ANCP Manual Concursos

  • View
    131

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of ANCP Manual Concursos

MANUAL DE BOAS PRTICAS PARAMod.015.01

PARTICIPAO EM PROCEDIMENTOS DE CONTRATAO PBLICA

Identificao do Documento 001 09 CA

Controlo de VersesVerso 01 02 Autor DCP Ana Nair Ataz Aprovado por CA DCP Data 17-12-2009 14-02-2011 Criao Alterao dos AQ em vigor e atualizao das normas que alteraram o CCP Entrada em Vigor de CI e PECI, e concursos a decorrer (VE e VA) Entrada em vigor de EI Acordo ortogrfico Alterao

03 04 05Mod.015.01

DCP Ana Nair Ataz Ana Nair Ataz Direco Direco Direco Direco

DCP DCP DCP Direco Direco Direco Direco

31-03-2011 02-08-2011 13-10-2011 Data Data Data Data Cdigo PGA:

06 07 08 09 Intranet:

ndice

1 2 3 4 5 6 7 8 9Mod.015.01

Nota introdutria ......................................................................................... 4 Declarao relativa inexistncia de responsabilidade ................................ 5 O Sistema Nacional de Compras Pblicas ..................................................... 5 Os acordos quadro ....................................................................................... 6 Aspetos gerais dos procedimentos ............................................................... 8 Concurso limitado por prvia qualificao .................................................. 12 Concurso pblico ........................................................................................ 21 Os procedimentos de aquisio ao abrigo dos acordos quadro (call-offs) .. 28 Principais causas de excluso das candidaturas e das propostas em todas as

fases dos procedimentos .................................................................................. 29 10 Aes de formao para utilizao das plataformas eletrnicas ................. 30 11 Principal legislao e regulamentao nacional ......................................... 30

Nota introdutriaA criao da Agncia Nacional de Compras Pblicas, E.P.E. (ANCP), traduziu a consagrao de uma soluo de natureza empresarial com vista organizao e modernizao das compras pblicas, assente nos objetivos de racionalizao e reduo da despesa pblica, obteno de economias de escala e poupanas, modernizao da administrao pblica e melhoria da competitividade entre os fornecedores do Estado. Para que os objetivos acima enunciados possam ser atingidos, essencial que os fornecedores de bens e os prestadores de servios compreendam o modelo de gesto das compras pblicas e a forma de dar cabal resposta s necessidades da Administrao Pblica. No quadro do Sistema Nacional de Compras Pblicas (SNCP), que integra a ANCP, as Unidades Ministeriais de Compras (UMC), as entidades compradoras vinculadas e as entidades compradoras voluntrias, a contratao de bens e servios efetuada preferencialmente de forma centralizada, pela ANCP ou pelas UMC, atravs da celebrao de acordos quadro e daMod.015.01

contratao centralizada ao seu abrigo. A ANCP pretende, com o presente Manual, contribuir para a reduo do nmero de propostas que so excludas em concursos devido a falhas, essencialmente formais, dos concorrentes. A melhoria de qualidade das propostas traduzir-se- num benefcio para todos os intervenientes nos processos de formao dos contratos pblicos, contribuindo para promover uma concorrncia s, mais alargada entre os agentes econmicos interessados em fornecer bens ou em prestar servios Administrao Pblica. A metodologia adotada no presente Manual, para alm do enquadramento da figura do acordo quadro no contexto das compras pblicas, consistiu, com base na experincia adquirida pela ANCP de diversos concursos pblicos e concursos limitados por prvia qualificao, na enunciao de questes relativas s diferentes etapas dos procedimentos de formao dos acordos quadro ou surgidas na apresentao das candidaturas e propostas por parte dos interessados, privilegiando-se os tpicos e questes que maioritariamente determinaram o respetivo insucesso na participao nos procedimentos. Trata-se, em suma, de disponibilizar um guia prtico de contratao pblica, prioritariamente destinado aos fornecedores de bens e prestadores de servios interessados na celebrao de contratos pblicos, habilitando-os com uma ferramenta que permita dar uma melhor resposta na preparao das candidaturas e propostas no mbito de procedimentos de contratao pblica.ANCP- Manual Concursos Pgina 4 de 31

Esta informao Restrita ou Confidencial, no podendo ser duplicada, publicada ou fornecida total ou parcialmente a terceiros sem o prvio consentimento da Agncia Nacional de Compras Pblicas, E.P.E.

Declarao relativa inexistncia de responsabilidadeA ANCP preparou este Manual com o objetivo de contribuir para uma melhoria na apresentao, por parte das entidades interessadas, das candidaturas e propostas aos procedimentos de formao dos acordos quadro por si promovidos. Sem prejuzo do referido, a ANCP no assume qualquer responsabilidade relativamente informao disponibilizada neste Manual, uma vez que o mesmo constitudo por informao de carcter geral, necessariamente no exaustiva e completa, no assumindo, em caso algum, a natureza de um aconselhamento. A informao constante deste Manual no dispensa o conhecimento e cumprimento, por parte dos candidatos e concorrentes a qualquer concurso promovido pela prpria ANCP ou por qualquer das entidades que integram o Sistema Nacional de Compras Pblicas (SNCP), das regras jurdicas aplicveis aos procedimentos de contratao pblica, no podendo qualquer informao, ou omisso, do presente Manual, servir para justificar a falta de cumprimento ou o incorreto cumprimento das normas jurdicas aplicveis.Mod.015.01

O Sistema Nacional de Compras Pblicas

O Sistema Nacional de Compras Pblicas (SNCP) tem por objetivo promover a aquisio, de forma centralizada, de bens mveis e de servios pelas entidades compradoras, mediante a interveno da ANCP e das UMC, sendo a figura do acordo quadro aquela que seguida para efeitos de seleccionar as entidades que, durante determinado perodo de tempo, ficam habilitadas a fornecer ao Estado os bens e servios de que este necessita.ANCP- Manual Concursos Pgina 5 de 31

Esta informao Restrita ou Confidencial, no podendo ser duplicada, publicada ou fornecida total ou parcialmente a terceiros sem o prvio consentimento da Agncia Nacional de Compras Pblicas, E.P.E.

A ANCP, as UMC e as entidades compradoras so, assim, responsveis pela aquisio de bens e servios destinados a satisfazer necessidades transversais da Administrao Pblica, numa fatia que corresponde a cerca de 88% do total das aquisies de bens e servios do Estado, e esto subordinadas aos quatro grandes princpios comunitrios em sede de contratao pblica: igualdade, transparncia, proporcionalidade e reconhecimento mtuo.Igualdade

Na formao dos contratos pblicos, devem proporcionar-se iguais condies de acesso e de participao dos interessados, concedendo-lhes as mesmas oportunidades e no fazendo quaisquer discriminaes entre eles.Transparncia

O critrio de adjudicao e as condies essenciais do contrato que se pretende celebrar, devem estar definidos previamente abertura do procedimento de contratao e ser dados a conhecer a todos os interessados a partir da data daquela abertura.Mod.015.01

Proporcionalidade

Na escolha do procedimento mais adequado ao interesse pblico, devem ser ponderados os custos e os benefcios decorrentes da sua utilizao, devendo, ainda, na tramitao procedimental, serem efetuadas as diligncias e praticados os atos que se revelem indispensveis prossecuo dos fins que se visam alcanar.Reconhecimento mtuo

O princpio do reconhecimento mtuo, traduz o direito dos operadores econmicos de transacionar livremente os seus bens ou servios no mercado de qualquer outro Estado-membro da Unio Europeia, se aqueles tiverem sido produzidos, comercializados ou fornecidos legalmente no Estado-membro de origem, o que tem particular relevncia no domnio das regras e normas tcnicas, certificados e diplomas.

Os acordos quadroAcordo quadro um contrato escrito a celebrar entre a ANCP ou as UMC e as entidades fornecedoras ou prestadoras de servios adjudicatrias, com vista a disciplinar, antecipadamente, as condies jurdicas, tcnicas e econmicas de aquisio futura de bens ou servios, ao longo de um determinado perodo de tempo.ANCP- Manual Concursos Pgina 6 de 31

Esta informao Restrita ou Confidencial, no podendo ser duplicada, publicada ou fornecida total ou parcialmente a terceiros sem o prvio consentimento da Agncia Nacional de Compras Pblicas, E.P.E.

Os acordos quadro pr-qualificam os fornecedores para realizarem vendas de bens e prestao de servios Administrao Pblica e estabelecem, atravs de um contrato pblico de aprovisionamento, as condies e requisitos que aqueles so obrigados a cumprir, em termos de preos, prazos, nveis de servio e qualidade do servio, entre outros aspetos. Mediante este instrumento, os fornecedores ficam qualificados para fornecer todos os organismos do Estado de acordo com as regras definidas no respetivo acordo quadro. Os novos acordos quadro orientam-se por princpios de racionalizao e reduo da despesa pblica, eficincia operacional, gerao de poupanas, promoo da competitividade e gerao de informao de gesto. Em conformidade com estes princpios, enquadram-se medidas que passam pelo estabelecimento de requisitos tcnicos, funcionais e de nveis de servios exigentes, capazes de aumentar a qualidade das aquisies da Administrao Pblica, assim como a incluso, nos cadernos de encargos, dos critrios de adjudicao para as aquisies a realizar ao abrigo dos acordos quadro celebrados pela ANCP. Ser depois ao abrigo destes acordos quadro que Ministrios, Direces-Gerais e InstitutosMod.015.01

Pblicos, compraro os bens e servios de que necessitam, nos termos definidos nesses acordos quadro, sendo que, nessa altura, as condies de fornecimento podero ser ainda melhoradas, elevando o nvel de competitividade entre fornecedores, por um lado, e o