Modelo Monografia ABNT

Embed Size (px)

Text of Modelo Monografia ABNT

FACULDADE DE CINCIAS ECONMICAS DO TRINGULO MINEIRO CURSO DE CINCIAS ECONMICAS

IDENTIFICAO DO AUTOR

TTULO DA MONOGRAFIA SUBTTULO (QUANDO HOUVER)

CIDADE ANO

AUTOR

TTULO DA MONOGRAFIA SUBTTULO (QUANDO HOUVER)

Monografia apresentada Faculdade de Cincias Econmicas do Tringulo Mineiro como requisito parcial obteno do ttulo de bacharel em Cincias Econmicas. Orientador: Nome do Professor.

CIDADE ANO

FACULDADE DE CINCIAS ECONMICAS DO TRINGULO MINEIRO CURSO DE CINCIAS ECONMICAS

Autor

Ttulo

Monografia aprovada em ____/____/____ para obteno do ttulo de Bacharel em Cincias Econmicas.

Banca Examinadora:

_______________________________________ Nome do Professor(a) Orientador(a) _______________________________________ Nome do Professor(a) de Monografia _______________________________________ Nome do Professor(a) Convidado(a)

DEDICATRIA

De uma maneira geral apresenta-se como um texto curto, em que se dedica o trabalho a uma ou mais pessoas cujo apoio tenha sido considerado fundamental para sua execuo. Usualmente colocada na parte inferior direita da folha.

Aos meus pais, pela compreenso e o estmulo em todos os momentos.

AGRADECIMENTOS

O agradecimento feito tanto s pessoas que contriburam para a realizao do trabalho, direta ou indiretamente, quanto a instituies ou pessoas envolvidas no processo de realizao da monografia. o caso, por exemplo, de pessoas ou empresas que forneceram informaes sobre suas atividades. Pode ser colocado na disposio normal da pgina ou na parte inferior direita da folha.

PENSAMENTO

Citao direta de um pensamento cuja significao apresente estreita relao com o tema desenvolvido na monografia. Usualmente colocada na parte inferior direita da folha.

"A teoria econmica no oferece um corpo de concluses estveis imediatamente aplicvel formulao de polticas pblicas. um mtodo, mais do que uma doutrina, um aparato da mente que ajuda seu possuidor a alcanar concluses corretas.John Maynard Keynes

RESUMO

Texto com no mximo

500 palavras, em que se conta a monografia em seus

aspectos primordiais, mostrando problema, metodologia, principais passos do desenvolvimento e expondo os resultados alcanados e as concluses mais importantes. Deve ser suficiente para indicar ao leitor a convenincia de ler ou no o texto. A redao feita de maneira contnua (no se utiliza enter), sem o uso de tpicos enumerados.

SUMRIO

Informa o contedo do trabalho a partir de suas principais divises, na mesma seqncia que consta do texto. Os ttulos dos captulos devem ser colocados em letras maisculas e os subttulos com a letra inicial em maisculo, e as demais em minsculo. O espacejamento entrelinhas simples e, separando os captulos, dois simples. LISTAS RESUMO ............................................................................................................... METODOLOGIA ................................................................................................... INTRODUO ...................................................................................................... I. 11SOCIALISMO CARACTERES GERAIS E ASPECTOS HISTRICOS ...... 1.1 Caracteres Gerais dos Sistemas Socialistas .................................................. 1.2 A Utopia de Plato .......................................................................................... 1.3 Socialistas Utpicos .................................................................................. 10 11 11 15 17

II. MATERIALISMO HISTRICO E A INTERPRETAO MARXISTA DO 25 CAPITALISMO ............................................................................................................... 2.1 Dialtica Base Argumentativa de Marx ....................................................... 25 2.2 Conceitos Principais do Materialismo Histrico .............................................. 28 2.3 Evoluo do Capitalismo Segundo Marx Sntese ....................................... 31 2.4 Um Modelo Para a Circulao na Economia .................................................. 35 III. DO IMPERIALISMO GLOBALIZAO ACERTOS E ERROS DA 38 TEORIA MARXISTA .............................................................................................. 3.1 Imperialismo e Surgimento do Capital Financeiro .......................................... 38 3.2 Do Capital Financeiro Globalizao ............................................................. 40 3.3 Marxismo e "Socialismo Real ......................................................................... 42 3.4 Crtica Terica s Teses de Marx ................................................................... 46 CONCLUSO ........................................................................................................ REFERNCIAS ..................................................................................................... ANEXOS ............................................................................................................... APNDICES........................................................................................................... 50 52 54

LISTA DE TABELAS (QUADROS OU FIGURAS)

Relao de tabelas (quadros ou figuras) de acordo com a ordem apresentada no texto, com cada item acompanhado do respectivo nmero de pgina. Dever ser feita uma lista separada para cada um dos casos, ou seja, uma lista de tabelas, uma lista de quadros e uma lista de figuras.

METODOLOGIA

Esta parte depende do tipo de pesquisa que est sendo proposta e devem ser considerados os seguintes itens: a) indicar o tipo de pesquisa (bibliogrfica, documental, estudo de caso, pesquisa de campo etc.) Exemplo: Neste trabalho foram desenvolvidos dois tipos de pesquisa:

Pesquisa terica: sero tratados todos os conceitos envolvendo o sistema de informao, com suas fontes e canais.

Pesquisa de campo: a pesquisa de campo ser realizada em ... (citar local ou locais, detalhando como ser realizada, seus participantes, o universo a ser investigado etc)

b)

indicar o procedimento metodolgico

Identificar o objeto de estudo, descrevendo suas caractersticas, como a amostra ser selecionada, onde e porque a pesquisa foi desenvolvida. Exemplo: O procedimento metodolgico escolhido foi o estudo de caso da indstria moveleira de Uberaba que se mostrou um campo frtil para a investigao de diversos problemas relacionados economia local e regional.

(2 ENTER ESPACEJAMENTO DUPLO) INTRODUO (2 ENTER ESPACEJAMENTO DUPLO)

2,0cm

Fonte 10

2,0cm

Todos os espaamentos da parte de desenvolvimento da pesquisa devero ser duplos e a formatao das pginas a mesma dos itens introdutrios apresentados anteriormente. A Introduo deve fornecer de maneira clara a idia central da pesquisa realizada. a parte em que se expe o problema, os objetivos, as hipteses que se tentar provar, motivando o desenvolvimento do trabalho que segue. A Introduo precisa conter quatro idias bsicas: a) o tema trabalhado b) razo de se ter escolhido o tema c) qual a contribuio do estudo e para quem d) como ser feita a monografia (qual a diviso de captulos e seu contedo sucinto).

OBSERVAO IMPORTANTE

ESTE TRABALHO BASEADO NAS NBR 6023, 10520 e 14724 (AGO/2002)

(2 ENTER ESPACEJAMENTO DUPLO) CAPTULO I (2 ENTER ESPACEJAMENTO DUPLO)

TTULO DO CAPTULO (2 ENTER ESPACEJAMENTO DUPLO)

1.1 Primeiro Subttulo (2 ENTER ESPACEJAMENTO DUPLO)

O texto se inicia a partir deste ponto. (2ENTER. ESPACEJAMENTO DUPLO PARA SEPARAR O FINAL DE UMA SEO DO INCIO DA OUTRA)

1.2 Segundo Subttulo (2 ENTER ESPACEJAMENTO DUPLO)

E segue o texto. (CASO EXISTAM MAIS SEES, REALIZAR O MESMO PROCEDIMENTO FEITO NA SEO UM: 2 ENTER. ESPACEJAMENTO DUPLO PARA SEPARAR O FINAL DE UMA SEO DO INCIO DA OUTRA)

A FORMATAO DOS DEMAIS CAPTULOS DEVER SEGUIR A MESMA METODOLOGIA.

(2 ENTER ESPACEJAMENTO DUPLO) CONCLUSO (2 ENTER ESPACEJAMENTO DUPLO)

Na concluso, responde-se, finalmente, pergunta proposta como problema, a partir dos dados apresentados no Desenvolvimento, apresentando uma soluo, ou, ao menos, meios de alcan-la, de forma que todo o corpo do trabalho forme um texto coerente e consistente com a realidade terica e prtica do tema trabalhado. No permitida a incluso de novos dados na concluso.

(2 ENTER ESPACEJAMENTO DUPLO) REFERNCIAS (2 ENTER ESPACEJAMENTO DUPLO)

Em ordem alfabtica de autor, iniciando-se pelo sobrenome, de acordo com norma NBR 6023, da ABNT. Deve ser feita em espao simples, para escrever os dados de uma mesma obra. Entre um autor e outro deve ser usado espao duplo.

ANEXOS

Documentos que complementam o trabalho, esclarecendo ou comprovando seu contedo. Geralmente constitudo por cpias de leis, decretos, etc., que por sua especificidade no devem vir no corpo do texto. Devem ser numerados em ordem de apario ou utilizao no texto. A formatao a mesma da usada no trabalho inteiro. Devem ser separados da ltima pgina das referncias bibliogrficas por uma folha com a inscrio ANEXOS, escrita no meio da pgina.

APNDICES

Material suplementar ao trabalho, a ttulo de esclarecimento ou documentao. So elaboradas pelo prprio autor, como questionrios, tabelas, clculos ou grficos. A formatao a mesma da usada no trabalho inteiro. Devem ser separados da ltima pgina do anexo por uma folha com a inscrio APNDICES, escrita no meio da pgina.

CITAES, NOTAS DE RODAP, TABELAS, QUADROS E FIGURASCITAES TEXTUAIS

So transcries de partes da obra de um autor, na ntegra. Uma citao pode ser pequena, com at trs linhas, vindo no corpo do texto, entre aspas. Exemplo: Adotando como ponto de partida o processo de produo em

geral, passando pela produo para a troca, o autor chega produo capitalista no mundo atual, na qual,