Click here to load reader

Visao geral de sistemas de comunicacoes

  • View
    916

  • Download
    1

Embed Size (px)

Text of Visao geral de sistemas de comunicacoes

  • 1. Viso geral desistemas decomunicaesPrincipios de telecomunicaesProfessora Elaine Ceclia Gatto

2. Sistema de telefonia de redefixa comutada Os telefones dos assinantes so os equipamentos terminais daponta da linha. O equipamento de comutao responsvel pelos enlaces a central telefnica. A rede fixa do sistema composta pelos telefones que soligados central por fios e cabos e pela central telefnica. CPA Central de Programa Armazenado: equipamento decomutao eletrnica digital (possuem microprocessadoresque comandam e controlam as operaes da central). Alguns servios disponibilizados pela CPA: confernciatelefnica, chamada em espera, chamada programada,identificao de chamada, etc. 3. Sistema de telefonia de redefixa comutada Existem centrais telefnicas pblicas e privadas: Central pblica: fornece servios a uma determinada rea oubairro de uma cidade com os ramais dos assinantes. Estligada a outras centrais por meio de fio, fibra ptica ourdio, isto para dar maior flexibilidade ao sistema e permitirlinks com assinantes de outros bairros, cidades, pases esistemas (como telefonia mvel celular). Central privada: pertence a uma empresa, escritrio ouresidncia, por exemplo: PBX Private Branch Exchange: em desuso, central de operaesmanuais PAX Private Automatic Exchange: operaes com ramais PABX Private Automatic Branch Exchange: operaes comramais e circuitos que ligam com a central urbana (central dacidade). 4. Sistema de telefonia de redefixa comutada Quanto ao tipo de programao de ramais: Ramais restritos: atende apenas s ligaes de outros ramais. Ramais semirestritos: chama e recebe ramais, alm de receberligaes externas. Ramais irrestrito ou privilegiado: uso sem restries. Observaes importantes: CPA permite o aumento de nmero de ramais. Os sinais eltricos entre os telefones convencionais e a centraltelefnica ainda so analgicos. Fax fac-smile: uso permitido devido aos circuitos telefnicosda rede fixa. Videofone: tipo especfico de telefone usado paravideoconferncia. 5. Sistema de telefonia de redefixa comutada 6. Sistema de comunicaes porfibras pticas Fibra ptica: Elemento monofilar codutor de luz. Material com estrutura cristalina. Sistema por fibra ptica: Composto por inmeros dispositivos pticos, sensores eamplificadores. Cada elemento de fibra encaminha a luz em um sentido. Um par forma um circuito, um canal transmite e outro recebe. As informaes tomam a forma de sinal luminoso estreito feixede luz que gerado por um laser ou led. Seguro, imune a campos eletromagnticos, opera com elevadastaxas de transmisso de dados. Cabos submarinos com fibras pticas interligam continentes. 7. Sistema de telefonia mvelcelular Sistema de comunicaes sem fio wireless. Composto por rdios mveis, terminais dos usurios eestaes rdio base ERBs. A ERB permite que um radiomvel se comunique com outroou, com qualquer telefone da rede fixa a ERB deve estarligada a uma central telefnica para isto. Uma determinada rea ou clula do sistema coberta poruma ERB que, no so necessariamente da mesma dimensoou formato. CCC Central de Comutao e Controle: crebro do sistema. ele quem faz o direcionamento das ligaes e controla asERBs. Mobilidade: garante-se pelo link contnuo do aparelho dousurio com uma ERB de uma clula, no caso, a do local emque o usurio se encontra. 8. Sistema de telefonia mvelcelular HANDOFF: ocorre quando o usurio sai de uma clula e vaipara outra e o servio transferido de uma ERB para outra. Cada rea coberta por uma ERB tem uma capacidade limitadade atendimento. Algumas tecnologias usadas: AMPS, TDMA, GSM, CDMA e W-CDMA. Telefone celular: radiotransceptor porttil baixa potncia deemisso e elevada sensibilidade de recepo Transceptor: equipamento que contm transmissor e receptorjuntos. O telefone sempre envia ERBs, sinais para inform-las de suapresena naquela clula. 9. Sistema de telefonia mvelcelular 10. Sistema de telefonia fixacelular Semelhante telefonia mvel celular de uso restrito a uma rea especfica Normalmente implantado onde no vivel uma rede fixa detelefonia No disponibilizado o acesso do usurio a outras ERBs 11. Sistema rdio em HF Sistema rdio monocanal. Usado para alcanar longas distncias superiores a 100km. No emprega estaes repetidoras. Operam assim sistemas militares, navegao area,navegao martima, radioamadores, telegrafia manual, rdioAM, etc. 12. Sistema rdio em HFAntena transmissora irradia uma onda, direcionada para a regio externa daTerra a IONOSFERA, 80km da superfcie terrestre. 13. Sistema rdio em HFA IONOSFERA age como camada refletora para as ondas de rdio. A ondatransmitida pela antena transmissora, retorna Terra, o que chamado deSALTO. 14. Sistema rdio em HFONDA IONOSFRICA: a onda que direcionada ao espao e sofre reflexo naionosfera, retornando Terra. 15. Sistema rdio em HFQuando a ONDA retorna Terra, pode refletir na superfcie e voltar IONOSFERA. Assim, ocorrem vrias reflexes sucessivas da onda. 16. Sistema rdio em HFRUDO ELTRICO: produzido em udio como chiado, ocorrem na recepo daonda ionosfrica.REAS DE SOMBRA: so as regies da Terra em que as ondas no incidem e,portanto, no h recepo. 17. Sistema rdio em visibilidade Transporta a informao a longas distncias com repetiessucessivas do sinal. So usadas estaes radiorepetidoras e antenas As antenas so instaladas a 50km de distncia uma das outrase em alto de torres Enlace rdio em visibilidade: tem esse nome porque do altode uma torre, no local da antena, possvel ver sua frente aoutra antena. Transportam uma grande quantidade de informaes Obstrues no percurso: elevaes naturais do terreno,edificaes, florestas, etc. dificultam ou impedem apropagao da onda. 18. Sistema rdio em visibilidade 19. Sistema de comunicaes portropodifuso Sistema rdio Usado para fazer a ligao entre dois pontos distantes de 100at cerca de 400 km. TROPOSFERA: regio entre a superfcie da terra e a tropopausa. Fica a 10km de altura da superfcie. um local onde existem letrons em constante agitao eformam uma regio de turbilhonamento. capaz de refletir uma pequena frao de energia que podeser irradiada por uma antena transmissora. Sistema pouco usado, porm eficiente em regies como aAmaznia. Comunicaes transorizontes: no h visibilidade entre umponto e outro. 20. Sistema de comunicaes portropodifuso 21. Sistema de comunicaes porsatlite uma estao radiorrepetidora (radio-relay) posicionada noespao lanado por foguete ou liberado de um veculo espacial O satlite colocado em rbita da Terra para receber asondas de rdio emitidas de transmissores terrenos e envi-lasde volta Terra. recomendvel em pases ou regies com vasta extensoterritorial. O acesso ao satlite mltiplo. De qualquer ponto da rea de cobertura do satlite podemser estabelecidos enlaces via satlite entre estaes terrenas. 22. Sistema de comunicaes porsatlite 23. Sistema de comunicaes porsatlite Transponder: unidade rdio do satlite que recebe o sinalcaptado pela antena. Um satlite tem vrios transponders. Posicionamento dos satlites: rbita baixa Leo (low earth orbit): Entre 150 a 1500km da Terra. Gastam aproximadamente de 100 minutos para dar uma volta completa em torno da Terra. Orbitam aqui satlites de sistemas de telefonia mvel precisam de mais de 60 satlites distribudos em diferentes planos da rbita para operarem. 24. Sistema de comunicaes porsatlite rbita Mdia - Meo (Medium earth orbit): 20000 a 25000 km distante da Terra Levam de 5 a 12 horas para percorrer a rbita Satlites de sistemas GPS rbita Geossncrona Geo ou cinturo de Clarke ougeoestacionrio: 36000km distante da Terra O satlite permanece parado no espao um ponto fixo da Terra acompanha o movimento de rotao. Satlites domsticos de comunicaes de diversos pases Possui 24 transponders e mais 6 de reserva Permite 900 canais analgicos de voz ou um de TV 25. Sistema de comunicaes porsatlite Tempo de vida til de um satlite: Varia de 8 a 10 anos Alguns fatores: bateria e funcionamento dostransponders Inmeros satlites inativos e em operao na rbita =problema grave! De 1957 at os dias atuais houve mais de 27000lanamentos de satlite e espaonaves. Destino dos que esto em rbita baixa: voltam Terra,incandescem na entrada da atmosfera, se fragmentam ecaem Destino dos que esto em rbita mais elevada: ficar deriva = ferro velho espacial. 26. Sistemas de radiodifuso Sistemas de transmisso de rdio AM, rdio FM e televiso. Destinados s comunicaes com o pblico, por voz, msica eimagem. Onda terrestre: quando a onda propagada sobre a superfcieda Terra Antenas transmissoras: fixadas em torres, locais altos ouelevaes naturais de terreno, para maior alcance dastransmisses. Retransmisses para outros locais costumam ser feitos porsatlite. 27. Sistemas de radiodifuso 28. Internet Vamos discutir! Afinal, qual o formato, quais so os componentes dosistema de comunicaes chamado Internet? O que Internetpara voc?