Profissões da Saúde

  • Published on
    23-Jun-2015

  • View
    2.625

  • Download
    0

Embed Size (px)

Transcript

<ul><li> 1.</li></ul> <p> 2. Cincias da Sade<br /> 3. Trabalho realizado por:<br />Ins Tavares, n14, 8B<br />Jos Amaro, n19, 8B<br /> 4. Profisses da Sade<br />Algumas das principais profisses relacionadas com a sade:<br />Delegado de Propaganda Mdica<br />Enfermeiro<br />Farmacutico<br />Dentista<br />Mdico<br />Obstetra<br />Psiclogo<br />Tcnico de Anlises Clnicas<br />Cirurgio<br />Investigador Mdico<br />Veterinrio<br />Medicina alternativa<br />Endocrinologista <br />Fisioterapeuta <br />Pediatra <br />Nutricionista <br />Optometrista <br />Psiquiatra <br />Terapeuta daFala<br />Oncologista<br />Otorrinolaringologista<br />Alergologista<br />Odontologista<br />Ortopedista<br />Radiologista<br /> 5. Enfermeiro - Requisitos<br />Para ser Enfermeiro necessrio uma Licenciatura (ou curso de grau superior) em Enfermagem, uma cdula profissional e uma inscrio na Ordem dos Enfermeiros. Esta Licenciatura dura 4 anos<br /> 6. Enfermeiro - Especialidades<br />Um Enfermeiro pode completar, aps a licenciatura, uma especializao.<br />Actualmente, a Ordem dos Enfermeiros reconhece oficialmente as seguintes especializaes:<br />Enfermagem Comunitria<br />Enfermagem de Sade Infantil e Pediatria<br />Enfermagem Mdico-Cirrgica<br />Enfermagem de Reabilitao<br />Enfermagem de Sade Materna e Obstetrcia<br />Enfermagem de Sade Mental e Psiquiatria<br /> 7. Enfermeiro Local de Trabalho<br />Um Enfermeiro pode trabalhar em diversos locais que prestem cuidados de sade, principalmente em Clnicas e Hospitais<br /> 8. Enfermeiro - Remunerao<br />Dependendo do seu local de trabalho, do seu escalo profissional, das suas qualificaes e do seu cargo, o salrio mensal de um Enfermeiro pode variar:<br />Enfermeiro entre 1000 e 1150<br />Enfermeiro Graduado entre 1200 e 2350<br />Enfermeiro Especialista entre 1400 e 2700<br />Enfermeiro Chefe entre 1650 e 2750<br />Enfermeiro Supervisor entre 1750 e 3000<br /> 9. Enfermeiro - Horrio<br />O horrio de um Enfermeiro depende dos seus turnos e pode ir das 8h s 15h ou das 15h s 22h <br />A urgncia de noite decorre das 22h s 8h enquanto as urgncias de fim-de-semana assemelham-se aos horrios normais da semana<br /> 10. Enfermeiro Mercado de Trabalho<br />Encontrar emprego na rea da enfermagem extremamente difcil, principalmente com a crise econmica actual<br /> 11. Enfermeiro Histria da enfermagem<br />Inicialmente, a Enfermagem apareceu entre as mulheres que eram encarregues de cuidar da famlia<br />Lentamente, esta profisso foi apoderada por homens, como sacerdotes de templos que se transformaram em escolas onde seensinavam estas prestaes de cuidados<br />Durante as pocas medieval e renascentista no foi dada muita importncia Enfermagem, que cresceu com o aparecimento do Capitalismo<br />A Enfermagem desenvolveu-se rapidamente quando Florence Nightingale e outras voluntrias ajudaram feridos na Guerra da Crimia e a mortalidade diminuiu dos 40% para os 2%<br /> 12. Tcnico de Anlises Clnicas - Requisitos<br />Para se tornar Tcnica de Anlises Clnicas, uma pessoa precisa de uma Licenciatura, de 4 anos, em Anlises Clnicas e Sade Pblica e de uma cdula profissional. Actualmente considera-se a hiptese de criar uma Ordem, na qual obrigatria a inscrio, para poder exercer a profisso<br /> 13. Tcnico de Anlises Clnicas - Especialidades<br />Tambm nas Anlises Clnicas existem especialidades. Ao contrrio dos Enfermeiros, estes Tcnicos no necessitam de qualificaes adicionais para trabalhar numa especialidade<br />Existem muitas especialidades de Anlises Clnicas, por exemplo:<br />Hematologia<br />Bioqumica<br />Microbiologia<br />Imunologia<br />Endocrinologia<br />Alergologia<br />Monitorizao de Frmacos<br />Toxicologia Clnica<br />Patologia Molecular<br />Imunohemoterapia<br />Absoro Atmica<br />HPLC (High-Performance Liquid Chromatography)<br />Citometria de Fluxo<br /> 14. Tcnico de Anlises Clnicas Local de Trabalho<br />Os locais de trabalho mais comuns para os Tcnicos de Anlises Clnicas so Hospitais e Laboratrios, embora tambm possam exercer em Clnicas com equipamento apropriado<br /> 15. Tcnico de Anlises Clnicas - Remunerao<br />Variando conforme o seu escalo e as suas qualificaes, o salrio base mensal de um Tcnico de Anlises Clnicas varia entre os 1000 e os 1500, mas aumenta com a realizao de horas extraordinrias e de anlises para os pacientes do programa SIGIC (pacientes em lista de espera h longos perodos de tempo que so sujeitos a cirurgias fora do horrio de trabalho do cirurgio), podendo subir at aos 2500<br /> 16. Tcnico de Anlises Clnicas - Horrio<br />Dependendo de turnos, o horrio de um Tcnico de Anlises Clnicas pode ir das 8h s 15h ou das 15h s 20h.<br />Tambm h urgncias de noite, das 20h s 8h. Ao fim-de-semana, os horrios vo das 8h s 20h (servio de urgncia) ou das 15h s 20h (apoio ao servio)<br /> 17. T. Anlises Cln. Mercado de trabalho<br />Apesar de ser mais fcil do que o de Enfermagem, tambm o mercado de trabalho em Anlises Clnicas e Sade Pblica difcil<br /> 18. FIM<br /> 19. Bibliografia<br />PARKER, Steve e outros; Medicina; Coleco "Visual Cincia"; Editorial Verbo<br />http://pt.wikipedia.org/<br />http://cdp.portodigital.pt/<br />PARKER, Steve e outros; Anatomia e Fisiologia do Corpo Humano; Editora Civilizao<br />WINSTON, Robert, WALKER, Richard e outros; Corpo Humano; Editora Civilizao<br />http://en.wikipedia.org/<br />http://www.tecnet.pt/<br />http://www.iefp.pt/<br />http://ofuturoenfermeiro.blogspot.com/<br />http://pt.shvoong.com/<br /></p>

Recommended

View more >