PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e .MADELLA-OLIVEIRA, A.F., QUIRINO, C.R. e PACHECO,

  • View
    213

  • Download
    0

Embed Size (px)

Text of PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e .MADELLA-OLIVEIRA, A.F., QUIRINO, C.R. e PACHECO,

  • MADELLA-OLIVEIRA, A.F., QUIRINO, C.R. e PACHECO, A. Principais hormnios que controlam o comportamento reprodutivo e social das fmeas ruminantes Reviso. PUBVET, Londrina, V. 8, N. 3, Ed. 252, Art. 1668, Fevereiro, 2014.

    PUBVET, Publicaes em Medicina Veterinria e Zootecnia.

    Principais hormnios que controlam o comportamento reprodutivo e

    social das fmeas ruminantes - Reviso

    Aparecida de Ftima Madella-Oliveira1, Celia Raquel Quirino2, Aline Pacheco3

    1 Professora do Instituto Federal de Educao, Cincia e Tecnologia do Esprito

    Santo, Alegre, ES, Brasil. amadella@ufes.edu.br 2 Professora da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro -

    Centro de Cincias e Tecnologias Agropecurias Campos dos Goytacazes, RJ,

    Brasil. crq@uenf.br 3 Ps-doutoranda da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro

    - Centro de Cincias e Tecnologias Agropecurias Campos dos Goytacazes,

    RJ, Brasil. apvuff@yahoo.com.br

    Resumo

    Esta reviso de literatura tem por objetivo identificar os principais hormnios

    que controlam o comportamento reprodutivo e social das fmeas ruminantes,

    em primeiro lugar sero abordadas as definies, as classificaes e as origens

    dos hormnios, em segundo lugar focalizar as principais funes dos

    hormnios no ciclo estral das fmeas ruminantes, terceiro lugar caracterizar-

    se- os aspectos do comportamento social e por ltimo sero relacionados

    alguns hormnios que causam alteraes no comportamento reprodutivo e

    social. So vrios os estudos sobre os hormnios que controlam o

  • MADELLA-OLIVEIRA, A.F., QUIRINO, C.R. e PACHECO, A. Principais hormnios que controlam o comportamento reprodutivo e social das fmeas ruminantes Reviso. PUBVET, Londrina, V. 8, N. 3, Ed. 252, Art. 1668, Fevereiro, 2014.

    comportamento reprodutivo em fmeas ruminantes. Entretanto, poucos

    hormnios foram pesquisados em relao ao comportamento social.

    Palavras-chave: Bfalos, Caprinos, Ciclo estral, Fisiologia, Hierarquia social,

    Ovinos.

    Main hormones that control the reproductive and social behavior of

    female ruminants - Review

    Abstract

    This literature review aims to identify the main hormones that control the

    reproductive and social behavior of female ruminants, first we will discuss the

    definitions, classifications and origins of hormones, second will focus on the

    main functions of hormones in estrous cycle females ruminants, Third aspects

    of social behavior and finally some hormones that cause changes in the

    reproductive and social behavior will be related characterize herself. Several

    studies on the hormones that control the reproductive behavior in female

    ruminants exist. However, few hormones were studied in relation to social

    behavior.

    Keywords: Buffaloes, goats, estrous cycle, physiology, social hierarchy,

    sheep.

    1. Introduo

    Trabalhos recentes sobre o Comportamento Animal tm demonstrado a

    influncia do comportamento e da organizao social sobre os processos

    fisiolgicos e celulares. Variaes no ambiente social podem inibir ou estimular

    ovulao. Outros estudos mostram que a qualidade do ambiente social e

    comportamental tem efeito direto sobre o funcionamento do sistema

    imunolgico. Pesquisadores em Fisiologia e Imunologia necessitam ser

    orientados por estas influncias comportamentais e sociais para garantir um

    controle adequado de seus prprios estudos (SNOWDON, 1999).

  • MADELLA-OLIVEIRA, A.F., QUIRINO, C.R. e PACHECO, A. Principais hormnios que controlam o comportamento reprodutivo e social das fmeas ruminantes Reviso. PUBVET, Londrina, V. 8, N. 3, Ed. 252, Art. 1668, Fevereiro, 2014.

    inquestionvel que grande parte do comportamento das espcies

    possvel graas presena ou ausncia de hormnios em determinados pontos

    do corpo. A disposio de um animal pode ser determinada por hormnios

    especficos que circulam o corpo, tornando o animal particularmente sensvel a

    determinados estmulos ambientais. Desta forma, os estmulos que evocam o

    comportamento da reproduo tm maior probabilidade de desencadear a

    atividade apropriada em certas pocas; noutras, na ausncia desses

    hormnios, o comportamento de reproduo apresenta menor probabilidade de

    ocorrncia, mesmo na presena de estmulos adequados (CARTHY, 1980).

    Esta reviso tem por objetivo identificar os principais hormnios que

    controlam o comportamento reprodutivo e social das fmeas ruminantes.

    2. Definio, classificao e origem dos hormnios

    Algumas definies clssicas de hormnios podem ser encontradas na

    literatura. Os hormnios so substncias qumicas liberadas no sangue em

    pequenas quantidades e transportadas pelo sistema circulatrio por todo o

    corpo at a clula alvo distantes, iniciando as respostas fisiolgicas

    (CONSTANZO, 1999, HICKMAN et al., 2004). Os hormnios so sintetizados e

    secretados por clulas endcrinas, encontradas, geralmente, nas glndulas

    endcrinas (CONSTANZO, 1999). Segundo SENGER (2003) o hormnio uma

    substncia produzida em resposta a uma causa. O hormnio uma substncia

    produzida por uma glndula que age em um tecido distante (tecido alvo) e

    provoca uma mudana no tecido alvo. Essas mudanas podem envolver

    alteraes no metabolismo, na atividade de sntese e de secreo. Assim,

    HAFEZ et al. (2004) mencionaram que os hormnios tm ao bsica de inibir,

    estimular ou regular a atividade funcional de seus rgos ou tecido-alvo.

    Quimicamente, os hormnios so classificados como esterides,

    peptdeos ou protenas e aminas. Os hormnios esterides so derivados do

    colesterol; os hormnios peptdeos ou proticos so sintetizados a partir de

  • MADELLA-OLIVEIRA, A.F., QUIRINO, C.R. e PACHECO, A. Principais hormnios que controlam o comportamento reprodutivo e social das fmeas ruminantes Reviso. PUBVET, Londrina, V. 8, N. 3, Ed. 252, Art. 1668, Fevereiro, 2014.

    aminocidos e os hormnios amina so derivados da tirosina (CONSTANZO,

    1999).

    Os hormnios esterides so sintetizados e secretados pelo crtex supra-

    renal (adrenal), pelas gnadas e pela placenta. Os hormnios esterides so o

    cortisol, aldosterona, estradiol e estriol, progesterona, testosterona e 1,25

    diidroxicolecalciferol (CONSTANZO, 1999).

    A maioria dos hormnios de natureza peptdica ou protica, podem-se

    citar alguns exemplos: hormnio liberador de gonadotrofina (GnRH), hormnio

    folculo-estimulante (FSH), hormnio luteinizante (LH), hormnio

    adrenocorticotrpico (ACTH), ocitocina, melatonina, prolactina e leptina

    (CONSTANZO, 1999, HAFEZ et al., 2004).

    Os hormnios aminados so catecolaminas (epinefrina, norepinefrina e

    dopamina) e os hormnios tirideos (CONSTANZO, 1999).

    Os hormnios hipotalmicos so produzidos pelos neurnios no

    hipotlamo so hormnios liberadores de gonadotrofina (SENGER, 2003).

    Os hormnios da hipfise dos lobos anteriores e posteriores so liberados

    dentro dos vasos sanguneos. Os hormnios primrios da reproduo liberados

    do lobo anterior da hipfise so hormnios do folculo-estimulante (FSH),

    hormnio luteinizante (LH) e a prolactina. E a ocitocina e liberada do lobo

    posterior da hipfise (SENGER, 2003, HAFEZ et al., 2004).

    Os hormnios gonadais so originados das gnadas e afetam a funo do

    hipotlamo, do lobo anterior da hipfise e os tecidos no processo reprodutivo.

    Os hormnios gonadais tambm inibem as caractersticas secundrias sexuais.

    Nas fmeas, o ovrio produz estrgenos, progesterona, inibina, alguma

    testosterona, ocitocina e relaxina (SENGER, 2003, HAFEZ et al., 2004).

    Os hormnios tambm podem ser produzidos no tero e na placenta.

    Estes hormnios tm a funo de manter a prenhez. So exemplos de

    hormnio uterino a prostaglandina F2 e os hormnios da placenta incluem a

    progesterona, estrgenos, gonadotrofina corinica eqina (eCG) e

    gonadotrofina corinica humana (hCG) (SENGER, 2003, HAFEZ et al., 2004).

  • MADELLA-OLIVEIRA, A.F., QUIRINO, C.R. e PACHECO, A. Principais hormnios que controlam o comportamento reprodutivo e social das fmeas ruminantes Reviso. PUBVET, Londrina, V. 8, N. 3, Ed. 252, Art. 1668, Fevereiro, 2014.

    3. Principais funes dos hormnios no ciclo estral das fmeas

    ruminantes

    O ciclo estral regulado por mecanismos endcrinos e neuroendcrinos,

    principalmente os hormnios hipotalmicos, as gonadotrofinas e os esterides

    secretados pelos ovrios. A regulao da secreo de gonadotrofina durante o

    ciclo estral requer um esmerado balanceamento entre complexas interaes

    hormonais (HAFEZ e HAFEZ, 2004). Um componente conhecido pela sua

    importante influncia o hormnio liberador de gonadotrofinas (GnRH).

    O GnRH secretado pelo hipotlamo, atravs do sistema porta-

    hipotalmico-hipofisrio, atinge esta glndula e estimula a liberao das

    gonadotrofinas, FSH (hormnio do folculo estimulante) e LH (hormnio

    luteinizante). Em seguida, o FSH e o LH atuam sobre os ovrios, para

    estimular o desenvolvimento folicular, a ovulao e a sntese dos hormnios

    esterides sexuais da fmea (CONSTANZO, 1999).

    Trs esterides so produzidos pelo ovrio durante o ciclo estral:

    progesterona, estradiol e androstenediona. A progesterona secretada

    exclusivamente pelo corpo lteo, o estradiol pelos folculos e a

    androstenediona produzida pelo corpo lteo, pelos folculos e pelo estroma

    ovrico. O estradiol e a progesterona esto ligados manifestao do cio e

    manuteno da gestao (GONZLEZ, 2002).

    O ciclo estral das fmeas de ru