Sociedade limitada apresentação img

  • View
    775

  • Download
    4

Embed Size (px)

Text of Sociedade limitada apresentação img

  • 1. SOCIEDADE LIMITADA

2. O que LTDA? LTDA a sigla para limitada, e refere-se a um tipo de sociedade empresarial, aonde o capital social representado por quotas, onde a responsabilidade dos scios limitada ao montante do capital social investido. 3. Constituio da LTDA A sociedade LTDA uma empresa constituda por dois ou mais scios, e o capital est dividido por quotas, onde cada um destes scios possui uma responsabilidade limitada. Nesse tipo societrio, o posicionamento individual de cada scio importante e pode influenciar a conduo dos negcios sociais, independentemente de sua participao no capital ser majoritria ou no. 4. Obrigaes na LTDA Em uma empresa LTDA, os scios dividem as obrigaes da empresa, ou seja, cada um possui uma participao limitada perante terceiros, a limitao refere-se ao montante do capital social investido. 5. Nomenclatura As sociedades LTDA terminam sempre com a expresso, no final Empresa XX Ltda.", onde o nome pode ser a razo social, ou o objeto social da empresa. O fato de ter que colocar o LTDA no final do nome da organizao est previsto no art. 1158 do Cdigo Civil Brasileiro. Se a palavra limitada no aparecer no nome da sociedade, presume-se ento que ilimitada a responsabilidade dos scios, e assim ser tratada. 6. Caractersticas principais As empresas limitadas correspondem a mais de noventa por cento das sociedades regularmente constitudas no Brasil. A sociedade Limitada possui trs caractersticas que atendem aos interesses dos mdios e pequenos empresrios sendo destes o primeiro: 7. 1 - O fato de se tratar de uma sociedade contratual Com pouca interferncia estatal, ou seja, um modelo que permite aos prprios scios regularem os nveis de atuao de cada qual; de estabelecerem e alterarem, conforme os seus interesses, a forma de participao e integralizao do capital e, ainda, em qualquer poca definir ou redefinir a gerncia da sociedade. 8. 2 - A limitao da responsabilidade dos scios Que um fator de segurana e maior liberdade para empreender. 9. 3 - A motivao Decorre da maior simplicidade administrativa, do menor custo contbil e gerencial e, especialmente, da agilidade de decises que este modelo de sociedade permite. 10. Aspectos Positivos e Negativos da Sociedade Limitada frente ao Novo Cdigo Civil O novo Cdigo Civil, Lei 10.406, de 10.01.2002, em vigor desde 11 de janeiro de 2003, traz importantes mudanas no regime jurdico das empresas, em especial das sociedades limitadas, as quais representam o tipo societrio mais usado em nosso pas e que so, na sua grande maioria, sociedades de poucos scios e com uma estrutura administrativa simples. Estas novas regras alteram profundamente o perfil das Sociedades Limitadas, que doravante tm obrigaes que so tpicas de sociedades de grande porte. 11. Aspectos Positivos e Negativos da Sociedade Limitada frente ao Novo Cdigo Civil Cabe ao empresrio, uma anlise cuidadosa na adequao das clusulas do contrato social de sua empresa, verificando inclusive, se o tipo societrio adotado de Sociedade Limitada, frente ao novo Cdigo Civil, ir trazer benefcios ou dificuldades. Muitos especialistas entendem que as novas regras das limitadas burocratizam a vida das empresas, aumentam os custos, restringem o poder do scio majoritrio e aumentam as vantagens dos scios minoritrios. 12. Aspectos Positivos e Negativos da Sociedade Limitada frente ao Novo Cdigo Civil Ela passar a ter muitas obrigaes at ento restritas s sociedades annimas, sem ter as vantagens das S/A . Em diversos casos o quorum exigido para algumas deliberaes mais elevado nas limitadas do que nas S/A. Isto levar muitas Sociedades Limitadas a se transformarem em Sociedades Annimas. Pontos de destaque a seguir: 13. 1 - Administrao: A figura do scio-gerente substituda pela do administrador, que poder ser um scio da empresa ou no. A sociedade s poder ser administrada por no scio se houver clusula permissiva no contrato. A pessoa jurdica no pode ser administradora. No regime anterior era comum o scio pessoa jurdica delegar seus poderes de gerncia a uma pessoa fsica no scio, designado gerente delegado. No existe mais a figura do gerente delegado. 14. 2 - Responsabilidade dos scios: Deve constar do contrato social a declarao da responsabilidade dos scios ser restrita ao valor de suas quotas, mas todos respondem solidariamente pela integralizao do capital social. 15. 3 - Impedimentos para ser scio: Dentre os impedimentos, a novidade que os cnjuges casados em regime de comunho universal de bens ou de separao obrigatria, no podem ser scios entre si, ou com terceiros. 16. Obrigado.