Contact agosto colorido

  • View
    2.987

  • Download
    1

Embed Size (px)

Text of Contact agosto colorido

  • 1. ndicePalavra do ProvincialO Testemunho suscita Vocaes.....................................................05Promovendo Vocaes Edilei recebe o Diaconato..............................................................06 Ordenao motiva seminaristas.....................................................07 Jovens que evangelizam jovens......................................................08 Trduo e Encontro dos estudantes fortalecem vocaes.................09 Juventude Redentorista e as vocaes...........................................11 EntrevistasPe. Paulo do Nascimento Souza......................................................14 Pe. Pedro Hlio de Oliveira.............................................................17 NoticiasXXIX Encontro Nacional dos Junioristas..........................................20 Reunio da Comisso Nacional das Misses Populares...................22 Imagem do Rocio atrai 300 mil fiis................................................23 Festa de N. Senhora da Guia...........................................................24 JUMIRE assume comunidade..........................................................24 Pe. Joseph W. Tobim assume nova funo na Igreja.......................25 Festa do Divino em Guaratuba.......................................................28EspiritualidadeQuando Deus responde nossas oraes?........................................294

2. Tu s Sacerdote para sempre..........................................................36 Candidatos ao sacerdcio precisam saber viver em comunidade............................................40 PastoralUm pouco de Histria da Parquia Nossa Senhora do Perptuo Socorro em Londrina-Pr.............................................42 AniversariantesParabns do ms de Agosto...........................................................465 3. Palavra do ProvincialO Testemunho SuscitaVocaes Promover as vocaes um compromisso de todos os confrades Neste ms de agosto a Igreja no Brasil convida os cristos a refletirem sobre as diversas vocaes especficas: laical, religiosa e sacerdotal, e ao mesmo tempo, motiva as pessoas a responderem com mais generosidade o chamado de Deus. Cada pessoa chamada valorizar as diversas vocaes nas comunidades eclesiais. Para ns Redentoristas importante que despertemos mais vocaes laicais em nossas comunidades eclesiais, valorizando os vrios ministrios na Igreja. O Documento de Aparecida destaca que todos devem ser discpulos missionrios anunciando o Reino de Deus e formando comunidades crists.De modo especial, os Redentoristas, na medida de sua estima e amor prpria vocao, dediquem-se ao apostolado de promover vocaes para a Congregao (Const. 79). No entanto, o melhor meio de promover as vocaes Vida Religiosa e Sacerdotal o testemunho. O Papa Bento XVI enftico ao afirmar: Deus usa o testemunho dos sacerdotes/religiosos, fiis sua misso, para suscitar novas vocaes sacerdotais e religiosas a servio de seu povo. (Mensagem vocacional, 2010).Assim, fica o convite para cada um de ns promovermos mais vocaes atravs de nosso testemunho fiel e generoso ao chamado do Senhor!Pe. Joaquim Parron CSsR Superior Provincial6 4. Edilei Recebe O Diaconato Ordenao em T. Borba motivou as vocaes na parquia O Jovem RedentoristaEDILEI ROSASILVArecebeu o sacramento daOrdem no Grau deDiaconato, neste 1. deagosto, na igreja Matriz daParquia N. Sra. de Ftima,em Telmaco Borba, PR,pela imposio das mosde Dom Srgio Braschi, bispo de Ponta Grossa. Vrios confrades, formandos e familiares do Edilei e o povo da parquia participaram da maravilhosa celebrao, que tambm destacou as virtudes de St. Afonso Maria de Ligrio (1696-1787). A ordenao foi precedida de um trduo vocacional organizado pelos formadores e pelos formandos das vrias etapas (propedutico, postulantado e juniorato) e por um encontro com a juventude da parquia. Edilei testemunhou, com suas palavras no final da liturgia, que o chamado Vida Redentorista a razo de sua caminhada e que est entusiasmado com o esprito missionrio da Congregao. Os confrades acolheram, durante a celebrao, Edilei com muito carinho, mostrando o sentido da fraternidade to sonhada por Santo Afonso.7 5. Agradecemos todos que ajudaram e contriburam para esta celebrao: a parquia N. Sra. de Ftima, os confrades, o povo de Deus de T. Borba, os jovens que esto nas vrias etapasda formao, os formadores e todos que motivam as vocaes na Provncia!Pe. Joaquim Parron CSsR Superior ProvincialOrdenao Motiva Seminaristas Assim como a famlia dos noivos se preparam para o matrimonio de seus filhos, ns Redentoristas nos preparamos para este grande dia da ordenao diaconal do Frater Edilei. Encontrava-se estampado em seu semblante cada passo da sua vida rumo ao sacerdcio: seu chamado, seu sim, seus trabalhos pastorais, suas oraes, enfim sua caminhada at aquele momento da ordenao diaconal.Neste dia Edilei recebeu o avental para o trabalho a servio de Deus e ns seminaristas recebemos atravs do seu testemunho motivao para continuarmos nossa caminhada rumo ao sacerdcio.Eu, propeduta que me encontro no primeiro estgio da formao me senti orgulhoso em participar deste momento to especial da vida do Edilei e rogoaNossaSenhorado Perptuo Socorro para que ele seja um exemplo de sacerdote para ns, e que seu trabalho traga cada vez mais almas para o Santssimo Redentor jesus Cristo.Propeduta: Robson Luiz Skavinski8 6. Jovens Que Evangelizam Jovens Temos percebido na Igreja um desafio muito grande na evangelizao da juventude, porm ao mesmo tempo, se tem visto uma disposio por parte de alguns jovens que se pem a servio com muita coragem e boa vontade. Nestes ltimos dias doms de julho alguns jovens da Parquia Nossa Senhora de Ftima de T. Borba, abraaram um desafio de realizarem um grande encontro com os jovens, o mais interessante em se perceber aqui, no o evento que se pretendia realizar, e sim a sensibilidade com que cada um deles se ps ao servio, procurando associar o tempo de seus estudos e trabalhos com o comprometimento com o projeto assumido, disposio esta que exigiu muitas renuncias de lazer, descanso, namoro etc. para estarem juntos em reunies e preparativos para o encontro. Ns formandos Redentoristas nos orgulhamos de podermos tido o privilgio de podermos acompanhar todos estes trabalhos, e fomos sem dvidas, evangelizados por cada um deles, que nos mostraram que possvel encontrarem nossas comunidades jovens que evangelizam jovens.Aos Jovens de T. Borba, desejamosperseveranae coragem, como nos diz o Apstolo Joo Jovens, vs sois fortes e j venceste o mal deste9 7. mundo, pois a palavra de Deus permanece em vs No h o que temer basta confiar, pois nEle ser grande redeno!Jovens de Boa vontade a servio do Redentor Formandos Redentoristas Trduo e Encontro Dos Estudantes FortalecemVocaes! Nos dia 29, 30 e 31 de julho foi realizado o trduo em preparao da ordenao de Edilei em T. Borba, esses dias de orao foi concretizado pelo grupo deformandos e formadores de nossa provncia, essainiciativaoportunizou experincia pastoral para muitos de nossos formandos, que 10 8. sentiram a f e a esperana do povo e a necessidade das comunidades da presena de homens de f para os animarem na caminhada junto a Igreja.Houvetambmpequenose importantesmomentos de convivncia eformao entre os formandos eformadores, estreitando os laosde amizade e fraternidade nogrupo e ao mesmo tempomotivando ao trabalho emconjunto.A associao entre o trabalho de evangelizao na realizao do trduo em preparao da ordenao de Edilei e o encontro dos estudantes, resultou na soma de esforos entre os estudantes e consagrados, em atingir um objetivo comum, que era animar as comunidades a participarem de um grande momento de f, onde um jovem consagrado responderia com generosidade ao chamado de continuar servindo a Igreja, dando mais um passo pela ordem do Diaconato rumo a Sacerdcio. Jovens de Boa vontade a servio do RedentorFormandos Redentoristas 11 9. Juventude Redentorista e As Vocaes Refletindo a partir do O Genuno Redentorista Depoisdelero Genuno Redentorista cheguei concluso que ser Redentorista ou JUMIRE, no para qualquer um, uma questo de VOCAO, um chamado de Deus para viver um Carisma especifico. Qualquer jovem pode querer serRedentorista, mas o Redentor no escolhequalquer um, ele escolhe poucos, Muitos sochamados, mas poucos so escolhidos (Mt,22, 14). E Jesus chama quem ele quer: Jesussubiu a montanha e chamou os que ele quis.(Mc 3, 13) Jesus ao chamar os que ele quis,tinha um objetivo bem claro, fazer com queseus discpulos ficassem com ele, (Mc 3, 14). O convvio dirio com o Mestre facilita a aprendizagem do discpulo impulsionando-o para a Misso.Fala-se muito de crise vocacional, mas acredito que uma das luzes que podemos nos deixar ser guiado o Testemunho, conforme nos diz o Papa Bento XVI: Pois o testemunho suscita vocaes. A fecundidade da proposta vocacional depende primeiramente da ao gratuita de Deus, mas favorecida tambm pela qualidade e riqueza do testemunho pessoal e comunitrio de todos aqueles que j responderam ao chamamento do Senhor, seja no Ministrio Ordenado ou Religiosos consagrados com votos, pois o seu testemunho pode suscitar noutras pessoas o desejo de, por sua vez, corresponder ao apelo de Cristo. 12 10. PROPOSTA PARA A FORMAO DOS JUMIRISTAS NAS PARQUIASPara ser uma Juventude Redentorista, preciso gostar de Santo Afonso e conhecer a espiritualidade Afonsiana, dificilmente amaremos uma pessoa, sem antes conhece-la. Existem jovens que procuram conhecer a vida de vrios Santos e compram com muita facilidade livros biogrficos, mas infelizmente algumas livrarias quase que no possuem uma bibliografia vasta dos Santos Redentoristas e pouco se ouve falar entre os jovens, que algum esta lendo alguma obra de Santo Afonso ou um livro da Espiritualidade Redentorista.Com o pensamento de formar os jovens, estamos indicando um livro de bolso, publicado pela Editora Santurio, Vida de Santo Afonso M. de Ligrio da coleo Vida de Santos, escrito pelo