DEPARTAMENTO DE TAQUIGRAFIA REVISÃO E REDAÇÃO ?· mental, físico e emocional, o Colégio desenvolveu…

  • View
    212

  • Download
    0

Embed Size (px)

Transcript

  • DEPARTAMENTO DE TAQUIGRAFIA

    REVISO E REDAO

    SESSO: 124.4.51.O

    DATA: 06/06/02

    TURNO: Vespertino

    TIPO SESSO: Sesso Solene - CD

    LOCAL: Plenrio Principal - CD

    HORA INCIO: 16h30min

    HORA TRMINO: 18h04min

    DISCURSOS RETIRADOS PELO ORADOR(A) PARA REVISO

    Hora Fase Orador Dt. Devol.17:48 HO JOS ANTONIO ALMEIDA

    Observaes:

  • CMARA DOS DEPUTADOSAta da 124 Sesso, em 06 de junho de 2002

    Presidncia dos Srs. ...................................................................

    ...................................................................

    ...................................................................

    ...................................................................

    ...................................................................

    ...................................................................

    ...................................................................

    ...................................................................

    ...................................................................

    ...................................................................

    ...................................................................

    S 16:30 HORAS COMPARECEM OS SENHORES:

    Acio Neves

    Efraim Morais

    Barbosa Neto

    Severino Cavalcanti

    Nilton Capixaba

    Paulo Rocha

    Ciro Nogueira

    Pedro Valadares

    Salatiel Carvalho

    Enio Bacci

    Wilson Santos

  • CMAR A DOS DEPUTADOS - DETAQ REDAO FINALNmero Sesso: 124.4.51.O Tipo: Sesso Solene - CDData: 06/06/02 Montagem: Srgio

    601

    I - ABERTURA DA SESSO

    O SR. PRESIDENTE (Paulo Rocha) - Declaro aberta a sesso.

    Sob a proteo de Deus e em nome do povo brasileiro iniciamos nossos

    trabalhos.

    O Sr. Secretrio proceder leitura da ata da sesso anterior.

    II - LEITURA DA ATA

    O SR. ..........................................................., servindo como 2 Secretrio,

    procede leitura da ata da sesso antecedente, a qual , sem observaes,

    aprovada.

    O SR. PRESIDENTE (Paulo Rocha) - Passa-se leitura do expediente.

    O SR. ..........................................................., servindo como 1 Secretrio,

    procede leitura do seguinte

    III EXPEDIENTE

  • CMAR A DOS DEPUTADOS - DETAQ REDAO FINALNmero Sesso: 124.4.51.O Tipo: Sesso Solene - CDData: 06/06/02 Montagem: Srgio

    602

    O SR. PRESIDENTE (Paulo Rocha) - Finda a leitura do expediente, vai-se

    passar

    IV - HOMENAGEM

    O SR. PRESIDENTE (Paulo Rocha) - Esta sesso solene, requerida pelo

    nobre Deputado Walter Pinheiro, destina-se a homenagear o Colgio Batista

    Brasileiro pelo transcurso do centenrio de sua fundao.

    Para compor a Mesa, convido o Dr. Jos Nemsio Machado, Diretor-Geral do

    Colgio Batista e Presidente da Associao Nacional de Escolas Batistas ANEB;

    o Sr. Hlio Schwartz Lima, Pastor Presidente da Junta de Educao da Conveno

    Batista do Estado de So Paulo; o Sr. Jorge Bezerra, Pastor Associado de Glendale

    Baptist Church e da Igreja Evanglica Brasileira no sul de Miami; o Sr. Josu Mello

    Salgado, Pastor da Igreja Memorial Batista de Braslia; o Sr. Jlio Sanches, Pastor

    Vice-Presidente da Junta de Educao da Conveno Batista do Estado de So

    Paulo; e a Sra. Klaudy Garros, Secretria da ANEB. (Palmas.)

    Convido todos a ouvirem de p o Hino Nacional Brasileiro.

    ( executado o Hino Nacional.)

  • CMAR A DOS DEPUTADOS - DETAQ REDAO FINALNmero Sesso: 124.4.51.O Tipo: Sesso Solene - CDData: 06/06/02 Montagem: Srgio

    603

    O SR. PRESIDENTE (Paulo Rocha) Ouviremos agora a apresentao do

    conjunto Quarteto Aliana, da Igreja Batista de Taguatinga, que apresentar a

    msica Cantando Vou.

    (Apresentao musical. Palmas.)

  • CMAR A DOS DEPUTADOS - DETAQ REDAO FINALNmero Sesso: 124.4.51.O Tipo: Sesso Solene - CDData: 06/06/02 Montagem: Srgio

    604

    O SR. PRESIDENTE (Paulo Rocha) Convido todos a assistirem

    apresentao do vdeo institucional do Colgio Batista Brasileiro Cem anos

    sintonizados com o futuro.

    (Exibio de vdeo. Palmas.)

  • CMAR A DOS DEPUTADOS - DETAQ REDAO FINALNmero Sesso: 124.4.51.O Tipo: Sesso Solene - CDData: 06/06/02 Montagem: Srgio

    605

    O SR. PRESIDENTE (Paulo Rocha) - Sras. e Srs. Deputados, senhoras e

    senhores convidados, juventude presente, a comemorao do centenrio do Colgio

    Batista Brasileiro, no mbito desta Casa, homenagem devida no apenas

    excelncia de um projeto educacional, mas tambm ao idealismo dos missionrios

    religiosos que se dedicaram, ao longo desses cem anos, formao integral de

    vrias geraes.

    O Colgio Batista Brasileiro um dos grandes patrimnios da educao no

    Brasil. Ali, conjugam-se solidamente os princpios cristos e os contedos

    cognitivos, voltados para a formao sadia e integrada do indivduo, de modo a

    prepar-lo para um convvio social proveitoso e responsvel. Como meta

    institucional, a educao para a cidadania prevalece no iderio do Colgio Batista e

    estabelece o horizonte a partir do qual se concebem o conhecimento e a

    capacitao profissional.

    A grandeza do empreendimento pode ser medida em seus primrdios,

    quando o casal de missionrios americanos William e Ana Bagby, em 1902, decidiu-

    se a criar um colgio evanglico na cidade de So Paulo, que efervescia em meio

    perspectiva de progresso e crescimento industrial. O Colgio Batista, fundado nesse

    ambiente, refletia as ambies da poca, no sentido da ampliao do campo do

    conhecimento e do crescente aprimoramento das prticas profissionais. Mas

    buscava, tambm, oferecer um novo patamar de educao, baseado em uma

    concepo mais ampla das potencialidades individuais.

    Profundamente ancorado nos fundamentos cristos da solidariedade e do

    respeito ao prximo, o novo colgio, juntamente com outras instituies protestantes

  • CMAR A DOS DEPUTADOS - DETAQ REDAO FINALNmero Sesso: 124.4.51.O Tipo: Sesso Solene - CDData: 06/06/02 Montagem: Srgio

    606

    de ensino, foi responsvel por uma verdadeira revoluo nos padres educacionais

    em vigor no Brasil de ento, pela abolio dos castigos fsicos em sala de aula e

    pela adoo de mtodos intuitivos e objetivos, que valorizavam o indivduo e suas

    aptides naturais.

    Transferido para a sede definitiva em 1923, onde at hoje realiza suas

    atividades, o Colgio Batista Brasileiro vem consolidando uma tradio de ensino

    que ultrapassa os limites do Estado de So Paulo e repercute em todo o Pas.

    Considerando que educao se faz a partir do conhecimento da realidade do

    indivduo e da sociedade, buscando a realizao do aluno na interao dos aspectos

    mental, fsico e emocional, o Colgio desenvolveu uma prtica integrada de

    aquisio de contedos e experincias, que promovem a criatividade, a

    independncia e a autonomia de pensamento. Os alunos so incentivados a

    descobrir suas prprias habilidades e perspectivas, nas reas de cincia, arte e

    humanidades, mas sempre orientados pelos valores de coletividade e cidadania.

    So, assim, exercitados para a participao social crtica e responsvel, tendo em

    vista a transformao dos modelos vigentes segundo os parmetros da democracia

    e da justia social.

    Este o maior mrito do Colgio Batista Brasileiro: combinar, harmoniosa e

    interativamente, educao religiosa, cvica e cognitiva, numa proposta pedaggica

    que tanto valoriza a pessoa humana, do ponto de vista intelectual e espiritual,

    quanto prepara o cidado, no que se refere a seu papel e responsabilidade em

    relao ao corpo social.

  • CMAR A DOS DEPUTADOS - DETAQ REDAO FINALNmero Sesso: 124.4.51.O Tipo: Sesso Solene - CDData: 06/06/02 Montagem: Srgio

    607

    Nossos sinceros cumprimentos, pois, direo e equipe de professores do

    Colgio Batista Brasileiro, com especial meno memria dos fundadores e

    precursores, pela contribuio inestimvel que tm prestado educao no Brasil,

    nesse esforo que perdura h um sculo. Nossos cumprimentos, ainda, aos alunos

    de ontem, hoje e sempre, cujo envolvimento com um projeto de tamanha

    abrangncia e importncia tem-se mostrado exemplarmente profcuo, voltado para

    os maiores e mais legtimos interesses deste Pas. (Palmas.)

  • CMAR A DOS DEPUTADOS - DETAQ REDAO FINALNmero Sesso: 124.4.51.O Tipo: Sesso Solene - CDData: 06/06/02 Montagem: Srgio

    608

    O SR. PRESIDENTE (Paulo Rocha) - Concedo a palavra ao nobre Deputado

    Walter Pinheiro, autor do requerimento. S.Exa. dispe de dez minutos.

    O SR. WALTER PINHEIRO (PT-BA. Sem reviso do orador.) - Sr. Presidente,

    Deputado Paulo Rocha, que, juntamente com os Deputados Gilmar Machado e este

    Parlamentar, props a realizao desta sesso solene em homenagem educao

    batista no Brasil, aqui representada pelo Colgio Batista Brasileiro; Prof. Dr. Jos

    Nemsio Machado, Diretor-Geral do Colgio Batista Brasileiro e Presidente da

    Associao Nacional de Escolas Batistas ANEB; Pastor Hlio Schwartz Lima,

    Presidente da Junta de Educao da Conveno Batista do Estado de So Paulo;

    Pastor Jorge Bezerra, que abrilhanta esta festa com sua presena e com quem tive

    oportunidade de conviver parte de minha infncia, adolescncia e juventude na

    Igreja Batista dos Mares, em Salvador, ainda que seja um pouco mais velho do que

    eu a propsito, o Pastor Jorge Bezerra lana hoje seu livro Terceiro Milnio e

    atualmente est evangelizando nos Estados Unidos, inicialmente em Boston, em

    seguida em Miami, com o grande desafio de lidar com brasileiros que se tm

    deslocado para aquele pas com a