FINALXEROXcom sumario

  • View
    231

  • Download
    9

Embed Size (px)

Text of FINALXEROXcom sumario

  • Universidade de So Paulo Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz

    Ocorrncia e significado paleoambiental do Horizont e A hmico em Latossolos

    Mrcia Regina Calegari

    Tese apresentada para obteno do ttulo de Doutor em Agronomia. rea de concentrao: Solos e Nutrio de Plantas

    Piracicaba

    2008

  • Marcia Regina Calegari Gegrafa

    Ocorrncia e significado paleoambiental do Horizonte A hmico em Latossolos

    Orientador: Prof. Dr. PABLO VIDAL TORRADO

    Tese apresentada para obteno do ttulo de Doutor em Agronomia. rea de concentrao: Solos e Nutrio de Plantas

    Piracicaba 2008

  • Dados Internacionais de Catalogao na Publicao

    DIVISO DE BIBLIOTECA E DOCUMENTAO - ESALQ/USP

    Calegari, Marcia Regina Ocorrncia e significado paleoambiental do horizonte A hmico em latossolos / Marcia

    Regina Calegari. - - Piracicaba, 2008. 259 p. : il.

    Tese (Doutorado) - - Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, 2008. Bibliografia.

    1. Geocronologia 2. Geomorfologia 3. Horizontes do solos - propriedades fsico-qumicas4. Latossolos 5. Opala 6. Pedologia 7. Paleoambientes I. Ttulo

    CDD 631.44 C148o

    Permitida a cpia total ou parcial deste documento, desde que citada a fonte O autor

  • 3

    A meus pais, Aparecida Guerra e Joo Calegari,

    dedico.

  • 5

    " melhor tentar e falhar,

    que preocupar-se e ver a vida passar;

    melhor tentar, ainda que em vo,

    que sentar-se fazendo nada at o final.

    Eu prefiro na chuva caminhar,

    que em dias tristes em casa me esconder.

    Prefiro ser feliz, embora louco,

    que em conformidade viver ..."

    Martin Luther King

  • 7

    AGRADECIMENTOS

    Esta pesquisa s pde ser realizada graas ao apoio e colaborao de amigos,

    colegas e algumas instituies, com os quais tive imenso prazer e o privilgio de

    conviver.

    Neste sentido, gostaria de expressar aqui, a minha gratido, consciente de que

    este muito obrigada pouco para dimension-la.

    Agradecimentos

    Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz ESALQ/USP, por seus

    Coordenadores do Programa de Ps-Graduao em Solos e Nutrio de Plantas Prof.

    Dr. lvaro Pires da Silva (2005/2007) e Prof. Dr. Pablo Vidal Torrado (2008/2009), pela

    oportunidade e apoio tcnico e financeiro.

    Universidade Estadual do Oeste do Paran (UNIOESTE) pela liberao para

    dedicao integral ao doutorado.

    Coordenao de Aperfeioamento de Pessoal de Nvel Superior (CAPES), pela

    bolsa cedida no pas (PICDT) e no exterior (Doutorado Sanduche) por meio do

    convnio CAPES-MECD 154/03, entre a ESALQ/USP e a Universidade de Santiago de

    Compostela (Espanha).

    Fundao de Amparo a Pesquisa do Estado de So Paulo (FAPESP), pelo

    financiamento ao projeto: Latossolos com horizonte A hmico: caracterizao,

    distribuio, gnese e significado paleoambiental no territrio brasileiro (Projeto

    06/58068-6).

    Universidade de Santiago de Compostela (USC-ES) - Departamento de

    Edafoloxia e Qumica Agrcola, pela acolhida, apoio e infra-estrutura na realizao das

    atividades laboratoriais.

    Ao Departamento de Arqueologia e Antropologia (Instituci Mil i Fontanals

    Conselho Superior de Investigao CientficaIMF-CSIC), Barcelona (ES), pelo apoio e

    infra-estrutura para a anlise dos fitlitos do solo. Pela acolhida e sempre bem

    humorada convivncia.

    Ao Prof. Dr. Pablo Vidal Torrado pela orientao, compartilhando as etapas desta

    pesquisa. Pelo exemplo como pesquisador e principalmente pela confiana, apoio e

    incentivo. Pelas oportunidades, contatos com outras instituies e pesquisadores. Pelos

  • 8

    conhecimentos transmitidos, segurana e total liberdade para expressar minhas idias e

    dvidas e, sobretudo pelo convvio pessoal.

    Ao PhD. Marco Madella pela permanente e atenciosa orientao durante e aps o

    estgio desenvolvido no Departamento de Arqueologia e Antropologia (IMF-CSIC),

    Barcelona (ES)

    Ao Prof. Dr. Luiz Carlos R. Pessenda pela colaborao e ensinamentos

    transmitidos na rea de estudo quaternarista. Pela ateno e oportunidades de uso do

    laboratrio Istopos 14C do CENA-USP- Piracicaba (SP).

    Ao Prof. Dr. Xos Luis Otero Prez (USC-ES) pela acolhida, apoio e colaborao

    na realizao das atividades de laboratrio.

    Ao Prof. Dr. Felipe Macias Vsquez (USC-ES) pelo grande apoio e colaborao

    na realizao desta pesquisa.

    Ao Dr. Igo Lepsch pelo apoio e sugestes ao longo do trabalho, sobretudo na

    fase final desta tese.

    Aos professores Ricardo Marques Coelho (IAC) pela ajuda no trabalho de campo

    em Campinas e Miguel Cooper (ESALQ) e Francisco Ladeira (UNICAMP) pelas

    sugestes.

    Prof. Dr. Margarita Osterrieth do Centro de Geologa de Costas y del

    Cuaternario/Facultad de Ciencias Exactas y Naturales/Universidad Nacional de Mar del

    Plata (Mar Del Plata/Argentina) pela acolhida, ateno e pelos primeiros ensinamentos

    a cerca da anlise de fitlitos.

    Ao colega Flavio A. Marques pela contribuio e parceria no desenvolvimento das

    atividades de campo, laboratrio e discusso relacionadas a este projeto de pesquisa e

    tambm, pela ajuda nas tradues dos resumos desta tese.

    Aos professores do Departamento de Cincia do Solo da ESALQ/USP pelos

    conhecimentos transmitidos e contribuio a minha formao.

    Aos colegas Vanda, Josiane, Raphael, Flvio, Fernando, Gabriel, Ingrid,

    Alexandre e Maurcio pelo convvio quase dirio (nem sempre pacfico), que jamais

    sero esquecidos. Pela pacincia, compreenso e, sobretudo pelo companheirismo.

    Aos amigos Marta Velasco, Roberto Calvelo e Maria Santiso pelo apoio, amizade,

    companheirismo e agradvel convivncia em Santiago de Compostela.

  • 9

    Aos tcnicos David Romero, Natividad Matilla (Nat), Maria Santiso e Carmen

    Perez Llaguno pelo apoio no desenvolvimento das atividades no laboratrio de Biologia

    e Edafologia Ambiental USC (ES).

    Ao tcnico Luiz Silva pelo apoio no desenvolvimento das atividades nos

    laboratrios do Departamento de Cincia do Solo ESALQ/USP.

    s colegas da Universidad Nacional de Mar del Plata (Argentina) Mariana,

    Fernanda e Vernica pelo excelente convvio e apoio nas atividades de laboratrio.

    Aos colegas do Departamento de Arqueologia e Antropologia (IMF- CSIC),

    Barcelona (ES) pela agradvel companhia e convivncia.

    Aos colegas da Universidade de Santiago de Compostela: Eva Penteado, Eva

    Bujan, Ana Garca Javi, Cruz, Nue, Naty, Javi 10, Zurie, Ion, Juan, David pela

    acolhida, bom convvio, marchas, jogos, viagens e, sobretudo pelos bons momentos

    compartilhados.

    Aos funcionrios do Departamento de Cincia do Solo, em especial ao Sr.Dorival

    Grisatto pelo apoio, esforo e cuidados com os membros da equipe em nossos

    trabalhos de campo, a Cristina, Beth e Clia.

    INFRA-AERO (aeroporto Viracopos), IAPAR (Unidade de Ponta Grossa), Usina

    Furlan (Piracicaba), Prefeitura de Guarapuava (direo do Parque das Araucrias),

    Universidade de Ponta Grossa, Fundao ABC (Castro) e a todos os proprietrios das

    terras onde foram abertas as trincheiras estudas, pela permisso para estudo e apoio

    nos trabalhos de campo.

    s amigas Christina Otsuchi, Neyde F. B. Giarola e Selma R. A. Ribeiro pelo

    apoio nos trabalhos de campo e no levantamento dos materiais cartogrficos.

    todos aqueles que, de forma direta ou indireta, contriburam para a realizao

    desta pesquisa.

    E finalmente aos meus pais e irmos pelo apoio incondicional. Pelo e incentivo,

    carinho e cumplicidade na tentativa de minimizar a saudade e a distncia, que sempre

    foram grandes.

    MUITO OBRIGADA!

  • 11

    SUMRIO

    RESUMO........................................................................................................................ 13 ABSTRACT .................................................................................................................... 15 1 INTRODUO ............................................................................................................ 17 Referncias ................................................................................................................... 21 2 CARACTERIZAO E DISTRIBUIO DE LATOSSOLOS COM HORIZONTE A HMICO NO BRASIL ..................................................................................................... 25 Resumo .......................................................................................................................... 25 Abstract .......................................................................................................................... 26 2.1 Introduo ............................................................................................................... 27 2.2 Desenvolvimento ..................................................................................................... 28 2.2.1 Material e Mtodos ................................................................................................ 28 2.2.1.1 Localizao das reas de estudo ....................................................................... 28 2.2.1.2 Banco de Dados ................................................................................................. 29 2.2.1.3 Anlise Estatstica Aplicada ao Banco de Dados ............................................... 29 2.2.1.4 Descrio e Coleta ...