Click here to load reader

Relatório de Actividades e Contas 2009

  • View
    217

  • Download
    1

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Relatório de Actividades e Contas 2009

Text of Relatório de Actividades e Contas 2009

  • Ncleo de Estudantes de Engenharia do Ambiente da Associao

    Acadmica da Universidade de Aveiro

    Relatrio de Actividades e Contas 2009

  • Relatrio de Actividades e Contas 2009

    rgos Sociais do Ncleo

    Mesa da RGM: o Presidente Sidnio Cludio de Freitas

    Cmara; n mec. 36412

    o 1 Secretrio Vnia Graciete Alves Dias

    Pereira; n mec. 39956

    o 2 Secretrio Filipa Mara Freitas Castro; n

    mec. 39421

    Coordenao: o Coordenador Tnia Filipa Antunes Martins;

    n mec. 35634

    o Responsvel financeiro Elisabete Rodrigues

    Teixeira; n mec. 35494

    o Secretria Ctia Andreia Lima Sampaio; n

    mec. 35230

    o Seco Pedaggico Formativa Andr

    Manuel Pinto Barbosa; n mec. 33849

    o Seco Pedaggico Formativa Tatiana

    Amara Gouveia Frana; n mec. 38917

    o Seco Informativa - Helena Frana

    Machado; n mec. 38898

    o Seco Informativa - Rafael Alexandre Neto

    da Silva; n mec. 38866

    o Seco Informativa - Thiago dos Santos

    Capitani; n mec. 35874

  • Relatrio de Actividades e Contas 2009

    o Seco Acadmico Desportiva - Diana

    Pinho de Oliveira; n mec. 42599

    o Seco Acadmico Desportiva - Lus Filipe

    Pinheiro Gomes; n mec. 37159

    o Seco Acadmico Desportiva - Mafalda

    Diana das Dores Rocha e Silva; n mec.

    35791

  • Relatrio de Actividades e Contas 2009

    Balano Global

    Chegou o momento de dar por terminado mais um

    mandato da Coordenao do NEEA e dar a pasta a uma nova

    equipa. Esta coordenao tentou procurar dar continuidade

    ao projecto iniciado a alguns anos de elevar o curso de Eng

    do Ambiente bem alto, introduzindo novas dinmicas no seu

    seio. Este ano foi marcado com algum desinteresse pela parte

    dos alunos em embarcarem no meio associativista, tal como

    j em anos passados se tinha visto acontecer. Este facto

    deve-se em grande parte a carga de trabalhos ou mesmo

    estudo que o curso tem vindo a exigir, levando os alunos a

    afastarem-se de qualquer actividade que lhes possa roubar

    tempo.

    O nicio do mandato ocorreu a 15 de Dezembro , com o

    acto da tomada de posse dos ncleos da AAUAv,tendo

    contado com ilustres convidados. Foi s mais tarde durante o

    ms de Fevereiro e Maro ocorreu a reunio de estrutura na

    AAUAv. Durante o mesmo perodo tiveram lugar as reunies

    de apresentao e discusso do Plano de Actividades e

    Oramento do NEEA para o ano de 2009 (PAO) no Conselho

    Directivo do Departamento de Ambiente e Ordenamento

    (DAO), na Reitoria da Universidade de Aveiro (UA), na

    Cmara Municipal de Aveiro (CMA) e nos restantes

    patrocinadores. Estas reunies permitiram estabelecer o

    primeiro contacto com as diversas entidades e conhecer a

    forma e mtodos de trabalho conjunto.

  • Relatrio de Actividades e Contas 2009

    Ao longo do mandato era intuito nosso estar atentos a

    todas as oportunidades e criar condies para a incluso dos

    Estudantes de Engenharia do Ambiente nas mesmas. Assim,

    procuramos criar condies para a participao de alunos do

    Departamento de Ambiente em actividades tais como o X

    Congresso Nacional de Engenharia do Ambiente, a

    Manifestao Ambiental ECOCLUBES (Descida do Douro de

    Jangada), as I Jornadas de Engenharia do Ambiente

    (realizadas pelo NEEA da Universidade de Lisboa) entre

    outras. Tal esforo tornou-se infrutifero visto que foi s uma

    nfima parte dos alunos que se inscreveram, no criando

    condies para a sua realizao ou levando apenas a alguns

    membros do NEEA a participar. Procuramos da mesma forma,

    informar os alunos de informaes importantes,

    nomeadamente atravs de uma sesso de esclarecimento dos

    novos estatutos da Universidade de Aveiro com a participao

    do Prof Carlos Borrego a qual tambm no obteve muita

    audincia. Refletindo sobre a falta de incentivo da parte dos

    alunos para actividades tanto de mbito pedaggico ou

    mesmo acadmico, em consonncia com a desmotivao em

    questes de ndule associativista demonstram que ao longo

    do tempo os alunos ou por no terem tempo ou no se

    encontrarem interessados se afastam de determinadas

    actividades.

    Realizamos activdades com o intuito de fomentar a

    aprendizagem estudantil, proporcionando a ida a visitas

    tcnicas, a sesses de pesquisa de informao cintifica em

    bases de dados, e de tcnicas de procura de emprego e

    atravs de conferncias. No que diz respeito a estas

    actividades em concreto obtiveram alguma aderncia no to

    grande como esperariamos mas o suficiente para serem

  • Relatrio de Actividades e Contas 2009

    realizadas, tendo um papel importante na promoo e

    conhecimento do ncleo.

    A informao uma das maiores armas que podemos

    desenvolver, dessa forma esta foi disponibilizada na forma de

    emails e tambm com recurso a RGMs, cartazes e panfletos.

    Em relao a um meio muito utilizado at esta coordenao,

    a folha informativa apenas podemos mostrar o nosso

    desagrado e pedir desculpas por no ter sido levado a cabo a

    sua finalizao. Ocorreram diversos problemas com a sua

    realizao e posteriormente com a sua impresso, isto deveu-

    se de certa forma a no termos procurado solues para a

    falta de patrocinio desta. Procuramos ainda elaborar novas

    valncias para os alunos deste curso criando assim um

    biblioteca de apontamentos e livros na sala do ncleo,

    disponives a todos os alunos. A criao de um blog foi

    tambm uma novidade, para expormos informaes

    importantes pedidas para divulgar (no enchendo assim a

    caixa de emails dos alunos), permitir inserir assuntos,

    fotografias e artigos interessantes/relevantes para o curso e

    criar uma base de dados com os apontamentos e livros

    disponives no NEEA. Em relao ao site do NEEA este

    encontra-se neste momento inactivo visto ter sido trocado o

    servidor onde o site estava alojado, desta forma, achamos

    mais coerente tentar criar um site que se encontra-se

    alojado na AAUAv visto o anterior estar associado a uma

    empresa SONDAR. Assim sendo, o site est a ser discutido

    com os responsveis na associao, sendo que pretendemos

    dar a conhecer a nova coordenao este assunto, dar a nossa

    opinio e se estiverem interessados continuar com a nossa

    proposta.

  • Relatrio de Actividades e Contas 2009

    Visto que o NEEA necessita de igual modo desenvolver

    o desenvolvimento pessoal dos seus membros assim como

    fomentar amizades e esprito acadmico, desenvolvemos um

    conjunto de actividades de ndule ldico. Tais como jantares

    de curso, festas, o 8 Aniversrio do NEEA e a integrao do

    novos alunos na realizao da SICA XV. Proporcionamos

    tambm a participao do curso na taa da UA apoindo as

    equipas de Engenharia do Ambiente.

    Finalizando, importante realar a relevncia da

    manuteno da actividade dos ncleos de curso, visto

    permitirem o desenvolvimento quer pessoal como colectivo

    dos seus membros. Todavia no se pode esconder que as

    mudanas realizadas nos diversos cursos contribuiram para

    um certo afastamento dos alunos, sendo necessrio a criao

    de mecanismos de aproximao destes.

    1. Coordenao

    Desde dois anos que a associao reestrutou os seus

    estatutos sendo que os ncleos de curso passaram a ser

    constitudos por trs orgos. Neste ano, como nos anos

    anteriores a coordenao continuou a ser constituda da

    mesma forma, com um Coordenador, um Responsvel

    Financeiro, uma Secretrio e os restantes vogais.

  • Relatrio de Actividades e Contas 2009

    1.1. Reunies Gerais de Membros

    (RGMs)

    As RGMs foram este ano realizadas com alguma

    frequncia convergindo para a divulgao de informao e

    para a participao dos alunos em algumas tomadas de

    decio em diversos assuntos. Entre os quais estiverem

    questes relacionadas com o bar de curso, com a semana de

    enterro nomeadamento com o carro do desfile, a escolha do

    desenho de tshirt de enterro e de cachecol de curso, eleio

    dos treinadores das equipas de futsal entre outros assuntos.

    Assim sendo, estas reunies permitem criar um vnculo para a

    participao dos alunos tornando-se um meio ideal para a

    transmisso de ideias e opinies. Tal como no ano passado,

    verificou-se uma diminuio dos membros nestas reunies

    principalmente nas que no envolvam assuntos de ordem

    acadmica.

    1.2. Tesouraria

    Ao nvel financeiro, foi nosso intuito ao longo do

    mandato criar uma gesto o mais clara e transparente

    possvel face aos alunos e em relao a tesouraria da AAUAv.

    Assim sendo, a contabilidade foi sempre realizada e entregue

    nas datas pretendidas no sendo esquecido nenhum

    documento ou recibo por entregar.

  • Relatrio de Actividades e Contas 2009

    1.2.1. Gastos logsticos

    Em relao a este tpico torna-se fulcrar mais uma vez

    agradecer ao DAO o acesso aos equipamentos que este dispe

    e coloca nossa disposio. Foram ainda adquiridos alguns

    materiais necessrios para o funcionamento do NEEA tais

    como resmas de papel, fita cola entre outros materiais de

    escritrio.

    1.2.2. Gastos financeiros

    Resultam da aquisio de cheques e das taxas cobradas

    pelos bancos. No se verificaram at data de elaborao

    deste documento gastos financeiros.

    1.2.3. Quotizao

    No se efectuaram alteraes a este nvel. Assim

Search related