Agenda Cascais | nº 71

  • View
    234

  • Download
    0

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Saiba tudo sobre os eventos que irão realizar-se em Cascais em novembro e dezembro 2014.

Text of Agenda Cascais | nº 71

  • N.71

    NOVEMBRO. DEZEMBRO 2014

    Exposio 500 Anosdo Foral Manuelino oUTRos EVENTos

    Natal em CascaisAmbiENTE Semana da Floresta

  • PROPRIEDADECmara municipal de Cascais

    PRESIDENTECarlos Carreiras

    DIRETORmiguel pinto Luz

    EDIO | DIREODiviso de marca e Comunicao

    REDAOpaula Tavares, Ana Filomena Almeida

    COLABORAOCristina pacheco, Catarina Roquette, Ftima Henriques, Joo miguel Henriques, Jos Leonardo, Ana Filipa Aleixo, maria Conceio santos, maria do Carmo pintopatrcia sousa e snia sousa

    DESIGN GRFICOFtima LisboaDelfim Almeida

    IMAGENSCmara municipal de Cascais, Diana Rosae artistas intervenientes

    ISSN1646-7078

    ADVERTNCIAA Agenda Cultural de Cascais uma publicao editada pela Cmara municipal de Cascais. o proprietrio no responsvel pela devoluo de qualquer material que no tenha sido solicitado e reserva-se o direito de aceitar ou recusar todo e qualquer material de natureza redatorial e publicitrio. o contedo desta publicao no pode ser reproduzido no todo ou em parte sem autorizao escrita da Cmara municipal de Cascais.

    A programao pode ser alterada por motivos imprevistos.

    salvo indicao em contrrio, os eventos promovidos pela Cmara municipal de Cascais, com entrada gratuita, esto limitados lotao das diferentes salas de espetculo.

    AGENDA CASCAISN 71 . NoVEmbRo - DEZEmbRo 2014bimEsTRAL

    NA CAPALISBON & ESTORIL FILM FESTIVAL

  • Editorial

    A abrir

    Novembro ms de cinema. Mais precisamente da 8. edio do LEFFEST - Lisbon & Estoril Film Festival, um evento que de 7 a 16 de novembro volta a centrar atenes em tudo o que 7. Arte diz respeito, mas no s. A par de uma criteriosa seleo de filmes em competio e fora dela, com destaque para as homenagens a Maria de Medeiros e a John Malvokich presente para a ante-estreia do seu filme Variaes de Casanova - o LEFFEST preenche uma agenda de eventos que integra teatro, com a estreia da pea Os Belos Dias de Aranjuez, de Peter Handke, a exposio Here & Now, de David Lynch e Jean-Michel Alberola, no Centro de Congressos do Estoril e ainda o Simpsio Fico e Realidade: para alm do Big Brother, participao de Julian Assange, Noam Chomsky, Baltasar Garzn, entre outros, tambm a decorrer no Centro Cultural de Belm. O encerramento do LEFFEST marca tambm o fim da digresso europeia de Arto Lindsay & Band.Tambm a partir de dia 7 de novembro Cascais celebra o Cante Alentejano. Na vspera do anncio da deciso da UNESCO sobre a candidatura do Cante Alentejano a Patrimnio Imaterial da Humanidade, o Museu da Msica Portuguesa abre uma exposio documental sobre o Cante evocando a obra do etnlogo Michel Giacometti que aqui surge cruzada com a vida do Estrelas do Guadiana, grupo de cante alentejano residente em Tires.A partir de dia 15 de novembro, o passado histrico sobressai com a comemorao dos 500 anos do Foral Manuelino de Cascais. Um documento original recentemente recuperado pela Cmara Municipal de Cascais e que vai estar em exposio nos Paos do Concelho. Joia do patrimnio cultural nacional preservada no Arquivo Histrico Municipal, o Foral de Cascais rende-se agora aos tempos atuais com edio eletrnica chegando ainda mais longe no espao e no tempo. At ao final do ano ser apresentado outro livro eletrnico, Cascais durante a I Guerra Mundial, evocando o Centenrio da I Guerra Mundial, numa preocupao constante do municpio em abordar temticas de relevo em publicaes de reconhecido valor. Em dezembro, a arte une tempos e artistas de forma improvvel. Exprimindo uma viso crtica da vida e dos costumes portugueses da sua poca, as obras de Raphael Bordallo Pinheiro e Paula Rego renem-se na exposio Pardias, a inaugurar a 11 de dezembro na Casa das Histrias Paula Rego. Menos crtico, mas igualmente atento, o olhar de Pedro Viera da Fonseca, muncipe ilustre que legou o esplio Cmara Municipal de Cascais, o mote da exposio O Fascnio da Arte Russa Encontro da Terra com o cu, patente no Museu Condes de Castro Guimares, j a partir de 20 de novembro. Dirios e imagens das cidades, catedrais, palcios, jardins, mosteiros, rios e florestas da Rssia dos anos 2000 e 2001 testemunham o fascnio que Viera da Fonseca nutria por aquela cultura e civilizao.Mas h muito para viver at ao final de dezembro em Cascais. Com um generoso leque de exposies, conferncias, cursos, espetculos, visitas guiadas incluindo uma proposta para conhecer Carcavelos em duas horas - atividades desportivas, na sua maior parte gratuitas ou a baixo custo, encontra nesta sua Agenda Cascais mais de mil e uma razes para sair de casa.

    Marque na sua agenda os eventos que mais lhe agradam e venha viv-los connosco!

    Editorial

    A abrir

  • Uma imagem vale mais do que mil palavras.Atravs delas podemos recordar o passado, reavivar memrias, redescobrir a histria.

    A proposta que lhe deixamos uma viagem no tempo atravs da fotografia.passeie pelas imagens e redescubra a histria dos locais.

    saiba mais em http://www.historypin.com/channels/view/55749

    saiba mais em http://www.historypin.com/channels/view/55749

    CASCAIS ONTEM E HOJE

  • SUMRIO

    ProGraMao

    EM DEStAqUEIMpERDvElpORMENORlIDO E RECOMENDADOvISItA EM 2 hORAS CItAOGENtE DE C AMBIENtE A AGENDA EStEvE lARqUIvOSFOtOGRAFAR O tEMpOCONtACtOS

    040819293443507576777980

    EXPOSIES 10CONFERNCIAS 20CURSOS E OFICINAS 24VISITAS GUIADAS 30MSICA 38LIVROS E LEITURAS 44TEATRO, CINEMA E DANA 46DESPORTO 48CRIANAS, FAMLIAS E ESCOLAS 52OUTROS EVENTOS 72

    Uma imagem vale mais do que mil palavras.Atravs delas podemos recordar o passado, reavivar memrias, redescobrir a histria.

    A proposta que lhe deixamos uma viagem no tempo atravs da fotografia.passeie pelas imagens e redescubra a histria dos locais.

    saiba mais em http://www.historypin.com/channels/view/55749

    saiba mais em http://www.historypin.com/channels/view/55749

    74MERCADO DO MEL

    38CHEFS-DOEUVRE FRANAIS

  • No mbito das comemoraes do 650. aniversrio da Vila, Cascais prepara-se, assim, para evocar o dia 15 de novembro de 1514, quando D. manuel i que ento se apelidava por graa de Deus, Rei de portugal e dos Algarves, daqum e dalm mar em frica, senhor de Guin e da conquista e navegao e comrcio de Etipia, Arbia, prsia e da ndia outorgou ao concelho o seu primeiro foral, uma vez que continuava a reger-se pela carta que, em 1154, D. Afonso Henriques concedera a sintra, de que fizera parte at alcanar a sua autonomia, a 7 de junho de 1364.

    A outorga a Cascais deste documento regulador da vida municipal por D. manuel i inseriu-se nas reformas implementadas no seu reinado que, invocando o arcasmo dos forais em vigor, contriburam para a centralizao do poder rgio, ao nvel jurdico, poltico e fiscal. o processo exigia uma aturada fase de exame e cotejo da documentao disponvel, a que se seguia um acerto entre as partes dos termos gerais que regulariam o novo diploma.

    s depois se procedia, na chancelaria rgia, sua composio, cuja redao cumpria a um escrivo, auxiliado por calgrafos e iluminadores, que transformaram o foral em instrumento de divulgao de uma nova cultura e de uma nova maneira de viver.

    No dia em que se comemora o 500. aniversrio deste Foral, a Cmara municipal de Cascais, depois de assegurar uma minuciosa interveno de conservao, estudo e restauro desta joia do patrimnio cultural nacional preservada no Arquivo Histrico municipal, editar, em suporte digital, pela primeira vez, o seu fac-simile, que se far acompanhar da respetiva transcrio paleogrfica, assim como de estudos inditos a seu propsito. para alm da cerimnia de apresentao do e-book 500 Anos do Foral manuelino de Cascais, que decorrer nos paos do Concelho a partir das 15h00 e contar com a presena dos autores, a partir desta data o Foral agora restaurado tambm a ficar em exposio. o dia ser, ainda, abrilhantado por recriao histrica do Cascais quinhentista, a cargo do Teatro Experimental de Cascais, a partir das 16h30.

    Comemoraodos 500 Anosdo Foralde Cascais

    A 15 de novembro, o Foral de Cascais completa o seu 500. aniversrio!

    Junte-se a ns para celebrar a histria de Cascais!

  • . 5

    Raphael bordallo pinheiro (1846-1905) e paula Rego (1935) usam a produo artstica, sobretudo a grfica, para transmitir a sua viso crtica da vida e dos costumes portugueses da sua poca. As suas obras unem-se porque funcionam, muitas vezes, como elementos diluidores das hierarquias e da diferenciao entre a arte erudita e a popular, sempre comunicante com o tempo presente atravs das suas vozes, por vezes, mordazes e socialmente interventivas. A programao de exposies da Casa das Hist-

    EM DESTAQUE

    rias tem sido construda a partir da necessidade de afirmar a sua identidade enquanto museu monogrfico, dedicado obra da artista paula Rego - em torno do universo temtico, narrativo, disciplinar da artista, de modo a constituir uma programao diversificada, tendo paula Rego, e tambm as suas mltiplas fontes e referncias como centro e ponto de partida. Assim se justifi-ca a escolha da obra do artista Raphael bordalo pinheiro para estabelecer um dilogo, no ilustra-tivo, com a obra de paula Rego na prxima expo-sio na Casa das Histrias paula Rego.

    PardiasPaula Rego/Rafael Bordalo Pinheiro

    11 DE DEZEmbRo DE 2014 A 12 DE AbRiL DE 2015

    CAsA DAs HisTRiAspAULA REGo

  • Novo ncleo da exposiopermanentea abrir ao pblico dia 20 de novembro de 2014

    o museu-biblioteca Condes de Castro Guimares recebeu em 2012 o legado de um muncipe ilustre, o Dr. pedro Vieira da Fonseca (Cascais, 1929 2011). Este homem culto e biblifilo era diplomado em sociologia Geral e Relaes internacionais pela Faculdade de Cincias Econmico-sociais da Universidade de Genebra, exercendo funes de Adjunto do protocolo de Estado no ministrio dos Negcios Estrangeiros durante largos anos.Do vasto e heterogneo conjunto de bens