Recortes 028 10-02-2010

Embed Size (px)

DESCRIPTION

• O Tribunal europeu decreta que as taxas portuárias • Operadores logísticos portugueses visitam zona portuária • Toyota recolhe Prius com defeitos nos travões • Operação inusitada de descarga de estilha em Setúbal • Vendas de carros vão subir 2,2% • Toyota chama para revisão ‘Prius’ vendidos em Portugal • O terminal Multiusos I de Setúbal 1

Text of Recortes 028 10-02-2010

Recorte n 028ndice 10 de Fevereiro de 2010

O terminal Multiusos I de Setbal

Operao inusitada de descarga de estilha em Setbal

O Tribunal europeu decreta que as taxas porturias devem ser idntica para todo o trfego

Delegao da APOL visita zona porturia de Sines

Operadores logsticos portugueses visitam zona porturia de Sines

Quebra de 24% nos automveis

Vendas de carros vo subir 2,2%

Toyota chama para reviso Prius vendidos em Portugal

Toyota recolhe Prius com defeitos nos travesTransportes & Negcios 9 de Fevereiro de 2010 O TERMINAL MULTIUSOS I de Setbal viveu dias de inusitada actividade com a operao em simultneo de dois navios carregados de estilha de madeira. A descarga de 75 mil toneladas implicou a utilizao pela concessionria Tersado de um nmero pouco usual de meios, como vrias ps mecnicas no terrapleno, gruas a bordo e tapetes rolantes do navio para o cais. A estilha de madeira destina-se fbrica da Portucel, que recentemente aumentou a sua capacidade de produo de papel em cerca de 500 mil toneladas anuais. Em consequncia, esto previstas mais operaes similares para este ano.Cargo News Online 10 de Fevereiro de 2010 Operao inusitada de descarga de estilha em Setbal

No Terminal Multiusos Zona 1 do Porto de Setbal, concessionado Tersado, foram descarregados simultaneamente dois navios com mais de setenta mil toneladas de estilha de madeira destinada fbrica da Portucel. O navio Taio Dream, agenciado pela Portmar, operou de 18 a 23 de Janeiro, e o Stellar Dream, agenciado pela Seteshipping, de 19 a 25 de Janeiro.Tratou-se de uma operao de grande envergadura, que requereu a utilizao de um nmero pouco usual de ps mecnicas em operao no terrapleno, bem como, o mtodo de descarga utilizado pelos navios, com gruas de bordo a alimentarem tapetes rolantes de descarga para o cais. Esto previstas mais operaes do gnero durante o presente ano.Esta matria-prima destina-se ao fabrico de papel pela Portucel, que recentemente aumentou a sua capacidade de produo em cerca de 500 mil toneladas anuais, com a entrada em funcionamento da sua nova unidade de produo de Setbal.

Cargo News Online 10 de Fevereiro de 2010 O Tribunal europeu decreta que as taxas porturias devem ser idnticas para todo o trfego

As taxas porturias nos portos da Unio Europeia devem ser idnticas para todo o trfego, seja nacional, seja internacional. Foi nesse sentido a deciso do Tribunal Europeu de Justia, chamado a derimir uma disputa entre a Comisso Europeia e Espanha.A sentena do passado dia4 de fevereiro determina que os Estados-membros nopodem aplicar uma taxa porturia por diferentes rotas de navegao domstica e internacional ou entre um Estado-membro e um pas terceiro, a menos que a diferenciao seja objetivamente justificada. Espanha, que praticou um sistema de reduo e iseno de taxas porturias para o transporte martimocom as Canrias, Baleares, Ceuta e Melila, no apresentou nenhum argumento para sua defesa. A sentena afirma que esta prtica ilegal, contrria ao Regulamento 4055/86 relativo livre circulao dos transportes martimos entre Estados-membros e pases terceiros. Espanha comprometeu-se a publicar legislao que corrija essa situao. Concretamente, indicou que est a elaborar o projecto de lei que altera a Lei dosPortos de 2003, quedeve ser aprovado no incio deste ano e ir revogar as disposies nacionais no conformesao direito comunitrio.

Cargo News Online 10 de Fevereiro de 2010 Delegao da APOL visita zona porturia de Sines

Cerca de duas dezenas de membros da Associao Portuguesa de Operadores Logsticos (APOL) vo contactar amanh com as potencialidades oferecidas em Sines, numa iniciativa englobada no quadro de actividades promovidas pela aicep Global Parques, pela Administrao do Porto de Sines (APS) e pela PSA Sines (Terminal XXI) na promoo de Sines - Uma Oferta Logstica Ibrica.J confirmaram a presenarepresentantes das empresas S LOG, DLS, LOGIC, FCC, SDF, KEYLAB, FIEGE, FRIGOSERVICE. A reunio permitir aos operadores logsticos portugueses verificar a excelncia das condies da oferta global de Sines, uma zona industrial e logstica e um porto de guas profundas que asseguram a Portugal uma rea qualificada de acolhimento de investimento nacional e estrangeiro."No contexto do papel central dos Operadores Logsticos na globalizao de fluxos e na intermodularidade, torna-se necessria cada vez mais uma forte interligao com as grandes infra-estruturas porturias. A APOL e o porto de Sines desejam com este encontro lanar pontes de cooperao e traar linhas que conduzam a ganhos de eficincia para o mercado", refere a presidente da APOL, Carla Fernandes.A sesso enquadra-se no programa de promoo da ZalSines, uma das plataformas fundamentais do programa Portugal Logstico, que tem vindo a ser desenvolvido pela aicep Global Parques e pela APS com o objectivo de dar a conhecer esta plataforma logstica a potenciais parceiros.O encontro decorrer no edifcio de apoio logstico na zona intra-porturia da ZalSines e contar com intervenes a cargo da APS, que se far representar pela Presidente do Conselho de Administrao Dr Ldia Sequeira, da aicep Global Parques, representada pelo seu Administrador Prof. Dr. Eurico Dias e pela PSA, representada pelo seu Administrador Delegado Eng Jorge dAlmeida.A Delegao da APOL far ainda uma visita guiada rea do porto de Sines e em particular ao seu Terminal de Contentores - TXXI.

Autor/fonte: T XXIDirio Econmico 10 de Fevereiro de 2010 Pg. 34

Correio da Manh 10 de Fevereiro de 2010 Pg. 25

Dirio de Notcias 10 de Fevereiro de 2010 Pg. 35

Dirio de Notcias 10 de Fevereiro de 2010 Pg. 35

Dirio Econmico 10 de Fevereiro de 2010 Pg. 35

2