A Agonia do Pássaro Arara e os Limites das Políticas ...· (o jogo interno do conformismo, do inconformismo

  • View
    222

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of A Agonia do Pássaro Arara e os Limites das Políticas ...· (o jogo interno do conformismo, do...

  • Bol. Mus. Para. Emlio Goeldi, sr. Cincias Humanas, Belm, v. 1, n. 1, p. 171-193, jan-abr. 2005

    171

    1 Este trabalho dedicado Antnia dos Santos Lessa, in memorian.2 NAEA-Ncleo de Altos Estudos Amaznicos. UFPA-Universidade Federal do Par. Professora e pesquisadora. CampusUniversitrio Setor Tecnolgico. Av. Perimetral, s/n. CEP. 66075-900, Belm-PA, Brasil. (simonian@ufpa.br)

    A Agonia do Pssaro Arara e os Limites das PA Agonia do Pssaro Arara e os Limites das PA Agonia do Pssaro Arara e os Limites das PA Agonia do Pssaro Arara e os Limites das PA Agonia do Pssaro Arara e os Limites das PolticasolticasolticasolticasolticasAcerca da Cultura PAcerca da Cultura PAcerca da Cultura PAcerca da Cultura PAcerca da Cultura Popular Santarenaopular Santarenaopular Santarenaopular Santarenaopular Santarena11111

    The Agony of the Macaw Bird and the Limits of PThe Agony of the Macaw Bird and the Limits of PThe Agony of the Macaw Bird and the Limits of PThe Agony of the Macaw Bird and the Limits of PThe Agony of the Macaw Bird and the Limits of PolicyolicyolicyolicyolicyTTTTTowards the Powards the Powards the Powards the Powards the Popular Culture of Santarmopular Culture of Santarmopular Culture of Santarmopular Culture of Santarmopular Culture of Santarm

    Ligia T. L. Simonian 2

    ResumoResumoResumoResumoResumo: A problemtica da cultura popular amaznica tem sido pouqussimo analisada no mbito da academia, pelo menosa se pensar em obras mais abrangentes. O mesmo pode ser dito em relao aos pssaros juninos, que ainda estopor merecer um trabalho que consiga dar conta da histria, diversidade e problemas enfrentados no que dizrespeito s polticas pblicas, resistncia cultural e s possibilidades de continuidade. Embora no se pretenda maisque contribuir para uma tal perspectiva, no presente trabalho, que trata do Pssaro Arara, de Santarm, PA, tenta-se discutir os impasses que sua proprietria vem enfrentando nos ltimos anos, o que imps a suspenso daapresentao ao pblico. Uma abordagem a partir da experincia da dona desse pssaro e evidncias produzidas apartir de trabalho de campo e pesquisa bibliogrfica-documental-foto/iconogrfica aponta para a inexistncia depolticas pblicas eficazes quanto cultura popular regional, para um faccionalismo exacerbado no mbito dosmovimentos sociais ligados cultura e para a fragilidade econmica dos produtores culturais locais. Muitas vezes essestm que assumir os custos dos empreendimentos culturais, como o dos pssaros, sob pena de v-los morrer nocenrio cultural em que se encontram inseridos.

    PPPPPalavrasalavrasalavrasalavrasalavras- ChaveChaveChaveChaveChave: Cultura popular amaznica, Polticas pblicas, Sustentabilidade, Pssaro Arara, Santarm-Par.

    AbstractAbstractAbstractAbstractAbstract: The Amazonian popular cultures problematic has been scarcely analyzed in the context of the academia, at leastif one think in works of a more general scope. The same can be said in relation of the June Birds that are still todeserve a research that accounts for the history, the diversity and the problems that are faced regarding publicpolicies, cultural resistance and the possibilities of continuity. Though there is no intention than to contribute to sucha perspective, in this paper that refers to the Arara Bird of Santarem, Para, Brazil, it is attempted to debate the limitsfaced by its owner in the last years, which imposed a suspension of the show to the public. An approach based onthe experience of this bird, and on evidence produced during the fieldwork and on bibliographic, documental,photography and iconography, research points to an inexistence of efficient public policies towards the regionalpopular culture, to an outstanding factionalism in the environment of the social movements related to culture, and tothe economic fragility of the local cultural producers. For many times, these producers have to respond for the costsof the cultural entrepreneurships, as those of t he birds, not to see them to die in the cultural scenarios where theyare found.

    KKKKKey Wey Wey Wey Wey Wordsordsordsordsords: Amazonian popular culture, Public politics, Sustainability, Arara Bird, Santarm-Par.

  • 172

    A Agonia do Pssaro Arara e os Limites das Polticas...

    INTRODUO

    O contnuo abandono da tradio dos pssaros nobaixo Amazonas e na rea estuarina desse rio temsido apontado por intelectuais tradicionais locais(SIMONIAN, 2002-2001) e em levantamentofeito por Moura (1997)3. Mas, a pensar-se narealidade de Santarm (PA), essa discusso cruzacom a biografia de Antnia dos Santos Lessa, autora,artista e produtora cultural, falecida aos 83 anos, noincio deste ano de 20044. A partir de uma lutaincansvel em defesa da floresta e, precisamente,dos animais e da arara (fam. dos psitacideae), queaparece na Figura 1, primeiro como brincante doPssaro Arara de bidos (PA) e, depois, comoproprietria/guardi da razo social desse Pssaroem Santarm,5 ela no mediu esforos, durante 19anos, para impedir a sua morte. Esta trajetria apontapara questes de ordem das polticas e aes pblicasvoltadas para a cultura, para a fragilidade da situaode muitos artistas e, simultaneamente, para os tantosproblemas ligados a uma proposta em torno dasustentabilidade de tais polticas e aes.Nesse sentido, o alerta dos artistas e produtoresculturais de bidos, Santarm etc. envolvidos comos pssaros, como Antnia, sobre os problemasenfrentados na tentativa de manter essa tradio bem mais antigo que o de Redford (1997). De todomodo, esse autor, muito apropriadamente, apontouos problemas de uma floresta vazia, ou seja,despovoada de animais, portanto, num mbito em

    que a relao entre a natureza e a cultura analisadae ressaltada. Numa ao quase extremada, inclusive,algumas mulheres tm amamentado animais, comoas Guaj (MA) (FORLINE, 1995, p. 64) ou, segundoSimonian (1989, n. c.), as Amundaua (RO), quemastigam o milho (Zea mayz) e demais alimentosantes de os darem aos filhotes de pssaros que criam.

    Figura 1. A arara vermelha (Ara macao L.), a personagem centraldo Pssaro Arara6 .

    3 Segundo Moura (1997, p. 139-144), entre 1901 e 1990, 185 grupos de pssaros precisamente, cordes de pssaros, cordesde bichos, cordes de seres lendrios e cordes no-identificados existiram em Belm e no interior do estado do Par, emdiferentes tempos e durao.

    4 Antnia foi autora, artista e produtora cultural que nasceu em Alenquer, em 19.07.1921, viveu e casou-se em primeiras npciasem bidos e, em 1959, mudou-se para Santarm, onde faleceu em 14.02.2004, com 83 anos. Neste ponto, impe-se umregistro sobre a ateno, colaborao e pacincia de Antnia e familiares, sem as quais este trabalho no teria sido possvel.

    5 Isto h mais de quarenta anos, quando Antnia ainda vivia em bidos, e, depois, desde 1980, quando criou o Pssaro Arara emSantarm e o ps na rua, o que conseguiu fazer at 1998, oportunidade em que o apresentou pela ltima vez ao pblico.

    6 Esse quadro de autoria de Ronaldo Medeiros, que o produziu para integrar o estandarte do Pssaro Arara de Antnia dos SantosLessa. No incio de 2002, o mesmo encontrava-se em uma das paredes da sala da casa de Antnia (Foto: L. SIMONIAN, 2002).

  • Bol. Mus. Para. Emlio Goeldi, sr. Cincias Humanas, Belm, v. 1, n. 1, p. 171-193, jan-abr. 2005

    173

    As implicaes de uma tal realidade no contexto socialpor certo so imediatas, a exemplo da intimidadeque as populaes amaznicas estabelecem com osanimais no mbito da relao natureza e cultura.Mas o que ora se pretende no apenas destacar aimportncia dos pssaros nos contextos amaznicosda natureza e da cultura. Assim, a considerar-se aexperincia com o cordo Pssaro Arara emSantarm, h de se revelar tambm o valor deAntnia. Apesar de ter passado a maior parte de suavida nas cidades, onde morou at seu recentefalecimento, essa artista de mltiplos fazeres disseque sempre se interessou e se preocupou com afloresta que a cercava, bem como com seushabitantes e mitos (SIMONIAN, 2003)7 . Pelo quese pde verificar, mesmo vivendo em condiesprecrias, durante anos essa autora, artista eprodutora cultural gastou muito de suas energias,recursos e emoes para viabilizar a sada anual dessepssaro. Tais questes e discusses, por sua vez,remetem-se problemtica da sustentabilidadecultural.Alm dos trabalhos de Loureiro (1995), de Moura(1997) e de Refkalefsky (2001), outros autores tmanalisado os cordes de pssaro a partir da culturaregional: Loureiro e Loureiro (1987), Pion (1982)e Salles (1994, 1980). Pela definio de EdsonCarneiro (apud SALLES, 1980), o pssaro juninoresulta de [...] uma estranha mistura de novela derdio, burleta e teatro de revista, qual no faltacerta cor local. Mas a considerar o entendimentode Andrade (1959, p. 77), h de se agregar umadiscusso sobre as possveis influncias do totemismonessa tradio cultural. Entretanto, o essencial seriaa relao entre morte e ressurreio, que se remetea influncias crists8 .

    Outra questo muito discutida diz respeito culturapopular como substrato para os pssaros juninos.Loureiro (2001, p. 16) prope que [...] em todosos seus ngulos, cintila a condio de arte popular, degrande complexidade cnica, exigente de recursosdramticos constitutivos do teatro, capaz de seconduzir com a dignidade prpria da teatralidadenascida na fora coletiva de expresso de um povo.Diz, ainda, que um pssaro junino [...] um teatropopular musicado (LOUREIRO, 2002, apudNOTAS, 2002) e uma das marcas distintivas da arteproduzida na Amaznia (LOUREIRO, 1995, p. 324).E para Loureiro e Loureiro (1987, p. 79), o enredodesse teatro [...] tem sempre um esquema fixo, ouseja, a perseguio de um pssaro, por um malvadocaador. Apesar de se referir a uma realidadedicotmica, em que a cultura popular implicaria emoposio a uma cultura de elite, essa distino secoloca como importante, inclusive, na perspectivade, conceitualmente, super-la.O Pssaro Arara, que foi mantido por Antnia, seguiuessa estrutura em seus aspectos gerais, como se veroportunam