora,

  • RELATRIO DE SNTESE

    Reviso 01|Janeiro de 2018

    Parte IV

  • 261

    4. PROGNSTICO E ALTERNATIVAS PARA A UNIVERSALIZAO DOS

    SERVIOS DE SANEAMENTO BSICO

    4.1. PROGNSTICO DO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE GUA

    Este captulo apresenta as condies que estabelecem os prognsticos para os

    Sistemas de Abastecimento de gua e de Esgotamento Sanitrio do municpio de

    Piraquara, que tm como ponto de partida os estudos desenvolvidos e os diagnsticos

    do SAA e SES j apresentados nos captulos anteriores.

    Como o municpio de Piraquara est integrado cidade de Curitiba, tanto no sistema

    de gua vinculado ETA Ira , como no sistema de esgoto, compartilhando a ETE

    Atuba Sul, resulta uma condio bastante segura e confortvel de elementos de

    anlise devido grande quantidade de estudos existentes, na sua maioria recentes,

    notadamente os Planos Diretores de gua e de Esgoto, que j contemplam

    estimativas de produo e distribuio de gua potvel associadas a estudos e

    projetos de rede coletora, afastamento e tratamento do esgoto.

    Os prognsticos de Piraquara tm como aspecto balizador o fato de que os sistemas

    tanto de gua como de esgoto so constituintes de um sistema maior cuja

    caracterstica determinante seja pertencer ao SAIC Sistema de Abastecimento

    Integrado de Curitiba, e ao SEIC - Sistema de Esgoto Integrado de Curitiba.

    No prognstico do SAA so feitas duas abordagens; a primeira verifica as condies

    de produo e transporte da gua do sistema Ira at os centros de reservao

    Piraquara e Guarituba, enquanto a segunda abordagem trata especificamente da

    distribuio da gua para a malha urbana desde estes centros de reservao.

    No prognstico do SES a considerao similar, tambm so feitas duas abordagens,

    apenas que a primeira verifica a rede coletora e suas unidades de afastamento,

    enquanto a segunda avalia a unidade final do sistema de esgoto, na ETE Atuba Sul,

    onde ocorre a integrao com o sistema de Curitiba.

    No balano geral dos sistemas de gua e esgoto, tal como se pretende que devam

    funcionar no mbito da cidade de Piraquara, h duas unidades de partida que so a

    ETA Ira e a ETA Iguau; alm das elevatrias de gua tratada que por meio de

    tubulaes adutoras transportam essa gua aos centros de reservao Piraquara e

    Guarituba.

    Destes centros a gua distribuda em toda a rea urbana de Piraquara e na sada

    das moradias esta gua, agora na forma de esgoto domstico coletada e

    transportada at ETE Atuba Sul, onde aps o tratamento ocorre a disposio final no

    Rio Atuba.

    A gua bruta captada do sistema Ira parcialmente devolvida na forma de esgoto

    tratado mesma bacia hidrogrfica.

    A devoluo no integral, pois h os usos no sanitrios dessa gua e nem toda a

    rea urbana possui rede coletora de esgoto.

    Neste trajeto so ento verificadas as condies em que ocorrem estas atividades

    observadas as condies futuras de adensamento populacional.

    O abastecimento de gua da rea urbana de Piraquara praticamente total, enquanto

    a cobertura do sistema de esgoto da ordem de 74% das moradias.

  • 262

    Os vereadores contestam este percentual, o qual consideram superestimado;

    entretanto trata-se do valor oficial fornecido pela SANEPAR.

    Presume-se diante dos dois aspectos conflitantes, que este percentual efetivamente possa ser menor desde que sejam consideradas moradias que so localizadas em reas em que a rede coletora exista mas os moradores no efetuaram a ligao.

    4.1.1. Demandas de gua

    Este captulo tem como objetivo relembrar os valores j apresentados no Captulo 2.

    Desta forma, so apresentadas no Quadro 4.1 as demandas calculadas no Plano

    Diretor de gua do Sistema de Abastecimento de gua Integrado de Curitiba e Regio

    Metropolitana (SAIC) com foco na cidade de Piraquara.

    Quadro 4.1 Clculo da Demanda

    Ano Populao Abastecida

    (hab.)

    Per capita (L/hab.dia)

    Perdas Totais (%)

    Per capita Bruto

    (L/hab.dia)

    Demanda

    Qmd (L/s)

    QMD (L/s) QMH (L/s)

    2015 98.000 115,0 47% 217 246,1 295,3 443,0

    2020 112.985 115,0 33% 172 224,5 269,3 404,0

    2025 128.487 115,0 31% 167 247,9 297,4 446,1

    2030 143.218 115,0 30% 164 272,3 326,8 490,2

    2035 156.452 115,0 25% 153 277,7 333,2 499,8

    No Quadro 4.2 apresentado o clculo da demanda atual e futura, dividida pelos dois

    sistemas que atendem o municpio de Piraquara, quais sejam: Ira e Iguau.

    Quadro 4.2 Clculo da Demanda Atual e Futura Considerando a Porcentagem de Abastecimento Pelos Sistemas Ira e Iguau

    Sistema Integrado

    Municpios Abastecimento

    do Sistema (%)

    Demanda Total de 2015

    (L/s)

    Demanda do Sistema de 2015 (L/s)

    Demanda Total de 2035

    (L/s)

    Demanda do Sistema de 2035 (L/s)

    Ira

    Campina Grande do Sul

    75 83,6 62,70 88,9 66,70

    Colombo 41 772,1 316,56 585,8 240,17

    Curitiba 35 6.516,3 2.280,70 6.167,8 2.158,74

    Pinhais 100 440,7 440,75 379,3 379,32

    Piraquara 84 295,3 248,08 333,2 279,87

    Quatro Barras 70 63,2 44,24 69,5 48,62

    Total 8171,2 3393,03 7624,5 3173,42

    Iguau

    Almirante Tamandar

    49 336,7 164,99 283,6 138,98

    Curitiba 38 6.516,3 2.476,19 6.167,8 2.343,78

    Piraquara 16 295,3 47,25 333,2 53,31

    So Jos dos Pinhais

    36 887,2 319,38 969,4 348,98

    Total 8035,5 3007,81 7754 2885,05

    No Quadro 4.3, so apresentadas as demandas por municpio e a vazo de referncia

    de cada Sistema Integrado.

  • 263

    Quadro 4.3 Vazo de Referncia e Demandas dos Sistemas Integrados Ira e Iguau

    Sistema Vazo de

    Referncia (L/s) Municpios Demanda 2015 (L/s) Demanda 2035 (L/s)

    Ira 3.460,0

    Campina Grande do Sul 62,70 66,70

    Colombo 316,56 240,17

    Curitiba 2.280,70 2.158,74

    Pinhais 440,75 379,32

    Piraquara 248,08 279,87

    Quatro Barras 44,24 48,62

    Total 3.393,03 3.173,44

    Iguau 1.590,0

    Almirante Tamandar

    164,99 138,98

    Curitiba 2.476,19 2.343,78

    Piraquara 47,25 53,31

    So Jos dos Pinhais

    319,38 348,98

    Total 3.007,82 2.885,04

    4.1.2. Avaliao das Unidades Existentes Face s Demandas Futuras

    Nos itens a seguir so apresentadas as avaliaes das unidades existentes.

    4.1.2.1. Barragem do Ira e Unidades Auxiliares

    Tanto a barragem como suas unidades complementares tais como o canal adutor de

    gua bruta, estrutura da tomada de gua com gradeamento e comportas, estao

    elevatria e adutora de gua bruta foram implantadas considerando-se um horizonte

    de projeto de 30 anos cujo alcance se estende at o ano 2035.

    Estas unidades no precisam ser ampliadas; requer-se apenas de intervenes de

    conservao e manuteno tais como:

    Dragagem do leito do canal adutor;

    Substituio das grades, comportas e stop-logs devido a fim da vida til;

    Substituio dos 4 conjuntos elevatrios de 800,0 L/s cada um por conjuntos

    novos; e

    Substituio dos trechos eventualmente comprometidos da adutora, DN 1500

    em ao e extenso de 115,0 m inclusive vlvulas de descarga e ventosas.

    4.1.2.2. ETA Ira

    Conforme apresentado Plano Diretor do Sistema de Abastecimento gua Integrado de

    Curitiba e Regio Metropolitana- SAIC da regio metropolitana de Curitiba a ETA Irati

    necessita apenas da manuteno de capacidade de produo em 3.200,0 L/s.

    4.1.2.3. Estao Elevatria de gua Tratada Ira / Piraquara

    As unidades especficas responsveis pelo transporte de gua tratada desde a ETA

    Ira at a cidade de Piraquara so as seguintes:

  • 264

    Estao elevatria de gua tratada composta de 3 conjuntos motor bomba de

    350 cv cada um identificados com sendo: B7, B8 e B9

    B7 Q = 161,7 L/s H = 96,9 m

    B8 Q = 155,0 L/s H = 94,9 m

    B7 + B8 Q = 219,2 L/s H = 119,4 m

    B7 + B9 Q = 223,2 L/s H = 121,5 m

    B8 + B9 Q = 215,4 L/s H = 118,6 m

    Adutora de gua tratada que interliga a ETA Ira ao Centro de Reservao de

    Piraquara com extenso de 9.785,0 m em tubulao FD DN 400, e;

    Derivao da adutora principal que vai alimentar o Centro de Reservao

    Guarituba com extenso de 3.000,0 m em FD DN 200.

    4.1.2.4. Rede de Distribuio Zona Urbana

    Estima-se que seja a unidade do sistema que mais requeira ampliaes e

    investimentos ao longo do perodo da concesso.

    4.1.3. Demandas do Final do PMSB 2035

    Para o ano 2035 a estimativa de que haja as condies de abastecimento

    apresentadas no Quadro 4.4 a seguir.

    Quadro 4.4 Condies de Abastecimento Estimadas Para 2035

    Populao 156.452 hab.

    Per capita consumido 115,0 L/hab. dia

    Perdas totais 25%

    Per capita produzido 153,0 L/hab. dia

    Vazo mdia 277,7 L/s

    Vazo mxima diria 333,2 L/s

    Vazo fornecida Ira 279,9 L/s

    Vazo fornecida Iguau 53,3 L/s

    4.1.4. Intervenes Previstas no Sistema de Abastecimento de gua

    De acordo com os resultados j apresentados este item tem como objetivo apresentar

    as intervenes requeridas para o horizonte de planejamento de 2035.

    De acordo com as condies de abastecimento estimadas para 2035, a estao

    elevatria de gua tratada do Ira deve ter aumentada sua capacidade de recalque da

    faixa de 210,0 L/s a 230,0 L/s para uma vazo da ordem de 340,0 L/s atendendo a

    vazo mxima diria apresentada no Quadro 4.4.

    A estao elevatria de gua tratada ser reavaliada no aspecto dos seus conjuntos

    motor bomba, devendo ser estudadas as possibilidades de:

    Manuteno das bombas