Check List Licitação

Embed Size (px)

DESCRIPTION

licitações

Text of Check List Licitação

  • REA: N.

    OBJETO/RGO/ENTIDADE AUDITADA: ATUALIZAO:

    RESPONSVEL PELA AUDITORIA:INCIO: / /

    TRMINO: / /

    I OBJETIVOS:

    Avaliar a regularidade das contrataes para execuo de obras realizadas pela UFMG de modo a verificar o cumprimento da

    legislao vigente e normativos acerca da formalizao, execuo e fiscalizao dos contratos.

    II- LEGISLAO E DOCUMENTAO SUPORTE:

    Constituio Federal de 1988

    Lei n 5.194, de 24 de dezembro de 1966

    Lei n 8.666, de 21 de junho de 1993

    Lei n 8.958, de 20 de dezembro de 1994

    Lei n 9.069, de 29 de junho de 1995

    Lei n 6.496, de 07 de dezembro de 1997

    Lei n 10.192, de 14 de fevereiro de 2001

    Lei n 12.462, de 04 de agosto de 2011

    Decreto n 7.423, de 31 de dezembro de 2010

    Decreto n 7.581, de 11 de outubro de 2011

    Instruo Normativa Conjunta STN/SFC n 04, de 10 de maio de 2000

    Instruo Normativa RFB n 971, de 13 de novembro de 2009

    Instruo Normativa SLTI/MPOG n 01, de 19 de janeiro de 2010

    Instruo Normativa MPOG n 02, de 11 de outubro de 2010

    Instruo Normativa RFB n 1.234, de 11 de janiero de 2012

    Resoluo CONFEA n 361, de 10 de dezembro de 1991

    Resoluo interna n 10, de 30 de novembro de 1995

    Resoluo n 02, de 06 de maro de 2003

    Resoluo interna n 16, de 30 de outubro de 2012

    Portaria n 21, de 02 de abril de 2007

    Deciso TCU n 655 - Plenrio, de 03 de julho de 2002

    Smula n 331 - TST, de 21 de novembro de 2003

    Orientao Normativa AGU n 02, de 01 de abril de 2009

    Orientao Normativa AGU n 14, de 01 de abril de 2009

    Cartilha de Procedimentos CGU

    Apostila DW SIASG

    Orientaes bsicas sobre Licitaes e Contratos - TCU - 2010 (4 Edio)

    Manuais de Contabilidade Pblica STN

    Roteiro de Auditoria de Obras Pblicas - TCU

    Stio eletrnico - Diviso de Finanas e Contratos - DFC/DLO-UFMG

    Stio eletrnico - Comprasnet

    Manual de Obras Pblicas - Comprasnet

    PROCEDIMENTOS

    DE AUDITORIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS

    MANUAL DE AUDITORIA INTERNA

    ASSUNTO:

    GESTO DE SUPRIMENTOS CONTRATOS (OBRAS) PA - 21

    08/07/2013

    Cont.2 1/23

  • Jurisprudncia sistematizada - TCU

    FERNANDES, Jorge Ulisses Jacoby. Contratao direta sem licitao . 8 ed. Belo Horizonte. Frum: 2009

    __________. Vade-Mcum de licitaes e contratos: legislao selecionada e organizada com jurisprudncia, notas e ndices .

    4ed. rev. atual. e ampl. Belo Horizonte. Frum: 2010

    MOTTA, Carlos Pinto Coelho. Eficcia nas licitaes e contratos . 10 ed. rev. atual. e ampl. Del Rey: 2005

    PIETRO, Maria Sylvia Zanella Di Pietro. Direito administrativo . 23 ed. So Paulo. Atlas: 2010

    PISCITELLI, Roberto Bocaccio. Contabilidade pblica: uma abordagem da administrao financeira pblica . 11 ed.rev.ampl.atual.

    So Paulo. Atlas: 2010

    III- CARACTERIZAO DO CONTRATO DE OBRA PBLICA E SERVIOS DE ENGENHARIA

    IDENTIFICAO DO CONTRATADO (Nome, CNPJ, CPF):

    CONTRATO N

    PROCESSO ADMINISTRATIVO N

    OBJETO DO CONTRATO:

    VALOR (R$) :

    ORIGEM DOS RECURSOS:

    PERODO DE VIGNCIA:

    EXECUO DO OBJETO (SIAFI/FUNDAO DE APOIO):

    DATA DE ASSINATURA:

    COORDENADOR:

    TERMO DE REFERNCIA (SIM OU NO)

    TERMO ADITIVO N:

    DATA:

    OBJETO DO ADITAMENTO CONTRATUAL:

    Item Sim No NA* Sim No NA* Sim No NA*

    1

    2

    3

    Disposies Preliminares

    A obra ou servio atende ao interesse pblico

    (finalidade)? Lei 8.666/93, art. 12, IIArt. 12. Nos projetos bsicos e projetos executivos de obras e servios sero considerados principalmente os

    seguintes requisitos:

    II - funcionalidade e adequao ao interesse pblico;

    (era) oportuna e conveniente a realizao do

    empreendimento (incentivos, programas especficos,

    etc)?

    Existe previso da obra no PPA? CF, art. 165, I, 1 e Lei

    Complementar n 101/00, art. 16, 1, II

    EXECUO DA OBRA/SERVIOS (Direta ou Indireta - empreitada por preo

    global, empreitada por preo unitrio, tarefa, empreitada integral)

    MODALIDADE DA CONTRATAO: Dispensa, Inexigibilidade, Licitao

    (especificar fundamentao legal)

    Check-List

    Cont.2 2/23

  • Item Sim No NA* Sim No NA* Sim No NA*Check-List

    4

    5

    6

    7

    8

    9

    Vide Lei n 10.406/02

    A aquisio do terreno seguiu o princpio da

    impessoalidade (no beneficiou parentes, amigos etc)?

    CF, art. 37, caput

    Art. 37. A administrao pblica direta e indireta de qualquer dos Poderes da Unio, dos Estados, do Distrito Federal e

    dos Municpios obedecer aos princpios de legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficincia

    Houve avaliao do preo de aquisio do terreno por

    profissional habilitado?

    Existe compatibilidade do preo de aquisio do terreno

    com o mercado?

    Constituio Federal: Art. 165. Leis de iniciativa do Poder Executivo estabelecero:

    I - o plano plurianual;

    1 - A lei que instituir o plano plurianual estabelecer, de forma regionalizada, as diretrizes, objetivos e metas da

    administrao pblica federal para as despesas de capital e outras delas decorrentes e para as relativas aos

    programas de durao continuada.

    Lei Complementar n 101/00: Art. 16. A criao, expanso ou aperfeioamento de ao governamental que acarrete

    aumento da despesa ser acompanhado de:

    1 Para os fins desta Lei Complementar, considera-se:

    II - compatvel com o plano plurianual e a lei de diretrizes oramentrias, a despesa que se conforme com as

    diretrizes, objetivos, prioridades e metas previstos nesses instrumentos e no infrinja qualquer de suas disposies.

    Existe previso da obra na LDO? CF, art. 165, II, 2 e Lei

    Complementar n 101/00, art. 16, 1, II

    Constituio Federal: Art. 165. Leis de iniciativa do Poder Executivo estabelecero:

    II - as diretrizes oramentrias;

    2 - A lei de diretrizes oramentrias compreender as metas e prioridades da administrao pblica federal,

    incluindo as despesas de capital para o exerccio financeiro subseqente, orientar a elaborao da lei oramentria

    anual, dispor sobre as alteraes na legislao tributria e estabelecer a poltica de aplicao das agncias

    financeiras oficiais de fomento. Lei Complementar

    n 101/00: Art. 16. A criao, expanso ou aperfeioamento de ao governamental que acarrete aumento da

    despesa ser acompanhado de:

    1 Para os fins desta Lei Complementar, considera-se:

    II - compatvel com o plano plurianual e a lei de diretrizes oramentrias, a despesa que se conforme com as

    diretrizes, objetivos, prioridades e metas previstos nesses instrumentos e no infrinja qualquer de suas disposies.

    Caso a obra gere aumento da despesa, foi anexada ao

    processo a estimativa do impacto oramentrio-

    financeiro no exerccio e nos dois subsequentes, bem

    como a declarao do ordenador de despesa de que o

    projeto tem adequao oramentria, tem previso de

    recursos financeiros para o pagamento e adequao

    com a LDO e PPA? Lei Complementar n 101/00, art. 16,

    I e II

    Art. 16. A criao, expanso ou aperfeioamento de ao governamental que acarrete aumento da despesa ser

    acompanhado de:

    I - estimativa do impacto oramentrio-financeiro no exerccio em que deva entrar em vigor e nos dois subseqentes;

    II - declarao do ordenador da despesa de que o aumento tem adequao oramentria e financeira com a lei

    oramentria anual e compatibilidade com o plano plurianual e com a lei de diretrizes oramentrias.

    O terreno pertence UFMG e h comprovao da posse

    e propriedade? Lei n 10.406/02, art. 108 e arts. 1253 a

    1259

    Cont.2 3/23

  • Item Sim No NA* Sim No NA* Sim No NA*Check-List

    10

    11

    12

    13

    14

    15

    16

    17

    Art. 7 As licitaes para a execuo de obras e para a prestao de servios obedecero ao disposto neste artigo e,

    em particular, seguinte seqncia:

    I - projeto bsico;

    II - projeto executivo;

    1 A execuo de cada etapa ser obrigatoriamente precedida da concluso e aprovao, pela autoridade

    competente, dos trabalhos relativos s etapas anteriores, exceo do projeto executivo, o qual poder ser

    desenvolvido concomitantemente com a execuo das obras e servios, desde que tambm autorizado pela

    Administrao.

    O projeto bsico apresenta uma viso global da obra e

    identifica seus elementos constituintes com clareza? Lei

    n 8.666/93, art. 6, inciso IX, alnea "a"

    A execuo das obras e dos servios foi programada em

    sua totalidade, previstos seus custos atual e final, bem

    como considerados os prazos de sua execuo? Lei n

    8.666/93, art. 8, caput

    Art. 8 A execuo das obras e dos servios deve programar-se, sempre, em sua totalidade, previstos seus custos

    atual e final e considerados os prazos de sua execuo.

    Projeto Bsico e Executivo

    A contratada providenciou a Anotao de

    Responsabilidade Tcnica para a execuo da obra ou

    do servio de engenharia? Lei n 6.494/77, art. 1

    Art 1 - Todo contrato, escrito ou verbal, para a execuo de obras ou prestao de quaisquer servios profissionais

    referentes Engenharia, Arquitetura e Agronomia fica sujeito "Anotao de Responsabilidade Tcnica" (ART).

    Havendo necessidade, foi elaborado projeto executivo?

    Lei n 8.666/93, art. 7, inciso II, 1