of 22 /22
CIVILIZAÇÕES CIVILIZAÇÕES CLÁSSICAS: CLÁSSICAS: ROMA ROMA Natania A S Nogueira Mestra em História [email protected] http:// historiadoensino.blogspot.com. br/

Civilizações clássicas roma

Embed Size (px)

Citation preview

Page 1: Civilizações clássicas roma

CIVILIZAÇÕES CLÁSSICAS:CIVILIZAÇÕES CLÁSSICAS:ROMAROMA

Natania A S NogueiraMestra em História

[email protected] http://historiadoensino.blogspot.com.br/

Page 2: Civilizações clássicas roma

A civilização Romana• A data convencional

aceita atualmente pelos historiadores para a origem da cidade antiga é 753 a.C.

• A data determinada pelo romano Varrão, que se baseou para seus cálculos nas tradicionais lendas de fundação.

Page 3: Civilizações clássicas roma

Localização Geográfica• Roma está localizada na região do Lácio,

na península itálica, a 25 quilômetros da foz do rio Tibre, em sua margem esquerda.

Page 4: Civilizações clássicas roma

A Monarquia• Sete reis governaram Roma.• A monarquia etrusca coincidiu com uma

época de notável progresso econômico e cultural.

• Tanto os etruscos do norte quanto os gregos do sul tiveram influência significativa na formação da cultura especificamente latina.

• Roma, que não passava de um aglomerado de aldeias, converteu-se numa verdadeira cidade.

• O último rei, Tarquínio o Soberbo, foi deposto pelos cidadãos de Roma, que instauraram então o regime republicano.

Page 5: Civilizações clássicas roma

A divisão social• Patrícios: descendentes

dos fundadores de Roma. Donos de grandes propriedades e de escravos. Ocupam os cargos mais importantes.

• Clientes: dependentes dos patrícios

• Plebeus: pessoas livres pobres sem direitos políticos.

• Escravos: prisioneiros de guerra, filhos de escravos e plebeus endividados.

Page 6: Civilizações clássicas roma

A República• Durante o período

republicano, Roma transformou-se de simples cidade-estado num grande império.

• Mediterrâneo.• O senado Romano

ganhou grande poder político.

• Os senadores, de origem patrícia, cuidavam das finanças públicas, da administração e da política externa.

• As atividades executivas eram exercidas pelos cônsules e pelos tribunos da plebe.

Page 7: Civilizações clássicas roma

Plebeus exigem direitos• A República foi um período de lutas sociais e

política que resultaram, entre outras coisas:• Na criação dos tribunos da plebe, que

garantiu a participação política e melhores condições de vida.

• Na Lei das Doze Tábuas, foi a base dos sistemas jurídicos modernos.

• Na Lei Licínia, que garantia a participação dos plebeus no Consulado (dois cônsules eram eleitos: um patrício e um plebeu). Esta lei também acabou com a escravidão por dívidas (válida somente para cidadãos romanos).

Page 8: Civilizações clássicas roma

A expansão e o fim da República

• Após dominar toda a península itálica os romanos partiram para a expansão do seu território.

• Venceram os cartagineses nas Guerras Púnicas (século III a.C) e garantiram a supremacia romana no Mar Mediterrâneo, que passaram a chamar de Mare Nostrum.

• Roma ampliou suas conquistas, dominando a Grécia, o Egito, a Macedônia, a Gália, a Germânia, a Trácia, a Síria e a Palestina.

Page 9: Civilizações clássicas roma
Page 10: Civilizações clássicas roma

• Roma torna-se mercantil, urbana e luxuosa.

• O Exército vira uma instituição poderosa e o escravismo passa a ser o modo de produção dominante. 

• Nos séculos III a.C. e II a.C., as reformas defendidas pelos irmãos Tibério e Caio Graco e as lutas entre patrícios e plebeus enfraquecem o Senado.

• Surge o Triunvirato: governo de três generais.

• I Triunvirato: Crasso, Pompeu e Júlio César.

• Em 46 a.C., Júlio César põe fim à República e torna-se ditador. É assassinado dois anos depois.

Page 11: Civilizações clássicas roma

• II Triunvirato: Emílio Lépido, Marco Antônio e Otávio.

• Disputas internas levam à divisão dos domínios de Roma: Marco Antônio fica com o Oriente, Lépido com a África e Otávio com o Ocidente.

• Otávio, através de manobras políticas no Senado, aumenta seu poder e recebe o título de Príncipe Augustus Imperador (filho divino), tornando-se o primeiro Imperador de Roma. 

Page 12: Civilizações clássicas roma

O Império• Quase todos os territórios em torno do

Mediterrâneo estavam sob domínio romano, assim como a atividade comercial.

• As conquistas foram responsáveis por importantes mudanças sócio-econômicas, como:

• formou-se o modo de produção escravista e desenvolveu-se uma classe formada pelos homens novos enriquecidos pelo comércio e pelas guerras de conquistas.

• Mudança nos costumes e valores: maior influência da cultura grega e o apego ao luxo.

Page 13: Civilizações clássicas roma

• As novas camadas sociais passaram a disputar diretamente o poder com os patrícios, que por sua vez buscavam conquistar o apoio de uma parcela da plebe através do clientelismo e promover a alienação da outra parcela através da política do "Pão e Circo" .

Page 14: Civilizações clássicas roma

A Religião Romana

• Os romanos eram politeístas.

• A grande parte dos deuses romanos foram retirados do panteão grego, porém os nomes originais foram mudados.

• Os romanos cultuavam também os deuses lares e penates, dentro das casas e protegiam a família.

Page 15: Civilizações clássicas roma

O Cristianismo• O Cristianismo surgiu durante o Alto Império na

Palestina.• O cristianismo contrariava os interesses do

Império. Por isso, a Igreja foi violentamente perseguida.

• Em 313, o Imperador Constantino, através do Edito de Milão, liberou os cultos cristãos e em 391 o Imperador Teodósio, proibiu todos as outras religiões e adotou o Cristianismo como religião oficial.

• Alguns historiadores apontam o cristianismo como uma das causas da queda do Império Romano.

Page 16: Civilizações clássicas roma

Durante a perseguição ao cristianismo, os cristão era jogados aos leões no coliseu

Page 17: Civilizações clássicas roma

A Crise do Império• Por volta do século III, o império romano passava

por uma enorme crise econômica e política. • A corrupção dentro do governo e os gastos com

luxo retiraram recursos para o investimento no exército romano.

• Com o fim das conquistas territoriais, diminuiu o número de escravos, provocando uma queda na produção agrícola. Na mesma proporção, caia o pagamento de tributos originados das províncias.

• Em crise e com o exército enfraquecido, as fronteiras ficavam a cada dia mais desprotegidas. Muitos soldados, sem receber salário, deixavam suas obrigações militares.

Page 18: Civilizações clássicas roma

• Os povos germânicos, estavam forçando a penetração pelas fronteiras do norte do império.

• No ano de 395, o imperador Teodósio resolve dividir o império em: Império Romano do Ocidente, com capital em Roma e Império Romano do Oriente (Império Bizantino), com capital em Constantinopla.

• Em 476, chega ao fim o Império Romano do Ocidente, após a invasão de diversos povos bárbaros. Era o fim da Antiguidade e início de uma nova época chamada de Idade Média.

Page 19: Civilizações clássicas roma

A herança cultural romana• O Direito é uma das heranças romanas. Para

administrar o gigantesco império e manter ordem dentro das cidades, os romanos desenvolveram leis, que deram origem aos Códigos Jurídicos.

• O Direito Romano que foi usado como base para as sociedades do ocidente, chegando até a atualidade. 

• Havia três categorias do Direito Romano: Direito Privado (leis voltadas para as famílias); Direito Estrangeiro (leis para os estrangeiros) e Direito Público (leis para os cidadãos romanos). Deste último, surgiu o Código Civil.

Page 20: Civilizações clássicas roma

IUSTITIA - Divindade romana que representa a Justiça. Apresenta-se com os olhos vendados, segurando a balança com as duas mãos, os pratos alinhados e o fiel bem no meio, às vezes sentada

Page 21: Civilizações clássicas roma

• A língua falada e escrita em Roma Antiga era o latim, que deu origem a várias línguas sendo as principais: Português, Francês, Italiano, Espanhol e Romeno.

• O alfabeto romano é utilizado até hoje na maioria dos países do mundo.  

• Arquitetura e Engenharia romanas eram marcadas pela eficiência. O romanos criaram, várias técnicas para construir grandes templos, palácios, estádios, aquedutos, anfiteatros e prédios públicos. A eficiência construtiva foi tão grande, que muitos destas construções chegaram até os dias atuais.

•  Os romanos também se destacaram na construção de estradas, ligando Roma a diversas províncias sob seu controle.

•  

Page 22: Civilizações clássicas roma

A ponte-aqueduto sobre o rio Gard, construída pelos Romanos no sul da França, tem 49 metros de altura e, em sua mais longa extensão, 275 metros.