VALORES E “ATITUDES”

  • View
    34

  • Download
    4

Embed Size (px)

DESCRIPTION

EIXO TRANSVERSAL. VALORES E “ATITUDES”. EIXO TRANSVERSAL Valores e “Atitudes”. OBJETIVOS - Compreender a importância de valores e “atitudes” na profissão militar - PowerPoint PPT Presentation

Text of VALORES E “ATITUDES”

  • VALORES E ATITUDESEIXO TRANSVERSAL

  • OBJETIVOS

    - Compreender a importncia de valores e atitudes na profisso militar

    - Relacionar Valores e Atitudes, constantes do Eixo Transversal do Perfil, com os Elementos de Competncia, Assuntos e Contedos dos PLANID e PLADIS

    - Discutir o desenvolvimento e a avaliao EIXO TRANSVERSAL Valores e Atitudes

  • INTRODUOVALORES E ATITUDES: IMPORTNCIA E DESENVOLVIMENTOPRTICA METODOLGICAAVALIAOCONSIDERAES FINAISSUMRIO

  • CONCEITUAO

    RELEVNCIA

    DESENVOLVIMENTOEIXO TRANSVERSAL VALORES E ATITUDES

  • EIXO TRANSVERSAL VALORESConceituaoPadres ou critrios que orientam as atitudes, escolhas, julgamentos, aes e explicaes (Rokeach, 1979; Williams, 1979) Crenas de um indivduo ou grupo sobre o que desejvel, o que influencia a seleo de caminhos existentes, meios e objetivos da ao, ou seja, o valor instiga o comportamento Crenas prescritivas organizadas de acordo com sua relevncia, que nos guiam em nossas decises (Rokeach, 1973)

  • EIXO TRANSVERSAL VALORESConceituaoComo objetivos conscientes, representam respostas individuais e sociais a trs exigncias: necessidades individuais como organismos biolgicos, como agentes de interao social e como membros de grupo e organizaes (Schwartz, 1994)Ocupam uma posio central na rede cognitiva que fundamenta as atitudes (Rokeach, 1968)Princpios que guiam as atitudes e comportamentos desejados (Rohan, 2000)Aspiraes ideolgicas mais generalizadas nas organizaes (Katz & Kahn, 1978)

  • EIXO TRANSVERSAL VALORESRelevnciaOs mais importantes entre eles formam o core da nossa personalidade, cultura organizacional e a base para o autoconceitoUma vez que as pessoas podem no estar conscientes dos valores que guiam o seu comportamento, necessrio exp-las aos valores relevantes para que possam agir de acordo com tais valores

  • EIXO TRANSVERSAL ATITUDESConceituaoAvaliao de um objeto positiva ou negativamenteInclui trs elementos: afetivo, cognitivo e comportamental (Gilovich, Keltner & Nisbett, 2006) A tendncia aprendida para avaliar objetos de uma determinada maneira

  • EIXO TRANSVERSAL VALORES E ATITUDES: RELEVNCIAAmbiente militarO ambiente militar peculiar, visto que orientado pela misso que lhe atribuda, ou seja, estar apto para o combate e a guerraDiversos fatores estressores: experimentar risco de morte e ferimento, entre outros.

  • EIXO TRANSVERSAL VALORES E ATITUDESMaio, G. R.; Olson, J. M. (1995). Relations between values, attitudes, and behavioral intentions: The moderating role of attitude function. Journal of Experimental Social Psychology, 31(3), 266-285 A manipulao da funo da atitude foi usada para verificar : a) se a funo da atitude modera a fora da relao entre valores e atitudes; b) o padro das relaes entre valores e atitudes; c) o papel de valores na predio de atitudes

    A funo da atitude foi manipulada colocando-se em evidncia tanto as razes utilitrias como as razes baseadas em valores para a doao de fundos para a pesquisa sobre o cancer

  • EIXO TRANSVERSAL VALORES E ATITUDESMaio, G. R. & Olson, J. M. (1998). Values as truisms: Evidence and implications. Journal of Personality and Social Psychology, 74, 294-311.

    Testaram a hiptese geral de que os valores so trusmos culturais, isto , so crenas amplamente compartilhadas e raramente questionadas Foi predito e observado que analisar as razes da pessoa para adotar um valor provocaria mudana nos valores, apenas quando as pessoas no possuam suporte cognitivo para os seus valores

    Assim, a fundamentao cognitiva de valores e seus sistemas parece fundamental para a sua sustentabilidade

  • EIXO TRANSVERSAL VALORES E ATITUDES: DESENVOLVIMENTO

    Condicionamento ClssicoCondicionamento OperanteAproximao sucessivaReforamento diferencialAprendizagem VicriaPersuaso (processo simblico em que o comunicador busca convencer pessoas a mudar suas atitudes e comportamentos, numa atmosfera de livre escolha)Autoconhecimento (Instrumentos)Evidenciao, Reflexo e Fundamentao Cognitiva Base na ExperinciaRelao com Resultado FavorvelRepetio

  • EIXO TRANSVERSALVALORES E ATITUDESREFERNCIAS Gilovich, T., Keltner, D. & Nisbett, R. E. (2006). Social psychology. New York: Norton. Katz, D., & Kahn, R. L. (1978). Psicologia social das organizaes. So Paulo: Atlas.Maio, G. R.; Olson, J. M. (1995). Relations between values, attitudes, and behavioral intentions: The moderating role of attitude function. Journal of Experimental Social Psychology, 31(3), 266-285Maio, G. R. & Olson, J. M. (1998). Values as truisms: Evidence and implications. Journal of Personality and Social Psychology, 74, 294-311.Rohan, M. J. (2000). A rose by any name? The values construct. Personality and Social Psychology Review, 4, 255-277.Rokeach, M. (1968). Beliefs, attitudes and values: A theory of organization and change. San Francisco: Jossey-Bass.

  • EIXO TRANSVERSALVALORES E ATITUDESREFERNCIAS Rokeach, M. (1973). The nature of human values. New York, Free Press.Rokeach, M. (1979) Introduction. Em M. Rokeach (Org.), Understanding human values: Individual and societal (pp. 1-11). New York: Free Press.Schwartz, S. H. (1994). Are there universal aspects in the structure and content of human values? Journal of Social Issues, 50, 19-45.Williams, R. M. (1979). Change and stability in values and value systems: A sociological perspective. Em M. Rokeach (Org.), Understanding human values: Individual and societal (pp. 15-46). New York: Free Press.

  • EIXO TRANSVERSALVALORESINSTRUMENTOS

    COMO PRINCPIO ORIENTADOR DA MINHA VIDA, considero este valor: 1. Igualdade(oportunidades iguais para todos) 1 2 3 4 5 62. Poder Social(controle sobre os outros, domnio) 1 2 3 4 5 6QUESTIONRIO SOBRE OS VALORES PESSOAIS Shalom H. Schwartz; Traduo e Adaptao: Menezes & Campos, 1989

    Nada ImportantePouqussimo Importante Pouco Importante ImportanteMuito Importante Importncia Fundamental 123456

  • PRTICA METODOLGICA-PERFIL PROFISSIOGRFICO

    -PLANID

    -PLADIS

    EIXO TRANSVERSAL Valores e Atitudes

  • PRTICA METODOLGICA

    - CADA ESCOLA DEVE PRODUZIR UM PLANO DE DESENVOLVIMENTO ATITUDINAL E DE VALORES

    EIXO TRANSVERSAL Valores e Atitudes

  • PRTICA METODOLGICA

    A Instituio EB uma forma de Ser, Pensar e Agir;Desenvolvimento de valores atravs de vivncias reais;Desenvolvimento da capacidade de comando;

    EIXO TRANSVERSAL Valores e Atitudes

  • PRTICA METODOLGICA

    APA afetiva com nfase no discente;

    Grandes exerccios devem ser planejados;

    Avaliao atitudinal e de valores horizontal em cada atividade;

    EIXO TRANSVERSAL Valores e Atitudes

  • PRTICA METODOLGICA

    - Reunies peridicas com todos os responsveis pelo desenvolvimento;- Participao em efemrides para desenvolver a capacidade de pesquisa, sntese e comunicao etc e- Programa que arquive todas as informaes recolhidas dos instruendos e que facilite uma concluso a respeito do desenvolvimento atitudinal e de valores do aluno

    EIXO TRANSVERSAL Valores e Atitudes

  • AVALIAO POSSVEL E PARA QUE?

    MDIA FINAL?

    AVALIAO DA DAPROM?

    EIXO TRANSVERSAL Valores e Atitudes

  • CONSIDERAO FINAL

    DESENVOLVIMENTO

    EIXO TRANSVERSAL Valores e Atitudes

  • Metodologia proposta1. Anlise documental2. Grupo focal3. Entrevista e observao4. Inventrio de atividades

  • Lei 12705, de 08 de agosto de 2012Art 2V - ser aprovado em avaliao psicolgica, realizada com o emprego de procedimentos cientficos destinados a aferir a compatibilidade das caractersticas psicolgicas do candidato com a carreira militar;