Agenda cultural de Lisboa - novembro 2014

  • View
    235

  • Download
    10

Embed Size (px)

DESCRIPTION

No mês em que o Teatro da Garagem faz 25 anos fomos saber mais sobre a companhia de Carlos J. Pessoa e Maria João Vicente. Como novembro é o mês nobre do outono, desafiámos o chef Avillez a preparar um menu com castanhas, e fomos visitar algumas peças de arte pública que embelezam os cafés de Lisboa. Pelo caminho, encontrámos Aldara Bizarro que nos desvenda "As Linhas de Newton". Para além de tudo isto, ainda há a despedida de Tim Etchells como Artista na Cidade e cinco palácios de Lisboa que merecem visita.

Text of Agenda cultural de Lisboa - novembro 2014

  • AGENDACULTURALLISBOANOV 2014

  • Jos Pedro Croftobjectosimediatoscuradoria de delfim sardo

    fundao carmona e costa22 de Outubro 6 de Dezembro de 2014Horrio: de quarta-feira a sbado, das 15h00 s 20h00 (excepto feriados)Edifcio Soeiro Pereira Gomes (antigo edifcio da Bolsa Nova de Lisboa)Rua Soeiro Pereira Gomes, Lte 1- 6.A/C, Lisboa (Bairro do Rego / Bairro Santos)

    Galeria Torreo Nascenteda Cordoaria Nacional25 de Outubro de 2014 11 de Janeiro de 2015Horrio: de tera a sexta-feira, 10h 13h, 14h 18h | sbado e domingo, 14h 18h(encerra segundas-feiras e feriados)Avenida da ndia, Edifcio da Cordoaria Nacional, Lisboa

    Croft_Agenda cultural.qxp:agenda cultural 10/17/14 7:21 AM Page 1

  • TEATRO

    ARTES24 CINCIAS40 CINEMA44 DANA48 LITERATURA52 MSICA58 TEATRO68 VISITAS GUIADAS74 CRIANAS80

    96VEJA NO SITE DA AGENDA CULTURAL

    CADERNO ESPECIAL MISTY FEST 56

    AGENDA

    ENTREVISTA ALDARA BIZARRO 20

    CASTANHASGOURMET 2

    ARTE NOS CAFS 8DA GARAGEM 25 ANOS 14

    VIDA PALACIANA 34

    ARTISTA NA CIDADETIM ETCHELLS REAL MAGICFESTIVAL

    64

  • 4Quentes e boas! o prego que se comea a ouvir pelas ruas nesta poca. A castanha assada ao fogo a forma mais corrente de consumo desta semente, que tambm alimento do Homem desde tempos pr-histricos. H registos do segundo milnio antes de Cristo de utilizao da castanha na alimentao e Alexandre o Grande tinha por hbito plantar castanheiros nas terras que ia conquistando. Ao longo dos tempos, em pocas de ms colheitas de trigo ou em regies onde este no crescia, fazia-se po de farinha de castanhas. Talvez por esse motivo, nos ltimos sculos ganhou uma reputao de comida de pobre. Hoje em dia, essa conotao perdeu-se e cada vez mais utilizada em pratos finos e doaria. Para dar uma ideia do que possvel fazer com este ingrediente, pedimos a um dos nossos chefs mais conceituados, Jos Avillez , que nos preparasse uma refeio completa com base na castanha. Confecionadas nas cozinhas do Belcanto e do Cantinho do Avillez , aqui ficam ideias para um magusto diferente. Reportagem TOMS COLLARES PEREIRA Fotografia HUMBERTO MOUCO

    CASTANHASGOURMET

    4

  • ENTRADA

    BOLA DE CARNE, ENCHIDOS E CASTANHAS, COM MOLHO DE IOGURTE, GENGIBRE

    E CEBOLINHO

    Receitas na pgina 7

    5CASTANHAS GOURMET 5

  • SOPA

    CREME DE CASTANHAS E FUNCHO COM MANJERICO

    6 CASTANHAS GOURMET

  • PRATO PRINCIPAL

    LOMBO DE PORCO RECHEADO COM CASTANHAS

    7CASTANHAS GOURMET 7

  • 8SOBREMESA

    BOLO DE CASTANHAS, MOUSSE DE CHOCOLATE

    BRANCO E CRUMBLE DE AVEL

    8 CASTANHAS GOURMET

  • 99

    BOLA DE CARNE, ENCHIDOS E CASTANHAS COM MOLHO DE IOGURTE, GENGIBRE E CEBOLINHO4 pessoas INGREDIENTES2 kg de massa de po j preparada (pode comprar a massa j feita)500 g de carne estufada100 ml de caldo de estufar a carnefarinheira sem tripa60 g de chourio40 g de chourio de sangue100 g de castanhas cozidas em leite, gua e anismostarda Dijon, farinha, manteiga clarificada, azeite e sal q.b.

    Molho de iogurte4 colheres de sopa de maionese8 colheres de sopa de iogurtenaturalgengibre ralado, cebolinho picado, sal e pimenta q.b.

    PREPARAONum tacho, deite um fio de azeite e refogue os chourios cortados em rodelas. Deixe caramelizar um pouco e junte metade da farinheira. Envolva bem e, mexendo sempre, deixe caramelizar mais um pouco. Acrescente a carne estufada e o caldo. Envolva e junte as castanhas cozidas. Com a colher, esmague ligeiramente as castanhas e envolva novamente. Retire do lume e reserve. Polvilhe a bancada com farinha. Trabalhe um pouco a massa de po em cima da bancada e divida-a em duas pores. Com as mos, estique uma das metades da massa para que fique com o formato do prato que vai ao forno. Forre o fundo do prato com a massa e levante um pouco os bordos. Pincele a massa com um pouco de mostarda Dijon e coloque o recheio j arrefecido. Espalhe o recheio at cobrir toda a massa (ateno: o recheio no dever estar demasiado hmido para que a massa no amolea). Com as mos, estique a outra metade da massa para que fique com o formato do prato de forma. Tape a bola com esta metade de massa e pressione as laterais. Pincele a massa com manteiga clarificada e leve ao forno aquecido a 200C durante 20 a 30 minutos. Retire do forno. Enquanto a bola arrefece, prepare o molho misturando a maionese com o iogurte. Junte um pouco de gengibre ralado e tempere com sal e pimenta. Acrescente cebolinho picado e misture bem. Reserve. Acompanhe a bola com o molho de iogurte, gengibre e cebolinho.

    CREME DE CASTANHAS E FUNCHO COM MANJERICO4 pessoas INGREDIENTES500 g de castanhas descascadas150 g de bolbo de funcho12 folhas de manjerico200 ml de caldo de aves300 ml de leite meio gordo60 g de manteiga2 estrelas de anisazeite, sal e pimenta q.b.

    PREPARAONum tacho, com um fio de azeite e um pouco de manteiga, junte o funcho cortado em pedaos, as castanhas e as estrelas de anis. Deixe estufar sem alourar. Acrescente o caldo de aves e o leite (quentes) e deixe cozer suavemente durante 15/20 minutos ou at as castanhas comearem a desfazer-se. Quando as castanhas estiverem cozidas, retire as estrelas de anis e triture o preparado num copo misturador. Se necessrio, acrescente mais um pouco de caldo de aves quente e triture novamente. Passe por um passador de rede, leve de novo ao lume e corrija os temperos com sal e pimenta. Passe para um prato de servir, adicione um fio de azeite e junte umas folhas de manjerico. Sirva de imediato.

    LOMBO DE PORCO RECHEADO COM CASTANHAS4 pessoas INGREDIENTES750 g de lombo de porcoaparas de lombo de porco picadas q.b.200 g de castanhas100 g de toucinho10 g de massa de pimentoazeite, alho, louro, alecrim, sal e pimenta preta em gro q.b.PREPARAOCom uma faca bem afiada,

    abra o lombo de porco em livro. Tempere-o com sal, pimenta, louro, alecrim, alho e pimento e reserve no frigorfico durante 3h. Numa frigideira antiaderente, salteie as castanhas em azeite e alecrim. Tempere com sal e deixe arrefecer. Quando as castanhas estiverem frias, envolva-as com o toucinho picado e com algumas aparas de lombo de porco tambm picadas. Recheie o lombo com este preparado. Feche-o com a ajuda de um fio de cozinha. Numa frigideira, aquea bem um pouco de azeite e core o lombo de todos os lados. Coloque-o num tabuleiro de forno e junte os aromticos da marinada (louro, alecrim e alho). Leve ao forno, aquecido a 140C durante 20 minutos. Poder acompanhar o lombo de porco recheado com castanhas com batatinhas assadas, cebolinhas e cogumelos salteados.

    BOLO DE CASTANHAS, MOUSSE DE CHOCOLATE BRANCO E CRUMBLE DE AVELINGREDIENTESBolo de castanhas500 g de castanhas descascadas100 g de manteiga250 g de acar15 g de fermento em p5 claras10 gemas1 estrela de anisMousse de chocolate branco com erva-doce250 g de leite meio gordo350 g de natas350 g de chocolate branco6 folhas de gelatina (12g)3 g de erva-docesal fino q.b.1 vagem de baunilhaCaldo de jeropiga250 g de jeropiga125 g de gua125 g de acar mascavado1 estrela de anisCreme de castanhas100 g de castanhas cozidas descascadas 1 gema30 g de natas10 g de acar mascavadoCrumble de avel175 g de acar mascavado150 g de farinha10 g de canela em p100 g de avel torrada picada100 g de manteiga7 g de sal finoraminhos de funcho q.b. PREPARAONum tacho, coloque as castanhas, a estrela de anis e cubra com gua. Quando as castanhas estiverem

    cozidas, retire-as da gua e reduza-as a pur. Passe o pur de castanhas para uma taa, junte a manteiga temperatura ambiente e misture bem. Bata o acar com as gemas, junte ao preparado anterior e misture at obter uma consistncia homognea. Junte o fermento e envolva com as claras batidas em castelo. Coloque o preparado numa forma untada com manteiga e revestida a papel vegetal, leve ao forno, pr-aquecido a 140C, durante 30 minutos. Quando o bolo estiver cozido, retire do forno, deixe arrefecer, desenforme e reserve.Mousse de chocolate branco Abra a vagem de baunilha ao meio e retire as sementes. Coloque as sementes de baunilha e a vagem num tacho, junte o leite e a erva-doce e aquea em lume mdio. Quando o leite estiver quente, retire do lume e reserve cerca de 5 minutos. Leve novamente ao lume, junte a gelatina demolhada e misture bem. Coe e verta sobre o chocolate branco. Envolva bem at obter uma consistncia homognea. Quando a mistura estiver morna, junte as natas batidas, coloque num molde em forma de tubo cilndrico e congele. Caldo de jeropiga Num tacho, coloque a gua, o acar mascavado, a estrela de anis e deixe levantar fervura. Retire do lume e quando o preparado estiver frio adicione a jeropiga, mexa e reserve no frigorfico. Creme de castanhasNuma taa misture bem a gema com as natas. Esmague as castanhas cozidas com um garfo, at formar um pur e junte ao preparado anterior, adicione o acar e envolva tudo. Reserve no frigorfico. Crumble Misture bem todos os ingredientes. Estenda o preparado sobre um tabuleiro forrado com papel vegetal e leve ao forno a 150C durante 10 a 15 minutos. Empratar Comece por espalhar o crumble de avel no pratoe depois pequenas pores de creme de castanhas. Distribua pelo prato pequenos pedaos rectangulares de bolo de castanha. Corte a mousse de chocolate branco em pores mais pequenas e coloque-as junto ao bolo. Regue com o caldo de jeropiga. Finalize com pequenos raminhos de funcho.

    Chef Jos Avillez

    9CASTANHAS GOURMET / RECEITAS 9

  • ARTE NOS CAFSCELEBRA-SE, ESTE ANO, O CENTENRIO DO NASCIMENTO DO PINTOR LUS DOURDIL (1914-1989). UM DOS SEUS TRABALHOS DE REFERNCIA, O MURAL DO CAF IMPRIO, FOI DEVOLVIDO CIDADE, APS UM CUIDADO RESTAURO. EIS O MOTE PARA PARTIR DESCOBERTA DE CINCO ESPAOS ONDE PODE DISFRUTAR, J SEM A QUEIROSIANA COMPANHIA DO PENSATIVO CIGARRO, DE INSPIRADORAS OBRAS DE ARTE PELO PREO SINGELO DE UM CAF. Reportagem LUS ALMEIDA DEA Fotografia FRANCISCO LEVITA / HUMBERTO MOUC